Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de maio 2012

Metropolitano já cogita desistir de jogar a Série D

30 de maio de 2012 18

A situação cada vez mais enrolada e longe de uma solução nas séries C e D do Brasileiro começa a tirar do sério até entusiastas ferrenhos das competições.

O Metropolitano é um deles. Investiu, levou a sério a competição. Mas com a indefinição já comunicou à Federação Catarinense: se até segunda-feira não houver uma previsão de início do torneio, no dia seguinte vai discutir, em reunião do conselho deliberativo do clube, a desistência.

O presidente do Metrô, Erivaldo Caetano Júnior, o Vadinho, conversou nesta quarta-feira com pessoas dentro da CBF que lidam com o imbróglio envolvendo Brasil de Pelotas (RS), Treze (PB), Rio Branco (AC), Santo André (SP) e agora até o Araguaína (TO). E mostrou-se pouco esperançoso de entrar em campo dia 10, para receber o Juventude no Sesi na abertura da Série D. Neste próximo final de semana, a chance já é zero.

Se de fato abrir mão de jogar a Série D, o Metropolitano não ficará sem calendário em 2012. A Federação Catarinense trabalha para fortalecer novamente a moribunda Copa Santa Catarina. Informações ainda de bastidores dão conta que ela valeria a terceira vaga catarinense na Copa do Brasil de 2013 _ o torneio será maior e o Estado terá direito a pelo menos mais um representante. Como as vagas do Estadual são de Avaí e Figueirense, o Verdão enxerga na Copinha uma boa oportunidade e, se o impasse prosseguir na Série D, passaria o priorizar a conquista do torneio estadual.

Falo mais do caso na minha coluna desta quinta-feira no Jornal de Santa Catarina. Confiram!

Siga o blogueiro no Twitter:

Metropolitano quer gandulas mulheres no Sesi

30 de maio de 2012 2

Na onda do sucesso da gandula Fernanda Maia, do Botafogo (foto ao lado), que após enorme repercussão vai parar até nas páginas da Playboy em julho, o Metropolitano colocou no site oficial (confira aqui) um anúncio onde procura por torcedoras interessadas em atuar como gandulas nos jogos do clube no Sesi.

Requisitos:

- Idade mínima de 18 anos (exigência da FCF)

- Flexibilidade de horários

- Bom preparo físico

Ficou interessada? Entre em contato com o clube pelo e-mail licenciamento@metropolitano.net

Siga o blogueiro no Twitter:

Coluna do Braga no Santa - 30/5/2012

30 de maio de 2012 1

Coluna publicada na edição desta quarta-feira no Jornal de Santa Catarina:

O legado e a inveja

Blumenauenses têm orgulho do legado da cidade no esporte amador, e com razão. Mas têm uma invejinha velada, sim senhor, do sucesso de equipes de cidades vizinhas, que investem fortunas e ganham títulos. Sempre foi assim.

Atire a primeira pedra quem nunca quis aqui na cidade um timaço de futsal como o da Malwee (Jaraguá do Sul), ou um esquadrão de vôlei como o da Cimed (Florianópolis). Quem sabe um time de basquete de ponta brigando por títulos importantes, como Joinville. Há mais exemplos, fiquemos apenas com os mais importantes.

O problema é que investimentos privados no esporte (ao menos na política praticada aqui no Brasil) simplesmente acabam, do dia pra noite, quando os objetivos de quem paga a conta são alcançados. A Malwee, que já era famosa antes de Falcão e Cia, hoje é conhecida mundialmente. E quem, a não ser que venda remédios, sabia que a Cimed produz medicamentos genéricos antes de associar a marca com os títulos do vôlei? E aqui não estou julgando, tampouco culpando ninguém por fechar a torneira. É um direito, e não são os primeiros nem serão os últimos casos assim. A questão a lamentar é: e aí, sobra o quê?

Eu tenho orgulho da estrutura do esporte de base que Blumenau mantém, já disse isso outras vezes. Mas queria muito ver aqui um troféu de Superliga, da Liga Futsal, um time que se projete internacionalmente. A cidade merece isso. Mas não com dinheiro público.

