Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

A ética particular do poderoso São Paulo quando busca seus reforços

26 de dezembro de 2009 35

O São Paulo agiu da mesma forma com o atacante Fernandão (Goiás), o zagueiro Breno (Bayern de Munique) e o volante Guiñazu (Inter). Procurou os jogadores, fez suas propostas e acertou salários e outros detalhes de contrato. Tudo sem comunicar o clube ao qual os atletas estão vinculados.

Fez tudo o que não se faz. Ao ex-colorado Fernandão (foto), que está descontente no Goiás, o São Paulo ofereceu um salário de R$ 220 mil mensais. Como represália, o clube goiano informou que a multa rescisória do atacante é de US$ 80 milhões. Ironicamente, os dirigentes do Goiás sugeriram uma troca de Fernandão por Miranda ou Hernanes.

Na Europa, os dirigentes são punidos quando tratam diretamente com os jogadores antes do fim do contrato e sem a permissão oficial do clube. O Chelsea foi multado em R$ 1 milhão quando contatou Ashley Cole sem a permissão do Arsenal, seu empregador na época (2005). José Mourinho, então técnico do Chelsea, recebeu uma multa igual, depois reduzida, por ter falado com o jogador num hotel em Londres sem o conhecimento do Arsenal.

Os paulistas aliciaram Hugo
dentro de campo, em 2006, num jogo no Olímpico. O meia aceitou. O Grêmio nada pôde fazer. Um desconhecido Miranda, já acertado com o Inter, trocou o Beira-Rio pelo Morumbi no meio do caminho em 2007 depois de uma rápida ação dos paulistas.

Maior clube brasileiro da década, o poderoso São Paulo segue suas próprias leis.

Bookmark and Share

Comentários (35)

  • Alceu Fifa diz: 26 de dezembro de 2009

    Parabens pela matéria Zini, ta na hora dos clubes Brasileiros fazer algo contra este “PREDADOR” Quem chama o São Paulo de Predador é o Presidente do Corinthians Sr. André Sanches. A tática do Predador é esta: Como ele não paga o Direito do vínculo do Atléta ele alicia com alto Salário que automaticamente joga o atléta contra seu proprio clube e é ai que ele se bem, pois arruma um litígio com o clube dono dos direitos econômicos do jogador e com a torcida que passa a chamar o jogador de mercenário. assim a tática funciona.

  • MARCOS diz: 26 de dezembro de 2009

    ETICA

    QUANDO SE FALA EM ETICA SEMPRE OLHAMOS PARA O OUTRO LADO NUNCA PARA O NOSSO NÃO É MESMO, COMO É BOM COBRAR ÉTICA DOS OUTROS. OU SERÁ QUE O IMPARCIAL ZINI NÃO LEMBRA DO CASOS DE THIAGO HUMBERTO AGORINHA DO BARUERI, DO PERDIGÃO E EDIGLE DO XV DE CAMPO BOM, DO SORONDO, DO JORGE WAGNER. ORA SENHOR ZINI É CLARO QUE O SÃO PAULO SEMPRE PRATICOU ISSO, MAS ESTE TIMINHO QUE TU DEFENDES SEMPRE ,É O COPIADOR DE TUDO E ATÉ NISSO IMITA O SÃO PAULO, PORTANTO ÉTICA SEMPRE MAS QUE BOM SE OLHARMOS PARA O LADO TAMBÉM, POIS SÓ COBRAR DOS OUTROS DAI É MUITO FÁCIL OLHA PARA O UMBIGO.

  • Jonas diz: 26 de dezembro de 2009

    TRAIRAGEM é o nome. Adiciona na lista o Richarlison (pilhado após acerto com o Palmeiras, como o Miranda), o Ilsinho (contratado como o Hugo foi) e muitos outros. É claro que a CBF não vai punir, afinal, além de no Brasil ser bonito ser “ixperto”, o SP tem muita grana e poder político. O mercado devia punir, com os clubes recusando a negociar com quem age sem ética. O problema é que isso tira a prerrogativa dos demais serem “ixpertos”…

  • Gisiane Andrade diz: 26 de dezembro de 2009

    É, mas só está trazendo rebarba. Para que contratar Fernandão? Só para ser um lider de grupo, pois, achar que ele será como Fred (Flu), Ronaldo(Corintians) e Adriano(Fla), é muita ingênuidade.

