Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Silas é a cara do Avaí vencedor

08 de agosto de 2009 5

Apesar da ótima fase, Silas mantém o discurso humilde e de forma inteligente tira o Avaí dos holofotes/Ricardo Duarte

Sim, já me cobraram no post das apostas que cravei derrota do Avaí na Vila. De fato achava que a série sem derrotas terminaria sábado, e o 2 a 0 que o Santos abriu quase me deu razão. Mas aí o Leão reagiu outra vez, buscou o empate jogando bem e envolvendo o time da casa. Não virou, inclusive, por detalhe. Errei, mas gostei. O Avaí segue irresistível. Quinto colocado com 27 pontos, um jogo em casa com o Náutico para fechar o turno. Ou seja, tem tudo para virar com 30 pontos, uma campanha excepcional.

Agora já é possível ver o pessoal dos grandes centros formularem teorias sobre a reação do Avaí. E se ele vai mantê-la e por quanto tempo. No discurso pós jogo do técnico Silas tive a certeza de que o Leão vai longe. Mesmo convidado pelas perguntas dos repórteres a sonhar alto, Silas manteve o tom de que o objetivo continua sendo escapar do rebaixamento. Três conclusões sobre isso: 1) É verdade mesmo, esse precisa ser o foco. 2) Dizendo isso, ele tira completamente a pressão sobre o elenco, que jogando assim, sem medo, pode render muito mais. 3) E quanto menos o Avaí for badalado, menos chamará a atenção dos adversários e poderá seguir surpreendendo. Muito melhor que seja assim. Olha Parreira, se o Avaí tem um craque, ele não é o Marquinhos não. Pra mim ele está no banco. Silas foi craque com C maiúsculo quando jogador, e a cada dia se confirma um técnico de presente e futuro brilhantes.

Aproveito que estou na Capital para comentar a derrota em casa do Figueira. O alvinegro parece ter desandado outra vez, talvez porque Roberto Fernandes ande inventando demais. Um time que quer subir não pode perder em casa para o América-RN, sem nenhum demérito ao adversário. A reação precisa vir logo, pois do jeito que está equilibrada a Série B, mais tropeços podem mandar o Figueira lá para baixo.

E, para encerrar, uma curiosidade: a dupla de Floripa faz campanha parecida. O Avaí é quinto na Série A, com 27 pontos; o Figueira sexto na B, com 26. Mas as semelhanças acabam aí. O que o Avaí fez até agora está acima de qualquer expectativa. Já do outro lado da ponte, o Figueira ainda está devendo ao torcedor.

Postado por Rodrigo Braga, de casa

Comentários (5)

  • Walmor Riesling diz: 10 de agosto de 2009

    Este blogueiro só fala de equipes catarinenses? E o Flamengo, principal time da região? Se não falarem do rubro-negro carioca, vou te largar de mão…

  • Luciano Zaia diz: 8 de agosto de 2009

    Boa Braga… O Leão da Ilha tá rugindo na série A…

  • Leonardo diz: 8 de agosto de 2009

    Não apostou no Leão, bem feito (rsrsrs). Mas estás correto na analise, o Silas é o comandante e precisa manter os pés no chão. Devagarzinho se chega longe. Já o pessoal de lá, só lamento. Parabéns pela tua opinião sem fazer média: Iguais, mas bem diferentes. É isso aí!

  • Telma, não sou fiGAYrenC!!! diz: 9 de agosto de 2009

    Ei, o fiGAYrenC não perdeu,ELE TROPEÇOU !!!!

  • Guru Avaiano diz: 10 de agosto de 2009

    Parabéns pela reportagem. Usou de sensibilidade, bom senso, realidade e sabedoria. Até mesmo quando fêz sua opção de escolha pela vitória do Santos. Na verdade eu também não acreditava que o time do AVAI pudesse somar pontos contra o time do Santos. Foi também muito feliz, quando analisou a posição do técnico Silas. Comentário altamente coerente e realista.

Envie seu Comentário