O dia em que o empresariado local enxergar o esporte como investimento, não como filantropia, teremos times de elite por aqui. Se cabe algo às autoridades do esporte neste cenário (além de manter o trabalho na base), é fomentar a ideia e até buscar alternativas (leia-se dinheiro) fora da cidade. Como atrativo, Blumenau tem a oferecer uma estrutura que poucos lugares possuem. E quando o investimento acabar (porque ele acaba), a base continuará lá cumprindo com o seu papel, que vai muito além do esporte, é social.

Será que estou sonhando alto?

Pra terminar…

A cada dia, fica mais claro: o Brusque vive a maior crise de sua história. O caso é grave.

A superterça dos catarinenses na Série B

30 de maio de 2012 15

A primeira rodada cheia da Série B do Brasileiro teve catarinenses experimentando novos sabores. O Joinville, o doce da primeira vitória. O Avaí, o amargo da primeira derrota. Já o Tigre manteve a rotina de vitórias.

O JEC foi bem na partida contra o Guarani, que, na teoria, é um dos favoritos ao acesso (na prática acho que não será). Dominou a partida, controlou as ações e venceu com tranquilidade por 2 a 0. O resultado foi importante para acalmar a torcida e dar confiança ao grupo.

Em Natal, o Avaí deve ter exagerado na deliciosa culinária potiguar, porque jogou com uma preguiça absurda. O América (que também foi campeão estadual há pouco), mesmo jogando diante da torcida respeitou o tempo todo o time catarinense. Mas quando viu que o bicho não era tão feio assim, foi para cima e fez o gol da vitória, a segunda do time vermelho, que tem um jogo a menos (cumpre semana que vem). O Avaí sofreu a primeira derrota sob o comando de Hemerson Maria, invencibilidade que durava desde março, ainda no Estadual. Porém, mais preocupante do que o placar, ou a classificação de momento, foi o futebol avaiano. Em uma competição tão nivelada, falta de vontade é requisito básico para ficar para trás.

Ah, e sábado temos o primeiro clássico catarinense da Série B, justamente Avaí x Joinville, em Floripa. Se encontrarão com pontuação igual, mas em momentos distintos.

Fechando a rodada, o Criciúma manteve os 100% e a liderança com uma atuação convincente sobre o Vitória. Zé Carlos, em noite iluminada, só não fez chover nos 2 a 1 (curiosamente mesmo placar do jogo de 2011 no HH, quando ele também fez os dois do Tigre). Nesta terça, repetiu a dose, podia ter feito mais, mandou bola na trave, enfim, atuação de gala.

Artilheiro da Série B com quatro gols, Zé do Gol tem sido primordial na arrancada do Tigre, de certo modo surpreendente. Vale lembrar que ano passado o camisa 9 também foi peça-chave, marcando gols decisivos que, no fim das contas, salvaram o time do pior, já que a campanha foi ruim.

A vitória sobre o Vitória (ops), pela maneira como foi construída, mostrou a força do time catarinense, ainda que os minutos finais (já sem o atacante) tenham sido dramáticos, de pressão do adversário em busca do empate. Da mesma forma que o Atlético-PR, os baianos têm elenco pra jogar a Série A e estão entre os favoritos ao acesso. E o Tigre passou o carro, como se diz por aí, em um jogo agradável, de bom nível técnico.

Continuo querendo ver mais desse Criciúma antes de projetar onde ele pode chegar. Mas que agrada até aqui, agrada. E muito.

Volvo Ocean Race em Itajaí - vídeo oficial

29 de maio de 2012 0

Já faz um tempinho, né?

Pra quem ficou com saudade da espetacular passagem da Regata de Volta ao Mundo – a Volvo Ocean Race – por Itajaí, no mês passado, um presente.

O vídeo oficial da Itajaí Stopover, com imagens belíssimas e que entraram para a história naqueles 18 dias no Litoral catarinense.