  • pascoal vneroso diz: 26 de dezembro de 2009

    Luiz,
    Irretocável seu post. A lista de aliciamento é enorme, incluindo Dagoberto, Marcelinho e um outro jogador sub-20, ambos do Corinthians….e vai por aí
    Fernando Carvalho poderia entrar com uma representação na FIFA para acabar com a farra.
    Abraço

  • Fabio diz: 26 de dezembro de 2009

    Diante do que leio aqui ha 3 problemas e não apenas um. O primeiro (tratado aqui no post) é a falta não só de ética mas de caráter desses sujeitos que dirigem o São Paulo. O segundo, a falta de compromisso dos jogadores (por mim, Hugo não vestiria a canisa tricolor de novo pq mostrou caráter instável, para sereducado, e um futebol que não vale a pena o risco de tê-lo de volta). E terceiro, a conivência de grande parte da imprensa paulista, que acha que quem pode mais chora menos e negócio e caráter não se misturam, desde que, claro, seja a favor dos clubes do seu estado.

  • Luiz Paulo Betiol diz: 26 de dezembro de 2009

    SE O SÃO PAULO AGE ASSIM, QUE OS OUTROS FAÇAM A MESMA COISA. SÓ QUE A DIFERENÇA É QUE O TIME DO MORUMBI TEM GRANA.

  • paulo diz: 26 de dezembro de 2009

    Façamos o seguinte:uma simples troca do mercenário ex ídolo GUINAZU por ROGÉRIO CENI,resolveria nosso problema no gol,e o cara é colorado,o poderoso SÃO PAULO poderia considerar este negócio,seria benéficos a ambas as partes e seria bem mais ético,se é que esse magnânimo clube de são paulo sabe o que significa esta palavra.

  • Eduardo M diz: 26 de dezembro de 2009

    O mais engraçado foi ver o choro do São Paulo no brasileirão desse ano. Engraçado , mas em 2008 se calaram e acharam tudo nornal. Vamos recapitular.

    - O São Paulo começou a ganhar o brasileirão de 2008 num jogo contra o Botafogo , lá pela metade do returno , no Engenhão. O clube carioca lutava pelo G4 e teve um gol legitimo anulado. Placar final , 2×1 para os paulistas.

    A partir desse jogo , o São Paulo teve uma sequencia de uns cinco jogos com claras ajudas de arbitragem , como na vitória sobre o Vitória no Morumbi , quando um gol legitimo dos baianos foi anulado e no empate contra o Fluminense , também no Morumbi , quando um penalti escandaloso não foi marcado contra o time paulista.

    Claro , mas nada que superasse os estranhos fatos da ultima rodada. O Goias perdeu o mando de campo , teve aquela mal explicada coisa dos ingressos da Madona e o gol do titulo foi com dois metros de impedimento. Engraçado , mas ai eles gostaram das medidas do STJD , que tirou o mando do Goias.

    Isso sem falar no jogo contra os reservas do Inter , que deu ao São Paulo a liderança do campeonato.

    E vocês , no caso das contratações , estão se esquecendo do caso André Dias e Dagoberto. Mas “trata-se de um clube exemplar”.

  • Maurício Lauxen diz: 26 de dezembro de 2009

    E a imprensa do cetor do país nada fala à respeito, só fazem parecerque os jogadores “sempre sonharam” em jgar o “poderoso” SPFC. Isso tem que acabar!!!

