Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts com a tag "Paulo Comelli"

Paulo Comelli renova com a equipe do Criciúma para 2013

02 de dezembro de 2012 4

O técnico Paulo Comelli renovou com a equipe do Criciúma para a temporada 2013. A informação é do site oficial do Criciúma Esporte Clube.

O acerto para a renovação aconteceu na tarde deste domingo. O auxiliar técnico Bruno Comelli, filho de Paulo, continua também no cargo. O contrato da dupla vai até o fim da Série A do Campeonato Brasileiro 2013.

Além de Paulo e Bruno, o Criciúma há havia confirmado oficialmente na última sexta-feira a manutenção do preparador físico Márcio Corrêa e do preparador de goleiros, Ubiratan Melo, o Bira.

O técnico Paulo Comelli falou sobre a renovação de contrato com o Tigre:

— Estou contente. Queria muito ficar. Muita gente saiu com o término da Série B e agora vamos trabalhar para montar uma nova e forte equipe para o Campeonato Catarinense — aponta o treinador.

Panorama do grupo de jogadores do Criciúma

30 de novembro de 2012 3

Pastana e Comelli tiveram dois encontros nesta quinta-feira. Foto Mauricio Vieira/Banco do Dados

Uma semana após o término do Campeonato Brasileiro da Série B, o grupo de jogadores do Criciúma foi bastante enxugado. Muitos atletas ainda têm contrato em vigor, mas mais de uma dezenas já foram liberados pela direção. A situação ainda está pendente para cinco jogadores.

Quatro deles negociam a renovação: o lateral-esquerdo Marlon, o zagueiro Matheus Ferraz, o meia Válber e o volante França. A situação de Fransérgio ainda vai depender do interesse do Intenacional (RS), que emprestou o atleta para o Tigre.

De acordo com o gerente de Futebol Rodrigo Pastana, a renovação de contrato de Marlon, Matheus, França e Válber independe da definição sobre a continuidade de Paulo Comelli. Mas o dirigente garante que o acerto entre o clube e o treinador está próximo;

- Vamos acertar, mas infelizmente nosso presidente teve um probleminha de saúde e adiamos a decisão para domingo – explicou por telefone, no início da noite de quinta-feira.

O presidente Antenor Angeloni está em São Paulo, onde realiza exames de saúde. De acordo com informações do clube, apesar da viagem, não se trata de um problema grave.

A situação no Tigre

Permanecem (com contrato em vigor):
Bruno, Ezequiel, Ozeia, Nirley, Diego Oliveira, Zé Carlos, Lins, Douglas, André Gava, Diego Felipe e Valdo

Em negociação:
Marlon, Matheus Ferraz, França, Válber e Fransérgio

No departamento médico:
Lucca

Liberados:
Gilmar, Elias, Michel Alves, Douglas Leite, Rodrigo Tiuí, Kleber, Eric, Dalton, Rodrigo Possebon, Giovanni Augusto e Willian Simões

Decisão sobre permanência de Paulo Comelli é adiada para domingo

29 de novembro de 2012 5

Adiada. A decisão sobre a permanência de Paulo Comelli ficou para domingo. O técnico, que teria sua situação definida até o fim da tarde desta quinta-feira, teve de deixar para o próximo dia 02 a decisão de se vai ou não continuar no Criciúma.

A reunião entre o técnico e a diretoria não pôde ser concretizada em virtude de o presidente Antenor Angeloni não poder comparecer na reunião desta tarde por conta de problemas em sua agenda.

Paulo Comelli define nesta quinta sua permanência no Criciúma

29 de novembro de 2012 0

Foto: Maurício Vieira

O técnico Paulo Comelli deu um prazo para a definição de sua situação dentro do Criciúma: o fim da tarde desta quinta-feira. O treinador, que estava à frente do Tigre na campanha de retorno à Série A, negocia durante a tarde de hoje com a diretoria a sua questão salarial para a temporada de 2013.

