Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

EMPATE E MALHAÇÃO

28 de maio de 2012 103

O Inter arrancou um empate do grande Flamengo em pleno Rio de Janeiro! Eu não chamaria de heróico. Foi mais que isso!

Antes da partida iniciar, a malhação ao esquema tático de Dorival – com 3 volantes – já corria solta. Dizia-se que era um “chama derrotas”. Eu, sinceramente, avalio cada caso de forma diferente. Alguns adoram dizer que treinador não ganha jogo. Mas se perder, a culpa é exclusiva dele. Vai entender…

O fato é que entramos com um esquema defensivo sim, mas Dorival tinha nas enormes problemas para montar a equipe. Isso parece ter passado ao largo do raciocínio de grande parte da crônica esportiva. Se havia problema para montar a equipe que iria iniciar a partida, imaginem o banco de reservas!

O número de desfalques colorados era quase industrial. Sem D’ale, Damião, Oscar, Sandro Silva e Jajá (ainda sendo punido) e amargando a perda de Tinga e Jô (eu não lamento a saída desse, mas ficamos sem um substituto para o 9), Dorival teve que se virar com o que tinha nas mãos. Na entrevista pós-jogo, Dorival deixou clara a sua preocupação – ao montar a equipe – de uma possível necessidade de mudança no decorrer da partida. Ou seja: caso precisasse mudar, precisava de um banco que suprisse tal necessidade. Esta é a explicação a meu ver bastante convincente para os 3 volantes. Mas vamos ao jogo…

Começamos melhores sim. O Inter era mais organizado, cadenciava o jogo e buscava tocar a bola sem chutões. Josimar era o volante que subia mais para auxiliar Dátolo. Guiña e Elton seguravam bem a marcação e o meio-campo ainda estava equilibrado. Mesmo com um sistema “defensivo”, o Inter atacava e Dagoberto e Gilberto tinham boa movimentação. Foi de um escanteio que surgiu o gol carioca. A bola parada vale, é claro, mas é fundamental que se reconheça que esse gol não surgiu de uma jogada tramada ou de um ataque envolvendo a defesa colorada. O Inter não se desequilibrou e quase conseguiu o empate em seguida.

Daí veio o segundo de uma falha bisonha de Índio. Uma falha individual de um zagueiro experiente que não conseguiu afastar devidamente uma bola onde ele estava SOZINHO na jogada. Pergunto: que culpa Dorival e os 3 volantes tiveram nesse gol?

Mesmo assim, sem desespero ou pavor, o Inter continuou no jogo até chegar ao seu gol através da insistência de seu toque de bola. Chute de Fabrício e desvio de Gilberto. Nem tudo estava perdido. Bastava observar a estatística da partida para que ficasse claro e evidente que o esquema estava funcionando. Não de forma brilhante, mas se não era superior, o Inter tampouco era inferior ao Flamengo – que jogava com seu time titular!

No segundo tempo as ações seguiam equilibradas até que outra falha individual colocou quase tudo a perder. A falha foi individual sim. O esforçado Nei (antes que alguém malhe, gosto desse jogador) se descuidou na linha de impedimento e deixou Wagner Love praticamente sozinho para marcar. Basta observar com atenção a jogada. Moledo se adianta e deixaria o atacante em posição de impedimento, tanto que a primeira ação de Nei é um passo à frente, ainda tentando fazer a linha… Mas aí já era tarde. Ao ver que Nei havia ficado, Moledo ainda tenta inutilmente alcançar Love. Não deu.

Nesse momento o time mostrou ter sentido o golpe. Discussões e cobranças acaloradas resultaram em um xingamento de Fabrício a Dorival Júnior. O resultado disso tudo poderia ter sido um – bastante comum e esperado: desequíbrio e desespero. Não foi. A entrada de um desconhecido Maurides e de Marcos Aurélio (com uma atuação razoável e participação no terceiro gol) foram eficazes e o Inter traduziu em gols uma mudança de atitude. Quem esperava desespero e abatimento viu uma equipe indignada que buscou o empate de forma incontestável. E mais: poderia até ter vencido!

Fabrício reagiu às brigas e discussões com um petardo e Dátolo com uma jogada magistral e um chute colocado. Eu me arrisco a dizer que o Inter foi melhor quase todo o tempo. Aliás, não apenas eu, mas os comentaristas cariocas também concordaram durante a partida.

Arrancamos um empate. Reagimos com um grupo completamente desfalcado. Mostramos equilíbrio durante todo o jogo. Tivemos atitude! E o que a imprensa local mais comenta? A possível punição de Fabrício e a “burrice” de Dorival. Ainda tive que ouvir que “o próprio Inter e seu treinador fabricam as crises”! Pelo amor de Deus! Isso é um absurdo sem tamanho! As brigas e a discussão são do jogo. Punição se resolve… Agora, o foi mais importante? Um atrito entre o treinador ou o fantástico resultado de campo? A quem interessa que a briga tenha uma dimensão maior do que a bela atuação da equipe?

A coisa mais fácil que existe no mundo do futebol é culpar o treinador por tudo. Alguns chegaram a dizer que Dorival não tem o grupo na mão e que Fernandão não está preparado para a função que exerce. Eu, aqui no blog, tenho o compromisso com meus leitores de ser honesto com minhas opiniões. Se o treinador tem culpa, eu digo. Se acho que não tem, procuro os devidos culpados. Agora, raciocinem: depois desse baita resultado existe algum motivo para crise no Beira-Rio?????

A coisa mais fácil para um grupo “descontente” com seu treinador teria sido “aceitar” a derrota de sábado. Aí sim teríamos uma crise. Grupo que quer derrubar treinador não joga como sábado. Não ganha Gaúchão!

Dorival tem sim seus defeitos, mas a terra arrasada que alguns querem fazer não interessa ao Inter nesse momento. Mais: é um tremendo absurdo! Abram o olho!

Comentários (103)

  • Lucas diz: 28 de maio de 2012

    Dorival tem cometido erros, mas na média da maioria dos treinadores. No jogo de sábado poderia ter entrado com Fred ou com Marcos Aurélio, mas optou por Josimar, e mesmo assim o time foi superior no 1o tempo. O Inter deixou de vencer o Flamengo, apesar dos desfalques devido ao excesso de erros da defesa. Concordo que muitas vezes falta sensatez à imprensa que escolhe o caminho da critica por este ser geralmente mais curto

  • Maciel diz: 28 de maio de 2012

    Bela definição, penso da mesma maneira!!

  • nm diz: 28 de maio de 2012

    foram providenciais as suas observações, pois de tempo em tempo chegam “os amigos dos outros para fazer fuzarca na casa do Campeão do ano”… é porque os ostros não sabem o que é título por enquanto

  • Eduardo diz: 28 de maio de 2012

    Tudo muito bem, tudo muito lindo, mas contratações que são imprescindíveis como as de 2 zagueiros e 1 lateral direito, não acontecem, o Fernandão viaja para tudo que é lugar, mas contratar os jogadores necessários ele não consegue.
    Não acredito que Fernandão, ainda inexperiente, vá conseguir alguma coisa, penso que ele não sabe como negociar com os clubes.

  • Renato Marcon diz: 28 de maio de 2012

    Parabéns pelo seu comentário, tem jornalista, aí do seu lado que só ve o jogo e a escalação em si, não ve os problemas que o técnico enfrenta durante o período de treinamentos. Quero dizer mais, como você mesmo disse, o Dorival tem seus defeitos mas dois, que são o mais comuns nos técnicos brasileiros, ele não tem, não é teimoso e não é burro. Acho que ele é um dos melhores em ação no Brasil. Tem gente que gosta do Roth.

  • Leonardo diz: 28 de maio de 2012

    Thedy, só tenho uma palavra a te dizer quanto ao post: PARABÉNS!

  • John diz: 28 de maio de 2012

    Por favor, não defenda o senhor BURRIVAL. Não há explicação pra a escalação do craque” JOSIMAR. Se queria três volantes por que não optou pelo BOLATI, jogador que já disputou COPA DO MUNDO, o “craque” josimar é jogador de 2ª divisão. por favor, por favor…. apesar de que tudo pode ficar pior, afinal estão negociando a renovação do contrato do ÍNDIO. lAMENTÁVEL.

  • João Colorado diz: 28 de maio de 2012

    Menos, Thedy, menos…. esse time do Flamengo não joga nada e o Inter só não ganhou porque nossa defesa é tão ruim quanto. Faltam zagueirooooooooooooooooosssssss

  • Marcelo diz: 28 de maio de 2012

    Perfeito.
    Ainda quero entender esses cronistas gaúchos que preferiram exaltar a discussão entre o Fabrício e o Dorival ao invés de fazer a leitura do jogo.

  • João Colorado diz: 28 de maio de 2012

    Menos, Thedy, menos…. esse time do Flamengo não joga nada e o Inter só não ganhou porque nossa defesa é tão ruim quanto. Faltam zagueirooooooooooooooooosssssss

  • Roberto diz: 28 de maio de 2012

    Infelizmente, tenho q discordar de ti! Há muito tempo, o INTER não se encontra, o treinador tem culpa sim! onde está o Bolatti? Será que os “volantes” q estão jogando são melhores? NÃO. O Marcos Aurélio não tem condições de jogar num “time grande”, nem tamanho tem! Enfim, não vai dar pra dizer tudo q penso; ou melhor, vários amigos pensam como eu. A sorte do Dorival é que temos vários jogadores de alto nível.
    Com este treinador, não iremos a lugar nenhum!!!

  • marco_pelotas diz: 28 de maio de 2012

    Thedy, vou mais além: existe uma patrulha tricolor que toma conta da imprensa. Existe tb a questão do estádio. Agora tem esta do MP de interdição do Gigante….os caras não descansam. O $$$$$ dos beneficiados pela maracutaia da arena, que passam tudo no conselho tricolor, quer derrubar o estádio da copa. O conselho tem aprovado absurdos e o grupo do Koff (o grupo que deu as maiores vitórias da história do rival) tem se rebelado em relação a isto. O problema é que existe apoio de grupos da mídia e grandes empresários que foram aliciado$, com participação nos “investimentos”. Temos que lutar contra todos….CBF, SPFC, MP…..é um absurdo o que a inveja faz com alguém. Passam os anos…..o Inter empilha títulos……o rival não ganha nada……o inter é exemplo de gestão……tem a verdadeira maior torcida do Brasil (pq simpatizante não é torcedor; torcedor se associa)…..e quem está sempre bem é o rival.

    Vendo tudo isso sem malícia, eu poderia dizer o seguinte: na tentativa de ser imparciais, alguns jornalistas diminuem o inter e engrandecem o rival ARTIFICIALMENTE…..é uma espécie de “cota midiática” concedida ao rival. Artificialmente, os dois clubes são equiparados pela mídia.

    Aliás, qtas matérias destacaram a base colorada da seleção com o destaque merecido??????????

  • Rafael Cuty diz: 28 de maio de 2012

    Desculpe, mas eu discordo.

    A forma de se pensar futebol no Beira Rio, esta errada.

    Dorival perdeu o controle do vestiário, o inter não tem compactação de defesa, o Nei tocou duas vezes a bola pra trás na frente do gol, coisa que até em jogo de pelada se sabe que não pode acontecer, ele entrou com uma escalação equivocada, 3 gols por volante que entrou em jogo, concordo que do meio para frente o inter estava bem, só que um time não se faz do meio para frente! O Nei deu uma declaração antes do jogo que se o inter saísse com o empate estava bom.
    Brasileirão se ganha jogando todos os jogos para vencer, se tu for para o jogo com o intuito de empatar, vai perder. E essa historia de estar desfalcados(nós não temos o melhor plantel) até por que não contrataram ninguém ainda, deve ser por que o plantel é bom, todos estarão em um determinado momento no brasileirão desfalcados(o medo de morrer, tira a vontade de viver).
    Ele acertou nas modificações, mas só acertou por que começou errando!

