Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

As oito razões para a assustadora queda do Inter

18 de agosto de 2008 40

Os colorados estão tensos, nervosos, sem uma luz clara no horizonte próximo. Pensam apenas na partida seguinte, o Palmeiras, em Porto Alegre. Um jogo emblemático porque o time vai enfrentar os fortes paulistas e, ao mesmo tempo, a ira crescente do povo do Beira-Rio com o péssimo futebol exibido nas últimas semanas.

 

Os fãs mais exaltados que madrugaram nas portas do Aeroporto Internacional Salgado Filho mostraram a mesma indignação que assola meio Rio Grande. Alguns foram mais explícitos do que as boas maneiras mandam, jogaram pipocas no ônibus dos jogadores, mas o futebol faz com que a cabeça das pessoas dê giros estranhos.

A realidade é que o Inter está atolado na sua maior crise de 2008 e um das maiores dos últimos anos. Em 2007, o time ficou em décimo lugar no final do primeiro turno e terminou em décimo no segundo. Fez 27 pontos em cada uma das fases. Hoje, soma ridículos 26.

Eu vejo oito sérios problemas na vida do Inter. Anote, dê sua opinião também:

  1. 1) Os dirigentes resolveram engavetar as regras que definem a boa gestão do futebol e tentaram fazer time novo em pleno andamento do Brasileirão. O resultado é um vexatório décimo segundo lugar na tabela de classificação em 20 rodadas, num total de 38. Erram a mão, o tempo, a reconstrução. Investiram milhões, o novo time ainda não apareceu e a hora da virada troca de data a cada partida.
  2. 2) A saída de Fernandão, líder histórico, deixou um oco no vestiário. Óbvio, é muito difícil encontrar liderança parecida, quanto mais igual. Mas a direção falhou ao não providenciar alguém com características semelhantes.
  3. 3) A contratação de vários jogadores de qualidade insuspeita, mas completamente fora de forma física e longe da realidade das competições. Gustavo Nery, D’Alessandro e Daniel Carvalho, por exemplo, não consegue correr um hora seguida num ritmo de futebol competitivo. Ok, as lesões em série também influenciaram negativamente.
  4. 4) A busca de um preparador físico quase na metade do campeonato mais importante e difícil da temporada. Competente ou não, os meses seguintes vão nos mostrar, ele precisou começar um trabalho em agosto, quase na metade do primeiro turno. Menos por culpa dele, mais pela falta de organização, o Inter não consegue correr os 90 minutos como mandam os melhores manuais da preparação física.
  5. 5) A venda de Renan deixou o clube com um goleiro de 39 anos (Clemer) que a torcida não confia tanto quanto em anos passados. O clube não tem o substituto ao seu alcance. Precisa agora sair correndo atrás de um novo, confiável e definitivo goleiro.
  6. 6) Tite fez 15 jogos com o Inter e ainda não conseguiu repetir o mesmo time em dois jogos seguidos. Atacado por lesões, pressionado pelos novos jogadores, emparedado pelos maus resultados, Tite mudou a cada 90 minutos várias vezes. Tite não era o técnico dos desejos do presidente Vitório Piffero. Foi endossado pelo ex-presidente Fernando Carvalho. O Inter ficou quase duas semanas sem técnico, após a saída de Abel, e ainda buscou um profissional que não era do agrado do presidente, ex-diretor de futebol.
  7. 7) O apressado uso de jovens valores das categorias de base, boas promessas que não conseguiram grandes atuações no time de cima. Ao contrário de experimentá-los aos poucos, durante as partidas, Tite apressou as estréias e os garotos ficaram na obrigação de resolver parte dos problemas. Pegaram um time desestruturado e não renderam o esperado. Taison é o caso mais explícito
  8. 8) Os tropeços em seqüência podem ter um efeito devastador nos grandiosos planos do centenário do clube. Título do Brasileirão é impossível, uma das quatro vagas da Libertadores é quase utopia nos 18 jogos que faltam, 54 pontos. A matemática ainda aceita um posto no torneio continental, mas a performance do time dá mínimo espaço para as calculadoras.

