Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Renato, Falcão e o Brasileirão 2011

30 de maio de 2011 27

Grêmio e Inter estão abaixo da linha do razoável em apenas 15 dias de Brasileirão. Não brigam pelo título, não lutam pela Libertadores. Os azuis estão em sétimo lugar, os vermelhos em 15º. Não plantam a esperança. Só a desesperança.

Oito posições separam a Dupla, mas as críticas dirigidas aos dois são quase as mesmas. Miram os técnicos, os esquemas, os jogadores, os lentos dirigentes.

O Grêmio tem uma desculpa pronta. Está jogando com sete reservas . Seu time muda muito a cada jogo, não mantém uma base e sofre com carência em diversos setores. O Grêmio é uma fábrica de lesões. Ninguém explica. As decisões são adiadas.

O Inter, não, o Inter, que até semanas atrás era incensado por exibir um dos grupos mais qualificados do Brasil, ainda não reencontrou o futebol perdido no começo do segundo semestre de 2010. Perdeu em casa, foi derrotado pelo organizado Ceará e a torcida colorada cobrou o time com vaias no Beira-Rio. Não foram as primeiras do ano. As vaias estão cada vez mais comuns.

O Grêmio perdeu em casa para o Corinthians, de virada, na estreia. Ganhou três pontos no domingo seguinte, no Paraná, com um gol contra. Mas fez uma má apresentação outra vez, raros escaparam da má jornada. A volta de Rafa Marques mostrou que todos os zagueiros gremistas são muito parecidos, quase de um mesmo nível, com exceção de Mário Fernandes (mas será ele um zagueiro?). Se vier outro, precisa ser um titular indiscutível. Os reforços devem melhorar o time aos poucos, mas só estreiam em agosto – se a janela de transferência não ganhar nova data.

Falcão ainda não achou seu time ideal e, cá entre nós, nem o time mais ou menos. Procura uma formação tática. Comete alguns erros, como insistir com Daniel e Rodrigo, ignorar Juan, apostar em três volantes, esquecer Oscar, manter Leandro Damião isolado. Falcão tem o tempo ao seu lado, é uma desculpa imediatada. Ele ainda não tem 60 dias no cargo. Técnico não faz milagre. Mas Falcão poderia estar fazendo um pouco mais. O começo do Inter no Brasileirão não recomenda ninguém no Beira-Rio.

O Brasileirão completou apenas duas rodadas. O começo é ruim. É cedo, seu sei. Mas quem acredita num rápido e positivo recomeço? Eu não. Não pelo que observo, não pela movimentação das duas direções. Os próximos meses não serão amenos no Olímpico e Beira-Rio. Prepare-se. Um novo semestre de emoções fortes.

Bookmark and Share

Comentários (27)

  • Filipe Muller diz: 30 de maio de 2011

    - Zini, se a torcida colorado vaia o Falcão por não saber treinar seu time, tudo bem, mas não mencionas o Grêmio, “críticas dirigidas aos dois são quase as mesmas. Miram os técnicos” a torcida do Grêmio nunca irá vaiar o Renato, o inter sim este tu pode criticar, zá que é colorado, no jogo do Grêmio de ontem, foi no sufoco, mas vale três pontos, melhor ganhar no sufoco que não ganhar a torcida GRESMISTA não quer saber se foi gol contra gol de bunda gol robado, o que importa para a Geral é gol e três pontos na conta, uma coisa que o inter não tem.

  • Mori diz: 30 de maio de 2011

    Zini, algumas considerações sobre o time do Inter: depois da LA perdemos a alma do time que se chamava Sandro, com ele tinhamos marcação e saída rápida com qualidade, hj não temos uma coisa nem outra, com a saída de nosso antigo volante nossa zaga velha e lenta, ficou desprotegida e suas deficiências ficaram espostas, Tayson fazia a transição meio campo ataque com velocidade, sem ele ou alguém com a mesma característica o time fica trocando passes laterais improdutivos no meio campo e a bola não chega no Damião, quando isso ocorreé na base do chutão pra área, precisamos de 3 ou 4 jogadores e nosso técnico preisa se “achar” sem isso não vamos a lugar nenhum.