  • Renan Augusto diz: 28 de maio de 2012

    Excelente post Thedy! Texto claro, conciso e preciso!

    Na minha opinião, esse jogo está entre os três melhores (jogo e resultado) da termporada, principalmente pela entrega e força de superação dos jogadores.

    Com um time remendado, desentrosado, sem os melhores jogadores, o Dorival conseguiu fazer o time jogar melhor os dois tempos de jogo e na casa do rival. Os 3 gols do Flamengo foram decorrência de falhas individuais de nossos jogadores (que é normal e faz parte do futebol, ainda mais em um time desfigurado como esse). O Inter se impôs desde o início e saiu com um ótimo resultado.

    Gostei das substituições e achei o garoto Maurídes muito interessante, se vislumbra um ótimo futuro para o jogador. O Dorival está bem, com o grupo na mão!

    Penso apenas que precisamos contratar jogadores a nível de grupo para todos os setores, afim de evitar eventuais situações como a deste sábado.

    Abraço!

  • Matheus diz: 28 de maio de 2012

    Se vc não conseguiu ver que a falha do treinador estava justamente em não começar com quem terminou, e que “nunca antes na historia deste clube” se teve tanta punição e retaliação publica a jogadores, numa claro e evidente falta de comando, e pior, numa soma de atitudes desagregadoras, se vc realmente ainda não viu isso e se baseia em um unico resultado para julgar todo o trabalho, então amigo, nada mais a considerar. Gostaria somente, antes de me rotular como corneteiro, que avaliasse bem o trabalho do tecnico até aqui, do grupo que possui nas mãos ( e mesmo que ele insista nesta desculpa, nem sempre desfalcado) o que ele até agora conseguiu de resultado pratico no comando do Inter. Lembre por exemplo da nossa campanha na primeira fase da Libertadores (torneio tido como meta principal do Inter neste ano) foi vergonhosa, com direito a punição de Dago e Tinga num jogo contra o Santos que nem gosto de lembrar, depois, precisando ao menos um empate com o Aurich para pegar um adversario melhor, ele conseguiu perder, dai veio o Flu e mais contratempos dentro e fora de campo, com Datalo cobrando penalti (e errando) quando era determinado por ele (Dorival) que fosse o Ney, depois veio Jô, Jája, punição, Gauchão (obrigação) Sandro Silva, bar, festa, confusão e tiroteio. Agora, vem em publico falar em punição a um jogador que se indignou, que foi um dos melhores em campo, e que (percebe vc, NÃO comemorou o gol) e porque?? Certamente não é por satisfação, ou sera que é??? Nem vou falar no historico do Dorival em problemas com jogadores, acho que disso vc lembra, vou falar da campanha ridicula que quase rebaixou o Atletico MG ano passado, que, não por coincidencia, é o atual lider da competição, mesmo tendo um grupo infinitamente pior e menor que o Internacional. Vc tem voz, lembre-se sempre disso, tudo que falar ou escrever sera motivo de consideração e ponderação, então eu humildemente de pesso que não seja definitivo, que ateste as qualidades mas sem esconder as falhas, o Dorival ainda é (ao meu juizo) uma incognita que desperta muita desconfiança!!

    Matheus!
    Eu concordo com vc em relação às punições, tanto que quando entrevistei o DJr o coloquei contra a parede em relação a contradição que foi a punição ao Tinga e o Dagoberto.
    Imagino que ele ainda tem crédito e que as questões de desfalques – jogou pouco com o time ideal – ainda pesem a seu favor.
    Mas concordo também que temos de ficar de olho nele…
    Abs
    TC

  • Giba diz: 28 de maio de 2012

    Vixiiiiiiiii o homi bebeu parte II, gosta do Nei e defende esse pereba, dá licença. pareiiiiiiii….. achar bom o resultado, era pra ter ganho, qdo empatou aos 25mi o cara coloca um volante pra segurar o jogo, poderia ter muito bem ganho…e o técnico é culpado sim, se tivesse iniciado com a formação do segundo tempo não seria melhor,??? primeiro arriscou perder com 3 voltantes pra depois mudar!!! e vc ainda concorda com isso…..???sem mais.

  • Colorado de Bento diz: 28 de maio de 2012

    Prezado Tedy! Respeito muito suas opiniões sensatas e equilibradas, mas gostaria de discordar de vc…se me permite. Acredito que a escalação de 3 volantes, que apenas combatem, foi a responsável pela derrota inicial, que poderia ter sido de 5, caso o penalidade do Nei fosse apontada e o Muriel não tivesse tirado um gol do Ybson….apesar de estarmos bem articulados era evidente que o Dátolo precisava de alguém p dar saída de bola ao time, e tais mudanças ocorreram no segundo tempo. Poxa, se treinam a semana inteira um esquema, como podem na hora H mudar tudo?? De q adianta treinar com o Fredinho, p depois colocar aquele rapaz (esqueci o nome!) que não foi mal não. E vamos combinar…o Nei estava muito mal, como tem sido quase sempre. Ele foi o culpado pelo gol e o Dorival vem com essa de colocar na conta do Fabrício…q estava fazendo certo, a marcação do Léo Moura, um dos principais armadores do time deles…eu tb ficaria indignado com essa cobrança absurda…na verdade, qqer um ficaria, até vc!!!!!!!. Imagine se o seu baterista erra o compasso (coisa q nunca acontece!!!!!!!) e o diretor do show dá bronca em vc!!!!!!!!! Acho q o Dorival é um bom técnico, mas tem cometido e repetido alguns erros…só isso!!! De resto, temos muitas chances esse ano, ainda mais se vierem os prometidos reforços. Abraço

  • claudio colorado diz: 28 de maio de 2012

    Sinceramente acho que o Dorival errou feio como fez contra o Santos. O empate foi conseguido quando ele corrigiu o erro e tirou um volante.
    Mas o pior erro esta acontecendo no caso JaJA. Se quer punir o atleta faz ele concentrar 1 dia antes dos demais por tempo indeterminado, mas não puna o TIME deixando ele de fora.
    Também fui desta opinião no caso Tinga e dagoberto. Jogador detesta concentrar então a solução pedagógica para isto é antecipar a concentração

  • Giba diz: 28 de maio de 2012

    Matheus diz: 28 de maio de 2012 – falouuuuuuuu tudooooooooooooooooo apoiadoooooooooooooo camaradaaaaaaaaaaaaaaa…. chega de tapar o sol com a peneira e ainda tem esses caras ou torcedores ou sei o que lá que insistem em dizer que estamos bem………….que temos tecnico isso e aquilo………………..

  • João Carlos diz: 28 de maio de 2012

    Tô contigo Thedy, tem uma turminha insuportável hoje na torcida do Inter, a turma do vâmo derrubar. Foi o Alecsandro, o Nei, o Tinga, o Bolivar, o Kleber, o Índio, o Guina, o Muriel e hoje é o Dorival. Logo logo vai ser o Dagoberto, o Dátolo, o D´Ale e até o Damião se passar três jogos sem fazer gol. Aqui do lado o Luxa consegue perder pro time B do Vasco e o pessoal apoia e incentiva. Tem certos colorados que podiam pedir férias e ir pra China catar coquinho ao invés de tentar tumultuar o ambiente dos caras.

  • Giba diz: 28 de maio de 2012

    Vixiiiiiiiii o homi bebeu parte III, baita resultado o empate – é por isso que sempre chegamos no fim do campeonato e ficamos chorando, lamentando esse e aquele jogo……técnico pensa pequeno.

  • Rodrigo Locatelli diz: 28 de maio de 2012

    Prezado Thedy!

    Permita-me discordar um pouco do seu texto, quem deu mais importância ao atrito com o jogador do que o resultado da partida foi o próprio treinador, que na entrevista falou em punição.

    Outra coisa, Tu realmente concorda com a reserva (praticamente exclusão) do Bolatti, e escalar jogadores como o Elton e Josimar, que na minha opinião são limitadíssimos.

    No mais, pelas circunstâncias do jogo, realmente devemos comemorar o ponto conquistado, foi um grande resultado, e que venha o São Paulo.

    abraços.

    Rodrigo!
    Acho que a questão do Bolatti passa pelo comportamento nos treinos.
    Talvez ele não tenha a “pegada” que o treinador espera.
    Eu, particularmente, gosto muito do Bolatti e preferia que ele fosse titular.
    Abs
    TC

  • Günther Seibert diz: 28 de maio de 2012

    Discordo de alguns pontos da tua análise Thedy. Acredito sim que Dorival não escalou a melhor formação possível, e vejo que não sou o único. Creio, sem pestanejar, que Bolatti é bem superior ao Elton e não entendo a birra de DJ.
    A responsabilidade do gol que o Inter sofreu quando Índio não conseguiu afastar bem a bola não pode ser debitada somente da conta dele, pois a bola foi “perigosamente” recuada, onde ja se viu um profissional recuar uma bola em direção a gol numa situação como aquela, foi uma indução ao erro, mesma regra vale para a bola atravessada frente da defesa, nunca se faz e vale perguntar – de qual setor saiu o recuo?
    Discordo também sobre o Nei, respeito o esforço desse jogador, mas a maioria dos gols, contra o Inter, nascem de jogadas exatamente sobre o setor de campo dele e ele não tem a qualidade fundamental a um lateral que é o cruzamento qualificado.
    Quanto ao desabafo do Fabricio concordo plenamente contigo, totalmente normal e o time mostrou maturidade e união após o episódio.
    Agora quanto às demais críticas concordo que são exageradas, mas devemos levar em conta que ja batemos 2 vezes na trave para conquistar o título brasileiro e esses pontos perdidos, podemos considerar perdidos pois o Flamengo “está” vivendo um mal momento, fazem muita falta no final e os 2 pontos perdidos podem virar 5 se ao final acontecer um confronto direto contra eles (Flamengo).
    Saudações coloradas!!!!!

  • Luiz diz: 28 de maio de 2012

    Mesmo sendo colorado, tenho de admitir que deixaram de marcar um pênalti claro contra o Inter, prejudicando o Flamengo.
    Quanto ao resultado, foi muito melhor do que a encomenda e provamos que temos grupo para brigar pelas primeiras posições na competição.

  • DARTANHA diz: 28 de maio de 2012

    TA’ BOM THEDY,,, O BURRIVAL ,,GANHOU O GAUCHINHO , TA’ BOM PRA TI NE’ O ANO TA GANHO , ESSE TREINEIRO E’ PIOR QUE O ROTH UMAS 5 VEZES MAS,,,, ELE JA’ GANHOU O ANO PRA VCS DA `´CAPITAL ´´ ENTAO FICA ,, BURRIVAL

  • FALA SERIO diz: 28 de maio de 2012

    O TREINADOR E’ MUITO PEQUENO PARA A GRANDEZA DO INTER ,,,SEU THEDY ,,,SO’ ISSO

  • dartanha diz: 28 de maio de 2012

    VC NAO PODE ESTAR FALANDO SERIO SEU FORMADOR DE OPINIAO VC ESTA DE BRINCADEIRA COM O DORIVAL OU VAI GANHAR MAIS UMA ENTREVISTA EXCLUSIVA DELE …. BAH TE LARGUEI DE MAO ,,, HA’ COMO DIZ O MAGRO DO BOMFA ,, NAO ME FAZ TE PEGAR NOJO,,,,,,

    Acho legal você ler os comentários. Acho que não se trata de uma opinião apenas minha…

  • Paulo Ayrton diz: 28 de maio de 2012

    Normal Thedy… Infelizmente aqui na província (RS) o GRUPO RBS só mostra os pontos negativos do Inter e supervaloriza os pontos positivos do Grêmio.
    Aqui temos, por décadas, um torcedor folclórico (Sr. Paulo Santana) em horário nobre (JA), fazendo propaganda para o grêmio. Por que não temos um torcedor folclórico do Inter também neste mesmo espaço?
    Comecem a comparar os espaços para as conquistas e derrotas de Inter e Grêmio, nas vitórias do Inter sempre vai ter uma ênfase ao lado negativo, vide Inter x Fluminense (1° jogo LA), ao invés da imprensa mostrar os grandes desfalques que o time tinha, o excelente 2º tempo, o time aguerrido, não massacraram o Dátolo pelo pênalti perdido. Neste fim de semana o Grêmio perdeu um Pênalti e o assunto foi minimizado. Nos jogos fáceis esta imprensa sempre procura manter o Grêmio com os pés no chão, vide Grêmio x Bahia, já quando o Inter tem um jogo fácil eles enchem a bola dos colorados para o tombo ficar maior. Porque nos jogos difíceis para o Grêmio a imprensa inflama a torcida? Veja se fazem o mesmo para o Inter??? São só exemplos, mas aqui na província o GRUPO RBS é gremistas, os DIRETORES são conselheiros do Grêmio, vamos esperar o quê??? Não podemos esperar NADA, mas já que não temos uma imprensa esportiva IMPARCIAL aqui no Sul… DEVEMOS ler veículos de comunicação de outros Estados e como EMPRESARIO e COLORADO, jamais vou investir um centavo nesta empresa que deveria ser imparcial!!!