Postado por Zini, Porto Alegre

Bookmark and Share

Comentários (40)

  • Paulo Marcos diz: 19 de agosto de 2008

    ..acho que o indio poderia suprir a ausencia do fernandão o cara mais indicado seria o guinhazu mas o mesmo sofre com a linguagem..a direção e jogadores acharam que eram gigantes, que no papel iria ser igual na pratica, o que não aconteceu..e agora ta nessa bola de neve que parec não ter fim…gostaria de participar do treino e da escalação e ficar a beira do gramado em apenas um jogo…não sei ou eu acho as coisas muito facil..ou algu tem de estranho no beira rio…

  • Luciano Delfino diz: 19 de agosto de 2008

    Pergunta: Estes motivos serão impressos em oito outdoors espalhados pela Padre Cacique? Alguém precisa ler e refletir sobre os mesmos lá no Beira-Rio.

  • Laert diz: 19 de agosto de 2008

    A verdade Zini é que o time envelheceu e continuou em campo.Jogadores como Índio,Clemer,Edinho,Gustavo Nery,Wellington,Magrão,Marcão,etc,não conseguem mais acompanhar a velocidade do futebol de hoje.Poderiam ser aproveitados em um time mesclado com jovens e entrosados.Guiñazu, que tanto elogiam,é um lutador,mas não CRIA NADA.Compare com William Magrão e veja a produção de cada um. Jogar futebol não é só dar botinada, ainda mais no meio campo.É preciso CRIAR também!!!É o que diferencia o William!

  • Paulo Marcos diz: 19 de agosto de 2008

    Zini uma coisa que não da pra intende, por que so no inter acontece isso? Será que tem um sapo enterrado?!a problema de trocas de jogadores foi que o inter havia um plantel de 90 jogadores depois reduziu 60% contratou nomes desconhecidos que chegaram no beira rio e não eram jogadores de linha acabaram dispensados(dinheiro gasto por nada), a venda do fernandão não foi a pior coisa, o fernandão já não estava jogando muito bem a tempos, fazia partidas razoaveis bom que era um lider em campo, onde..

  • Abreu Martins da Silva diz: 18 de agosto de 2008

    Concordo plenamente contigo! Esperaram demais, e tem mais; a saida do Abel,foi planejada c/antecedência,ñ procuraram outro técnico ñ se sabe o prq!Tempo tinha p/procurar outro técnico e preparador fisíco.Parece q.ñ quiseram o amigo do Tite,coisa assim!A saida do Iarlei,q.hoje até faz falta,sem maiores explicações,esta historia está mal contada tbm!Hoje ele está fazendo gols e ajudando o Goias a sair lá debaixo.Passaram até o Inter,fora o Botafogo,e os demais clubes q.estavam na rabeira!

  • Nestor diz: 18 de agosto de 2008

    Vão de novo para Dubai! Vão fazer farra, festança e beberraça em Dubai! Ganham dos reservas de times de luxo da europa e se acham os maiorais. Esta pode ser enumerada como a 9ª causa da fiasqueira?

  • AUGUSTO PEREIRA diz: 18 de agosto de 2008

    Caro Zini, é estranho conversar com VCS DE FUTEBOL.1º O FERNADÃO(era lento)IARLEY(barrava os jovens)Todos foram embora certo? Agora falam que FERNANDÃO ñ tem suplente à altura.Cadê o GRANDE WALTER,GUTO,RAMON,TAISON ñ era por eles que veriam as GRANDES GLÓRIAS? Ñ vem com papo que tem que dar tempo as crianças,pois VCS queriam porque queriam no time estou certo? Quando entraram foi um horror.Agora que se estragou tudo lá vem os sabidos dar palpites,acha paciençia.

