Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

O que o Grêmio espera de Duda Kroeff

19 de outubro de 2008 31

Duda Kroeff é um gremista de verdade. O que é muito, o que é pouco para assumir a presidência do Grêmio. Duda saiu de pai excepcionalmente gremista, o patrono Fernando Kroeff. Duda começou a engatinhar nos corredores do Estádio Olímpico.

O Grêmio o escolheu antes do menino se definir pelo Grêmio. Ele é exemplo da tradição tricolor. O pai adubando o filho, ensinando o caminho azul da vida.

 

Com a morte de Fernando Kroeff, a vaga de patrono se abriu e se fechou ao mesmo tempo. O pai de Duda completou um ciclo, encerrado nos 100 anos do clube. Os patronos não existem mais. Fica a lembrança, a história, a lenda.

No centenário, um clube sempre recomeça, procura novo horizonte. É quase uma obrigação. Foi justamente na gestão dos 100 anos que Duda Kroeff emprestou sua mais recente colaboração ao Grêmio. Ela foi mal (e quem foi bem?), não sozinho, porque fazia parte de um atrapalhado grupo que viu o Grêmio esfarelar-se, desabar no precipício da Segunda Divisão.

Quase quatro anos depois do debacle, Duda Kroeff, agora numa inesperada presidência, deve receber um Grêmio talvez campeão, provavelmente na Taça Libertadores da América e justamente de Paulo Odone, que perdeu a eleição depois de ajudar a refazer o clube com seus companheiros de trabalho. Pouco sei dos planos do novo presidente porque no material de campanha que li, nas entrevistas que ouvi, no Conversas Cruzadas que vi, não absorvi nada de espetacular, nada de profundo. Nada mais do que se ouve todos os dias em conversas com gente envolvida em futebol.

Kroeff está seguro, assegurado, por alguns dirigentes históricos do clube,  experientes e campeões. Kroeff começa no final do ano a gestão da sua vida. Retoma os passos do pai, também um ex-presidente. Todos sabem da sua paixão pelo azul, preto e branco. Poucos sabe do que ele é realmente capaz.

O novo presidente mostrou força nas urnas. A maioria dos conselheiros está com ele, grande parte dos sócios que votaram também. Ele é um presidente legítimo. Vinte e quatro meses, entre 2009 e 2010, devem mostrar o que o guri que cresceu no Olímpico sabe com meio século vida, o que ele pode dar ao Grêmio.

Se ele pode fazer a diferença, oferecer o comando de um presidente histórico, de um filho de patrono. Grêmio campeão é o seu único caminho.Não há outro. Ele sabe.

 

Postado por Zini, Praia de Ibiraquera

Bookmark and Share

Comentários (31)

  • Fernandão diz: 25 de novembro de 2008

    Eu sei o que o Duda Kroef pode fazer pelo Grêmio: contratar um artilheiro, só um, unzinho. É pedir demais?
    Trazer o Fred, da França, seria possível?

  • Felipe diz: 22 de outubro de 2008

    Antônio, Duda não é da “turma do Obino”. A política do Grêmio é dinâmica. Obino apoiou Guerreiro nas eleições de 96, 98 e 2000, contra Cacalo, Saul Berdichevski e Adalberto Preis, respectivamente. Hoje estão em lados opostos. O próprio Odone apoiou o nome do Obino para presidente do centenário.

  • marcio leandro ribeiro diz: 19 de outubro de 2008

    nos torcedores queremos titulos

  • Adelson Elias Vasoncellos diz: 19 de outubro de 2008

    Prezado Zini:
    Além da eleição acontecer em hora errada, conforme o próprio Fábio Koff alertou,com a derrota de Paulo Odone,torcida e conselheiros gremistas cometem um ato de total injustiça para aquele que,quando ninguém queria remar um barco furado,teve coragem e competência para reerguer o clube e recolocá-lo no lugar do qual saiu por incompetência de muitos que agora se aliaram ao Duda,que até pode fazer um administração brilhante, mas isto não apagará a injustiça com Odone. É triste!