  • Paulo Ayrton diz: 28 de maio de 2012

    Normal Thedy… Infelizmente aqui na província (RS) o GRUPO RBS só mostra os pontos negativos do Inter e supervaloriza os pontos positivos do Grêmio.
    Aqui temos, por décadas, um torcedor folclórico (Sr. Paulo Santana) em horário nobre (JA), fazendo propaganda para o grêmio. Por que não temos um torcedor folclórico do Inter também neste mesmo espaço?
    Comecem a comparar os espaços para as conquistas e derrotas de Inter e Grêmio, nas vitórias do Inter sempre vai ter uma ênfase ao lado negativo, vide Inter x Fluminense (1° jogo LA), ao invés da imprensa mostrar os grandes desfalques que o time tinha, o excelente 2º tempo, o time aguerrido, não massacraram o Dátolo pelo pênalti perdido. Neste fim de semana o Grêmio perdeu um Pênalti e o assunto foi minimizado. Nos jogos fáceis esta imprensa sempre procura manter o Grêmio com os pés no chão, vide Grêmio x Bahia, já quando o Inter tem um jogo fácil eles enchem a bola dos colorados para o tombo ficar maior. Porque nos jogos difíceis para o Grêmio a imprensa inflama a torcida? Veja se fazem o mesmo para o Inter??? São só exemplos, mas aqui na província o GRUPO RBS é gremistas, os DIRETORES são conselheiros do Grêmio, vamos esperar o quê??? Não podemos esperar NADA, mas já que não temos uma imprensa esportiva IMPARCIAL aqui no Sul… DEVEMOS ler veículos de comunicação de outros Estados e como EMPRESARIO e COLORADO, jamais vou investir um centavo nesta empresa que deveria ser imparcial!!!

  • primeira divisão diz: 28 de maio de 2012

    Concordo em gênero, número e grau em tudo que falastes. Aliás, pelos teus comentários, já vi que temos uma maneira bem parecida de ver futebol. Agora, vamos ao que interessa. As pessoas que querem desviar o foco do belo empate no Rio, são as mesmas que não falaram em nenhum momento do pênalti não marcado a favor do Palmeiras. Ontem no bate bola ninguêm falou do pênalti e também da falta do Cone lima no zagueiro do Palmeiras. Eles escrevem o mostram o que interessa para eles e para a mídia. As pessoas que assistem ficam com a impressão do que eles estão a fim de mostrar e não a verdade dos fatos. Quantas vezes vimos os cinegrafistas mostrarem a camisa do Mazembe nos jogos do interior? Daí eu te pergunto; o cinegrafista torce para que time? Por que eles adoram mostrar a torcida do rival nas transmissões? Essa nossa imprensa é podre. Quantos fizeram campanha para colocar a arena na copa? Vários, principalmente seu Nando Gross, Diogo olivier(o pior de todos)e vários outros, que falaram muita besteira. E tem gente que tem a capacidade de dizer que a imprensa é vermelha. Queria ver se eles estivessem do nosso lado. Vou tre dar outro exemplo. Quando o Inter ganha gauchão, quantos jogadores tem na seleção do campeonato? Agora quando o rival ganha, dá uma olhada se não é quase todo o time que é o selecionado. É só observar nos últimos anos. Pra quem tu acha que eles torcem?

  • joão carlos diz: 28 de maio de 2012

    Concordo plenamente com teus comentários,foi um ótimo resultado. Não ganhamos por levar dois gols em começo de jogo, e um penalty maluco cometido pelo Índio. O Dorival não tem culpa de tá metade do time lesionado e dois dos principais jogadores na seleção Brasileira e Jajá que seria talvez a solução,ao meu entendimento, foi devidamente punido.Talvez, de fato o time tenha sido prejudicado por essa escolha,mas a instituição Inter é muito maior que o craque e renomado Jajá.
    Ainda o Dorival é punido por uma direção que deixa escapar o Tinga e que até agora não contratou um zagueiro para o lugar do Índio e um reserva,pois ao meu ver Bolivar é um razoável a ruim reserva. Bom é isso.Abraço e Vamo interrrrrrrr!!!!!!!!!!!

  • Renan diz: 28 de maio de 2012

    Tbm não vejo terra arrasada no Inter…

    Com os desfalques que tinhamos, estava difícil mesmo escalar um time melhor.

    Só que é impressionante assistir a televisão na noite de domingo e ver num programa de rede estadual, um jornalista comentar sobre o jogo do Inter num mau humor tremendo, descendo o pau no treinador. Faz isso para ver crise no Inter, foi assim no ano passado com o Falcão, e agora é com o Dorival.

    Infelizmente esse grupo jornalistíco sempre pendeu para o lado azul, e é a empresa onde está o teu blog.

    O Dorival tem seus erros, mas tbm culpo a direção por alguns erros, no caso, não contrataram um zagueiro, e ja faz tempo que precisamos.

    Outra coisa Thedy, o caso da punição do Tinga e do Dagoberto não tenho certesa se foi ordem do Dorival, acho que foi mais em cima o negócio, e por isso protegeram sempre olho a direção protegendo o treinador.

  • André Knaack diz: 28 de maio de 2012

    Olha Thedy, respeito a tua opinião, mas o jogo de sábado era jogo para o Inter ganhar sim do Flamengo, pois antes até do Inter levar o 1o gol, a torcida do Flamengo jah estava vaiando o seu time, ou seja, devia sim o Inter tirar proveito disso, pois que nem o Oliver falou, o Inter está fazendo campanha no Brasileirão, de 6 pontos conquistou 4, soh que penso diferente, de 6 pontos diretos contra TODOS os times no mínimo 3 pontos deve ser feito, para vc ter a chance de chegar nos jogos finais e ter a chance de disputar o título. Mas pelo o que aconteceu no jogo de sábado, o empate foi sim um bom resultado, desde que contra esse mesmo Flamengo no Beira-Rio temos que ganhar.

  • paulo ea de carvalho diz: 28 de maio de 2012

    Concordo literalmente com voce, mas infelizmente exite um campanha da midia gaucha contra o Dorival, quanto ao Nei sou obrigado a discordar de voce ele sempre chega atrazado quando o adversario contra ataca.

  • paulo ea de carvalho diz: 28 de maio de 2012

    Concordo literalmente com voce, mas infelizmente exite um campanha da midia gaucha contra o Dorival, quanto ao Nei sou obrigado a discordar de voce ele sempre chega atrazado quando o adversario contra ataca.

  • Márcio diz: 28 de maio de 2012

    A maior contratação do INTER dos últimos tempos foi a saída do TINGA. De repente começam a aparecer meias, volantes etc.
    Agora, tem que sair também o INDIO, daí só tem BOLIVAR?? Claro, com esses 2 nabas o INTER não vai atrás de zagueiro, justamente pra ter espaço pra eles.

    Não precisamos atacantes ou meias, precisamos de ZAGUEIRO.

  • vagner diz: 28 de maio de 2012

    Belo comentário, Thedy!!!
    Parabéns!!!
    Teu comentário e raciocínio fecham com o meu.
    Vou um pouco mais além; toda a vez que o Inter joga com três volantes a crítica ao treinador se inicia antes do apito do árbitro. Incrivelmente os desfalques do time são esquecidos, e novamente trazem a nossa lembrança o fatídico jogo contra o Santos (completo) na Vila Belmiro. Onde os inomináveis três volantes perderam o 1º tempo por 1 a 0, com penalti roubado.
    Quando o coirmão joga com três volantes (quase sempre), o assunto é; ao Grêmio falta qualidade, portanto o Luxemburgo precisa escalar três volantes…, e bla, bla, bla. Porém, no caso do Inter, pode-se perder meio time, mas três volantes jamais!?!?!
    Tô contigo nesta, Thedy.
    Colorados, a imprensa sempre – eu disse sempre – tentará equilibrar a gangorra. Se liguem!!!
    Abraço!!!

  • Adriano diz: 28 de maio de 2012

    Concordo plenamente! O resultado não teve nada a ver com os 3 volantes escalados pelo Dorival, e sim por falhas individuais. Assisti todo o jogo, e na minha opinião o Inter sempre esteve melhor que o flamengo, mais organizado. Acredito que se não fossem as falhas teriamos ganho o jogo, e bem. Seu resumo final diz tudo: “Dorival tem sim seus defeitos, mas a terra arrasada que alguns querem fazer não interessa ao Inter nesse momento. Mais: é um tremendo absurdo! Abram o olho!” Abraço.

  • Marcos Trindade diz: 28 de maio de 2012

    Caro Thedy,pelo jeito nós assistimos o mesmo jogo, e ouvimos a mesma explicação do nosso técnico.
    chego a conclusão que falar mal do inter dá estátus de inteligente ou então tornam-se importantes por alguns minutos.
    Parabéns pelo comentário.
    saudações coloradas.
    Marcos.

  • Marcos Trindade diz: 28 de maio de 2012

    Caro Thedy,pelo jeito nós assistimos o mesmo jogo, e ouvimos a mesma explicação do nosso técnico.
    chego a conclusão que falar mal do inter dá estátus de inteligente ou então tornam-se importantes por alguns minutos.
    Parabéns pelo comentário.
    saudações coloradas.
    Marcos.

  • cesar diz: 28 de maio de 2012

    PARABÉNS PELO COMENTÁRIO !!! Concordo contigo, fora a crítica destrutiva mas a
    construtiva é salutar e tem que existir. Não podemos cruzar os braços e ficar aguardando o retorno do time titular para começar a pontuar. OU Simplesmente aceitar a continuidade dos mesmos erros q nos tiraram da Libertadores .É hora de mostrar que temos grupo , os reservas quando chamados tem q dar resposta .Foi o que fizeram no RIO .

  • Rogério Trojahn diz: 28 de maio de 2012

    Concordo plenamente, toda vez que por algum motivo nao conseguimos a vitoria ou algum resultado positivo, a imprensa gaucha quer crucificar o dorival ou quando tem um resultado acima do esperado e tem algum fato secundario esta tem qeustao de dar mais impoprtancia ao fato secundario do qeu o resultado obtido, bom gostaria de salientar que nao tem nenhum tecnico competente hoje para o cargo no internacional e o dorival e competente o sufciciente…para levar o titulo.

