Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Amaral, o ex-coveiro, é ídolo na Austrália

28 de setembro de 2009 8

Amaral é rei no Perth Glory, time da metrópole mais isolada do planeta, que atualmente briga pelo título da liga australiana/Divulgação

Eu achava que o volante Amaral (lembram dele?), que ficou famoso naquele timaço do Palmeiras da Era Parmalat, mas que também jogou no Corinthians, Vasco e, pasmem, na Seleção Brasileira na época do Zagallo, tinha pendurado as chuteiras. Então vocês imaginam a minha surpresa ao receber um e-mail dizendo que o carismático jogador atualmente tem vida de rei nos confins da Austrália.

Amaral, que na época áurea também ficou famoso pelo fato de ter sido coveiro antes de aparecer no futebol e, principalmente, pela namorada maravilhosa que levava a tiracolo (uma oriental de parar o trânsito que certamente apaixonou-se pelo olhar irresistível dele…), é o ídolo maior da torcida do Perth Glory, time da linda cidade de Perth, considerada a metrópole mais isolada do planeta, localizada no extremo-oeste da Austrália (leia mais sobre a cidade e sobre o time).

Na segunda temporada dele na equipe _ antes jogou na Polônia, onde sofreu com a praga do racismo _, o time atravessa a melhor fase dos últimos anos, dividindo a liderança da A-League (o campeonato australiano) de 2009/2010 com os mesmos 13 pontos de Gold Coast e Sidney F.C, equipes bem mais tradicionais por lá. A chegada de Amaral deu liga na paixão dos moradores de Perth pelo futebol. E os muitos brasileiros que moram por lá (pelo jeito não há um cantinho sequer no planeta sem brasileiros) fizeram até uma homenagem em vídeo ao camisa 25 que, obviamente, foi parar no Youtube e o blog reproduz abaixo.

Mas a pergunta que não quer calar é: será que o Amaral continua com aquela japinha?

Postado por Rodrigo Braga, da redação

Comentários (8)

  • Arthur Coelho diz: 25 de fevereiro de 2010

    Que beleza! Estou até estranhando os comentários que normalmente depreciam a pessoa.É um avanço e tanto.Parabéns a todos.Também acho que a japinha foi enfeitiçada pelo olhar 44 do Amaral mas também pela sua correção como pessoa.Parabéns Amaral!!

  • marco diz: 28 de setembro de 2009

    É uma pena o brasil ficar privado da presença de uma figura tão carismatica nos gramados, além de ter potencial pra atuar em qualquer equipe aqui.

  • marcelo diz: 28 de setembro de 2009

    Muito legal. Amaral eterno # ídolo

  • juliano diz: 28 de setembro de 2009

    Aquela japinha era uma coisa de doido mesmo. Será que foi morar na Austrália? Acho que não

  • Romualdo Romanovski Kubiak diz: 21 de outubro de 2009

    Estou em Perth para participar do Campeonato Mundial de Triathlon no dia 25/10 (proximo domingo) e, enquanto procurava um lugar para almoçar, quem vejo em frente ao restaurante que tem uma funcionaria brasileira e que fornece comida brasileira – raridade por aqui..?: O PROPRIO AMARAL, em excelente forma fisica, simpatico e jovial…um garoto mesmo, mas acompanhado de sua “personal trainer”…pelo menos foi o que eles me disseram! Nao lembrei da “japinha”..por isso nao perguntei sobre a “japinha”

    Do blogueiro: Ah, não, Romualdo! Eu não acredito que tu não perguntou da japinha (risos). Mas, sim, Amaralzinho mostra ali no vídeo que tá em forma, caberia em alguns meio-campo do Brasileirão. Abraço

  • Marielle Loewe diz: 29 de setembro de 2009

    A Japinha na revista Placar é inesquecivel rsrsrs

  • Marcos diz: 29 de setembro de 2009

    O q o Amaralta fazendo pouco importa….
    Vamos fazer uma grande mobilização pra saber se aquela gatinha oriental tbm foi parar na terra dos cangurus…. precisamos saber por onde anda aquela belezura, por favor busquem informações e repassem é assunto de interesse público.
    Por onde anda a gata do Amaral?

  • Anselmo diz: 29 de setembro de 2009

    Tá em forma o Amaralzinho ein, ainda cabia em vários meio-campos do Brasileirão atual. Sempre foi um volante cumpridor, nada brilahnte, mas eficiente na marcação.

Envie seu Comentário