Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "jogadores"

Tigre lapidando o futuro

27 de junho de 2012 9

Marcelo Becker

A profunda reformulação no elenco do Criciúma fez surgir uma equipe que está dando show no Campeonato Brasileiro da Série B, mas essa renovação não impediu o aproveitamento de jogadores “fabricados” dentro do Estádio Heriberto Hülse. O primeiro esboço do Tigre de Paulo Comelli tinha apenas o meia Lucca e o lateral-direito Ezequiel procedentes das categorias de base, mas em pouco tempo outros garotos ganharam uma chance e mostraram futebol para ser titulares quando for necessário.

Quem está jogando e saiu da base

Lucca: é o “mais antigo dos mais novos”, nasceu em Alto Parnaíba (MA). Depois de duas temporadas atrapalhado por lesões no ombro e joelho, Lucca conseguiu uma boa sequência na Série B de 2011 e depois no Campeonato Catarinense foi eleito jogador revelação da competição. É o principal nome do time depois do artilheiro Zé Carlos

Ezequiel _ garoto nascido na cidade de Treze de Maio, no Sul do Estado, ganhou uma chance entre os titulares logo na estreia contra o Guaratinguetá pois o Criciúma ficara sem lateral-direito após as dispensas de Fabinho Capixaba e Fábio Santana e surpreendeu. Apesar do porte físico franzino tem fôlego suficiente para ajudar na marcação e correr para o apoio. É o dono da posição.

Diego Oliveira: é de Barras (PI) e foi bem nas três partidas em que atuou como primeiro volante. Como ainda é inexperiente deve perder lugar para Rodrigo Possebon na partida de sábado contra o CRB, mas provou que tem talento para ser titular.

Diego Felipe: começou a ganhar oportunidades depois de voltar de empréstimo da Chapecoense e também surpreendeu. Apesar de ser volante de origem, o jogador nascido no Rio de Janeiro tem atuado como meia. Foi titular contra o Ipatinga e apesar de ter perdido boas chances de gol se destaca pela boa movimentação.

André Gava: é de Nova Veneza, no Sul do Estado, e foi titular em boa parte da temporada de 2011. É um meia de muita habilidade, mas que tem dificuldade para apresentar atuações regulares. Costuma alternar ótimos jogos com apresentações discretas.

Os problemas do ataque do Tigre (por Silvio Criciúma)

24 de agosto de 2011 0

Pedro Carmona fica no Criciúma por enquanto e quem deixou o Tigre foi o atacante Bruno Meneghel, jogador que não teve um bom aproveitamento com a camisa tricolor. O mundo árabe deve ser o seu destino.

Agora, o técnico Mauro Fernandes tem como atacantes Zé Carlos, Schwenck, Adeilson, Éder e Bryan. Esse setor ainda está devendo melhores atuações apesar do ótimo rendimento do artilheiro Zé Carlos, que marcou sete gols na Série B. O problema é que o Tigre tem apenas 15 gols em 18 jogos disputados, uma média negativa e nada boa para que quer subir para a Série A. A melhora ofensiva é o segredo para que o time tenha condições de brigar pelas primeiras posições, contando, é claro, com a eficiência da defesa apresentada até agora.