  • Eduardo Klock diz: 28 de maio de 2012

    Enfim, alguém pensa como eu, aff…
    Não tem crise, podem parar de procurar.
    O Inter entrou no engenhão totalmente desfalcado para enfrentar o Flamengo, que mesmo em crise, ainda é o Flamengo.
    Tivemos falhas individuais, que não poderiam acontecer, mas aconteceram, paciência.
    Temos que renovar a zaga urgentemente, sob pena de perdermos pontos que farão muita falta no final.
    Saudações Coloradas

  • Juliano diz: 28 de maio de 2012

    Thedy! Assisti o jogo. Concordo contigo plenamente. Mas acrescetaria e ressaltaria a teu comentário o seguinte: – as DUAS falhas do Índio (e não uma). A do penalte/gol e aquela outra do quase gol (espetacular defesa do Muriel!), quando o W.Love deixou a bola passar por suas pernas e pelas do Índio tb. Não dá mais pra aturar isso!!!!
    Outro ponto, não somente em relação a esse jogo, é a quantidade INDUSTRIAL de gols que o Inter leva SEMPRE por falha GROSSEIRA/INFANTIL (individual ou coletiva). Acho que a maioria dos gols que tomamos tem essa característica. E isso não é de hoje, do Dorival. Vêm de longa data! Não tenho estatísticas/números, mas a impressão que tenho é que no nosso caso, a quantidade de gols tomados desse “tipo” é bem maior do que a dos demais times. Também comparativamente, a grande maioria dos gols que fazemos não têm essa característica. Ou seja, para fazermos um gol o trabalho sempre é árduo… pra levar gols sempre é fácil, por falha grosseira.
    []s

  • Dilson diz: 28 de maio de 2012

    E você ainda tem que ler: “…o Inter até jogava bem, mas o esquema chama derrota tem o dom de chamar assim mesmo…”. Será que precisa estudar jornalismo para fazer um comentário destes?

    Onde saiu isso? Aqui?

  • Juliano diz: 28 de maio de 2012

    Thedy! Concordo contigo plenamente. Mas acrescetaria e ressaltaria a teu comentário o seguinte: – as DUAS falhas do Índio (e não uma). A do penalte/gol e aquela outra do quase gol (espetacular defesa do Muriel!), quando o W.Love deixou a bola passar por suas pernas e pelas do Índio tb. Não dá mais pra aturar isso!!!!
    Outro ponto, não somente em relação a esse jogo, é a quantidade INDUSTRIAL de gols que o Inter leva SEMPRE por falha GROSSEIRA/INFANTIL (individual ou coletiva). Acho que a maioria dos gols que tomamos tem essa característica. E isso não é de hoje, do Dorival. Vêm de longa data! Não tenho estatísticas/números, mas a impressão que tenho é que no nosso caso, a quantidade de gols tomados desse “tipo” é bem maior do que a dos demais times. Também comparativamente, a grande maioria dos gols que fazemos não têm essa característica. Ou seja, para fazermos um gol o trabalho sempre é árduo… pra levar gols sempre é fácil, por falha grosseira.
    []s

  • cesar augusto diz: 28 de maio de 2012

    Olá Thedy.Sou COLORADO SEMPRE,e tenho certeza q vc tbem o é!!Mas me permito discordar em algumas partes deste teu comentário, lúcido como sempre.
    A questão dos erros do Indio/Moledo fazem parte de um contexto de futebol.Mesmo bizarros como o do penalti,são até desculpáveis se vc olhar TODO o contexto.Atrasada de bola na fogueira,etc,etc.jOGAR COM 3 volantes nào acho o grande problema,O q me deixa DESESPERADO é ver Elton/jOSIMAR no time em detrimento a um Jogador de SELEÇÃO ARGENTINA como Bolatti!!!!!!!!!Acho q Bolatti ,hj,é reserva de S.Silva e Guina ,mas TERCEIRO RESERVA???? POR FAVOR,POR FAVOR.Elton é muito RUIM e Josimar(q ressuscitaram não sei pq e da onde)é PIOR.Bolatti é pior q eles??DU VI DO!!!!!Esta é a primeira PATACOADA deste Dorival!!
    O resultado SERIA fantástico no Fla do ano passado,NÃO ESTE FLA, q está todo estropiado!!Esta é a leitura q um BOM técnico tem q fazer!!!!!!!!!!Ganhar de quem está desorientado.Mas ele vai com um time MAL escalado e com medo!!! A questão Nei é curiosa.Este rapaz entrega jogos desde sempre.Não sabe fazer um cruzamento,(cite DOIS q resultaram em gols do Inter de Agosto do ano passado ate agora??? – Não tem!!!!!) é uma AVENIDA,todos passam por lá,atrapalha o time ( se estivessemos com 10 ,sem este rapaz,teriamos vencido por 3×2,certo?).Ele NÃO PRODUZ!!!
    Jo teve inúmeras chances no time,mas Winck,Diogo não tiveram as mesmas chances PQ?? Este Sr não vê q o Nei serve p/o AParanaense,Cearä,Gremio,PPRETA.TIMES DE SEGUNDA LINHA !!!!!!!Mas não ao Inter??Pq ninguem faz oferta por ele??
    Concordo q não temos q fazer terra arrasada e q a maioria da imprensa quer ,de todas as formas, ëmparelhar’a disputa dos birebaixados conosco.Isso nào extingue fragilidade tecnica do Sr Dorival,na minha opinião.
    Foret abraço.

  • Gilberto diz: 28 de maio de 2012

    Antes de qualquer coisa, não to aqui pra malhar. Nem gremio nem inter jogaram baitas partidas. Alias, ambos foram ajudados pelos arbitros (Gilberto e Nei). Mas o que to achando exagerado é essa conversa de “desfalques” pro lado do inter. Ora, Jo e tinga são cartas fora do baralho, nao contam, assim como Mario fernandes nao conta pro grêmio. Jajá é reserva, bom reserva, mas reserva. Então inter jogou sem 4 titulares (DAle, Damião, Sandro e Oscar). Mas o que mais se ouviu na midia foi que o inter ia jogar desfalcado, que é dificil assim não sei o que la. Ora, o grêmio jogou com o mesmo numero de desfalques titulares (Werley, Julio Cesar, Edilson, Kleber). Se for pra contar Jajá no inter como desfalque, entao pro gremio tava pior ainda, adiciona Marquinhos, Bertoglio e agora Miralles na conta.

    Contra o vasco foi pior, 4 titulares jogando, um deles no gol. Não to entendendo tanto lamentação só de um lado, e do outro não.

  • Paulo Lopes diz: 28 de maio de 2012

    Thedy
    Concordo com a maioria da sua manifestação, mais específicamente sobre termos jogado mehor e tido inclusive oportunidade para conquistar a vitória.
    Mas quanto a Dorival, discordo. A escalação de três volantes foi e sempre será um erro. Volantes em pencas não signficam segurança, mas postura retraida. Dos três que começaram o jogo, o único que chega próximo à area adversária é Guiñazu, que quase nunca chuta a gol e quando o faz, chuta mal. O restante dos volantes escalados é para chamar o adversário mesmo. Tanto que com três volnates estávamos perdendo por diferença de dois gols. Quando o time equilibrou, e isso é mérito do treiandor, empatamos e podíamos ter ganho o jogo.
    Nao gosto de escalação cautelosa. Se é para perder que seja peleando, afinal, covardes não vão ‘prá’ história.
    Acho Dorival um bom treinador, mas ele não pode deixar o Inter sem poder de fogo. Afinal ele chegou com fama de ofensivista e hoje imita o Roth.
    Quero ser campeão. E só o seremos com coragem e ousadia.
    E reclamar do que parece errado é natural, liberdade de expressão. Afinal, nem eu, nem tu, ou “nenhum de nós” é chapa-branca. Criticar é do jogo. E é para melhorar.
    Rumo ao Tetra!

  • Paulo Lopes diz: 28 de maio de 2012

    Thedy
    Concordo com a maioria da sua manifestação, mais específicamente sobre termos jogado mehor e tido inclusive oportunidade para conquistar a vitória.
    Mas quanto a Dorival, discordo. A escalação de três volantes foi e sempre será um erro. Volantes em pencas não signficam segurança, mas postura retraida. Dos três que começaram o jogo, o único que chega próximo à area adversária é Guiñazu, que quase nunca chuta a gol e quando o faz, chuta mal. O restante dos volantes escalados é para chamar o adversário mesmo. Tanto que com três volnates estávamos perdendo por diferença de dois gols. Quando o time equilibrou, e isso é mérito do treiandor, empatamos e podíamos ter ganho o jogo.
    Nao gosto de escalação cautelosa. Se é para perder que seja peleando, afinal, covardes não vão ‘prá’ história.
    Acho Dorival um bom treinador, mas ele não pode deixar o Inter sem poder de fogo. Afinal ele chegou com fama de ofensivista e hoje imita o Roth.
    Quero ser campeão. E só o seremos com coragem e ousadia.
    E reclamar do que parece errado é natural, liberdade de expressão. Afinal, nem eu, nem tu, ou “nenhum de nós” é chapa-branca. Criticar é do jogo. E é para melhorar.
    Rumo ao Tetra!

    Caro Paulo!
    A discussão é sempre bem vinda! Como disseste, é para melhorar!
    abs
    TC

  • Héctor Palomino diz: 28 de maio de 2012

    Não bastasse o grande talento musical, vc ainda nos brinda com textos maravilhosos sobre o nosso glorioso COLORADO. Parabens Thedy pela iniciativa e pelo desprendimento de dedicar horas preciosas do seu tempo neste projeto que com certeza já é VITORIOSO pois é COLORADO.

  • Eduardo diz: 28 de maio de 2012

    Thedy, impressionante a tua leitura do jogo. É exatamente como as coisas ocorreram. Parabéns, melhor comentário, copia fiel do jogo! Colorados leiam com atenção esta matéria antes de sair malhando todo mundo,como alguns colorados cegamente apaixonados fazem, influenciados pela mídia que não entende nada ou tem segundas intenções! Saudações campeão do mundo verdadeiro!!!

  • Eduardo diz: 28 de maio de 2012

    Thedy, impressionante a tua leitura do jogo. É exatamente como as coisas ocorreram. Parabéns, melhor comentário, copia fiel do jogo! Colorados leiam com atenção esta matéria antes de sair malhando todo mundo,como alguns colorados cegamente apaixonados fazem, influenciados pela mídia que não entende nada ou tem segundas intenções! Saudações campeão do mundo verdadeiro!!!

  • Eduardo Colorado Criciúma diz: 28 de maio de 2012

    Comentário a meu ver irreparável, retratando o que também vi do jogo, do momento de desfalques, e do interesse não sei de quem de arrumar uma “crise”, só completaria, com a velha rivalidade, perguntando se o rival tivesse empatado nas circunstancias de: escalação, adversário e escore, qual seria o foco do Guerrinha, Saraiva, Brito e outros menos anti colorados.

  • Mauro carteiro diz: 28 de maio de 2012

    mestre Thedy concordo em grande parte com você

    não sou adepto de um esquema específico, o importante é que seja eficiente e competitivo.
    podemos jogar com tres volantes, mas eles tem que chegar na frente também.
    mas para mim o que é mais determinante é a força de vontade do time, a gana, é isso que ganha jogo!!!!!!!!!
    1º) no lance do primeiro gol do framengo, o senhor elton ( o mesmo que roubou a bola do dentuço no gol do empate) teve a chance de roubar a bola de leo moura ou evitar o cruzamento e ficou acompanhando passivamente a jogada( um volante não pode ser sem sangue), resultado; a bola foi cruzada e a zaga tirou para escanteio.
    2º) se alguém não se lembra, o dentuço cobrou dois escanteios e no primeiro quase fez gol olímpico, no segundo cobrou da mesma maneira e não ficou ninguém no primeiro pau para tirar ( o que damião sempre faz) e saiu o gol
    .
    No segundo gol o maior zagueiro da história colorada Ìndio deu uma pichoteada das grandes, tinha que dar um bico para qualquer lado

    no terceiro foi um erro coletivo,mas é muito erro para um jogo só, mas valeu a reação colorado.
    galera vamos cobrar e incentivar esse time que esse é o caminho para o tetra, e desse ano não passa.
    obs: sugiro você thedy par o blog colorado da globo.com

    Caro Mauro!
    Obrigado pela indicação.
    Faço apenas o que julgo necessário para que tenhamos discussões qualificadas a cerca de nosso Inter!
    Abração
    TC

  • Colorado Passo Fundo diz: 28 de maio de 2012

    Caro Thedy…achei brilhante este teu comentário….simples e direto. A imprensa gaúcha tem sistematicamente tentado salientar apenas os problemas relativos ao INTER….é jogador com mau comportamento, manchete de primeira página, discussão em campo, nova manchete, estádio e tentativa de interdição absurda, mais manchete, treinador acertando….sorte, acaso… errando, incompetência, falta de comando….em compensação, para o outro lado, tudo é glória e sucesso, pouco importando se até agora só jogaram com times de seghunda linha….é o recorde do treinador, mais uma marca histórica….e assim por diante….não sei o porque destas coisas acontecerem aqui no nosso estado, mas a turma da crônica esportiva adora mesmo plantar crises, problemas e situações desconfortáveis onde muitas vezes não existe….ou se ocorrem, tentam fazer uma tremenda tempestade em copo dágua…. não sei o real objetivo…mas é complicado conviver com este tipo de análise derrotista e sem critério…Saudações Coloradas..!!