  • Rodrigo diz: 30 de maio de 2011

    Concordo em gênero número e grau com o Mori. Acrescento que do mesmo modo Roth não enxergou como suprir estas carências, Sandro e Tyson, a direção não enxergou, e não enxerga até agora, como colocar uma comissão técnica que faça o plantel atual voltar a jogar, o que nunca mais fez após a Libertadores. É preciso uma reformulação geral, a começar pelo técnico, Falcão, que ou acerta ou, com todo o respeito e admiração, deve sair. Em tempo, pelas entrevistas do Falcão, este vê que o grupo atual é deficiente de jogadores, fica no ar a questão se o problema é o técnico (como parece), e/ou plantel mesmo.

  • heloisa diz: 30 de maio de 2011

    UÉÉÉÉ!!!…Esse Filipe Muller não lê jornal, não ouve rádio e nem navega na internet?…Como está desinformado a respeito das vaias e pedidos de saída do Renato!…

  • Rodrigo diz: 30 de maio de 2011

    Só para complementar o comentário do Mori: outra questão é poder econômico. Se o Inter tivesse o mesmo poderio econômico dos tão decantados clubes europeus (alguns devendo milhões…), manteria Sandro, Tyson, Pato, Alex, etc, e a história seria outra. A atual diretoria tem se empenhado em fazer o clube se manter com o dinheiro de sócios e venda de jogadores, sendo um bom exemplo no futebol brasileiro. O preço, no entanto são estas oscilações. Fernando Carvalho brilhantemente tirou o time do fundo do poço e quase rebaixamento para literalmente o topo do mundo, só que tem que continuar se equilibrando e a perda de craques, infelizmente, tem sido o preço. Por mais preparada que seja a comissão técnica, o que resolve no final são os craques, vide o próprio Falcão, um dos melhores do mundo, senão por vários momentos o melhor do mundo, em sua época.

  • josé luiz gomes diz: 30 de maio de 2011

    zini, o falcão está sendo levado livre pelo coorporativismo, como comentarista ele conhecia bem o time do inter, por isso é inconcebivel que insita com daniel, que teime em utilizar o rodrigo, que não saiba que o inter não tem goleiros, que tinga é um bom banco, que por ter uma zaga lenta é imprescindivel um volante de marcação a frente da zaga, que falta ao inter um jogador que abra defesas (estilo martinucio do penharol). Resumo do enredo: a continuar assim dentro em pouco damião vai voltar ao Nós Travamos, e essa de Oscar ter que ganhar peso para jogar não poderia sair do falcão, quando jogou no time dele, de zagueiro!!!!! Mauro Galvão, franzino e craque, confesso ser fã do falcão, mas minha frustração com suas idéias são muito grandes. O ceará não é um time desprezivel não, hà poco eliminou o flamengo na copa do brasil, mas entrar com tres volantes sem nenhuma aptidão em entrar na àrea e deixando leandro damião atirado as feras, não poderia sair de falcão…..por muito menos celso roth foi corrido pelo siegmann, mas com celso, damião empilhava gols, dalessandro jogava muito e oscar vinha num crescendo espetacular…..é notório que falcão piorou o que já era ruim…….

  • Andre diz: 30 de maio de 2011

    Zini, a curtina de fumaça que protege os medalhões do Inter começa a se dissipar, Falcão e alguns comentaristas como você e Wianey estão certos, mas fique claro uma coisa, Falcão não é o culpado. A direção tem assumir seus erros de avaliação e rever o elenco, contratar e acabou, … Com critério e seguindo o plano de Falcão, se não vai adiantar nada, pois as idéias dele não estão batendo com o elenco que tem, e as considero muito boas. Tendo elenco poderemos então avaliar o seu trabalho até lá só vamos ouvir desculpas..