  • Pedro diz: 19 de agosto de 2008

    Tem mais um, Zini: Passaram todo 2008 e metade de 2009 festejando Yokohama e Dubai. Quem nunca comeu mel, quando come se lambuza.Títulos circunstanciais não substituem planejamento e organização, mas tem o poder de vedar os olhos dos deslumbrados.

  • gremistão do MT diz: 18 de agosto de 2008

    Não aceitamos outro resuldado que não o da vitoria do Inter sobre o Palmeiras, no beira lago. Tá, certo, um empatezinho também cairia bem. Mas pensando bem , uma derrota seria melhor ainda. Ahahahahah. Dá-lhe Gremio. Que drama para as coloridas, hem? To be or not to be.

  • Tricolor rumo ao tri diz: 18 de agosto de 2008

    Nem dá mais graça falar mal do inter até os argentinos falam, já tô com pena das estrelinhas, só sei que se cairem pra segundona não sobem mais porque não sabem o que é amor a camisa, e isso o imortal sabe e como sabe

  • eduardo diz: 19 de agosto de 2008

    prezado sr.

    vcs são geniais…
    primeiro falavam de que o fernandao estava como um peso e tal…agora falta fernandao.
    perdemos varios jogadores antes e na janela, ai os caras fazem a reposicão de acordo o mercado, ai vem as contratações etc..
    renan pelo preço tem que ir, vcs não dizem que o primeiro mundo leva? fazer o que?
    agora vou concordar somente se alguem falar: O MARCAO É TITULAR E O DANNY MORAES QUE FICOU 7 JOGOS INVICTO E EM UM FALHA FOI PARA GELADEIRA…

  • clovis diz: 19 de agosto de 2008

    O ZINI DIZ QUE SÃO OITO AS RAZÕES – MAS EU CITO MAIS UMA EM DUAS – OS JOGADORES ESTÃO CAMINHANDO EM CAMPO – MENOS O GUINA – PORQUE ESTÃO CAMINHANDO? NÃO É POR FALTA DE PREPARO FÍSICO MAS POR FALTA DE HONRA PARA USAR A CAMISA DO INTER – EU NUNCA VÍ UM TIME SEM PERSONALIDADE E SEM HONRA COMO ESTE – ALÉM É CLARO DE ESCALAÇÃO DUVIDOSA COMO A DO BOLÍVAR – É O QUE SE ESTA VENDO – SÓCI DEIXE DE PAGAR AS MENSALIDADES – O SALÁRIO DOS JOGADORES DEVE SER IGUAL AO DESEMPENHO – TENHO DIT0

  • CARLOS diz: 19 de agosto de 2008

    Não…vc está errado outra vez!!! Não é meio Rio Grande que sofre é só um terço. Vc está esquecendo o Ju e o Brasil Pe…Pq a metade dos gaúchos, comprovado cientificamente, torce para o Imortal!!!!

  • Térbio Hilgert diz: 18 de agosto de 2008

    Zini,sem palavras aqui..belas e bem colocadas as tuas. Algo sobre o Iarlei viria bem..como já comentei no teu blog..a direção é “achologista” e experimental..além de ser omissa e totalitária.

  • Jorge Bengochea diz: 19 de agosto de 2008

    Colocaria mais dois:
    - O Presidente e o Diretor de Futebol superestimaram o time e ainda acham que o ano de 2006 terminou, mesmo tendo desmanchado a equipe e o staff.
    - O Tite é o pastor das “ovelinhas”, sinônimo de uma equipe medorsa e pronta para ser abatido antes do confronto.

