Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 8 junho 2010

A súmula de Brusque x Criciúma

08 de junho de 2010 11

A Federação divulgou nesta terça pela manhã a súmula do jogo entre Brusque e Criciúma, domingo, no Augusto Bauer, pela primeira rodada do returno da Copa SC. E ela é… digamos… comprometedora.

Antes de comentar, transcrevo aqui o documento:

“Aos 44 minutos do segundo tempo expulsei do banco de reservas da equipe do Brusque FC, o Sr Joceli dos Santos, técnico da equipe, por prática de reclamação acintosa contra marcação da arbitragem. Após ser expulso, o mesmo negou-se a sair e a não atender a orientação do Árbitro Reserva, Sr Marcus de Souza, sendo necessária a minha intervenção, onde então o técnico expulso passou a me chamar de FILHO-DA-P…, SAFADO E V…; e ao invadir o campo de jogo veio a desferir um golpe em meu rosto atingindo a região próxima ao olho direito. Após o término da partida, ao sair dos vestiários de arbitragem fui abordado pelo técnico expulso o qual me ameaçou dizendo ” QUERO TE PEGAR SOZINHO, NO MANO-À-MANO, E VER SE VAIS SE ACOVARDAR DE MIM!”. Ato seguinte registrei Boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia Civil contra o mesmo por agressão e ameaça conforme registro de nº 00054-2010-0616 e Guia de Exame de Corpo de Delito nº 598 (em anexo). 2.2 – Após o término da partida, quando o 4º Árbitro, marcus de Souza, dirigiu-se ao vestiário da equipe do Criciúma, a fim de colher assinatura do capitão daquela equipe na “Comunicação de Penalidades”; foi barrado pelo técnico dda referida equipe, Sr Argel Fucks, o qual expulsou-o do local, chamando a arbitragem de LADRÃO, SAFADO E FRACA (Sic).

Minha opinião:

O árbitro Jefferson Schmidt, que pelas imagens claramente dá um tapa no técnico do Brusque, Joceli dos Santos, se defende atravésdo documento oficial do jogo dizendo que, após expulsar o treinador por reclamação, foi ofendido (os termos estão aí transcritos, na íntegra) e ameaçado. É a versão dele, pois até agora o que todos tinham visto era apenas a agressão destemperada de Schmidt.

Caberia ao TJD punir rigorosamente todos os envolvidos nesse vexame. Mas eu digo “caberia” porque vocês já sabem, é o TJD. Aquele que durante todo o Catarinense passou a mão na cabeça de todo mundo e não puniu verdadeiras barbaridades, como aquelas do clássico Avaí x Figueirense. Que nesta mesma Copinha não puniu o Figueirense por uso de jogador irregular. O mesmo TJD que quer subir a Chapecoense pela janela. Ou seja, nem adianta esperar muita coisa, pois dificilmente alguém será punido. Muito menos o árbitro, que continuará com aquela aura de intocável, de quem pode fazer o que bem entender em campo. Inclusive o que fez o Sr. Jefferson Schmidt.

Definitivamente, o futebol catarinense vive um ano para ser esquecido…