Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Arbitragem catarinense: uma lástima

25 de março de 2010 10

Seria crise o que está acontecendo com as arbitragens neste Catarinense?

Não, não é. Porque crise deixa subentendido que houve uma piora daquilo que já foi bom um dia. E eu pergunto: em algum tempo o apito no Catarinense mereceu conceito acima do lamentável?

Este Catarinense 2010 ilustra bem o que quero dizer. Dentro de campo, equilíbrio e até uma certa qualidade técnica dos times. Um bom campeonato, portanto, de acordo com a evolução do futebol do Estado nos últimos anos. Já no apito…

O que vemos a cada rodada é um rodízio de lambanças do grupinho de 5 ou seis árbitros que se revezam no apito. Li o companheiro Castiel, que esteve na Ressacada, qualificando a arbitragem do “vovô” Luiz Orlando de Souza (alô, dona Fifa!) como “digna de aposentadoria”. Precisa dizer mais? Até foguete em campo teve (será que vem punição por aí ou ficará por isso mesmo?) No Sesi, praticamente um oásis: mesmo debaixa de muita água, Paulo Henrique de Godoy Bezerra fez um bom trabalho, sem inventar, na vitória do Metrô sobre o JEC.

Mas convenhamos: relatos como esse do Sesi são exceções. A regra é sempre reclamação, questionamentos e lamentações por erros crassos dos homens do apito. Em Ibirama, também na quarta, o pessoal de Brusque também reclamou do Ronan Rosa no empate sem gols entre Atlético e Brusque.

A pergunta é: tem solução?

Com a palavra, os homens da Federação. Ao meu ver, o quadro de arbitragem catarinense precisa urgentemente de reciclagem. Novos nomes (afinal, onde está a nova geração?) Não foi formada corretamente, por isso não é colocada na vitrine? Até 2009, o principal árbitro do Estado era “importado” (Wagner Tardelli), e antes dele o Márcio Rezende. Ambos vieram aqui encerrar a carreira e, pelo jeito, barraram o surgimento de novos nomes.

Parece óbvio que a arbitragem local precisa urgentemente entrar no mesmo ritmo de evolução dos clubes, que pularam de um semi-amadorismo vexatório para um profissionalismo ainda razoável, mas já satisfatório nos últimos anos. Na maior parte dos casos, claro, nem todos seguiram a tendência.

Nem vou falar em profissionalização dos árbitros, porque esse não é um problema catarinense, mas brasileiro e até mesmo mundial. Mas é possível sim investir mais na qualificação técnica, acabar com os apadrinhamentos e outras politicagens tão comuns no apito. E, claro, aposentar quem já deu o que tinha que dar e deixar surgir novos nomes. Pior do que está dificilmente vai ficar, não acham?

Comentários (10)

  • emerson diz: 25 de março de 2010

    Esperamos que o Avaí seja punido com perda de mando de campo. Torcidinha violenta e irresponsável não merece assistir aos jogos do time.

  • avaiano triste diz: 25 de março de 2010

    Acho que vc não se preparou pra escrever este post…
    Reflita um pouco melhor sobre o assunto…
    No futebol sempre tem um time que perde… Mesmo que empate, o time favorito perde a chance de marcar pontos ou algo assim… E o time que perde dificilmente admite que os outros foram melhores, que a gente deveria ter jogado mais, que a estra~tégia não foi boa, que as substituições foram ruins, essas coisas… A culpa sempre é do campo, do juiz, da federação, do regulamento, do frio, do desfalque… Porque se reclama tanto depois dos jogos… Se o seu comentário estivesse certo, ele seria feito no início do campeonato…
    Um grande abraço!

    Do blogueiro: Meu caro, me preparei sim, pelo jeito foi você que não leu direito. O post é sobre a arbitragem catarinense como um todo, não sobre o clássico. Tente ler mais uma vez, quem sabe tu consegue entender.

  • Dúvidas diz: 25 de março de 2010

    Será que a Federação irá testemunhar como foi no caso do Jec? Que aliás foi ABSOLVIDO!
    E o árbitro? Será punido pela desastrosa arbitragem, ou vai apitar as finais, e entregar a taça para o time do governador?
    Realmente são perguntas que não querem calar!