  • JULIANO diz: 28 de maio de 2012

    Discordo de sua análise, entendendo que no primeiro tempo, por conta do esquema equivocado do treinador, o Inter criou pouquíssimo e escapou de tomar mais. Mas cada um tem a sua opinião.
    Por outro lado, vejo que já são muitos casos de “indisposição” de jogadores com o treinador, e tem sido EXPLÍCITAS. Acho que não é muito normal, principalmente no Inter, onde se vê pouco isso.
    Você não acha, por outro lado, que o técnico está exagerando no animus de punir? Tem insistido em punir o próprio time! Se o cara descumpre regras, que seja colocado em regime de concentração integral, que fique treinando mais do que os outros, que tenha um desconto no salário, mas não punir O TIME, penso eu.
    Outra coisa, e o BOLATTI? Jogador da seleção argentina? Joga menos do q Elton e Josimar? Pegou no pé do cara, sim.

    Concordo que esse conceito de punição do Dorival é bastante discutível, para dizer o mínimo.
    Quanto ao Bolatti, a explicação só pode estar no comportamento nos treinos…
    Abs
    TC

  • paulo andré diz: 28 de maio de 2012

    Tenho sido defensor do Dorival Jr nesse e em outros blogs, então me sinto a vontade de concordar com o blogueiro! O DJ tem tirado leite de pedra, inclusive encarou uma Libertadores sem o elenco completo, eu nunca vi uma coisa dessas! Até o momento os dirigentes ficam só na promessa de contratos hipotéticos, até o Alexandre Pato apareceu como possível contratação! Em meio a tudo isso, o DJ segue fazendo seu trabalho, improvisando como pode, o que mais ele pode fazer? Queria que os criticos apontassem um substituto para o DJ disponível no mercado! Dunga? Tão de brincadeira, nunca dirigiu um time de clube de futebol, seria uma aposta! deixem o Dorival trabalhar, e direção do Inter, fale menos e contrate, urgente!

  • Édson Machado diz: 28 de maio de 2012

    Muito bom este seu post Thedy. Conseguiu colocar de forma imparcial uma bela visão da partida. Concordo com todo teu texto. Meus Parabéns!!!!

  • Daniel diz: 28 de maio de 2012

    Muito bom esse seu comentario, temos que apoiar a equipe que vem fazendo das tripas coração pra poder honrar as cores desse clube…ou então me digam qual equipe jogaria de tal forma sem 8 jogadores indiscutiveis???

  • Mauro diz: 28 de maio de 2012

    Parabéns Thedy , o teu comentário está perfeito.
    Eu acho que estes caras da crítica permanente ao Inter(RBS) pensam que a gente é burro e não vê as coisas. Eles estavam preparados para criar uma crise maior, se houvesse a derrota do Inter, como não houve seguiram com a pauta, mas com uma crise menor que eles tratam de super-valorizar.
    O pior é que tem uns torcedores que entram nesta armadilha e ficam corneteando o clube, não reconhecendo os méritos destes últimos 10 anos maravilhosos de superioridade arrasadora, que “uns e outros” tentam equilibrar o que não tem a menor possibilidade de igualdade.
    O teu blog é disparado o melhor blog sobre o Inter.
    Saudações coloradas! Abraço, Mauro.

  • gilmar diz: 28 de maio de 2012

    Respondendo sua pergunta: Sim existe. Infelizmente você não quer enxergar o óbvio; Dorival está há vários meses no Inter e até agora nosso time não tem mecânica; continua insistindo com jogadores que não tem condições ou estão em má fase; repete erros, ou seja, todos sabiam que o esquema com 3 volantes atrai o outro time para cima e o time fica sem uma articulação meio campo-ataque, exatamente o que aconteceu; contra o Santos foi assim, mas nosso técnico insiste; não adianta dizer que não havia jogadores para substituir os que não estavam, pois no segundo tempo vendo a “cagada” (de novo) que havia feito, resolveu equilibrar o time; como um time com 3 volantes toma 2 gols; como este técnico insiste com Indio; como insiste com Nei; enfim Dorival e a direção punem o time não os jogadores; não é questão de terra arrassada, mas sinceramente com a cabeça deste técnico e direção novamente não iremos conquistar o brasileirão.

  • Ademar Garcia diz: 28 de maio de 2012

    Caro Thedy,

    Concordo em numero, genero e grau com teu comentário.
    Ainda bem que o Jornal Zero Hora tem um cara assim, que pensa como o torcedor mais simples.
    Ontem depois do jogo a primeira coisa que o reporter perguntou para o Fabricio e nos comentários da radio gaúcha o assunto principal era a discussão do jogador com o treinador.
    Bem que poderiam deixar essas picuinhas de lado, não é mesmo? – Parabéns
    Ademar

  • FLAVIO diz: 28 de maio de 2012

    eterno defensor do dorival….. o santos mandou o dorival embora pq o msm só queria saber de punir jogador. até que chegou a vez do neymar…. foi-se o dorival…… no atletico mineiro o homem voltou a punior os jogadores e o time era o ultimo no brasileiráo de 2011… foi-se o dorival e o atletico saiu rapidinho da degola.
    no inter ele teve a capacidade de punir o tinga e dagoberto em um jogo que era o jogo para o inter….. mas antes de punir ainda ficou uma semana falando que o neymar era imarcavel… era o bicho…..entáo ele deixou o inter sem tinga e sem dagoberto e sem marcar o neymar… e neymar deitou e rolou e o dorival provou que o neymar era imarcavel… até que UM TECNICO DE FUTEBOL, do velez, colocou um guri de 19 anos para marcar o neymar e em 2 partidas o tal de neymar náo fez nada.
    portanto meu amigo puxa do dorivaL , eu acho que o DORIVAL DEVERIA SE PREOCUPAR COM TREINOS DE FUTEBOL OU PEDIR O BONE E PICAR A MULA.

    A minha pergunta é uma só: Qual a necessidade de desqualificar a discussão me chamando de “puxa do Dorival”?
    Será que não podemos divergir sem que se tenha que lançar mão desse tipo de coisa?
    Dureza…

  • Maldonado diz: 28 de maio de 2012

    Cara, gosto muito de seus comentários pois possuem um cuidado de serem coerentes, porem algumas observações tem que ser feitas. Não vou entrar no mérito dos 3 volantes pois a ultima e trágica vez que utilizamos esta formação não precisa lembrar o que aconteceu na Vila Belmiro, mas como vc mesmo menciona estavamos bem, mas se EU sou o Bolati peço ao Fernandão o meu chapéu e vazo do Beira Rio, ser reserva do Sandro Silva e do Guinazu ok, mas do Elton e do Josimar????? EU IRIA EMBORA, pois o Bolati joga muito mais que os dois. Outra ponto, punir o JAJA e deixando o cara em POA, enquanto a equipe estava sem pessoal nem para encher o banco???? AI na segunda acaba a punição do cara e ele volta a treinar????? Então porque não acabaram isto 5 dias antes e ajudaram o clube???? Pois não precisaria entrar com esta formação e com ELTON E JOSIMAR JUNTOS!!!!! Muita INCOERENCIA!!!!! Abraço.

  • Rafael Bronzatti diz: 28 de maio de 2012

    Boa Noite Thedy, acompanho teu blog e tantos outros aqui do clic e de outros sites também. Colorado de pai e mãe torço de longe pelo meu Clube e mesmo a mil km de Porto Alegre (hj moro em Dourados/MS mas nasci em Cruz Alta) sou sócio e mantenho minha mensalidade em dia. Faço esta breve introdução para dizer o seguinte, na minha humilde opinião neste jogo de sábado o Dorival mostrou o quão bom técnico ele é. Se não vejamos, conseguimos, sem OITO titulares, um empate com o Flamengo titular, perdendo de 3 a 1 com brigas em campo e fora dele. Colorados, em nada passa por Dorival os gols que sofremos e sim pela nossa direção que, inexplicavelmente não encontra zagueiros de qualidade para o Inter, como pode um cluve querer ganhar libertadores e campeonato brasileiro com apenas 3 zagueiros no elenco e destes dois sabidamente sem condições de titularidade.
    Thedy, parabéns pelas tuas colocações, sempre sensatas, e antes que digam que estamos puxando saco do Dorival, analisem nosso plantes, nossos desfalques e me digam com convicção, qual treinador hoje faria trabalho melhor? Temos padrão de jogo, mesmo com reservas, Oscar e Damião na seleção atuaram como no Inter e foram elogiados por toda a imprensa que reconheceu que o Inter é um dos poucos times que marca a saída de bola do adversário, claro que nem sempre joga assim, mas isso é treinado e leva-se tempo para implantar qualquer tipo de cultura, ainda mais no futebol.
    Por fim, estamos bem servidos de Técnico, goleiro, meias, atacantes, nos faltam zagueiros e laterais de qualidade.

  • Rafael Bronzatti diz: 28 de maio de 2012

    Boa Noite Thedy, acompanho teu blog e tantos outros aqui do clic e de outros sites também. Colorado de pai e mãe torço de longe pelo meu Clube e mesmo a mil km de Porto Alegre (hj moro em Dourados/MS mas nasci em Cruz Alta) sou sócio e mantenho minha mensalidade em dia. Faço esta breve introdução para dizer o seguinte, na minha humilde opinião neste jogo de sábado o Dorival mostrou o quão bom técnico ele é. Se não vejamos, conseguimos, sem OITO titulares, um empate com o Flamengo titular, perdendo de 3 a 1 com brigas em campo e fora dele. Colorados, em nada passa por Dorival os gols que sofremos e sim pela nossa direção que, inexplicavelmente não encontra zagueiros de qualidade para o Inter, como pode um cluve querer ganhar libertadores e campeonato brasileiro com apenas 3 zagueiros no elenco e destes dois sabidamente sem condições de titularidade.
    Thedy, parabéns pelas tuas colocações, sempre sensatas, e antes que digam que estamos puxando saco do Dorival, analisem nosso plantes, nossos desfalques e me digam com convicção, qual treinador hoje faria trabalho melhor? Temos padrão de jogo, mesmo com reservas, Oscar e Damião na seleção atuaram como no Inter e foram elogiados por toda a imprensa que reconheceu que o Inter é um dos poucos times que marca a saída de bola do adversário, claro que nem sempre joga assim, mas isso é treinado e leva-se tempo para implantar qualquer tipo de cultura, ainda mais no futebol.
    Por fim, estamos bem servidos de Técnico, goleiro, meias, atacantes, nos faltam zagueiros e laterais de qualidade.

  • Heloísa Pires diz: 29 de maio de 2012

    Fecho contigo!…Admiro a tua coragem!…Parabenizo a tua sinceridade!…E é por isso é que eu gosto de tí!…És um verdadeiro torcedor!…SSSSSMAAAAK!!!

