Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Bandeirinha precisa comprar bandeira para trabalhar no Gauchão

28 de janeiro de 2016 0
28bandeira

Foto Agência RBS/BD

É o Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado do Rio Grande do Sul (Safergs) e não a Federação Gaúcha de Futebol (FGF) que fornece os kits com rádios comunicadores, auriculares e braçadeiras aos seus associados que trabalham nas partidas do Gauchão.

Cada conjunto custa R$ 10 mil e atende árbitro, assistentes e juiz reserva.

Como são sete jogos por rodada, são necessários sete conjuntos. Depois das partidas, o equipamento é devolvido ao sindicato, que os cede novamente nas próximas partidas.

Já as bandeirinhas eletrônicas utilizadas pelos árbitros assistentes precisam ser compradas pelo associado da Safergs.

O produto é importado e a unidade sai por cerca de R$ 2,5 mil. Cada árbitro-assistente tem a sua bandeirinha eletrônica, já que não utiliza seu instrumento apenas no Gauchão, mas em outas competições locais ou nacionais.

Bookmark and Share

Envie seu Comentário