  • fausto diz: 19 de agosto de 2008

    ZINI, AINDA BEM Q EM 2009 TEMOS NO MINIMO 2 GRANDES MOTIVOS PARA COMEMORARMOS, O CENTENÁRIO E O OUTRO É MUITO ANIMADOR,HÁ APENAS, SIM APENAS 30 ANOS ATRÁS COMEMORAVAMOS O TRI-NO BRASILEIRÃO O ULTIMO, VEJAM QUE UM TORCEDOR DE 40 ANOS, QUASE IDOSO JÁ, NUNCA VIU O NSS GRANDEINTER SER CAMPEÃO BRASILEIRO. NÃO É FÁCIL SER COLORADO, AINDA QUANDO SE VÊ NO COMANDO UMA DIRETORIA TOTAL PERDIDA EM TODOS SETORES. CONTRATAM E ESCALAM JGADRES PELO CURRÍCULO.PEÇO FAVOR Q O SR COMEÇE A DIGULGAR TB ESTA DE 30ANOS

  • jose luiz gomes diz: 19 de agosto de 2008

    zini, permita-me discordar em parte de tuas justificativas, a janela de agosto impõe aos clubes situação sem saída, entra dinheiro, não tem como segurar jogador, a direção fez o certo colocou peças de reposição de qualidade aos que sairam, quer dizer deu ao treinador opções de reposição….. ( continua )

  • nani oliveira diz: 19 de agosto de 2008

    se dependesse de opiniao minha:d.carvalho,rosinei,bolívar.gustavo exjogador nery,nilmar nao estariam no b.rio.esses caras incomodam pra ir embora,depois ficam com saudade do “feijão brasileiro” voltam,fora de forma,sem a mesma tecnica queos consagrou.falta comando no vestiariio

  • jose luiz gomes diz: 19 de agosto de 2008

    continuação…. ai veio o treinador que o presidente relutou em contratar, preferido era o murici….este treinador conseguiu um bom trabalho de recuperação até o jogo contra o s. paulo, depois entendo que por falta de convicção ou falta de personalidade, desfez a escalação mais equilibrada já vista neste campeonato…sofreu a pressão de jogadores com nome, porém sem preparo fisico adequado, ou devido lesões, ou desleixo profissional, e ai o treinador deveria saber lançar estes nomes aos poucos.

  • Colorado diz: 19 de agosto de 2008

    Todos estes fatos são conseqüência da ausência de Fernando Carvalho, a cabeça futebolística pensante do Inter e da soberba do Pífero (único erro do F. Carvalho…fora das quatro linhas ele errou…). Só não entendo a saída do Fernandão, que se voltasse hoje, ajudaria muito a dar rumo ao grupo (que está sem rumo). Um líder como ele não se acha, simplesmente aparece, e acho improvável que o prórpio F9 sabia de seu potencial de líder ao ser contratado, apareceu com trabalho. Agora só resta orar.

  • Paulo Marcos diz: 19 de agosto de 2008

    ..jogadores estão sem vontade desanimados…ou tentando derrubar treinar..ou tite não esta dando conta do recado..ou esta fazendo propositalmente por ja ter se declarado anteriormente ser gremista (creio que não por ser profissional) e goleiro não intendo pq estão queimando o ricardo ele jogava bem no caxias.
    Melhor escalação 4-3-3 (Ricardo, Bustos,Indio,Sorondo,Gustavo nery, Magrão,Guinhazu,Alex,D` Alessandro,Carvalho,Nilmar (Creio que seria a melhor escalação).

  • Luís Gustavo diz: 19 de agosto de 2008

    Zini. Justiça seja feita. Trata-se de um texto muito bem elaborado. Justo para com um grande jornalista. Franco, direto e, ao mesmo tempo, preocupante para um colorado como este que subscreve.