O técnico, que falou em coletiva na manhã desta quinta, em Criciúma, já adiantou que parte da comissão técnica da campanha da Série B já está com o salário acertado e que o patamar de salário, que foi de série B em 2012, deve ser compatível com um salário de série A em 2013. Para a torcida do Tigre, no entanto, Comelli fala que a diferença de valores entre a proposta e a sua demanda não é grande e que as chances de ficar no clube são boas:

— Acho que a diferença é pouca, temos condições de fazer um acerto. Isso cabe, logicamente, ao Rodrigo (Pastana, gerente de futebol) para que possamos ter uma definição à tarde. Esperamos que possamos à tarde ter um diferencial e chegarmos em um ponto-comum — disse Paulo Comelli.

O treinador disse também já ter alguns nomes para compor o elenco de 2013:

— É preciso sempre ter uma relação de atletas para compor o elenco. Temos uma relação de jogadores da Série A, é uma relação montada com o Rodrigo também. Mas é primeiro melhor definir o técnico para poder definir os nomes do elenco. Logo que esta questão estiver definida vamos sentar para conversar a respeito de quem pode compor o grupo — explicou Comelli.

Para o treinador do Tricolor o elenco foi “praticamente desmontado” e vai precisar de reforços em todos os setores de posicionamento. Perguntado de um nome para fazer o trabalho de Lucca, que deve deixar o Tigre em 2013, o treinador desconversa:

— Temos que procurar, dentro daquilo que queremos montar, os jogadores com as características adequadas. O Lucca é um jogador que foi fundamental na campanha da Série B, ainda não temos uma definição sobre a saída dele . Agora temos que procurar dentro de o que vamos montar, jogadores que possam realizar as funções que precisaremos — finalizou o treinador.

Paulo Comelli e a comissão técnica do Criciúma fazem caminhada de 12,2 km até o santuário de Nossa Senhora do Caravaggio

21 de novembro de 2012 10

Paulo Comelli e Tiago Marcelino, auxiliar de preparação física, em caminhada ao santuário de Nossa Senhora do Caravaggio. Foto: Maurício Vieira

Após um dia de treinamento, o técnico Paulo Comelli, junto com alguns membros da comissão técnica e do departamento médico, encararam uma caminhada de 12,2 quilômetros. A comissão técnica combinou que se o Tigre conseguisse o acesso para a Série A na partida do último sábado, no empate em 0 a 0 com o Atlético-PR, eles iriam fazer uma visita até o santuário de Nossa Senhora de Caravaggio, em Nova Veneza.

O santuário de Nossa Senhora do Caravaggio é um tradicional reduto de pessoas atrás de bênçãos. No esporte, o trecho ficou conhecido pelo técnico Luiz Felipe Scolari. Em 1991, Felipão percorreu a pé a distância, em agradecimento ao título da Copa do Brasil e, na Copa do Mundo de 2002, levou uma imagem da santa para a Ásia. Os também treinadores Vágner Benazzi e Edson Gaúcho foram nomes que apelaram à santa quando comandavam o Tigre.

Paulo Comelli é devoto de São Pedro e de Nossa Senhora Aparecida e com frequência vai ao santuário nacional de Nossa Senhora Aparecida, em Aparecida, no interior de São Paulo.

Comelli critica postura do Criciúma, confirma Douglas no lugar de Zé Carlos e promete mudança na equipe

03 de novembro de 2012 17

Comelli não pode ficar no banco de reservas. Foto: Jessé Giotti

ANDRÉ  PODIACKI
andre.podiacki@rbsonline.com.br

O técnico Paulo Comelli não pode ficar na beira do gramado no jogo deste sábado, na derrota para o Joinville por 3 a 2. Punido pelo STJD, o treinador está suspenso por dois jogos, o primeiro já cumpriu, na terça-feira ele também vai ficar no camarote assistindo de longe.