  • flavio diz: 30 de maio de 2011

    Na verdade já foi dito várias vezes as mesmas coisa (portanto todo mundo concorda):
    (1) Falcão como treinador é na verdade um excelente comentarista. Não tem a autoridade e nem a força necessária para impor seus conceitos e esquema. É só uma questão de “quando” será demitido!!! O Inter tem equipe experiente, qualificada e muito bom plantel. Logo falta o que?
    (2) O Gremio que tinha uma equipe mediana, perdeu vários jogadores (Jonas, Andre Lima, Paulão, etc..) e sofre com muitas lesões. A diretoria irresponsávelemente deixou o Renato na mão, não deu condições de trabalho a ele e PIOR: ESTÁ CONTRATANDO ERRADO. Gilberto Silva não era necessário, Miralles não é centro-avante é segundo atacante, Marquinho será apenas mais um armador. OU SEJA: Atacantes matadores e zagueiros xerifes a diretoria ainda não encontrou!! DÀ PARA ACREDITAR?????

  • JOSIMAR diz: 30 de maio de 2011

    ESTE FELIPE MULLER NAO ASISTE A JOGO?? JA VAIARAM E NAO FOI UMA UNICA VEZ O RENATO….ENGRAÇADO ELE DEVE SER TORCEDOR DE TIME QUE GANHA…QUANDO PERDE NEM LE JORNAL…FELIPE VAI TE ATUALIZAR P POSTAR UM COMENTARIO

  • Marcus Vinicius diz: 30 de maio de 2011

    O Heloisa, só pra tua informação, o Renato Gaúcho, em nenhum momento foi vaiado pela VERDADEIRA TORCIDA TRICOLOR, foi vaiado sim e criticado por uma minoria de corneteiros… talvez até colorados infiltrados qrendo criar caso no GRÊMIO!!!

  • Eduardo diz: 30 de maio de 2011

    Adivinha se o Zini não ia dar um jeito de colocar o Grêmio e o Inter no mesmo saco…
    Ele até critica o Inter, mas tenta amenizar o tom, criticando o Grêmio mesmo quando vence fora de casa…
    Caraca meu irmão, será que ninguém mais vê isso???
    Bah, verdadeiramente LAMENTÁVEL!!!

  • Lucio diz: 30 de maio de 2011

    Zini, tu és um cara que escreve bem, geralmente fazes análises corretas, mas quando dizes não acreditar em um rápido e positivo recomeço de Inter e Grêmio no brasileirão, e indicas a movimentação das duas direções como principal elemento dessa descrença, estás deixando tua parcialidade tomar conta de teu texto. Como podes comparar as direções de Inter e Grêmio na corrida para reforçar seus times para o brasileirão? Tu achas mesmo que podes comparar a direção gremista que acertou com Gilberto Silva, Miralles e Marquinhos e está em negociação adiantada com Paredes e mai sum zagueiro de peso, com a direção colorada que acertou somente a contratação dos craques Gilberto do Santa Cruz e Siloé do temido Horizonte? Tu sinceramente me desculpe, Zini, a direção gremista vem errando desde que assumiu e principalmente se destacando pela morosidade, mas desde a perda do gauchão e da decisao de reformular o elenco gremista, não há comparações com os dirigentes colorados. Depois fica difícil querer defender uma imparcialidade quando os internautas vêm te acusar de tendencioso.

  • saulvidor diz: 30 de maio de 2011

    Este colorados são piada mesmo. Se passam por gremistas pra vaiar ou reclamar do Renato. E o pior: acreditam!!!!!!!

  • Cezar diz: 30 de maio de 2011

    Zini, fica dificil aceitar esse “enaltecimento” pela vitoria contra o Atletico, candidato serissimo a serie B em 2012. É de chorar, depois de assistir o jogo barcelona x manchester, e ver um ataque com lins e viçosa, e um displicente douglas em campo. O Gremio não vai cair para séri B porque tem times muito piores, mas é muito dificil ver esta situação e observar a inoperancia desta direção.