  • André diz: 19 de outubro de 2008

    Prezado
    Sou colorado, ou seja, totalmente alheio as coisas azuis. Mas sou um ser político. E penso que a adesão da geral ao canditado do Odone fez com que os outros sócios pendense para Kroeff. O uso político do Grêmio nos últimos anos é evidente. Vejam só as pessoas flagradas na operação Rodin. E todos eles estavam com Odone e Guerreiro, este sim, o que de pior apareceu no futebol gaúcho. Foi ele, e não Obino, que levou o Grêmio à segunda divisão. Penso, até, ser uma boa pauta para a Zero Hora

  • Rudson diz: 19 de outubro de 2008

    MEU GRÊMIO: 4-5-1… 1.Victor, 2.Mattione, 3.Léo, 4. Pereira, 5.Carioca, 6.Réver, 7. Douglas Costa, 8.Magrão, 9.Reinaldo, 10.Theco, 11.Souza. Técnico: Minha vó.

  • Luiz Fernando Lewiski diz: 19 de outubro de 2008

    só espero que o Duda não abandone a idéia da nova arena e que não dê muitos ouvidos ao Cacalo, de resto é torcer como sempre, para o time e para que nova diretoria acerte nas contratações.

  • PAULO TRICOLOR diz: 19 de outubro de 2008

    Em primeiro lugar Duda não deve nada a qualquer outro que fosse concorrente neste momento. Só mesmo Koff, Cacalo, Hélio Dourado e mesmo Odone poderiam confrontar com Duda. E aqui todo respeito a Vicente Martins, não apenas um grande gremista, mas competente.
    Agora, enfrentaram uma dupla forte de Koff e Cacalo, com ajuda ainda de Hélio Dourado. Koff é LENDA entre os dirigentes, o maior VENCEDOR nunca será derrotado em ELEIÇÕES, pois seu nome significa TÍTULO CERTO! Odone errou quando tentou Brito

  • Marcelo Serpa diz: 19 de outubro de 2008

    Que barbada hein Zini… Em Ibiraquera… Pena a chuvarada que deve estar aí também…
    Que responsabilidade para esse dirigente. Boa sorte Duda .
    Vamos GrÊmio!!!

  • Rafael diz: 19 de outubro de 2008

    Legal que tu estás em Ibiraquera, Zini. Meus avós moram em Imbituba, aí do lado!

  • Rodrigo diz: 19 de outubro de 2008

    O significado desta eleição que alguns classificaram como “imprópria, inoportuna” transcende a consagração nas urnas em ambos colégios eleitorais (conselheiros e sócios). A vitória signfica a chegada ao poder da NOVA GERAÇÃO. E o mais importante: a nova geração, tudo indica, será respaldada, orientada, terá a supervisão próxima dos velhos caciques do Grêmio. Acredito em um novo e LEGÍTIMO período de duradoura glória para o Imortal Tricolor. Todas as peças do tabuleiro estão bem posicionadas.

  • JEFFERSON diz: 20 de outubro de 2008

    DESJO MUITA SORTE, MUITA MESMO, POIS TENHO FUNDADO RECEIO DE QUE ESTAMOS À DERIVA! TER A MAIORIA DO CONSELHO O FLÁVIO OBINO TEVE! TER APOIO DO FÁBIO KOFF, O OBINO E O GUERREIRO TB TIVERAM! ME PERGUNTO, PQ O FÁBIO KOFF NÃO CONCORRE, ELE SIM É DE GEANDE VALIA, MAS SUAS INDICAÇÕES? ESTAS NUNCA FORAM, NEM O CACALO FOI GRANDE PRESIDENTE, INDICADO PELO KOFF! DEPOIS QUE A COISA NÃO DÁ CERTO, O SR. FÁBIO KOFF FICA LÁ PELO CLUBE DOS 13, SOMENTE O QUE INTERESSA A ELE. DEPOIS CARA DURA FALAM EM GREMISMO