    :0)

  • Heloísa Pires diz: 29 de maio de 2012

    Thedy!…Um conselho de amiga. Nunca entres nessa de considerar mais a quantidade de acesso ao blog da qualidade dos comentários, conforme se vê por aí. Com essa tua maneira de abordar os temas, os idiotas migrarão para outros blogs naturalmente. A princípio, tria-os, sem piedade!…Vamos limpar a área!

  • Heloísa Pires diz: 29 de maio de 2012

    Olha só a qualidade dos comentários acima!

  • Coveiro do Grêmio diz: 29 de maio de 2012

    Prezado Thedy te admiro muito como músico, mas se tú fosses viver de comentarista de futebol tú passavas fome. Como comentarista de futebol você é um ótimo músico.
    Nada pessoal contra ti, mas pareces que vive numa realidade paralela e não percebes os anseios da massa colorada. Diga-me qual o jogo que o inter ganhou que teve o dedo do Dorival. Ele não ganhou de nenhum time grande desde que assumiu o Inter.
    Ele foi contratado para dar um “up” no inter e não o deu. É público e notório que a direção não está feliz com ele e ele só continua, pois não temos opção no mercado.

    Att,
    Luiz Silva

    Caro Luiz!
    Se eu vivo eu uma realidade paralela, basta ler os comentários – mais de 60, que estão logo abaixo do seu – para concluir que não vivo nela sozinho. hehehe
    Acho que a massa colorada, tirando por base os comentários, concorda mais comigo do que com você.
    Não é nada pessoal…
    Abração
    TC

  • Aline diz: 29 de maio de 2012

    “Ele não ganhou de nenhum time grande desde que assumiu o Inter.”Luiz, concordo contigo qto ao Dorival não ter ganho de nenhum time grande, afinal ele ganhou a final do gauchão contra o Caxias depois de ter eliminado o gremio.
    Mas concordo plenamente com o Tedy. A imprensa azul da RBS está tentando minimizar as vitórias do Inter e tumultuar o vestiário, e o Inter cai nessa. As questões disciplinares do Inter tem que ser tratadas internamente e a imprensa que continue babando ovo do Luxemburgo.todos tumultos passados pelo Inter este ano( e estamos em maio), foram super valorizados pela RBS com o claro intuito de prejudicar. E o caso do Kleber que bateu na mulher dele, como ficou? E o Leandro que andava com carteira de motorista falsificada, como ficou? E o penalti no final do jogo contra o Palmeiras que não foi marcado,ninguem viu?
    Sempre digo que o RS não tem força no cenário nacional p.q. existe essa “torcida” dos jornaslistas esportivos daqui. SP e Rio eles “torcem” para o futebol deles em primeiro lugar e depois pelos times.

  • Jonathan.Bagé diz: 29 de maio de 2012

    Já que tu queres defender o Dorival, responde as seguintes perguntas:
    No esquema com 3 volantes e 1 meia ->Josimar é melhor que Bolatti?
    No esquema com 2 volantes e 2 meias -> Josimar é melhor que Fred?

    Se tua resposta for NÃO para as duas alternativas, concordas que o Dorival não passou nem perto do acerto. Logo, tua análise também.

    Abração Thedy.

    Já falei sobre o Bolatti em um comentário abaixo.
    Acho que o Fred, sinceramente, ninguém conhece o suficiente para colocar a mão no fogo… hehe
    Acho que o Josimar é novo e não foi tão mal assim para alguém sem nenhum ritmo de jogo. Deve ter convencido o Dorival nos treinos…
    Abs
    TC

  • Ricardo Prates Morais diz: 29 de maio de 2012

    Teddy, sempre avaliei teus comentários como inteligentes e produtivos, mas hoje não foi possível compreender algumas opiniões tuas.
    1 – Entrar com 3 volantes porque se entrasse com dois meias nao teria como alterar/melhorar depois é a clássica desculpa de quem joga pra não perder apenas e tambem nao tem inspiraçao pra modificar um time/jogo reposicionando seus jogadores ou alterando o esquema.
    2 – O Nei é esforçadíssimo, concordo. No quesito garra ele deveria ser o modelo que os outros jogadores deveriam seguir. Mas não dá…. Ele é muito ruim. E acho que tu não viu o jogo direito. Vou te ajudar. NO primeiro gol ele estava marcando um jogador e quando viu a bola vindo em direçao à área, simplesmente abandonou o jogador e foi marcar a bola (ERRO PRIMÁRIO E INFANTIL QUE OS MEUS NETOS QUE NAO NASCERAM AINDA SABEM QUE NAO DEVEM COMETER). Resultado: o jogador que ele estava marcando marcou o gol (ou participou da jogada, nao lembro direito).
    Depois o esforçado Nei comeu mosca e nao adiantou a marcação, como fez o Moledo, dando condições pro Wagner Love marcar o gol.
    3 – O Inter nao perdeu o jogo porque o juiz nao deu penalti na jogada em que o Nei bota a mão na bola ao tentar se defender de um chute do jogador do Flamengo: penalti clássico.
    Sem falar nas jogadas bisonhas que ele faz no ataque quando tenta passar por dentro do adversario (não tem noção de espaço e tenta driblar o jogador NO MESMO ESPAÇO DO CORPO DO OUTRO) É bisonho. Ou entao quando ele tenta fazer uma jogada de linha de fundo sem noção de espaço novamente. Tem um metro pra fazer a jogada e dá um bago pra frente pra tentar driblar. A bola vai quase na torcida.
    Vou te falar: eu queria muito que o Nei melhorasse. Mas não dá. Ele é no máximo um reserva. NO MÁXIMO.
    Mas concordo contigo quando tu fala que a culpa não é do treinador, ou pelo menos nao é exclusivamente dele. A culpa é da direçao que considra o Nei titular, que nao viu que o Kleber é ex-jogador, que o Elton é outro limitadaço. Josimar e Mauríades nao vou nem falar. E tem tambem a questao do valoroso Indio que eu gosto muito (pelo seu passado no clube é claro) mas que nao dá mais: 37 anos pra zagueiro nao dá. O Bolivar entao eu vou te contar, pra mim é ex-jogador há 3 anos.
    Mas pior ainda é ver uma direçao que comemora a convocaçao do Oscar e do Damião (na ânsia de vender) e depois vai pedir pinico pro São Paulo, que outro dia era nosso inimigo no caso Oscar, pra tentar adiar o jogo por causa dos desfalques.
    Ahhh faça-me um favor.

    Ricardo!

    Com todo o respeito, fica chato o argumento de que “eu não vi, mas você viu o jogo”. Não vou te subestimar, como fizeste comigo.
    1 – Se os esquemas com dois meias não funcionasse ele então, para atacar e vencer o jogo, colocaria mais volantes? Foi essa a lógica de um treinador com evidentes roblemas para montar até mesmo o banco para aquela partida.
    2 – Eu vi e falei das falhas do Nei, não da primeira que vc aponta, mas da segunda. Mas é preciso que as pessoas enxerguem além do campo. Não temos nem sequer um reserva para o Nei. Vamos improvisar um zagueiro no lugar dele?
    3 – Quando Nei cai para fazer o bloqueio da bola ele está quase de costas para a bola: bola na mão. Esse caso é questão de interpretação – todos sabem. Eu também não daria o penalti.
    Concordo contigo na questão do plantel precisar de renovação qualificada e não apenas de apostas na base.
    Abs
    TC

  • Douglas Poletto diz: 29 de maio de 2012

    Eu me admiro de ver a quantidade de ‘colorado’ que tem por hábito criticar por criticar. Chamam Dorival de Burrival, criticam Marcos Aurélio, Josimar, Indio e até o Fernandão. Eu só transfiro uma pergunta: se nosso técnico não é bom, quem é? Falam em trocar o Dorival, assim como falaram as mesmas coisas de Fossati, Roth, Falcão e até de Abel e Muricy. Ou seja, pra quem é CORNETEIRO, não estará bom nunca. Parabéns pelo post TC, extremamente razoável e ponderado.

  • carlao diz: 29 de maio de 2012

    Aleluia, um comentário sobre o JOGO na imprensa, e não tititi de piti de jogador com técnico. O Profesô erra, mas menos do que os profesô anterior, por hora.
    O problema é que parece que os boleiros estão virando as costas pro treinero.
    Espero ou estar errado ou que ele recupere o comando. 2009 de novo não.
    Quanto a esquema, escalação, postura dentro de campo, vou simplificar =
    avisa o Profeso para ele botar o time a jogar igualzinho ao primeiro tempo do jogo contra o Once Caldas no Gigante.
    Tem desfalque? usa o reserva DA POSIÇÃO e treina o mesmo esquema, com variações para situações durante os jogos. Treina faltas, escanteios.
    E deu de mimimi e chororo na coletiva. Não complica DoRival

  • Paulo Brittes diz: 29 de maio de 2012

    Caro amigo Ted>
    Concordo plenamente com os amigos. Renan , Vagner, Rogerio>
    Essa Impressa e muito mas muito tricolor.
    Eles tentan planta crise so no Inter.
    Enquando no lado azul, eles pegan leve. Issso e historico.
    Não e de hoje que isso acontece.
    Imparcialidade e zero com essa tal de RBS.
    Faço questão que publique meu comentario.
    Um abraço !!!!!!!!!!! e vamao vamo Inter!!!!!!! tetra campeão !!!!!!!!!

  • VILSOM ROBERTO FREITAS diz: 29 de maio de 2012

    A IMPRENSA NEM ME PREOCUPA SEMPRE ESTA QUERENDO COMPARAR OS TIMES AQUI DO SUL , O Q ME DA NOJO É ESSA TORCIDA DO INTER Q NINGUEM PRESTA , NADA SERVE TUDO TÁ ERRADO , EA MAIORIA NÃO CONHECE FUTEBOL.

  • felipe ataide diz: 29 de maio de 2012

    como comentarista esportivo vc é um bom artista,vc não sabe nada de futebol,dorival tem cometido erros bisonhos,eu acho ridiculo q alguém entre em campo,esperando tomar um gol,pra depois mudar o esquema,será a vc e outros neófitos não viram o q aconteceu na vila,foi exatamente a mesna coisa,só q desta vez o inter teve sorte e o adversario éra um time combalido com graves problemas interno etc e tal,se o ibson faz aquele gol, o inter teria tomada um goleada de um time q se arrastava em campo,o inter teve foi mta sorte,mas o pior é q pessaos como dorival e vc,nãoi sabem porque o inter conseguiu aquele empate quase heroico,ma seu sei,é q alguns só veem futebol,outros enxergam futebol,esta é a nossa diferença!

    Felipe!
    Vou trabalhar duro para ter essa visão qualificada de futebol que você tem.
    Alguns nascem com esse dom, outros – como eu – são muito limitados e devem dedicar a vida a esta tarefa.
    Um dia eu chego lá, mestre!
    Abs
    TC

  • John diz: 29 de maio de 2012

    O Bolati tem 26 anos, o Josimarzinho tem 24, não é novo não, ele é muito ruim mesmo.
    FORA BURRIVAL

  • Agenor diz: 29 de maio de 2012

    Esquema covarde sim senhor. Não bastou o fiasco do jogo contra o Santos. Não sei se a culpa é exclusiva do técnico ou se alguém da diretoria anda “exigindo” um esquema tão covarde como o de sábado. O certo é que desta maneira não iremos a lugar nenhum. Se as opiniões de que o esquema não era o indicado foram anteriores a partida, não vejo oportunismo nas críticas, apenas a contatação lógica. O resultado em si foi bom, mas poderia ter sido ótimo com um esquema equilibrado.

  • elias diz: 29 de maio de 2012

    Como alguém que se diz colorado, gosta do futebol do nei? É uma desgraça. Dá vontade de chutar a televisão, ou o alambrado. Bota ruindade nisso! Ele não marca. Sua velocidade é sempre linferior a qualquer outro jogador. Quando não sai pela lateral com bola e tudo… Não sabe cruzar, não cabeceia, está sempre a 3 metros do lance, etc. etc. Acho que se entrássemos com 10 em campo seria melhor administrado! E o treinador? Tem espirito de segunda divisão. Não é um ganhador.Éperdedor nato! Quem conseguir torcer até o fim do ano verá. Adeus 2012.

