Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

A Noviça Rebelde cantou em Porto Alegre

10 de março de 2015 0
Reprodução

Reprodução

Por conta do cinquentenário do filme A Noviça Rebelde (1965), o filósofo e historiador Décio Andriotti lembrou a coluna de que a família Von Trapp também cantou em Porto Alegre. A apresentação do famoso clã austríaco foi no dia 11 de maio de 1950, no Theatro São Pedro.

Quinze anos antes do antológico musical hollywoodiano, o grupo passou por aqui com formação quase completa – faltaram a filha mais velha, Agathe, e o patriarca, o capitão Georg von Trapp, que havia morrido em 1947. Cinéfilo e melômano apaixonado por óperas, Andriotti relatou essa passagem histórica em um texto publicado em 2008 no livro Centenários, coletânea de artigos organizada pelo Círculo de Pesquisas Literárias (Cipel).

Leia também:

Benzadeus, a Clanessa!
Ajuda a Cris Möller
A luz de Evandro

Em seus apontamentos sobre os cem anos do São Pedro, o professor lembrou de seu encontro com a baronesa Maria von Trapp – encarnada no cinema pela atriz Julie Andrews –, a quem acompanhou ao teatro a pedido de um padre do Colégio Anchieta. O então colegial terceiranista Décio conta como foi o episódio:

Entramos no palco e lá estavam os filhos, ou parte deles, preparando o ambiente para o concerto da noite. Faziam o reconhecimento acústico emitindo aqueles ‘olérihi’ alpinos. Havia um piano de cauda com a tampa fechada. Apoiei o cotovelo nela, para que minha mão segurasse o queixo. Ela percebeu meu pasmo admirando os ecos alpinos. Interrompeu, veio à minha direção, passou a mão maternalmente no meu rosto. Voltou, continuando nos ecos. Deram-me, depois, autógrafos num programa do concerto (reprodução acima)”.

Envie seu Comentário