Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Torcidas mistas no Gre-Nal é uma ideia espectacular

23 de fevereiro de 2015 3

Um espaço compartilhado entre torcedores da Dupla no Gre-Nal de domingo, no Beira-Rio, é a melhor notícia da nova temporada. Mil torcedores colorados poderão convidar mil gremistas e assistir ao clássico lado a lado, como é feito naturalmente em casa na sala da TV ou ao lado da churrasqueira. Como é na vida real.

A ideia é espetacular. Serve para atrair e fidelizar torcedores. Mostrar que o estádio é um local civilizado, capaz de chamar pai, mãe, filhos e parentes. Sem a maciça presença da família não existe a mínima (a mínima) possibilidade de sonhar com um público médio acima de 20 mil nos maiores estádios da Capital. Nossos estádios estão quase vazios por culpa da violência.

O maior especialista em violência no futebol no Brasil, Marco Aurélio Klein, que estudou o problema e produziu um relatório em 2006, entende que o interior dos estádios, legado da Copa do Mundo de 2014, esta livre das confusões. O perigo vive fora e no entorno.

Klein, que atualiza seu estudo a pedido do ministério do Esporte, lembra que no futebol inglês “tudo foi superado com um trabalho técnico que envolveu governo, clubes, entidades esportivas e mídia”. O vândalo destrói o espetáculo, mas um operação de guerra da polícia não o assusta. Só afasta o torcedor.

É preciso unir todos os envolvidos no espetáculo e agir com inteligência. A segurança não pode agir só e como dona de tudo.

23grenal

Clássico do Estado, o Gre-Nal merece cuidados especiais de todos os envolvidos no grande espetáculo, torcedores inclusive (Foto Agência RBS/BD)

 

Bookmark and Share

Comentários (3)

  • EDUARDO PASSOS diz: 23 de fevereiro de 2015

    Zini.

    Sinceramente estou torcendo para que as manchetes dos jornais após o clássico GRENAL com torcida mista, tenham a mesma alegria como estão sendo anunciadas antes do clássico.

    Apenas tenho minhas duvidas e acredito que a violência nos estádios não está relacionada ao esporte, é unicamente uma questão de educação e no Brasil, a educação não é um forte e jamais foi tratada com a merecida atenção e responsabilidade.

    Admito, não estou muito otimista no sucesso desse encontro de torcidas rivais no mesmo espaço, mas acho que a iniciativa em algum momento deveria mesmo ocorrer. Portanto, vamos torcer para apenas termos elogios do país inteiro por essa iniciativa.

  • Leandro diz: 23 de fevereiro de 2015

    Prezado Zini,

    O Único problema é o horário: 18:30h é muito tarde. Quando acabar já será noite… na Padre Cacique escura…

    Faça aí uma campanha para mudar para as 16h!!!!

    O resto da ideia é excelente.

    Abraço,

    Leandro

  • CARLAO diz: 23 de fevereiro de 2015

    É uma GRANDE oportunidade de o povo Gaúcho dar uma demonstração de CIVILIDADE e fazer valer o nosso orgulho de povo desenvolvido. Caso contrário…. Mas tem que cuidar dos espíritos de porco que estão sempre prontos para destruir a paz. Cadeia neles!

Envie seu Comentário