  • Luiz diz: 26 de dezembro de 2009

    Zini, no Brasil onde é que existe ética? Se falta até na Comissào de Etica do Senado, como exigir em outros segmentos, como o futebol? Etica e respeito sào palavras que apenas fazem parte do Dicionàrio, impraticàveis no Brasil!

  • Dilson Mottin diz: 26 de dezembro de 2009

    Somente quem não conhece o ambiente do futebol brasileiro se surpreenderia comcoisas deeste tipo. Ninguém pode atirar a primeira pedra.

  • Jonas diz: 26 de dezembro de 2009

    Ah, lembrei de mais dois exemplos da “ética” são-paulina: ANDRE DIAS, estava acertado com o Inter e acabou interceptado (bem como o Miranda, mas ainda bem, o André Dias é ruim que dá pena). E o JORGE WAGNER, que estava acertando com o gremio.

  • Katia – Campeã do Mundo FIFA/Campeã de Tuuuudo diz: 26 de dezembro de 2009

    Muito bom o post! Só não concordo com o termo “Ética Particular”, pois ou é ética ou não… Não existem duas éticas, duas verdades! E a desculpa de ter dinheiro não quer dizer que possa fazer o que quer, bom seria se jogadores e clubes aprendessem a dizer NÃO ao tricolor paulista e, dessa forma, este aprenderia (na marra) a ter ética! Saudações Coloradas!

  • Paulo Lemos diz: 26 de dezembro de 2009

    Realmente patético. E nada acontece. Isso é Brasil. O país do penta. Do maior e “melhor” campeonato nacional do mundo. O país que deveria ser modelo, exemplo para o mundo. Nada mais me surpreende no futebol. Infelizmente temos que aturar essas atitudes pequenas dos chamados grandes clubes do futebol brasileiro (aqueles do eixo Rio-São Paulo), particularmente esta do SPFC. Clubes que tentam dominar a arbitragem. Que procuram pressionar por resultados nos seus domínios. E assim será, enquanto os demais clubes pensarem e agirem como pequenos… Nada irá mudar.

  • Gremistão EV diz: 26 de dezembro de 2009

    Realmente, eles se metem nas negociações dos outros clubes quando quase concluídas com os jogadores, só falando da dupla grenal, tivemos no Grêmio o caso do Hugo, que renovaria por 3 anos, estava tudo certo, só faltava assinar e o SP se enfiou no meio sem falar com o clube elevou o Hugo, o Jorge Wagner, a mesma história, naquele ano quase levaram o Diego Souza (que ainda estava em processo de renovação com o Grêmio), e em 2008, por muito pouco não melaram a negociação com o Réver, no Inter tivemos os casos do Miranda e do André Dias, mais ou menos nos mesmos moldes dos casos do Grêmio, mas também tiveram retorno, nos últimos 4 anos, foram eliminados da libertadores por brasileiros, Inter (2006), Grêmio (2007), Flu (2008) e Cruzeiro (2009), e os sao paulinos ainda querem reclamar do que o Grêmio está fazendo com Hugo e Borges, eles estão levando do próprio veneno. DA-LHE GRÊMIO

  • Franco diz: 26 de dezembro de 2009

    VIVEMOS NO PLANETA CAPITALISTA…NÃO VEJO NENHUM PROBLEMA..QUEM OFERECE AMIS LEVA..SIMPLESMENTE OS LOCO SÃO ESPERTO…POR ISSO DOMINAM O FUTEBOL BRASILEIRO…NOSSOS DIRIGENTES TEM QUE MUDAR DE POSTURA E PARAR DE SEREM BABACAS………….

  • Franco diz: 26 de dezembro de 2009

    NÃO É SÓ NO BRASIL…NO MUNDO INTEIRO QUEM DOMINA SÃO OS RICOS………

  • Luiz Carlos Knopp diz: 26 de dezembro de 2009

    Zini, quando um contrato está expirando, está previsto em lei que o jogador pode assinar um pré-contrato com outro clube (6 meses antes do vencimento). Não é o aque acontece nos casos citados: Breno, Fernandão e Guinazu. A rescisão unilateral autorizada para Justiça do Trabalho, que concedeu liminar ao jogador Oscar, liminar esta já cassada, e que aguarda julgamento do mérito, mas que certamente será confirmada, pois contrato de mais de três anos só pode ser firmado por jogador com mais de 18 anos, fará com que este poderoso clube”beba do próprio veneno”.