  • Adriano GREMISTA diz: 20 de outubro de 2008

    Sorte ao Duda.Espero que o Koff continue ao seu lado,não apenas no dia da eleição.Que ele Koff, volte a lutar e defender o Grêmio,seja no tribunal, na CBF, no clube dos 13,etc.E chega de ficar aconselhando o Fernando Carvalho, pense no Grêmio.Acho o Duda pacato demais prá comandar o Grêmio.O VIcente parecia melhor preparado.Acho também uma injustiça o que fizeram com o Odone,ele é político, tem seus defeitos,mas foi ele quem topou assumir o barco que estava afundando em 2005 e reergueu o GRÊMIO.

  • Carina diz: 19 de outubro de 2008

    Como torcedora tricolor espero e desejo que Kroeff faça uma grande administração.Leve o nosso time aos lugares digno e acima de tudo valorize o torcedor que é antes de mais nada a alma tricolor.

  • André Vargas diz: 20 de outubro de 2008

    Comentariozinho de quem estava torcedno por Odone e sua trupe hein Zini????

    André: Torcer em eleição de clube de futebol? Não veja fantasmas onde eles ainda não estão.

  • afonso scher diz: 19 de outubro de 2008

    Duda, a primeira coisa contrate um técnico e verdade e não um entragador de camisetas como o Celso Roth e contratar lateral direito, esquerdo e um centro avante e não um para lustrar as lâmpadas do olímpico estou falando do Morales, quero barabenizar a sua vitória.

  • Roberto diz: 19 de outubro de 2008

    Com a derrota do grupo de Paulo Odone na eleição, e a recusa dele em compor com as demais correntes um candidato de consenso, os vencedores devem aproveitar para colocar Fábio Koff na presidência da Grémio Empreendimentos. Com ele a Arena será, certamente, construída, no prazo e dentro do orçamento.

  • laureci casagrande diz: 19 de outubro de 2008

    No final de 2000 vários ilustres conselheiros do Gremio entraram numa sala e “elegeram” Flávio Obino presidente do centenário.Foi um choque para a torcida.Nesta reunião estava o ex-presidente Cacalo.Lembro que quando Saul e Evandro Krebs saíram logo após a eliminação do Gremio pela Ulbra, o Sr Obino ficou mais de 30 dias procurando um diretor de futebol.Lembram?O unico que foi contra a eleição de Obino abraçou a bronca: Helio Dourado.Espero que os apóiadores de Duda lembrem-se deste fato.

  • Antônio diz: 20 de outubro de 2008

    Nossa! Esse novo presidente é da turma do Obino.
    Credo, lá vamos nós pra 2a. divisão de novo.
    A composição da futura diretoria de ter Rafaéis, Guerreiros, Obinos, etc. etc. etc.
    A nata está de volta.
    E, desta vez vai quebrar mesmo.

  • César Augusto Hoerlle diz: 19 de outubro de 2008

    O q me preocupa é saber se o Duda foi eleito pelas suas qualidades ou por ter o apoio do Koff.

  • Jonas Rafael diz: 20 de outubro de 2008

    Que Deus o ajude. Pra mim, a idéia de manter Roth é preocupante, mas tudo indica que o Martins iria pelo mesmo caminho. A curto prazo não vejo o Grêmio engrenando pelo caminho das conquistas de novo.

  • Cesar Chiele diz: 20 de outubro de 2008

    Não espero nada do novo presidente! Acho que ele não entende nada de futebol e vai ser um fracasso absoluto. Sempre que ouvi ele falar me pareceu um banana sem opiniões definidas. Ou melhor, opiniões mal definidas. Acho que vem aí um novo Obino prá tristeza da nação tricolor.

