Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Medalha Goethe para Eva Sopher

28 de agosto de 2015 0
Da esquerda para a direita: Johannes Ebert, Neil MacGregor, Stefan Wild, Klaus-Dieter Lehmann, Renata Rubim, Ulrike Mühlschlegel, Marion AckermaGoethenn, Hanna Schygulla, Sadik Al-Azm, Maria Böhmer Foto: Goethe-Institut/Maik Schuck

Da esquerda para a direita: Johannes Ebert, Neil MacGregor, Stefan Wild, Klaus-Dieter Lehmann, Renata Rubim, Ulrike Mühlschlegel, Marion AckermaGoethenn, Hanna Schygulla, Sadik Al-Azm, Maria Böhmer
Foto: Goethe-Institut/Maik Schuck

Em cerimônia realizada nesta sexta-feira (28/8)passada no Palácio Ducal de Weimar, na AlemanhaKlaus-Dieter Lehmann, presidente do Goethe-Institut, entregou a MEDALHA GOETHE(foto) a três personalidades que se destacaram na promoção do intercâmbio cultural fora da Alemanha: a empreendedora cultural alemã naturalizada brasileira EVA SOPHER, o filósofo sírio SADIK AL-AZM e o escocês NEIL MAcGREGOR, diretor do British Museum. Dona Eva foi representada na cerimônia pela filha Renata Rubim, que recebeu a distinção de honra oficial alemã, e por um vídeo de agradecimento gravado em Porto Alegre.

Leia também
Luiz Melodia faz show e entrevista aberta na Capital
Carol Trentini com o filho em ensaio para a Vogue americana

Veja o ensaio da top internacional Jéssica Neuhaus

Foto: Goethe-Institut/Loredana La Rocca

Foto: Goethe-Institut/Loredana La Rocca

O mote da premiação deste ano foi “O espírito da História”, e Lehmann ressaltou a atualidade do tema usando como exemplo a biografia de Eva, que emigrou com sua família para fugir do nazismo. Já a grande atriz alemã HANNA SCHYGULLA discursou em homenagem à presidente da Fundação Theatro São Pedro.

- “A cultura é minha religião” é o mote de vida de Eva Sopher. Ela assumiu a tarefa de abrir portas a artistas do mundo inteiro e também à arte vinda da Alemanha – disse a musa dos filmes do cineasta Rainer Werner Fassbinder, acrescentando que, levando em consideração a história de vida da homenageada, esse último comportamento não deixa de ser surpreendente: – Ela dá espaço para a inocência de novas relações.

Renata Rubim recebe a Medalha Goethe das mãos de Klaus-Dieter Lehmann, presidente do Goethe-Institut. Foto: Goethe-Institut/Maik Schuck

Renata Rubim recebe a Medalha Goethe das mãos de Klaus-Dieter Lehmann, presidente do Goethe-Institut. Foto: Goethe-Institut/Maik Schuck

Envie seu Comentário