  • eduardo diz: 19 de agosto de 2008

    prezado sr.

    vcs são geniais…
    primeiro falavam de que o fernandao estava como um peso e tal…agora falta fernandao.
    perdemos varios jogadores antes e na janela, ai os caras fazem a reposicão de acordo o mercado, ai vem as contratações etc..
    renan pelo preço tem que ir, vcs não dizem que o primeiro mundo leva? fazer o que?
    agora vou concordar somente se alguem falar: O MARCAO É TITULAR E O DANNY MORAES QUE FICOU 7 JOGOS INVICTO E EM UM FALHA FOI PARA GELADEIRA…

  • Iberê Comin diz: 19 de agosto de 2008

    Zini, parabéns pelo comentário cristalino, mais uma vez!!
    Concordo com o Carlos Alberto..Sou gremista e vejo que o colorado caiu na mesma cilada do deslumbramento do Grêmio pós era ISL…Após 2001, o meu tricolor só foi ladeira abaixo até se reerguer em 2005.
    Um gestor incompetente é como elefante em casa de louça: pega um time arrumado, quebra tudo e deixa o prejuízo pro clube e torcedores.

  • ricardo lima diz: 18 de agosto de 2008

    comentar o que? o Zini já escreveu tudo! perfeito!

  • edu diz: 19 de agosto de 2008

    Deus me livre!!! Mas essa campanha do Inter está é com cara de segunda divisão. Obra do pior presidente da história do Internacional: Sr Vitório Píffero.

  • Irineu Barcelos diz: 19 de agosto de 2008

    Pessoal,
    Me arrisco a dizer que além da saída de Fernadão e Iarlei que eram grandes líderes, trouxeram atletas de profissionalismo contestável como Rosinei, Gustavo Neri, D´Alessandro e até mesmo Daniel Carvalho. Estavamos melhor quando não tinhamos estrelões.Não temos grupo, o Grêmio cresce porque tem um grupo, no papel é um time mediano.
    Vai piorar quando o Nilmar sair. Não tem ataque e a defesa tem ataques de espasmos (trocadilho).

  • jose luiz gomes diz: 19 de agosto de 2008

    por isso entendo que o maior culpado por essa tragédia que se instalou no beira rio, deve-se em grande parte ao treinador que não soube porque acertou contra o s. paulo, depois jogou covardemente em ipatinga…a seguir enfraqueceu ainda mais o time contra o santos, lançando gurizada para resolver….e o resto a gente sabe…acredito que tite perdeu o controle do grupo e se perder para o palmeiras…deve ser demitido no dia seguinte porque senão vamos disputar a segundona no centenário do clube..

  • Mario Oliveira diz: 19 de agosto de 2008

    Parabens Zine, ate que enfim consegui ler uma cronica nao tendenciosa escrito por voce. Concordo en genero, numero e grau com tudo o que voce escreveu.
    Agora so falto voce imprimir isso e mostrar para o Wianey, para ver se ele aprende.
    Sds
    Mario Oliveira

  • CARLOS ALBERTO DE OLIVEIRA diz: 19 de agosto de 2008

    Perfeito, Zini. Eu acho que o Inter foi campeão da Libertadores e Mundial com méritos, tinha potencial, recursos e muita vontade de ganhar. Mas acho que o Inter não estava preparado psicologicamente para a conquista. É como dar R$ 50.000.000,00 para uma criança administrar. Diferente da conquista de 1975, que pelo ineditismo teve a mesma repercussão, o Inter estava preparado para administrar um aconquista, tanto que foi bi. E em 1979, tri. ACORDA INTER! Não ria nem chore por muito tempo. AÇÃO!

  • Álvaro diz: 19 de agosto de 2008

    Todas os erros da direção nestes 2 anos e uma mudança inexplicável do Tite após o jogo do São Paulo.
    Tite se perdeu ao colocar 3 zagueiros a partir do Grenal. Ele deveria saber que o 4-4-2 é o Inter e o Inter é um 4-4-2. è uma questão de identidade.
    Vi nos íltimos 8 anos mais de 95% dos jogos do Inter e não me lembro de nada melhor que este jeito de jogar. Tite disse que o Inter seria Inter e vinha bem. Quando transformou o Inter em Tite se perdeu. Fora Piffero, este nem de gandula.
    Abç

  • Fabio Castro diz: 20 de agosto de 2008

    Como a proposta inicial da Diretoria, todos acreditamos que o Inter brigaria pelo título. A Libertadores seria consolação, imagine-se o resto. Na verdade houve equívocos de gestão inadimissíveis. A gestão estratégica foi caótica e se têm culpados, eles são exclusivamente a Diretoria, com a total falta de prospectiva. A frustação dos maus resultados é alicerce para o desâmino quanto à novas expectativas.