  • LUIZ FELIPE diz: 29 de maio de 2012

    É impossível que se continue aceitando a detestável, omissa e incompetente representação do clube no programa sala de redação da rádio gaúcha. Não existe colorado que se sinta bem representado no programa, porquanto contamos com apenas um defensor folclórico, ético e desinformado lutando contra três representantes astutos, maliciosos e muito ativos do Grêmio.
    O tom da corneta e das ofensas não está padronizado para os dois lados. A rivalidade é tratada de maneira ofensiva pelo lado dos gremistas (incluindo o Davi Coimbra) e extremamente amistosa do lado colorado. A flauta e a corneta são válidas. O excesso e a mentira não. Alterar fatos e interpretar maliciosamente as coisas não contribui em nada para o programa. Nocaute malicioso no clube rival sem qualquer reação dos debatedores do Internacional não acrescenta. Pelo contrário, é tiro no pé. É fuga de ouvintes. É criar asco em quem acompanha.
    Já seria difícil debater sozinho contra três representantes do rival (sendo um enrustido, Davi Coimbra, que é extremamente ativo e malicioso). Mais difícil ainda é realizar tal debate lutando de maneira ingênua, ética e totalmente desinformada.
    A entrada do jornalista David Coimbra representou uma migração de colorados ouvintes. Causou asco, nojo e revolta em todos os colorados com o mínimo de inteligência. O referido cidadão faz tabelas diárias com o ex-dirigente gremista. As coisas do Internacional são tratadas e referidas sob um viés negativo. “O Inter quase perdeu para um time do Egito no Japão”. Não é a vitória contra o Barcelona que serve de referência. A referência é sempre o lado negativo. É a quase derrota. O ilustre jornalista tem a capacidade de dizer sem qualquer contestação que o recém-chegado Fernando é melhor que o multicampeão Guinazu. Jonas é melhor que Damião. Carlos Miguel é jogador completo. Os jogos do Grêmio e os ex-jogadores do clube são tratados como épicos e inigualáveis. O cara equipara os times por causa de resultado em grenal. Até informações erradas são ditas sem qualquer contestação ou retratação. “O Grêmio fez cinco no Palmeiras do Luxemburgo, Edmundo, Evair, etc”. Não aparece ninguém para dizer que o técnico era o Carlos Alberto Silva e os referidos jogadores não jogavam no Palmeiras. Todos os argumentos e participações do referido cidadão são contrárias ao Internacional. São balões inacreditáveis e chutes estratosféricos visando defender o Grêmio. O caso do estádio é exemplo gritante. Falou que o Inter entregaia mais para a construtora do que o Grêmio (qualquer pessoa sabe que não). Falou em placas de publicidade da Arena (Koff detonou ao vivo dizendo que tudo era da Globo). Falou que no caso do Grêmio não tem dinheiro público envolvido (e o terreno doado?). Detonou a Dilma com uma revolta inexplicável por conta da ajuda que deu ao Inter.
    Não precisa maliciar tudo e tentar mudar fatos para ganhar um debate. Vários assuntos do Internacional são tratados de maneira maliciosa e ofensiva. O clube é chamado de sequestrador, pirata. O estádio é chamado de remendo. Jogador que chama outro de macaco não sabe o que é macaco. Vale tudo para o meu lado e tudo do outro é banditismo. Até as ações trabalhistas do Inter foram escancaradas no programa. Se o nível deve ser baixo ao menos que se padronizem as ofensas. Ao menos que se padronizem os debates asquerosos propostos pelos debatedores gremistas. Em cada assunto do Internacional os ouvintes são brindados com interpretações maliciosas, adjetivos excessivos e ofensas gratuitas.
    Os ídolos gremistas são tratados com honras de herói. Ninguém faz referência a pipocada em GRENAL de 5×2. Ninguém fala em soco nas costas de jogador do Palmeiras. Já os ídolos colorados até de vigaristas são chamados. D’Alessandro foi acusado de inventar proposta da China. Foi acusado de mentiroso, de esperto, de malandro. O Mazembe é lembrança constante e os dois rebaixamentos gremistas ninguém fala.
    Não me venham falar que o Guerrinha representa o Internacional. Não existe ninguém mais isento no programa do que ele. O cara já falou que o time dele é a RBS. Brigou com o Falcão. Não contesta nada que é falado pelos gremistas. Participa omissamente do programa sem qualquer defesa, malícia ou enfrentamento. Se ele quer virar comentarista de jornada que largue a função de debatedor. Vai comentar jogos do Grêmio nas jornadas. Não quero ser representado por colorado que é adorado pelos gremistas. O simples fato de agradar a torcida do Grêmio já é sinal de que não debate nada a favor do Inter.
    Minha reclamação não é nem contra os participantes. Minha revolta é com quem escolhe os referidos representantes. Minha mágoa é com quem faz uma composição em que um clube é representado por uma pessoa e o outro é por três. A representação colorada é pífia e só aceita isso quem é colorado masoquista. É preciso melhorar a representação colorada no programa. É preciso um colorado mais informado, ativo e malicioso para padronizar a coisa. O programa está extremamente parcial e isso é culpa de produtores e diretores.
    É inaceitável a rádio colocar ao vivo flauta de rival no meio da jornada esportiva do jogo contra o Fluminense. É inaceitável jornal colocar corneta em manchete após a derrota “Caiu de pé, mas caiu. ACABOU, ACABOU.”

    Luiz!
    Vou encaminhar seu mail a quem de direito.
    Abs
    TC

  • Fábio diz: 29 de maio de 2012

    Acho que eu vi outro jogo, comemorar empate com esse Flamengo. Um time que entra em campo pensando no que vai beber mais tarde. Piada.
    Quanto aos três volantes do Dorival, vou resumir em três atos:
    1º Não funcionou contra o santos;
    2º Não é o esquema em que o inter está acostumado a jogar;
    3º Nem no treino funcionou, conforme veiculado em todos os veículos de comunicação, isso mesmo, NEM EM TREINO.

    Thedy, por favor não enalteça a explicação pequena de um treinador que ficou medroso, que diz que teve que começar com três volantes para ter uma alternativa para buscar o resultado, aí está a própria resposta para o empate, se tivéssemos começado com dois armadores, estaríamos colocando um volante no segundo tempo para segurar a vitória, e não para tentar empatar.
    Outra coisa que eu não entendo, porque o Fabrício, porque? Primeiro, a bola foi nas costas do Índio, segundo, o Nei de novo estava voando, dando condição ao Love.
    Será falta de coragem de encarar quem manda no vestiário?
    Ainda sobre o Nei, acho que não é só tu Thedy que adora esse jogador, pois participou dos três gols do Flamengo, primeiro, deixou o jogador que deveria estar marcando livre para fazer o gol, segundo, quem entregou com certeza foi o Índio, mas quem embrulhou o presente foi o Nei, é só observar quem dá aquele passe no pescoço do Índio, até a minha vó sabe que não se atravessa bola na frente da área, e por último, bom, acho que estava contando as moedas que tinha no bolso, no jogo é que ele não tava.
    Mas Neis, Índios, Bolivars,… não são culpa de Dorival, é o que tem, fazer o quê.
    Mas já que tá na moda é treinar em Eldorado, sugiro 2 semaninhas para o Dorival. Pra deixar de ser CAGÃO, e se alguém aqui tá com peninha, que vá junto. hehe

  • João A. diz: 29 de maio de 2012

    Gosto muito dos teus comentários. Ainda bem que existe pelo menos uma pessoa, nos meios de comunicação, que pensa como eu. Também gosto muito do Nei. O cara tem uma fibra anormal. Por exemplo, quando ele errou o pênalti contra o Caxias ele subiu de produção. Não se abate facilmente. Só uma coisa eu acho que é grave na maneira de ser do Dorival. Se ele vai mudar o esquema do time, porque ele não fecha os treinos e esconde a escalação? O Mano não falou nesta semana que os treinadores odeiam ser surpreendidos? Porque ajudar os outros divulgando a escalação? Mas para surpreender, o Inter deveria fechar mais alguns treinos por semana para que os outros nunca pensem que ele vai trocar o esquema. O Inter tem um jeito de jogar. Mas tem que treinar, escondido, variações. Por exemplo, mesmo aquela maneira de jogar no fim do jogo contra o Flu, no desespero, deveria ser treinada. Mas em segredo. Gostei muito do comentário do Muricy que falou que não gosta de improvisações. Todas as alternativas devem ser treinadas ao máximo. Só que, na minha opinião, em segredo. Para surpreender. O Abel treinou bola parada antes das duas partidas contra o Inter. Ele passou pelo Inter e foram raríssimas vezes que eles conseguiram uma chance de gol na área do Inter. Não precisou. Acho que o Dorival é um bom técnico, mas sem querer parecer arrogante (mas já sendo) me parece que falta um pouco de visão destas questões paralelas à formação e treinamento de uma equipe.

  • elias diz: 29 de maio de 2012

    Me obriguei a voltar, desculpem. Ô Luiz Felipe, coloradão como eu. Me acompanhe em minha rotina- NÃO VEJO NADA DA GLOBO, só os jornais e olhe lá -, incluso a rbs, ai não me incomodo mais. E acredite, não perdi absolutamente NADA. Deixei de ver não foi por causa dos programas gremistas(deveria ser esportivo, mas não são) foi por causa da caseta e planeta que, por mais de 2 anos, que me lembre, colocava os gauchos como veados em TODOS os programas, terças feiras. E tem gente que pelo visto – gosta, pois continuam como clientes dessa corja.

  • Heloísa Pires diz: 29 de maio de 2012

    Thedy. Esse desabafo do Luiz Felipe é uma da melhores manifestações que eu ví até hoje em blog esportivo! Quê espetáculo!…Estou até com inveja. Ele escreveu quase tudo o que eu sempre quis escrever. Ele só não se referiu a algo que aqui eu vou falar, e que te peço que também encaminhe á quem de direito: “Como é que pode ser âncora do programa “Domingo Esporte Show”, o jornalista Luiz Henrique Benfica que há anos é setorista do Grêmio?!…Quando acontece qualquer problema constrangedor no Beira-Rio, permanece aquela dúvida, ficando aquele clima de grande “rolo”, de quase tragéia, sem ninguém para dirimir os acontecimentos. Porém, quando acontecem problemas no Olímpico, está alí o Benfica para desmentir, para esclarecer, para levar tudo “a limpo”, deixando o Grêmio com um bom conceito perante a opinião pública. De outra banda, quando alguém do lado do Internacional participa do programa, tem que ser convidado. Eu já ouví o Benfica dizer que “o Verardi me pediu uma participação no programa”, para isso, para aquilo e para aquilo outro. É fácil. É só encontrá-lo na sala de imprensa do Olímpico e o marketing já está garantido!…É uma vergonha o tratamento diferenciado de cada time da dupla grenal que faz o Grupo RBS!…

  • João A. diz: 29 de maio de 2012

    Li a mensagem de desabafo do Luiz Felipe. Concordo com ele com relação ao Kenny, ao David e ao Guerrinha, apesar de não me irritar tanto. Sinto falta do Ostermann. Muito inteligente e comedido. É um comentarista que faz falta.

  • João A. diz: 29 de maio de 2012

    Li a mensagem de desabafo do Luiz Felipe. Concordo com ele com relação ao Kenny, ao David e ao Guerrinha, apesar de não me irritar tanto. Sinto falta do Ostermann. Muito inteligente e comedido. É um comentarista que faz falta.