  • Imortal Tricolor diz: 26 de dezembro de 2009

    Faltou falar do Jorge Wágner…

    O São Paulo tem que ser punido… Ou então, começarmos a agir igual…

  • Marcio Ribeiro diz: 26 de dezembro de 2009

    É interessante o aspecto da ética no futebol, um meio onde existe de tudo menos isto. Jogadores, dirigentes, TV, jornais, cronistas, empresários, etc. É um meio desprovido de qualquer respeito mútuo. O SPFC é o mais competente dentro desse mundo. Faz tudo absolutamente dentro da leis do negócio, e por ser o mais vitorioso e mais organizado clube de futebol do Brasil vira telhado de vidro para ser apedrejado. Esta semana foi alvo dos piratas no caso de sua revelação Oscar e quem levantou a voz em defesa do clube? Ninguem, muito pelo contrário foi alvo de comentários do gênero: está pagandp com a mesma moeda, etc. Vamos deixar de ser ingênuos e bairristas, o mundo de futebol é sujeira pura e no caso dos clubes dos 13, comandado pelo mais corrupto dos dirigentes, o gaucho Fabio Koff. Vamo]s parar com isso pi produzir um DVD para comprovar o anti-ético

  • Elton diz: 26 de dezembro de 2009

    Lembrem-se que o Inter já fez a mesma coisa com jogadores de outros clubes. Estranho que esquecem de tudo (até o dono do blog esqueceu) quando é contra o seu próprio time.
    Abraços

  • Diogo Madeira diz: 26 de dezembro de 2009

    Por mim, o São Paulo é muito arrogante, não dá a importância aos demais clubes e ainda mais ‘controla’ tudo (se refere à arbitragem e à CBF) . Nunca gostei desse time. Ele merece o prêmio do time mais safado do planeta.

  • juliano pepe diz: 26 de dezembro de 2009

    eu não sou contra essa forma de negociação, fica bem mais fácil para os times grandes adquirirem jogadores
    pelo menos nacionalmente eu sou favor

    eu sou muito contra essa burocracia do futebol europeu, arenas, todo mundo sentado em cadeirinhas, platini, uefa, arsene wenger, etc…

    volta ao folclore!

  • Elaine Maria Alexandre diz: 26 de dezembro de 2009

    Valeu Marcos,gostei do teu comentário.Parece que a imprensa Gaúcha nunca lembra da falta de ética do inter.Só vale para os outros times?Aí não é Ética meu filho.A ética tem que valer para todos.

  • José antonio de souza mello diz: 26 de dezembro de 2009

    Finalmente a imprensa da gauchada começa dar sinais de racionalidade.Depois de apoiar,favorecer e torcer pelo Flamengo Carioca na decisão no Maracanã, e como se não bastasse achando bastante normal que o Avestruz Azul entregasse o jogo. Agora ao menos reconhece que Rio e São Paulo agem de maneira injusta contra os interesses do Inter na questão Guinhazu. Esse jogador não agiu corretamente.Não foi o cidadão que sempre deu provas de sua c onduta.Porém o São Paulo foi safado e infrator.CBF se fosse uma instituição correta puniria fortemente essa atitude.Antigamente ALICIAMENTO era crime. É bom que a imprensa caudilha gaucha reconheça que não é fácil ser clube de futebol aqui no SUL.

  • Erik Badino diz: 26 de dezembro de 2009

    Só agora tú foste descobrir…

    Te digo outras trairagens do SP…
    O Grêmio quis contratar o Jorge Wagner e o SP se meteu e levou o jogador.
    O Grêmio quis contratar o Washington e o SP se meteu e levou o Jogador.
    O Grêmio quis contratar o Marlos e o SP se meteu e levou o Jogador.

