Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 9 dezembro 2009

Uma Coreia atrás da linha vermelha

09 de dezembro de 2009 2

Primeiro adversário do Brasil na Copa, dia 15 de junho, a Coreia do Norte é uma nação isolada do mundo real pelo seu retrógrado sistema comunista. Sua seleção, 84ª no ranking da Fifa, empatou em 0 a 0 com o Atlético Sorocaba (SP), do técnico Edu Marangon, 46 anos, no mês passado, em Pyongyang. Foi o primeiro time brasileiro a jogar no país.

O contato dos jogadores locais com o Exterior é quase inexistente. Uma das exceções é o capitão e meia Hong-Yong Jo, que joga na Rússia. A revelação é o goleiro Ry-Miong Duk, do Pyongyang, um dos 11 clubes do país. Ele ficou 671 minutos sem levar gols em 2008. Seus treinadores se especializam no Japão.

Conversei com Marangon por telefone. Ontem, em Sorocaba, ele disse que o adversário tem um preparo físico extraordinário e corre por dois times.

- Eles perdem a bola no campo adversário, voltam correndo, a toda velocidade, para marcar antes da sua linha intermediária.

O ex-meia, que jogou no Torino e no Palmeiras, explicou que a Coreia do Norte, do técnico Kim Jong-Hun, atua com cinco zagueiros em linha, marcando próximo da grande área, com dois volantes de contenção, um meia cuidadoso e dois atacantes velozes.

- É um time rápido, que abusa das bolas longas e das bolas altas. Mas ataca pouco. Prefere marcar. Aliás, todos marcam.

A Coreia do Norte não verá os jogos da Copa pela TV. Seus 29 milhões de habitantes só assistirão aos melhores momentos das partidas caso a seleção consiga algum improvável triunfo. Na Inglaterra, as casas de apostas oferecem US$ 350 a cada US$ 1 investido em caso do título na África.

Foto: Divulgação

Bookmark and Share

Técnico do Rolo Compressor era uruguaio como Fossati

09 de dezembro de 2009 19

Jorge Fossati está para ser anunciado como o novo técnico do Inter. O uruguaio vestirá o abrigo vermelho por US$ 100 mil mensais.

Não deu Luxemburgo nem Muricy. Veio Fossati, nome que agradava ao torcedor e ao blogueiro.

Guilherme Cunha, leitor do blog, lembra uma feliz coincidência, para os colorados: na época do Rolo Compressor, o técnico também era um uruguaio, Ricardo Diez. Diez comandou o Rolo Compressor de 1941 a 1944.

Bookmark and Share

Para Kroeff, 2010 será o ano de Douglas Costa

09 de dezembro de 2009 6

Empresários mexicanos insistem para ter Douglas Costa imediatamente. Ofereceram US$ 6 milhões à vista. Duda Kroeff nem alongou a conversa telefônica. Achou o valor uma ninharia.

O presidente acredita que 2010 será o grande ano do garoto, que deve vestir a camisa 10 azul.

Suas participações na Seleção Sub-20 e na reta final do Brasileirão foram promissoras. Douglas Costa só depende de Douglas Costa daqui para frente.

Foto: Mauro Vieira

Bookmark and Share

Fossati ou Muricy?

09 de dezembro de 2009 45

Wanderley Luxemburgo queria dois anos no Inter. Carvalho ofereceu um, pois a sua gestão termina em 2010. Não deu negócio. O Atlético-MG vai pagar quase R$ 500 mil pelo técnico.

Os colorados não
se mostraram tristes. Preferiam Muricy. Depois da saída de Jorge Fossati do comando da LDU, o nome do uruguaio também ganhou a simpatia dos vermelhos.

Em 24 partidas no Palmeiras, Muricy Ramalho, salário de R$ 450 mil a cada 30 dias, nunca repetiu a escalação. Obteve nove vitórias, sete empates e oito derrotas. O aproveitamento foi de 47,2%. Em quatro meses, ele oscilou em esquemas táticos que desagradaram a jogadores, torcida e diretoria. Só com Muricy, Vagner Love e Edmílson, o Palmeiras gasta mais de R$ 1 milhão mensal.

Fossati deixou a LDU após o time não conseguir vaga para a Copa Libertadores. Mesmo com esse insucesso, em 2009 faturou a Recopa, sobre o próprio Inter, e a Copa Sul-Americana. A primeira passagem pela LDU foi em 2003, quando conquistou o campeonato nacional. Fossati conhece o futebol brasileiro, pelo menos como jogador. Ele foi goleiro do Avaí (1987 e 1988) e do Coritiba (1989 e 1990).

O Palmeiras não deve liberar Muricy. Fossati está desempregado. O uruguaio é uma boa opção. Conhece a América, os atalhos da Libertadores. E é mais barato.

O colega Nando Gross fez uma enquete, ontem, no Hoje nos Esportes, da Rádio Gaúcha. Os colorados pediram Jorge Fossati (77%) e não Muricy (23%).

Para você, leitor do blog, Fossati ou Muricy?

Fotos: Marcos Nagelstein e EFE

Bookmark and Share