Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Projeto de Novelletto quer parte do dinheiro da CBF nos Estados

12 de fevereiro de 2014 5

Francisco Novelletto, presidente da Federação Gaúcha de Futebol (FGF), lança hoje o Projeto Novelletto.

O documento será endereçado aos 26 presidentes das federações e pede que 25% da arrecadação da CBF seja investido no futebol dos Estados.

O dinheiro, cerca de R$ 125 milhões, seria aplicado anualmente em reformas de estádios, na construção de CTs, na melhoria da gestão dos clubes, entre outros.

Com renda de R$ 2 milhões por ano, a FGF, por exemplo, passaria a receber quatro vezes mais.

Se Marin aceitar o projeto, que teria a liderança de Novelletto (foto abaixo, Agência RBS, BD), o gaúcho desistirá da candidatura à presidência da CBF.

11novelletto

Bookmark and Share

Comentários (5)

  • luiz diz: 12 de fevereiro de 2014

    O gesto do Novelletto , com os dois dedinhos, diz tudo sobre sua atuação. Não precisa dizer mais nada.

  • fabricio fonte diz: 12 de fevereiro de 2014

    Então ele oferece dinheiro para os dirigentes que votarão na eleição? Se isso não é compra de voto.. E tu ainda apoia. “Jornalismo é dizer o que não querem que digam, o resto é propaganda”

  • Leonardo Boff Duarte diz: 12 de fevereiro de 2014

    Novelleto é um mal para o futebol gaúcho… só se importa com a dupla GRENAL, esquecendo e enfraquecendo o interior. Um cara que não está nem aí para os seus afiliados, que chega no MT (Luverdense x Caxias pela série C de 2013) e fica em cima do muro, que trata o jogo como um qualquer…
    Bom, se este cara for O CARA… então não sei mais…

  • Ezio diz: 12 de fevereiro de 2014

    Zini na boa não apóia essa aberração de Noveletto presidente da CBF. O cara já jogou o futebol gaúcho no lixo. Vai fazer o mesmo a nivel nacional. Já basta favorecimento aos roselinos a nivel estadual. A nivel nacional tb ?

  • Wanderley diz: 12 de fevereiro de 2014

    E o que é feito com o dinheiro da FGF???
    Ninguém sabe onde vai a grana.
    Os famigerados times do interior do RS não recebem nada.

Envie seu Comentário