  • Heloísa Pires diz: 29 de maio de 2012

    Tentando complementar o que disse o Luiz Felipe, se é que eu tenho condições culturais para fazê-la, o Guerrinha está muito mais preocupado em “faturar” em cima da metade azul do Estado, do que propriamente manter lealdade com o clube que diz torcer, aliando-se ao atrapalhado Kenny Braga para defendê-lo em seus apedrejamentos. Se auto-jactando um cara neutro, o Geurrinha hega a dizer impropérios contra o Internacional, quando quer apontar erros no time. Para o Grêmio ele manda aliviado. Reserva-lhe uma voz pausada, grave, conservando uma fleuma invejável. Para ele, “tudo está errado” no Inter quando o problema é mínimo. O Cacalo e o Sant’ana nem precisam falar. Prá quê gastarem saliva se o Guerrinha gasta a dele por eles. Ficam embevecidos, silenciosos, ouvindo o Guerrinha. Era tudo o que eles queriam dizer. E o Guerrinha sentido que está agradando!…E quando chega às sextas-feiras, então!…É o momento dos orgasmos!… Vêm os gremistas sorteados no programa e leem uns versinhos, dizendo que “o Guerrinha é o cara que eles mais se identificam”. Dia desses, teve um ouvinte sorteado que disse: “Gostaria muito de ter o Guerrinha torcida do Grêmio”. Foi como se um alucinógeno tomasse conta do Guerrinha. Pior que ainda tem colorados trouxas!…Eu ainda quero ouvir alguém pedir ao Guerrinha dar às dicas ao Grêmio para ganhar um grenal!…Parafraseando quem disse que “não deves dar emprego à quem não podes demitir”, caracterizando o nepotismo, eu digo: “não tentes bancar o imparcial, porque vai haver grenal”!…

  • Jonathan.Bagé diz: 30 de maio de 2012

    Cara… Estou pasmo com as palavras do Luiz Felipe. Não o nojento do Scolari, mas o COLORADASSO do comentário.
    TC, tu, grande colorado, culto e dono de um blog de colorado PARA colorado, devia, instantaneamente publicar as palavras do nosso companheiro COLORADASSO como um POST.
    Alá, WIaney, “gremista, diga-se de passagem” que publica e-mail como post quando lhe convém.
    Nesse caso, seria um tapa de luva na historicamente azul e parcial RBS.
    Pois, eu não ouço esse programa há anos, por todos esses motivos. Não leio a ZH por todos esses motivos, não escuto a Gaucha por todos esses motivos. E aposto, que muitos e muitos colorados fazem o mesmo por todos esses motivos.
    Portanto, seria um bem que farias a essa instituição, publicando um post desses, afinal, não foi tu que escreveu…. foi um torcedor.
    Eu como colorado ficaria em êxtase ao ler um POST assim, num veículo de comunicação da RBS, único que me permito usar, já que nele tenho acesso a pensamentos inteligentes de verdadeiros colorados, como tu e o Luis Felipe.
    Abração de um fã colorado que espera pacientemente tu vir a minha cidade para autografar meu mais novo CD do NDN.
    VOLTA NILMAR!!!!!

  • luiz diz: 30 de maio de 2012

    Thedy, tb gosto do NEI, mas não para jogar no meu time. Ele não passa de um sujeito esforçado.
    Na próxima partida observe-o e conte quantas vezes ele consegue passar/driblar o adversário. Vai se decepcionar. Bola com Nei é bola perdida.
    Pelo menos ele parou com a mania de tentar aplicar a meia-lua.

  • luiz diz: 30 de maio de 2012

    Luiz Felipe, pior que o Coimbra é o Cacalo, sujeito pernicioso e baixo nível, sempre pronto a desqualificar o Inter.
    Falou e gritou no microfone que o Inter pirateou o Oscar como se fosse o arauto da honestidade.
    Tem dois fatos do Cacalo que deveriam fazer-lhe calar a boca.
    1) Quando Cacalo era presidente do Grêmio atravessou a contratação, pelo Inter, de um jogador chamado Jacaré. Mediante a reclamação do Inter Cacalo disse que o Grêmio não respeitaria mais o acordo que havia entre os clubes (de não atravessarem os negócios um do outro) porque o Grêmio estava se achando muito grande. Foi pirataria pura.
    2) Wianey Carlet falou no sala de um grenal em que os clubes combinaram de jogar com os reservas. Lá pelo meio da partida, vendo a coisa encruada, Cacalo mandou entrar em campo Paulo Nunes e Jardel, e o Grêmio venceu a partida.
    Wianey contou o caso chamando Cacalo de falcatrua (amigavelmente) e ele, Cacalo, ria orgulhosamente do feito.
    Agora vejam: quem pode rir de ter passado a perna em alguém, de ter descumprido um acordo? Só os desonestos, os picaretas, é isso que esse sujeito é, picareta, e tem voz no sala de redação.
    O Guerrinha chega a ser irritante com sua omissão, e concordo quando o Luiz Felipe diz que eles distorcem os fatos, É uma vergonha, esse programa já foi bom.

  • pedro diz: 30 de maio de 2012

    Sei q o assunto aki nao é este, mas por favor Teddy, Inicie uma campanha “Pra ontem” pra estes babacas da diretoria do inter nao renovar com o indio e com o cleber.Se renovarem por 300 pau por mes com o indio aí então vou ter certeza de 2 coisas: “alguens” ganha a metade do salario do indio e ele é amante de alguem deste diretoria.Tenho certeza disso.

  • pedro diz: 30 de maio de 2012

    Sei q o assunto aki nao é este, mas por favor Teddy, Inicie uma campanha “Pra ontem” pra estes babacas da diretoria do inter nao renovar com o indio e com o cleber.Se renovarem por 300 pau por mes com o indio aí então vou ter certeza de 2 coisas: “alguens” ganha a metade do salario do indio e ele é amante de alguem deste diretoria.Tenho certeza disso.

  • mauro gonçalves soares diz: 30 de maio de 2012

    Thedy,é a primeira vez que comento no seu blog.
    Eu sou da opinião que um time pode jogar com três volantes,mas não pode deixar de jogar com no minimo dois atacantes,e no Inter Dagoberto esta jogando muito recuado.Sou totalmente contrário a esquemas com 5 jogadores no meio e somente um atacante.
    Acredito que o Dourival deveria ter entrado com três volantes,mas com o Guina,Dátolo e Bolatti,o meia de ligação poderia ser o Fred ou até mesmo o Dagoberto,nesse caso o Gilberto jogaria na frente com o jovem centroavante que entrou no segundo tempo.
    Vi o Bolatti fazer grandes jogos com a camisa colorada,principalmente,na época do Roth,depois começou a ser rotulado de lento pleo Falcão e,principalmente,pela imprensa e pelo atual treinador,
    Hoje,Sandro Silva merece ser o titular da camisa 5,mas não existe argumento para deixar de lado o Bolatti,para aproveitamento do Elton ou do Josimar.Vc falou que isso deve ser devido os treinamentos,eu acho que é pessoal.
    Sobre o Dourival,minha modesta opinião é que se trata de um treinador muito fraco,sem capacidade de motivar um grupo,com sérias dificuldades para ver o jogo,retranqueiro e que sempre possui uma desculpa pra tudo.
    Acho que o Inter deveria apostar num treinador jovem,barato e com ligações com a camisa colorada.O Barcelona faz isso.Pra mim quatro bons nomes seriam o Argel,André,Winck e Clemer.

  • Fabio diz: 30 de maio de 2012

    Concordo em gênero número e grau com o comentário do LUIZ FELIPE logo acima. Chega a ser ridículo de tão parcial aquele programa. Um deboche escancarado dos colorados. Um programa que deveria ser neutro, pois propõe um debate é tomado de zombarias, provocações e calúnias ao Inter. E o que deveria “defender” o colorado é digno de pena.

  • Orcil Colorado diz: 30 de maio de 2012

    Caro Luiz Felipe, parabéns por sua manifestação.

    Já tem mais de 4 anos que deixei de ouvir o tal “Sala de Redação”, por que entendo ser um programa dirigido de Gremistas para Gremistas , sendo assim, preferi não perder mais meu tempo com as bobagens que os fanfarrões da segundona dizem durante todo o programa.

    Ouvir opinião da imprensa, só rpa dar risada e/ou ficar com raiva. Prefiro dar minhas risadas por conta própria!

    Abraço e VAMO, VAMO INTEEEEEEERRR!

  • Lilico – colorado delirante diz: 30 de maio de 2012

    BOA NOITE, ESCREVO HOJE COM A CONFIRMAÇÃO DO ACERTO DE INTER E SÃO PAULO NO CASO OSCAR. PARA NOSSA ALEGRIA!!!!…..RUMO AO TETRA NACIONAL!!!! DALHE COLORADO.
    SDS.LILICO

  • Matheus diz: 31 de maio de 2012

    A queixa do Luiz Felipe não me surpreende em nada, desde o anuncio da nova formatação do programa ficou clara a qual finalidade se prestaria, e não vejo como ter sido tudo obra do acaso, não, acho que foi realmente planejado. Qualquer veiculo de informação, ainda mais os de midia direto, exercem e manipulam opiniões e fatos, usam muitas vezes da liberdade de expressão e da desinformação para manipular noticias e fatos e, nas raras vezes que podem ou são contestados (caso do Luiz) utilizam do termo passionalismo para justificar e desqualificar esta opinião. Não adianta vc mandar a quem de direito interessa, isso não vai alterar as coisas, o que pode e deve alterar isso é justamente o desprezo ao programa, é a falta do nosso ibope que pode mudar esta tendencia. Não escuto, faço questão de não escutar, não recomendo a ninguem, mas tambem não perco meu tempo tentando corrigir o que deveria estar obvio. Não me parece que só o Luiz pense e veja o programa assim, calculo que diretores, gestores, administradores, proprietarios tambem tenham um pingo de simancol, e assim, se deixam como esta, é porque estão de acordo, ou sera que não??

  • Heloísa Pires diz: 1 de junho de 2012

    Plac! Plac! Plac!…Palmas para tí, Thedy!… A-DO-REI a tua manifestação no programa do Marcão!…Hoje, quando ouví o Pelaipe se queixar da direção do Inter quando eles foram no Paraná ALICIAR o Giuliano (sim, aliciar, pois o Dnipro não tinha colocado o Giuliano á venda! E depois de seduzirem o cara com uma baita grana, a diretoria do Grêmio ficou aguardando o Giuliano infernizar a vida do Dnipro!), eu fiquei me retorcendo em casa, lembrando-me do caso do Felipão. Chego a ficar até com dor de cabeça, pois eu não vejo ninguém retrucar um cara desses. Jamais vou esperar pelo Kenny Braga, pois ele não tem presença de espírito para isso. E também não conto com o Guerrinha, pois ele está muito comprometido com a torcida do Grêmio ao se preocupar de passar uma imagem de “imparcial”. Que bom, meu amigo!…Muito obrigada!…Saiu daí, o que eu queria dizer daqui. Estou aliviada! Ufa!

  • TorcedorColorado diz: 2 de junho de 2012

    Cara, concordo completamente com o artigo, eu acompanhei o jogo e o que eu mais gostei de ver foram os comentaristas ressaltarem no fim o fato do Inter ter vencido o flamengo mesmo com 8 desfalques. Momentos como esse é que me dão orgulho de ser colorado.
    Quanto ao Dorival só uma coisa: se ele fosse o treinador no Mundial 2010 teríamos ganho. Até hoje não entendo a escolha do Celso Roth.

  • evandro georg diz: 6 de junho de 2012

    Caro TC, gostaria de parabenizar os comentários do Luiz Felipe, que de certa forma sintetiza os sentimentos dos colorados a respeito desse veículo de comunicação. Há tempos já venho comentando c/ amigos e familiares essa “parcialidade” e essa rivalidade doentia que a RBS vem alimentando, e que na minha opinião apenas foi crescendo desde que colocaram o Cacalo no programa e agora o David. Apenas p/ eles saberem, nós torcedores não somos otários e qdo escutamos seus comentários (sim, pq mesmo não gostando, é importante saber o q andam dizendo), sabemos e entendemos muito bem a “malícia” e a “maudade” que estão nas entrelinhas.
    Desde já, obrigado e parabéns.

Envie seu Comentário