Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Avaí e Chapecoense começam muito bem

25 de fevereiro de 2010 9

No Índio Condá, a Chapecoense usou a pressão da torcida para fazer 3 a 0 no Brasiliense e ficar muito perto da vaga na segunda fase, onde o Atlético-MG já está na espera/Alan Pedro

Copa do Brasil é assim mesmo.

Quando um time tem a chance de matar, não pode, e não deve, desperdiçá-la. Avaí e Chapecoense, os representantes catarinenses na edição 2010, mostraram nesta quarta-feira que leram, e entenderam, o manual de instruções.

Em Chapecó, o jogo era mais duro para o Verdão do Oeste, afinal o Brasiliense, apesar do viés de baixa, tem mais tradição. Sentiu o peso da pressão do Índio Condá e levou 3 a 0, resultado difícil (eu diria praticamente impossível) de ser revertido em competições como a Copa do Brasil.

Além da larga vantagem, o time de Suca não levou gols em casa, o que sempre é primordial. significa que, se fizer um golzinho no jogo da volta, em Taguatinga-DF, o time do técnico Roberto “Professor Pardal” Fernandes terá a obrigação de marcar cinco. Se já não está oficialmente na segunda fase, a Chapecoense botou um pé e meio lá. E já tem adversário esperando. O Atlético-MG, de Vanderlei Luxemburgo, foi ao Acre e fez 7 a 0 no Juventus (com cinco do Obina!). Já pode começar a reservar hotel em Chapecó.

O Avaí também fez o que dele se esperava. Foi a Erechim-RS e não tomou conhecimento do Ypiranga, como manda o manual do time grande contra os nanicos que só uma competição extremamente democrática como essa coloca no mapa da bola. Na condição de time de Série A, fez 3 a 0 e nem precisará receber os gaúchos na Ressacada. Espera, agora, por Coritiba ou Luverdense-MT (nesta quarta o Coxa fez só 1 a 0 fora e precisará do segundo jogo, no Couto Pereira, mas é completamente favorito).

Destaco ainda do jogo no Colosso da Lagoa a aparição de Sávio no Leão. Entrou no segundo tempo, jogou bem e fez os dois primeiros gols dele com a camisa azurra. Ficou a impressão de que a paciência de colocá-lo em forma antes de mais nada começa a surtir efeito, o que deixa uma boa perspectiva para a torcida tanto para o returno do Catarinense quanto para a própria Copa do Brasil, a inegável prioridade do clube no primeiro semestre.

Postado por Rodrigo Braga, da redação

Comentários (9)

  • Nelson diz: 25 de fevereiro de 2010

    Acompanhei a transmissão do jogo da Chapecoense pela Rádio na internet. O jogo foi Show em campo e nas arquibancadas. O Verdão voltou, o Verdão voltou. Cazarine voltou. O técnico Suca está conseguindo extrair o melhor dos jogadores, no esquema tático 4-4-2. Com certeza, a Chapecoense vem forte, também, para o segundo turno do Catarinense. O segundo turno do Catarinão vai pegar fogo, Verdão quer vencer o segundo turno e fazer a final com o JEC. E assim será!

  • Fernando Canal diz: 25 de fevereiro de 2010

    Foi o primeiro jogo do ano em que o Verdão jogou com a vontade que lhe convém. Confio muito que seguraremos o Brasiliense lá e vamo ter um jogo infernal com o galo mineiro aqui.

  • Guru Avaiano diz: 25 de fevereiro de 2010

    Acho que já deu para a bola do Davi no AVAI. Manda embora também o Leonardo, o Rudnei e o péssimo técnico Chamusca. Davi jogou mais de 10 partidas e provou que não serve para o AVAI e o técnico continua insistindo, talvez a mando dos empresários da parceria. Colocar o Medina e o Roberto somente no final é inadimissível. Qualquer pessoa, mesmo não entendendo nada de futebol percebe que o time que deveria sair jogando no próximo jogo é o que terminou a partida, mais isso não ocorrerá. Fora Chamusc

  • marco diz: 25 de fevereiro de 2010

    Da-lhe Braga, o joguinho medonho esse do ypiranga e avai no primeiro tempo não?? O Sávio deu outra cara ao avai no segundo tempo, mostrando que não veio para ficar no banco. Mas a qualidade do time no geral, ainda está muito ruim, pessíma pontaria, erram muitos passes, enfim para quem quer algo mais, não pode se dar ao luxo de deixar Sávio, Medina e Roberto no banco.

  • Sandrão diz: 25 de fevereiro de 2010

    Menos Fernando avaiano… muuuito menos!!
    Libertadores é?? uahahahauahaha

    Não deram conta nem de manter o resultado nos minutos finais aqui em Joinville, demonstrando total incompetência dos jogadores e treinador, como é que vão cogitar uma competição como a libertadores???

    O toto poderoso da série A perdeu o primeiro turno pra um time de série D, e em alguns dias enfrenta um da série B!

    E agora???
    Dá pra sentir daqui o teu medinho!!! hahaha

  • Dirceu Fernando Belotto diz: 25 de fevereiro de 2010

    Sou catarinense do Oeste e acompanhei o jogo do Chapecoense pela rádio via internet… e o jogo foi muito bom! Dalê chapecoense… e que venha o Atlético MG

  • emerson diz: 25 de fevereiro de 2010

    Parabéns à dupla catarinense por mostrar serviço. O jogo do Avaí era uma barbada, até o Juventus de Jaraguá jogaria de igual pra igual com o Ipiranga, mas a Chapecoense deu um banho de bola no Brasiliense e brilhou a estrela do Casarine.

  • Fernando Avaiano diz: 25 de fevereiro de 2010

    Para a xucretes que falaram mal do leão, a vingança é doce e não tarda. Bem, já que o homem da barba não nos deixou ser campeão, alo dotô, pelo menos a nível nacional ele não consegue influenciar, é o leão rumo a Libertadores de América 2011.

  • emerson diz: 25 de fevereiro de 2010

    Ah, que chato, mudança no layout… era só o que faltava.

Envie seu Comentário