  • marcelo diz: 19 de agosto de 2008

    O colorado lutará bravamente para se manter na primeira divisão, o que nos conforta, talvez conceguirá. SOU COLORADO E REALISTA: AGORA SÓ EN 2009 PARA TENTAR A LIBERTADORES DE 2010. se alguem duvidar gravem essa msg.

  • JP diz: 20 de agosto de 2008

    É realmente um time destroçado! Time se faz com tempo, apostando como em qualquer atividade, no comprometimento dos seus agentes. Não é o caso do atual Inter. Pelo contrário, uma diretoria (Pífia)totalmente descoprometida com a organização comprou jogadores (mercenários)a rodo, também descomprometidos com a camisa que vestem. Contratou um técnico inepto. Ou alguém acha que o Tite além da boa lábia sabe alguma coisa de futibol? Onde ele estava este tempo todo antes de vir para o Inter?

  • Paulo Mendes diz: 19 de agosto de 2008

    O meu Colorado lutará bravamente…ficaremos na primeira divisão, sem brilho e sem futebol bonito; mas valorosos e decididos a não cair, doa a quem doer….apesar da secação descomunal, da ironia, do sarcasmo dos co-irmãos, dos dedos apontados de escárnio, de uma diretoria incompetente e jogadores apáticos. Apesar de tudo isto, nos manteremos vivos na primeira divisão e ressurgiremos em 2009. Esse paradigma não será quebrado, tenham certeza os irmãos colorados de fé!
    Força, Colorado!

  • Pedro Colorado diz: 19 de agosto de 2008

    “Colorado, colorado… nada vai nos separar. Somos todos teus seguidores, para sempre vou te amar”. Colorados, não será a primeira nem a última vez q vamos sofrer, sentir raiva, decepção… é parte da relação, é parte do amor. Assim, como em 2006, tb teremos inúmeros novos momentos de alegria e vitórias… e ouviremos inúmeras gazelas falando bobagens, mas tudo passa, e logo vem o tempo bom novamente. Acredito em Carvalho, o Gigante está adormecido e está sendo provocado… é esperar e ver!

  • Alfredo Bolla diz: 19 de agosto de 2008

    Pra mim se resume num item só: uma diretoria recalcada e incompetente que vive de glórias de latão, sempre agindo na emergência.

  • Terêncio diz: 19 de agosto de 2008

    Efeito Dubai: O leitor tem razão! Foram prá lá fazer festa, beberraça e lambança. Ganharam de reservas e se acharam os melhores do Brasil. Tá aí o resultado do talho!

  • Everson diz: 19 de agosto de 2008

    Pode ser que não seja o caso do Zini, mas é incongruente citar alguns destes problemas quando a imprensa advogou incessantemente por eles.
    Fernandão era dono do vestiário, agora ele faz falta.
    Tite foi martelado como alternativa pela imprensa, agora não é do agrado.
    Os jovens estavam sendo barrados por Abel, agora é apressado usá-los.
    O preparador físico era desconhecido de Tite, mas o do Tite foi o que desmontou o Grêmio depois da era Tite.
    Renan faz falta, mas estava na Olimpiada antes.

  • Álvaro diz: 19 de agosto de 2008

    Pelo menos o preparador físico Fábio Mahseredjian não era desconhecido do Tite. Trabalhou com ele no Palmeiras e no Corinthians.

Envie seu Comentário