Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Diretor de árbitros do Gauchão: "Não vamos aceitar pressão da Dupla"

16 de janeiro de 2016 4
15grenal

Aránguiz, ex-Inter, disputa a bola com o gremista Luan em um dos Gre-Nais do Gauchão 2015 (Agência RBS/BD)

Na sexta-feira que vem, oito dias antes do começo do Gauchão, entre apitos e bandeirinhas, 52 árbitros gaúchos vão subir à Serra. A Federação Gaúcha de Futebol (FGF) programou uma pré-temporada de três dias em Flores da Cunha, 145 quilômetros distante de Porto Alegre. Eles trabalharão em três turnos e serão supervisionados pelo diretor da Comissão de Árbitros da FGF, Luiz Fernando Gomes Moreira. Conversei com Moreira, que deseja reunir capitães, treinadores e dirigentes dos 14 times do Gauchão e falar sobre condicionamento, disciplina e critérios. 

Leia abaixo os principais trechos da nossa conversa.

A arbitragem vê a edição do Gauchão de 2016 como a mais difícil de todos os tempos?
O Gauchão é sempre um campeonato difícil, disputado, muito intenso. As reclamações e pressões sempre existiram, mais fortes em um ano, mais fracas no outro. É do jogo. Todos tentam condicionar a arbitragem, especialmente Grêmio e Inter. Mas não estamos preocupados com a Dupla. A nossa intenção é trabalhar bem, não deixar margem para reclamações.

O Grêmio reclama o Leandro Vuaden. O Inter questiona do Jean Pierre Lima. A FGF vai preservá-los em jogos da dupla Gre-Nal?
Não. Eles são árbitros experientes e qualificados. Vão trabalhar normalmente. Apitarão jogos de Grêmio e Inter se for o caso. Não seremos condicionados pela opinião de ninguém. A FGF tem critérios. Vamos segui-los. Não vamos aceitar pressão da dupla Gre-Nal.

Mas a pressão é grande?
Sei disso, todos sentimos, mas os árbitros não apitam com o coração. São profissionais. Querem trabalhar e acertar. Os que falam com o coração são os dirigentes.

Os dirigentes podem ajudar os árbitros?
Podem e devem, assim como os jogadores e os treinadores. Qualquer declaração fora do lugar faz do árbitro o principal alvo do torcedor. Vamos pedir a cooperação de todos. Se eles cooperarem, a arbitragem vai melhorar ainda mais e os jogos também.

Cooperar como?
Antes do início do Gauchão, vamos programar um encontro na FGF. Convocar capitães, treinadores e dirigentes. Vamos ouvir e falar. Quero explicar certos critérios, como vamos agir quando o atleta toca a mão na bola na grande área, quando o carrinho é permitido, como se dirigir ao árbitro, coisas assim. Tentaremos padronizar as intepretações dos árbitros e evitar desconfortos.

E a parte disciplinar?
Neste caso seremos rigorosíssimos. Não vamos impedir que o árbitro se comunique com os jogadores e a comissão técnica. Não aceitaremos reclamações fortes. Apoiamos o diálogo civilizado, nunca a ofensa e o ataque. Usaremos cartão vermelho direto se for o caso. O treinador que for expulso num jogo estará automaticamente fora da partida seguinte. Não vamos tolerar os indisciplinados nem o jogador violento. O futebol é um espetáculo, precisa ser preservado. A TV que paga pelos jogos quer mais futebol, mais bola rolando e menos reclamações.

Como será a pré-temporada?
A expectativa é grande. Trabalharemos em sala de aula de manhã, no campo de jogo à tarde e recapitularemos tudo à noite numa sessão extra. Usaremos vídeos de jogos do Brasileirão para exibir erros e acertos. Discutiremos tudo.

O que esperar do Gauchão?

Se depender dos árbitros, o Gauchão será um ótimo campeonato. Queremos que a bola corra mais e que as reclamações diminuam.

Bookmark and Share

Comentários (4)

  • bugre diz: 16 de janeiro de 2016

    Não vão aceitar pressão do inter assim como no jogo contra o cruzeirinho ano passado?

  • Dilson diz: 16 de janeiro de 2016

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  • Luiz Gustavo diz: 16 de janeiro de 2016

    Este senhor será mais um serviçal do D’Alessandro. E a RBS fará a defesa pré ia. Como ano passado no jogo interxcruzeiro. Todo ano é assim.E já faz tempo.

  • Gremista isento diz: 16 de janeiro de 2016

    Lembrando que Luiz Fernando Gomes Moreira é vice diretor da Comissão de Árbitros da FGF.
    O DIRETOR da Comissão de Árbitros da FGF É O SENHOR D’ ALESSANDRO.
    E incrível a submissão dos Árbitros gaúchos perante esse jogador argentino, ou, esse marqueteiro argentino.

Envie seu Comentário