Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Inter perde a referência da LIbertadores

20 de janeiro de 2011 9

Giuliano, 20 anos, ganhou fama nacional e internacional na Libertadores 2010. Foi escolhido o melhor da competição. Não foi o melhor, o melhor foi D’Alessandro. O meia paranaense foi o mais decisivo.

Giuliano não vestirá mais a camisa vermelha do Inter. Por 8 milhões de euros (outros falam em 10 milhões de euros) trocou Porto Alegre pela Ucrânia, o Colorado pelo desconhecido FC Dnipro. Vai ganhar salários de Primeiro Mundo, vai resolver o lado financeiro da sua vida.

Giuliano teve todo o segundo semestre passado para mostrar que era mesmo um jogador superior. Não conseguiu por diferentes motivos. Um deles foi Celso Roth, que obrigou o jogador paranaense a ficar meses no banco, como opção para o segundo tempo se o time estivesse mal. Giuliano entrava sempre com a obrigação de melhorar a equipe. Conseguiu muitas vezes.

Giuliano é muito jovem, é bom jogador, é centrado, prioriza a carreira e espero que ele não se perca no interior da Ucrânia. Sua nova casa é perfeita para o bolso, mas é uma vitrina de vidros falsos para a carreira.

A Europa rica não olha muito para a Rússia ou para a Ucrânia. Muitos jovens voltam correndo para o Brasil depois de alguns meses. Lembra de Rafael Carioca? Mas não deve ser o caso de Giuliano.

Bookmark and Share

Comentários (9)

  • JFS diz: 20 de janeiro de 2011

    Que análise ridícula, acima de tudo superficial e até leviana no que tange ao comentário sobre o valor da negociaçao. Qualquer sujeito, que acompanha o futebol brasileiro como um todo e no caso especifico a politica de negocios do Inter, sabe que o Giuliano foi comprado no inicio de 2010 para ser VENDIDO LOGO gerando lucro e condiçao financeira para cobrir a folha e novos negocios. E tem gente que ganha a vida comentando futebol!

  • Eduardo Lima Braga diz: 20 de janeiro de 2011

    Desculpe, Zini, mas o exemplo do Rafael Carioca é único, e não vale como afirmação da tua ideia. Basta lembrar que lá no Shakhtar jogam há muito tempo o Luiz Adriano, o Jadson, o Fernandinho, o Willian, o Alex Teixeira, o Douglas Costa e o boliviano-brasileiro Marcelo Moreno. E não esquece que no rival Dínamo de Kiev atuam o Danilo Silva, o Betão, o Leandro Almeida, o Gérson Magrão e o atacante André, que há bem pouco tempo era do Santos. Isso sem falar no Taison e no Cleiton Xavier no Metalist Kharkiv.

  • JULIANO diz: 20 de janeiro de 2011

    Faz bem o Inter. É jogador mediano, nada mais.

  • CARINE diz: 20 de janeiro de 2011

    Como GREMISTA posso dizer, grande Giuliano
    centrado, muito bem educado, ótimo jogador,

    Do elenco colorado pra mim era o melhor jogador.

    Esse podia vir jogar no Grêmio um dia. =))

    Gosto de pessoas inteligente e de caracter como ele.

    BOA SORTE!

  • Luiz Fernando diz: 20 de janeiro de 2011

    Essa é a nossa Diretoria!! Vende jovens promessas, os craques do time e só contratam pernas-de-pau! O Internacional deve ter o maior elenco do Mundo. Agora, vejam quantos se aproveitam!!! Os que prestam, são vendidos. Aqui só fica cabeça-de-bagre.

    O torcedor colorado está cansado de ter que ajudar a pagar salários de “jogador sem futuro”. O estoque de bons jogadores está acabando. Em compensação, de pernas-de-pau, só faz aumentar. Pagar altíssimos salários a mais de 60 jogadores onde só se aproveitam uns dez é dose para leão.

    Chego a pensar que tem alguém “levando algum por fora”! Não é possível tanta incompetência!

    Que o Giuliano tenha muito sucesso e seja feliz. Merece! Ótimo profissional e muito bom jogador. Nos deu a última Libertadores!

  • Renan diz: 20 de janeiro de 2011

    JFS

    Qualquer sujeito, que acompanha o futebol brasileiro como um todo e no caso especifico a politica de negocios do Inter, sabe que o Giuliano foi comprado no inicio de ‘ 2009 ‘, na época disseram que era para substituir Alex, que estava de saida do Inter.

    E tem gente que perde tempo.. ah esquece

  • João Carlos diz: 21 de janeiro de 2011

    Giuliano é destes jogadores que transcendem à rivalidade grenal.

    Como gremista sempre o admirei por suas manifestações sempre bem articuladas e pela sorte que acompanha os bons.

    O futebol gaúcho perde com sua saída. Que tenha muitas alegrias e prosperidade e que um dia volte… para o Grêmio, onde sempre há lugar para jogadores como ele, tehham ou não vestido a camiseta do rival.

  • heloisa diz: 21 de janeiro de 2011

    Zini. Se o Luigi bateu o telefone porque ofereceram 8 milhões de euros para o Giuliano, como é que ele iria vender o jogador pelos mesmos 8 milhões?!…É óbvio que deve ter sido por um valor superior, ora bolas!…Ademais, achei um ótimo negócio!…Quem for apegado a jogador, vai ter que se desapegar. Trabalho dobrado. O Internacional vende porque produz. Renovar é preciso. Ele já está repondo. E o Inter, como clube grande que é, necessita de muita grana para se expandir. Não é à toa que está num patamar acima dos demais clubes do país. Sabe trabalhar essa questão econômica como ninguém! Ainda mais agora com a contratação de um CEO. É nessa vitrina que os jogadores aparecem para o mundo. O D’Alessandro que o diga!…E o Giuliano, idem!…

  • JFS diz: 21 de janeiro de 2011

    Grande Inteligente Renan: Giuliano passou a ser integralmente do Inter em 2010 quando fomos obrigados por acão daquela empresa hoje parceira do Grêmio… Quem não tem informaçao deve ficar quieto antes de dar pitaco nos comentários dos outros. E do meu tempo cuido eu e voce faça melhor proveito do seu, ah ah ah.

Envie seu Comentário