Longe do foco da partida o técnico pode observar melhor a partida. Comelli não poupou os seus comandados e criticou o posicionamento defensivo da equipe que permitiu o JEC nas poucas vezes que foi ao ataque marcar os gols.

- Os últimos dois jogos em casa me deixaram preocupado. Temos que ter atenção na parte defensiva. Temos que ser mais organizados. O adversário foi poucas vezes na frente, mas quando chegou fez os gols – disse Comelli.

O tempo de preparação para o próximo jogo, contra o São Caetano, é pouco são apenas três dias, mas mesmo assim o treinador vai mexer no time. Ele está preocupado com a defesa quer arrumar as falhas. O substituto de Zé Carlos, suspenso, já está definido, é Douglas. Já na lateral-esquerda o substituto do expulso Marlon ainda é dúvida.

- Temos o Douglas e ele é o reserva e vamos iniciar com ele. Agora, o restante da equipe eu vou pensar. Temos a volta do França, mas temos que analisar. Na parte defensiva, alguma coisa vai ter que mudar, não podemos falhar como falhamos hoje. Na lateral esquerda temos que analisar o que fazer. Temos o Itaqui e o Willian Simões. Temos que assistir a partida com calma. O tempo é curto para a próxima partida – explicou.

O lateral-esquerdo Marlon foi expulso ainda no primeiro tempo por empurrar Jaílton, do JEC. Comelli não criticou a arbitragem e achou que a atitude de Sandro Meira Ricci foi correta ao dar cartão vermelho ao atleta do Tigre.

- Não pode cometer o que ele fez. Foi falta, o árbitro deu a falta e ele empurrou o jogador do Joinville. Tem que ser mais maduro nesse tipo de jogada – criticou Comelli.

Paulo Comelli utiliza fotos e vídeos para explicar posicionamento dos atletas do Criciúma

03 de novembro de 2012 0

Bruno Comelli faz fotos do posicionamento dos atletas. Foto: André Podiacki

ANDRÉ PODIACKI
andre.podiacki@rbsonline.com.br

O treino do Criciúma chega ao final e o técnico Paulo Comelli pede para os 10 jogadores de linha se posicionar na frente da grande área. Ao lado do treinador, o auxiliar técnico Bruno Comelli, filho do técnico, faz fotos. Os atletas mudam de posição e mais fotos são feitas.

Pode parecer que a comissão técnica está fazendo um álbum de fotos dos atletas para guardar os bons tempos de 2012, que com certeza vai ficar na memória de todo elenco. Porém, na verdade é uma técnica utilizada por Comelli para explicar aos atletas na preleção as jogadas ensaiadas e o posicionamento em bolas paradas.

– A gente faz fotos e também vídeos para mostrar aos atletas. Assim, fica mais fácil para eles lembrarem, fica mais fresco na memória e tem ajudado – explicou o treinador.

O treinador gosta de usar a tecnologia para facilitar o trabalho e foi assim durante todo o campeonato.

–  Bom, aqui no Brasil eu não conheço ninguém que faça esse tipo de coisa. É bom para explicar – finalizou.

Comelli lamenta não poder ficar no banco de reservas contra o Joinville

02 de novembro de 2012 0

Foto: André Podiacki

ANDRÉ PODIACKI
andre.podiacki@rbsonline.com.br

O técnico Paulo Comelli está longe de ficar empolgado com a situação do Tigre no campeonato brasileiro. O treinador é muito objetivo e só fala em Série A a partir do momento que o time conseguir a vaga matematicamente. Assim, nada de oba-oba antes do clássico contra o JEC.

- É um jogo dificílimo. Nós concentramos três dias antes, eu achei necessário. E está sendo um ano diferente. Em outras temporadas com menos pontos você já estaria classificado. É um ano atípico na parte de baixo e em cima. Temos que chegar a 72 para garantir. E a nossa partida de sábado não vai ser fácil. É um jogo muito difícil, mas esperamos conseguir a vitória – disse o treinador após o treino no Heriberto Hülse.