  • Carlos Augusto diz: 30 de maio de 2011

    Aí, dona Heloisa, quem precisa se informar é a senhora, pois que jamais houve por parte da torcida gremista pedido para que o técnico Renato saísse, eu disse TÉCNICO. Foi a imprensa gaúcha (a mais ética do Brasil) que inventou esta situação quando do protesto contra a diretoria após o jogo contra o Corinthians. Quem levou a maior vaia foi o treinador/comentarista do teu time, que jamais será criticado veementemente pela imprensa do RS. Para isso acontecer tem que fazer como o blogueiro aqui, criticar o Renato junto.

  • Marcelo diz: 30 de maio de 2011

    “verdadeira torcida tricolor”? “colorados infiltrados”??
    hahahahahahahahahahahahahahahahahahhaa

  • Alexandre diz: 30 de maio de 2011

    Zini, você não pode colocar o Falcão ao lado do Renato, muito menos compará-los.
    RENATO É TREINADOR!!!!
    FALCÃO NÃO É TREINADOR!!!
    Simples, não tem comparação!!

  • heloisa diz: 30 de maio de 2011

    Carlos Augusto!…No jogo do Grêmio X Corinthians tinha vinte e uma mil pessoas. No jogo do Inter X Ceará tinha apenas quinze mil!…Onde teve mesmo a maior concentração de vaias?…Resposta óbvia: onde o público era maior, ora bolas!

  • heloisa diz: 30 de maio de 2011

    Marcus Vinicius! Tu não conheces a torcida colorada!…Se tivesse algum colorado infiltrado na torcida de vocês, no jogo contra o Corinthians, por certo não iria vaiar o Renato após o jogo. O cara sairia de lá com a mão na boca, tapando-a para não ser flagrado, contendo-se a máximo para que o seu riso não virasse em gargalhadas!

  • heloisa diz: 30 de maio de 2011

    A diferença entre a torcida do Inter e a torcida do Grêmio, é que os colorados prezam mais a instituição INTER do que qualquer integrante dela, enquanto os gremistas prezam mais os Renatos da vida do que a instituição deles.

  • Vitor diz: 30 de maio de 2011

    Apenas sobre o Grêmio, Zini, as comparações com o Inter não importam, pelo menos para mim. Renato ainda continua unanimidade no clube e na torcida. Tem feito milagres com um time esfacelado. Há quanto tempo ele não consegue repetir o time? A direção não está adiando nada. Está contratando dentro da realidade do clube e do mercado atual.
    Ou você acha que trazer Gilberto Silva, Miralles e Marquinhos (contratações já acertadas) é pouco? Você é o comentarista das frases impactantes, do pensamento acabado, e pronto! Futebol não é assim, muda muito em um mês. Duas ou três vitórias dão confiança ao time e ele pode encaixar. No meio do ano passado, todo o mundo dizia que o Grêmio lutaria para não cair, lembra? Só não foi campeão porque o Renato chegou um pouco tarde, mas foi o melhor do segundo turno disparado. Perdeu Jonas, e isto foi um baque para o grupo. Mas acredito que aos poucos a coisa engrena de novo. Estamos apenas na segunda rodada de 38. Não dá para dizer ainda quem pinta como campeão e quem vai ser rebaixado, tudo, mas tudo mesmo pode acontecer.

  • heloisa diz: 30 de maio de 2011

    Outra diferença que eu encontro entre a torcida do Inter e a torcida do Grêmio, é que os colorados, mais exigentes que os gremistas, vão aos jogos para assistí-los, cantarem, pularem e observarem as virtudes e os defeitos do time. O torcedores do Grêmio, menos exigentes que os colorados, vão aos jogos para cantarem, pularem e se alienarem, não estando nem aí para o que está acontecendo no campo. Por isso o sucesso do COLORADO durante esses últimos tempos. E não saiu de mim essa constatação. Eu ví, e vocês viram também, no ano passado, um vídeo onde um gremista fazia comparações e reclamava bastante do insucesso!…

  • jarbas galgaro diz: 30 de maio de 2011

    Entendeu Zini?Renato é treinador,Falcão não é treinador.
    Quantos títulos mesmo tem o Renato como técnico?
    Os dois são enganadores,são dois ex atletas,mas não tem competência para serem técnicos.
    Pelo menos não de times de ponta,que querem conquistar títulos.
    Renato é um pouco mais experiente como técnico,mas de resto é tão limitado quanto o Falcão.
    Um aviso aos demais colorados:
    Parem de se fazer de gremistas pra vaiar o Renato.