    Então fora os que tú já comentastes… tem esses pra engrossar a lista de clube mais odiado do BRASIL.

  • Dirceu diz: 26 de dezembro de 2009

    Concordo plenamente com o Zini, e mais, quando se fala em ética, se deveria olhar para estes jogadores que se deixam envolver nestas negociações obscuras e analizar-mos seu caráter, como é o caso do Hugo que está retornando depois de sacanear o gremio no passado.

  • JOÃO diz: 26 de dezembro de 2009

    MAS O GRÊMIO DEU O TROCO, CONTRATOU HUGO E BORGES DENTRO DO MORUMBI,
    QUANDO ELES QUIZERAM RENOVAR JÁ HAVIA UM PRÉ-CONTRATO ASSINADO COM O
    TRICOLOR, ELES FICARAM CHUPANDO NO DEDO!!!

  • Pedro diz: 28 de dezembro de 2009

    Parabéns Zini, cada dia mais viro teu fã!!!

    Até que enfim alguém levanta este assunto que todo mundo está careca de saber mas ninguém tem peito para jogar no ventilador.

    Somente nós, gaúchos, acostumados com enfrentamentos, é que podíamos dar início a esta campanha “NÃO VÃO PARA O SÃO PAULO!!!”

    Mais uma vez, Parabéns!!!

    Abraço.

  • Rodrigo diz: 28 de dezembro de 2009

    Ética? Que moral tem esses clubes de reivindicar ética de outros clubes, é muito fácil cobrar dos outros e não olhar para o próprio umbigo. Fala-se do caso do Hugo tirado do grêmio pelo pelo São Paulo, se esquecem que o gremio tirou antes este masmo jogador do Juventude, da mesma forma como o São Paulo agiu. Esquecem como o o Adilson foi para ai, roubado do Caxias, o goleiro Agenor escandalosamente roubado do Juventude.Porque, como jornalista, não procura a mãe do Zezinho do Juventude e se informa como ela é procurada diadiamente pela duplinha, nisso tudo parece existir ética.
    Esta parece ser a mesma linha usada pela inprensa da capital em caso de supostos “racismos”, quando acontece em um clube pequeno (mas que incomoda) em uma cidade do interior, isto éuma atitude inadmissível, deplorável e etc etc etc. quando acontece no azulzinho ai é coisa do futebol é normal sem importância.
    Um dos principios do jornalismo parece ser a transparência e a imparcialidade mas isto parece não existir para jornalistas mau intencionados ou que não conecem o jornalismo pois agora qualquer um pode ser “jornalista”.
    Obrigado

  • Fabio diz: 29 de dezembro de 2009

    1º) Jonas quem diz “Ixperto” é carioca, ou seja nascido no RJ e portanto o SP é de SP e umas aulinhas de geografia não vai nada mal para você. deixa de ser bairrista e viaja um pouco.e
    2º) Eduardo M aquele gol do Gremio no inicio do segundo turno contra o SP com 2 metros de impedimento não entrou na sua lista, será que foi de proposito ou você so sabe contar até 10…..alias os ingressos da Madonna ja foram resolvidos, mas o jornal que voce lê não tem noticias assim leia a Folha de São Paulo, mas la vai. Foi apurado que a secretaria do presidente da FPF errou na informação e o presidente da FPF que odeia o SP usou isso, mas como ele é conselheiro do Palmeiras e o Jose Serra tambem o é, o processo ta parado, assim com a bomba de pimenta no vestiário do almeiras etc…
    3º) Foi o Inter quem deu o titulo ao SP em 2008 (?!?!) talvez assim como o Gremio deu ao Fla em 2009, ou seja a etica dos gauchos tá meio fraquinha (aulas gratis de etica no CT de Cotia, inclusive para jornalistas)
    4º) O SP, a imprensa e a torcida não querem o Hugo e o Borges nem pintado de ouro, ou divirtam-se com eles de graça e cuidado.
    5º) Fabio Koff é presidente do clube dos treze desde sempre e me parece que a etica dele nunca foi muito boa e nem um pouco diferente dos outros.
    6º) Inveja mata, sabe-se que sozinho o SP ganhou mais titulos que todos os times do RS, PR e SC juntos ou seja…bom deixa pra la, isso fala por si só.
    7º) Corinthians, Flamengo, Palmeiras, Vasco, Cruzeiro, é tudo igual o jogador pode assinar contrato com outro time 6 meses antes do fim do vigente e portanto não vem com essa, a etica é a mesma.
    O futebol só vai melhorar se deixarmos de pensar com o umbigo e enxergarmos o total, mas se cada um só vê o seu…e meus amigos gauchos, deixa de bairrismo que o mundo já globalizou a muito tempo!