  • Alcyr Jorge Souto Santiago diz: 20 de outubro de 2008

    Torci muito para candidato do Presidente
    Odone ganhar, pois o Odone tirou o GRÊMIO
    da lama, onde o Sr. Obino o largou, mas
    como GREMISTA, vou torcer muito pelo novo
    Presidente, torcendo para ele escolher
    muito os seus colaboradores, deixando de
    lado os omissos como Obino e os perdulá-
    rios do dinheiro do clube como Guerreiro. Boa sorte, Presidente.

  • Volnei Corbellini diz: 20 de outubro de 2008

    Zini, ninguém é perfeito…alguns torcedores não sabem que o Koff – nosso grande vitorioso, foi dirigente de futebol na década perdida (a década de 70), portanto com derrotas também; o mesmo com o Odone que insistiu em Pelaipe e Krieger e Roth, derrotas também; desejo sorte, mas a simples possibilidade de manter a direção de futebol e o treinador são apavorantes…de qualquer forma os dirigentes sempre passam, quem fica somos nós que pagamos as mensalidades, vamos aos jogos e compramos produtos.

  • Fernando Guimarães diz: 19 de outubro de 2008

    Duda Kroeff estará recebendo de P.Odone uma Grêmio revigorado, provavelmente, classificado a Libertadores. Em sua 1ª experiência como diretor, foi um desastre, mas o Clube já vinha ladeira abaixo. Desta vez não terá desculpas.

  • Papai Papudo diz: 20 de outubro de 2008

    KROEFF ERA DIRETOR DE MARKETING QUANDO PASSOU PELA GESTÃO DO OBINO… O QUE ELE TINHA A VER COM O DEPARTAMENTO DE FUTEBOL, QUE NÃO TEVE PULSO PARA CONTÊR AQUELE BANDO DE VEDETES QUE SE DIZIAM JOGADORES DO GREMIO? DEIXEM O HOMEM TRABALHAR… NÃO VOU COMENTAR SOBRE O VICE DE FUTEBOL DA ERA ISL.

  • joao diz: 19 de outubro de 2008

    não botei fé , mas vamos ver no que que dá

  • Nick Hornby diz: 19 de outubro de 2008

    Belíssimo texto Zini!
    é interessante pensar sobre tradição, herança e passado, em um momento de reformulação do clube, de seu estádio e de sua geração de dirigentes.

    toda sorte do mundo ao “jovem Kroeff”.

  • Luis diz: 21 de outubro de 2008

    Acho que os sócios cometeram uma das maiores injustiças no Grêmio com o Odone, que foi quem assumiu o gigante pepino de cuidar e ressucitar o Grêmio, quando ninguem queria e agora elegem alguem da era Obino, foram atras de Cacalo da vida que sabe falar muito e fazer pouco, porque os titulos que tem são graças ao Koff, porque quando foi presidente ganhou o q????? Mas Odone como gremista sabera perdoar esse bando de sócios injustos,

  • flávio/floripa – socio em dia 112681 diz: 19 de outubro de 2008

    Como torcedor que apoiou Duda espero muita transparência e pé no chão nos negócios do Grêmio. Espero que Koff e Cacalo não só apoiem Duda mas se comprometam com a gestão, pois acho que não exista uma coisa sem a outra. Espero também que Duda não se melindre e abra para sabermos como está recebendo o Grêmio, se estiver bem, ótimo para todos nós e congratulações ao Odone. Se não estiver que se chame a responsabilidade dos que devam explicações. E finalmente, muita atenção com o futebol, só isso.

  • TSalvatore diz: 21 de outubro de 2008

    Só acho que não tinha hoar pior pra fazer uma eleição. Já que fizeram, boa sorte ao vencedor e vamos torcer para ele pensar no Grêmio antes de tudo e de qualquer coisa.e sobretudo usar mais a cabeça do que o coração. Abs!

Envie seu Comentário