O departamento jurídico tentou, mas não conseguiu um efeito suspensivo para o treinador, que foi punido por xingar o árbitro Sandro Meira Ricci na partida contra o Ceará. Porém, a pena foi diminuída de quatro para dois jogos. Assim, o comandante terá que assistir aos jogos contra o JEC e São Caetano dos camarotes. Tranquilo, Comelli apenas reclamou da suspensão por gostar muito de ficar na beira do gramado.

- Eu gosto de ficar no banco, eu acho importante estar na beira do campo orientando. Para passar posicionamento e cobrança. É importante o treinador estar no banco próximo. Mas tenho confiança no Silvio e no Bruno que vão ficar lá em baixo. Eles tem um conhecimento grande em relação ao grupo – explicou.

Comelli não relaciona Gilmar e Rodrigo Tiuí para a partida contra o Joinville

02 de novembro de 2012 3

O técnico Paulo Comelli conversou com o atacante Gilmar durante 10 minutos no treino do Criciúma. Foto: Maurício Vieira

O técnico Paulo Comelli não relacionou para o jogo de sábado, contra o Joinville às 16h20min no Heriberto Hülse, os atacantes Rodrigo Tiuí e Gilmar. Na entrevista coletiva o técnico Paulo Comelli não explicou o real motivo do corte.

- Foram situações internas e tomei a atitude de não relacionar para esta partida. Tanto que após o treinamento conversei com os dois. São coisas internas, que foram resolvidas aqui dentro e tomei atitude de não relacionar para a partida estes dois jogadores – limitou-se a dizer o comandante do Tigre.

Gilmar é um dos jogadores que mais participou da campanha da Série B, entrando em campo 21 vezes e marcando um gol. E Tiuí, que chegou na reta final do Brasileiro, jogou seis vezes e marcou um gol. Na tarde desta sexta-feira, alguns sites da região de Criciúma noticiaram que os dois teriam sidos afastados e multados em 10% no salário. Porém, o gerente de futebol Rodrigo Pastana negou que os atletas tenham sido punidos.

- Não tem nada disso. O problema do Tiuí foi técnico e o Comelli preferiu deixar ele de fora do banco. Já o Gilmar foi disciplinar. Ele falou algo no banco de reservas em um jogo que o técnico não gostou então está fora dessa partida para pensar um pouco no que fez – explicou Rodrigo Pastana.

O diretor de futebol do clube, Waldeci Rampinelli, também negou que os jogadores tenham sido afastados por indisciplina e multados e limitou-se a dizer que eram problemas internos.

- Esse problemas são internos e vão ser resolvidos assim – comentou.

O próprio Gilmar negou que tenha sido afastado. O jogador explicou que está fora da partida, mas disse que foi por opção do técnico e que amanhã estará no Heriberto Hülse para torcer pelos companheiros de equipe.

- Foi apenas opção do professor. Não teve nada de multa. Amanhã (sábado) estarei no estádio para torcer pelo pessoal – explicou.

Tigre corre contra o tempo para evitar afastamento de Comelli

01 de novembro de 2012 1

O Criciúma corre nesta quinta-feira contra o relógio. Não por conta de problemas na equipe, que se prepara para a partida contra o Joinville no sábado, mas em virtude do efeito suspensivo sobre a decisão judicial de afastar o técnico Paulo Comelli por quatro jogos.

Por conta do feriado do Dia de Finados nesta sexta-feira, o último dia útil para o clube recorrer desta decisão é esta quinta-feira, 01. Segundo o assessor do clube, Fernando Ribeiro, o Tigre deve tentar até os últimos instantes dessa quinta para ter a decisão adiada:

— Temos até o fim do dia de hoje para resolver isto. Caso não seja possível, Sílvio Criciúma deve comandar a equipe — disse o assessor do clube.

Mesmo se afastado, Fernando garante que Comelli se fará presente: o técnico deve ficar o tempo todo auxiliando Sílvio através de um celular.