  • Persio Alcauza diz: 29 de dezembro de 2009

    Caro ZINI, sou de SP e aqui todos sabem que o SPFC, quando quer um jogador investa às escuras, mas isso não é problema exclusivo do SPFC, é o jeito “brasileiro” de ser, num país onde “nenhuma” lei é respeitada ou cumprida……..COMO EXIGIR QUE UM TIME DE FUTEBOL TENHA ÉTICA ???? IMPOSSÍVEL, como punir alguém pq “tirou” outro de onde estava, ISSO É BRASIL, por mais que aí no SUL as pessoas tenham um comportamento “melhor” que no resto do país, AS LEIS SÃO AS MESMAS, POLÍTICOS ROUBAM, PESSOAS SÃO MORTAS TODOS OS DIAS, NÃO EXISTEM “RESPONSABILIDADES” PARA QUEM GOVERNA, APENAS SE SERVEM AO INVÉS DE SERVIR, onde não se respeita constituição…….esqueça o futuro da nação ou melhor, quem sabe daqui uns 400 ANOS, saberemos não só o significado da palavra ÉTICA mas também nos acostumaremos a usá-la todos os dias…….em todos os lugares………ISSO É BRASIL O TAL “PAÍS DE TODOS”…..

  • Rodrigo diz: 29 de dezembro de 2009

    Meu comentário do dia 28 vai ficar ate quando em moderação, so é liberado comentários bonzinhos?

  • elton diz: 30 de dezembro de 2009

    O INTER SE DIZ COITADO NESSA HISTÓRIA JÁ FEZ A SUAS. VEJAM A MATÉRIA ABAIXO.
    COLORADO TEM MEMÓRIA CURTA.

    “Thiago Humberto no Inter seria cafajestice”, diz cartola
    Presidente do Barueri reage com indignação a rumores sobre pré-contrato
    29/07/2009 16:45:43
    Links relacionados
    Times
    Grêmio Recreativo Barueri
    São fortes os rumores de que o meia Thiago Humberto, do Barueri, tem um pré-contrato assinado com o Internacional. O presidente do clube paulista, Walter Sanches, diz não acreditar nisso. Mas desconfia. E reage com raiva:

    — Não acredito que o Internacional faça isso. Seria uma cafajestice – afirmou Sanches nesta quarta-feira, em entrevista à Rádio Gaúcha.

    O Inter nega a informação. Mas é verdade que Thiago Humberto, 24 anos, tem grandes admiradores no Beira-Rio, a começar pelo vice-presidente de futebol, Fernando Carvalho. O dirigente aprecia também o talento de outro jogador do Barueri, o atacante Fernandinho.

    Sanches anda nervoso porque o contrato de Thiago Humberto terminará em dezembro e o jogador – pretendido por vários outros clubes, além do Inter – se recusa a renovar.

    — Ainda temos esperança de assinar um novo compromisso com o jogador. Conversamos com ele e seu agente, e os dois nos garantiram que não há nada assinado com ninguém – disse Sanches.

Envie seu Comentário