  • ADRIANOGFBPA diz: 30 de maio de 2011

    Valeu e muito pelos 3 pontos. O primeiro tempo até foi mediano, considerada a ruindade do adversário… mas no segundo tempo foi filme de terror, com o pobre do Victor tendo que operar vários milagres pela milésima vez… realmente é complicado, um baita goleiro, mas que se torna maior ainda por que nunca conta com uma defesa confiável… nem sempre vamos escapar como ontem, contra um adversário medíocre e que ainda nos presenteou com um gol contra… A gurizada até que esteve bem, principalmente o Mário e o Saimon, mas depois deles e do Victor, só se destacou o gigante Rochemback… Me desculpe o Renato, mas com Lins e Viçosa como opções, acho que o Escudero e o Pessali certamente teriam lugar nesse time… Douglas, sonolento e enfeitado como sempre, acha que joga nos anos 70, o bicho pegando e ele dando toque de calcanhar… e o Lúcio parece estar em má fase… vamos esperar pelos reforços e o retorno de alguns lesionados prá ver se a coisa melhora !!

  • saulvidor diz: 30 de maio de 2011

    HELOISA!!!!na verdade quem não conhece a torcida do Gremio é voce!!!!!. Porque então apesar dos ultimos titulos do Inter é a torcida da do Gremio cresce e do Inter está estagnada!!!!!. A grande diferença é que o Gremio tem empatia e o Inter apenas marketing.( lembras como era torcer pro Inter entre os anos 1980 e 2005???????????????)

  • RAFAEL FRANCISCO NEVES diz: 30 de maio de 2011

    Não concordo com o LÚCIO aí de cima.

    A direção gremista só correu, só se mecheu, porque se não, o estádio viria abaixo no próximo jogo do Olímpico. Tanto é que Paulo Odone se escondeu depois do jogo do Corinthians.

    Mas foi só darem uma enganadinha e um monte de bobos já estão babando o Paulo “fracassado” Odone, anunciaram a contratação “sem contrato” de 2 jogadores, Gilberto Silva e Miralles, e já retornou a pasmaceira. Já estamos entrando a segunda semana do último fiasco tricolino.

  • João Mario diz: 30 de maio de 2011

    ZINI , não tem comparações, nem matematicas, um time tem 3 pontos em 6 e o outro 1 em 6, e os jogos teoricamente do Grêmio mais dificeis, em casa : Corinthias e fora na baixada Atletico, o Inter pegou um Ceara desgastado e um Santos com reservas, O inter sem NEY , Andrezinho e Renan, (titulares?) e o Grêmio sem varios jogadores a maioria titulares, só ai sua comparação se anula.

    O Oscar é o GIULIANO DA VEZ, já a algum tempo só joga nesse meio campo quem o D’ALE aceitar, e quem tem coragem na direção e ou treinador para mecher no Bolivar, no Kleber e no Tinga? Esses mais os 3 gringos do meio campo, não tem tatica que possa harmonizar uma equipe, ou só ataca, ou só defende, quando tenta jogar fica previsivel, lenta, salvo alguma individualidade como o Damião, (as vezes decide), fica inoperante, são vitoriosos , experientes, que até podem ganhar um GREnal, mas para um campeonato de pontos corridos fica dificil, os outros anos tinha desculpas , mundial etc…, esse ano não. O Falcão é uma aposta para longo prazo, não para esse ano.
    O Grêmio já começou reformular o elenco, tarde ,porque o POLITICODONE, só pensa em ARENA e IMORTALIDADE, agora mudou a tatica, sem discurço e mais ação, já fiz minha aposta com os colorados, quem chegar atráz paga o churrasco, confio no Renato, sei que é gremista até para pedir demissão, se não acertar o time, o Falcão é muito vaidoso para fazer isso.

Envie seu Comentário