  • 100%AZURRA diz: 25 de março de 2010

    Realmente está cada dia mais dificil de se ter uma arbitragem boa em SC…os clubes se preparam, gastam, as torcidas se mobilizam, mas o negócio esta ficando feio….a gente já não sabe mais se existe má fé, “roubo”, ou se eles são de um nível muito ruim, péssimo… mas que ha equipes prejudicadas nesse rolo, isso com certeza há!
    No caso específico de ontem, Luis Orlando de …., prejudicou e muito o Avai…e digo isso não em lances que seriam “polemicos”, dificeis de se julgar, mas em lances clarissimos, em que ou, houve a má fé e intenção de prejudicar ou ele é mesmo de péssimo nível….
    Eu no caso de ontem, acho que houve uma tremenda vontade dele de acabar com o time do Leão…ficou claro…em uma cotovelada no Caio, dada na frente dele e do bandeira e outra nos 4 minutos dados, sendo que a placa ja havia sido levantada para 3 min….sem falar em outros pequenos lances desfavorecendo o time da casa…
    Realmente assim, não da mais vontade de assistir e torcer, nesse futebol desorganizado e corrompido….ontem mesmo tive vontade de largar tudo…e não consigo enxergar uma melhora nesse quadro…só há arbitros velhos e que deveriam já estar longe de arbitragem a muito tempo. A Máfia é forte, o homem da BARBA também….a situação seria uma renovação com novos arbitros, mas isso tb é inviavel prepará-los em um curto periodo de tempo…é um trabalho de tempos…
    Enfim, fica aqui registrada a minha indignação, como sócio, torcedor e consumidor do produto futebol….

  • edson diz: 25 de março de 2010

    delfim ja deixou claro,nao quer a chapecoense na segunda divisao,por isso estao passando a mao no meu fraco brusque,ontem foi mais uma vergonha ,infelizmente é assim p os pequenos,brusque so nao cai se a chapecoense nao conseguir vencer seus jogos,hj é com nos amanha pode ser com o metro, atletico,nunca contra os ditos grandes.Aviso: delfim vai vir para ca estamos preparando uma otima recepçao para esse caco.Abraços amigo

  • Alecsandro diz: 26 de março de 2010

    Braga, vc viu o lance do segundo gol do Brusque contra a Chapecoense? o carrinho que o jogador do Brusque deu em cima do Morisco?, absurdo aquilo não ser falta!!, era lança para inclusive cartão vermelho direto, e o arbitro não deu falta e validou o gol. Braga, vc viu o lance do gol de empate do Criciúma ontem contra a Chapecoense??, absurdo!! o Leandro Branco estava impedido, mas muito impedido, coisa absurda. Isso estou relatando só os ultimos dois jogos, e os da Chapecoense que acompanho, podia ficar aqui o dia inteiro relatando. Pois é…. agora de pergunto, quem vai pagar por todos esses erros? no caso da Chape considerando só esses dois jogos, foram 4 pontos “perdidos”ou melhor roubados. Não há mais como reverter, estamos na segundona, quem vai pagar o prejuizo?,Sei q nosso time é fraco, mas os erros da arbitragem coloboraram e muito para essa queda, e a imprensa a nível estadual só botam a boca no trombone quando os “erros” acontecem nos jogos da dupla da capital, por isso são tão odiados em todo o estado.

    Do blogueiro: O do Brusque não me lembro, mas o do Criciúma ontem eu vi e estava impedido mesmo. Mas eu já nem credito isso como má fé não, eles são todos muito ruins mesmo. Abraço

  • fiedler diz: 26 de março de 2010

    Este Sr. Edson provavelmente não esteve aqui em Ibirama , porque ninguém aqui viu nada do que os Brusquenses estão falando… Foi um jogo em meio a muita água , portanto não deveria nem ter tido o jogo… Estes jogadorezinhos de hoje se jogam na área antes mesmo do advesário chegar perto sempre querendo simular alguma falta ou pênalti… O único que perdeu alguma coisa nesta partida foi o Atletico , mas pelo estado impraticável do gramado , porque em condições normais este time não ganha do Atletico nem em Brusque , muito menos aqui em Ibirama… Saudações Atleticanas…

  • Twitter Trackbacks for Braga » Blog Archive » Arbitragem catarinense: uma lástima [clicrbs.com.br] on Topsy.com diz: 28 de março de 2010

    [...] Braga » Blog Archive » Arbitragem catarinense: uma lástima wp.clicrbs.com.br/braga/2010/03/25/arbitragem-catarinense-uma-lastima/ – view page – cached Seria crise o que está acontecendo com as arbitragens neste Catarinense? Filter tweets [...]

  • Gustavo Oliveira diz: 28 de março de 2010

    Querido Braga, não vais me dizer que és avaiano como o Castiel né? Pelo amor de Deus, daí o grupo RBS tá perdido de vez! Ou estás reclamando dos lances em que o figueirense foi prejudicado, 2 ou até 3 pênaltis, gol irregular do avaí, entre outras coisas? Tu és a única esperança que resta de imparcialidade aqui, não nos desaponte!

    Do blogueiro: Gustavo, eu não sou avaiano, nem moro na Capital. Gosto dos dois, aliás. Muito menos o Castiel é avaiano, tás loco né! Abraço

  • Gustavo Oliveira diz: 29 de março de 2010

    HAhahaha. Com todo o respeito mas, não me venha com essa.
    Avaiano ou não, pra mim ele é, o Castiel só é pró-avaí.
    Isso é evidente nos posts dele. Ou deve ter uma pontinha de raiva do Figueira pelos resultados do time dele (Inter) contra o figueira, só pode. hehehehe

    Abraço!

Envie seu Comentário