Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Grêmio começa returno sem fome de vitória

23 de agosto de 2015 4

As traves das goleiras do Estádio Moisés Lucarelli salvaram duas vezes. Marcelo Grohe garantiu com mais três defesas. O Grêmio escapou de uma derrota histórica em Campinas. Saiu com o empate. A limitada Ponte Preta foi melhor sempre, dominou, teve posse de bola e esteve perto gol. Grohe foi o destaque, o melhor.

O jogo das 11h fez mal ao Tricolor. O Grêmio dormiu demais em Campinas. Dormiu tanto que o dorminhoco Braian Rodríguez perdeu um gol já nos descontos, na melhor chance da partida: ele, a grande área e o goleiro. Normal! Só Roger Machado entre milhões ainda a acredita no atacante uruguaio.

O Grêmio parecia ter voltado aos tempos de Felipão. Errou em todas as linhas. Os problemas começavam na defesa, amarravam os laterais e passavam pelo meio-campo. O ataque foi engolido pela defesa paulista. O calor castigou as equipes. Mas quem mais sofreu, sentiu, empacou foi o visitante.

A lentidão gremista facilitou o trabalho do adversário. Com falhas no coletivo, a individualidade sumiu. Fica difícil escolher o mais desafinado, se Luan ou Walace, Galhardo ou Marcelo Oliveira, Maicon ou Giuliano. A intensidade do time sumiu, a troca de posições desapareceu, a velocidade não esteve em campo. 

O Grêmio não começou o segundo turno com a fome de vitórias dos que desejam lutar pelo título. Reapareceu uma equipe comum, sem brilho, entregue ao adversário e sem soluções em campo e no banco de reservas. Nem Roger salvou-se em São Paulo. Seu time foi amassado. O 0 a 0 não conta o que foi Grêmio e Ponte Preta.

Empate pode não ser ruim. Mas, contra a Ponte Preta, em Campinas, quem deseja algo mais numa competição, qualquer uma, precisa vencer, fazer três pontos. Em duas partidas com o mesmo adversário, que não estará no top 10 do Brasileirão no final, o Grêmio conseguiu apenas dois pontos. É pouco, é quase nada. 

Bookmark and Share

Comentários (4)

  • Caldeira diz: 23 de agosto de 2015

    Certa vez Passarela, o grande Passarela, disse numa memorável entrevista que “los unicos invecibles son los periodista, afinal no juegam jamás”… Realmente, vocês críticos são, tal qual o Papa, infalíveis. Basta o Grêmio ter uma má jornada, fato normal para qualquer equipe mesmo tendo vencido 4 partidas anteriores, para deslustrar a trejetória do time. Para voces nada além da perfeição.

  • Lucas3 diz: 23 de agosto de 2015

    Insisto,Roger continua cometendo os mesmos erros , partida após partida.As trocas são sempre as mesmas 6 por 1/2 dúzia.Todos sabemos que o time do Grêmio é limitado, porém todo o que teve de criativo no início , hoje transformou-se em rotineiro.Ele tem Everton , Lincoln,Maxi Rodriguez , qual a razão de manter o deficiente, lento e previsível Douglas como titular ???Insistir com Brian Rodriguez ,pra que ??,coloca o Vitinho , ao menos tem fome de gloria.
    Atrás quem sempre salva é o Geromel ,o resto da zaga é patética . coloca o Hermes com certeza não será pior que o Oliveira e ainda temos a chance que jogue melhor ( Marcelo Oliveira um cara de sorte,não tem nada para ser jogador de futebol, mas está aí ,titular do meu Grêmio).
    Em soma ,assim como Roger está montando o time ,já bateu no teto, agora é só cair, A MENOS QUE MUDE ,E TEM CHANCE AINDA.

  • Neimar diz: 23 de agosto de 2015

    Na verdade o grêmio não jogou nada, parecia um time de várzea jogando, que horrível foi esta partida, Brayan manda embora de imediato. Roger errou em colocá-lo e deixar bobô no banco, como ele vai se entrosar não jogando não é mesmo. O time do grêmio parecia que foi a passeio e não para jogar futebol. Galhardo errou muito para quem fez boas partidas, hoje estava dormindo em campo, perdemos dois pontos poderíamos ter encostado, são pontos valiosos que no final fará falta demais.

  • Maurício Todeschini diz: 23 de agosto de 2015

    Realmente, ROGER NÃO sabe ler o jogo, fazer as trocas. Seu maior defeito. Se o Grêmio precisa de gol, não é BRAIAN, nem BOBÔ que irão fazê-los. Melhor tentar LINCOLN, VITINHO ou até mesmo MAXI RODRIGUEZ de centroavante. Ele entrou perdido no meio, mas sua grande qualidade é o drible ao lado da grande área e o arremate. LUAN deve jogar com 1 perna. Jamais pode dar lugar a BRAIAN ou BOBÔ. FERNANDINHO também é limitadíssimo. ROGER peca com suas trocas. O ataque tem que ter LUAN o máximo de tempo possível. E FERNANDINHO ou PEDRO ROCHA ou ainda MAXI. O resto é melhor não perder tempo.

Envie seu Comentário