Quem não viu, confira. E quem quer matar a saudade, fique à vontade. O crédito é da produtora Duna, de Itajaí.

E se você perdeu o contato com os veleiros, o blog também dá uma força. Os seis (incluindo o lanterninha Sanya, que não veio a Itajaí) já partiram de Miami (EUA) e estão cruzando o Oceano Atlântico a caminho de Lisboa (Portugal). Já passaram pelos Açores nesta terça-feira e o líder Abu Dhabi está a menos de 750 milhas náuticas (cerca de 1,3 mil km) da capital portuguesa. A etapa, entretanto, está completamente indefinida.

Acompanhe aqui a reta final da etapa Miami-Lisboa.

Siga o blogueiro no Twitter:

As dívidas dos clubes brasileiros

28 de maio de 2012 11

Notícia divulgada nesta segunda-feira. Reproduzo abaixo texto do portal do Estadão:

Os clubes cariocas estão no topo do ranking de dívidas com impostos e contribuições, conforme revelou pesquisa feita pela Pluri Consultoria, que atua no setor esportivo. Os quatro grandes do Rio devem, juntos, R$ 966 milhões em tributos, o que representa, aproximadamente, 52% dos cerca de R$ 1,9 bilhão devidos pelos 14 times com maiores receitas do Brasil _ não há catarinenses no levantamento. No topo da lista aparece o Botafogo, com uma dívida de R$ 318 milhões.

O cálculo foi feito a partir dos balanços relativos ao ano passado. A Pluri considerou as dívidas ligadas à Timemania _ loteria criada pelo governo federal para dar aos clubes a receita necessária para pagar os atrasados _ e os impostos de fora do âmbito da Timemania. O relatório conclui que o processo de crescimento das dívidas de impostos dos clubes continua ocorrendo mesmo após a renegociação das dívidas ocorridas com a Timemania, em 2007.

A Pluri ressalta que o Botafogo, apesar de ser o clube que mais deve, corrigiu as dívidas tributárias monetariamente no balanço de 2011 _ o que ainda não foi feito pelos demais clubes. A agremiação carioca, porém, tem a maior porcentagem de dívida em relação à receita anual. No Botafogo, as dívidas com impostos representam incríveis 540% do valor da receita anual, o maior índice da lista.

As maiores dívidas (em impostos e contribuições)

Clube R$ milhões

1º Botafogo – 318

2º Flamengo – 258

3º Fluminense - 220

4º Atlético-MG - 187

5º Vasco - 170

6º Corinthians - 133

7º Internacional - 127

8º Santos - 108

9º Grêmio - 91

10º São Paulo - 62

11º Palmeiras - 61

12º Cruzeiro - 57

13º Coritiba - 56

14º Atlético-PR - 6

Percentual de endividamento (tamanho da dívida em relação à receita anual)

Clube %

1º Botafogo - 540

2º Fluminense - 275

3º Atlético-MG - 188

4º Flamengo - 140

5º Vasco - 124

6º Coritiba - 84

7º Internacional - 67

8º Grêmio - 64

9º Santos - 57

10º Corinthians - 46

11º Cruzeiro - 44

12º Palmeiras - 41

13º São Paulo - 28

14º Atlético-PR - 14

Siga o blogueiro no Twitter:

Figueira traz ponto importante do Engenhão. Mas...

27 de maio de 2012 13

Empatar com o Fluminense no Rio nunca será um resultado ruim. Mesmo com o Flu desfalcado e de ressaca. Mesmo com um jogador a mais boa parte do jogo. O Figueira trouxe do Engenhão um pontinho que poucos vão trazer no Brasileirão.

Mas o time mostrou algumas deficiências que precisam ser trabalhadas. A defesa espaçada demais, os laterais pouco efetivos, os problemas estão a e o Argel certamente os enxergou.

A boa notícia é que o campeonato dá uma parada de 10 dias, tempo para o técnico Argel trabalhar isso tudo. É mais tempo que ele teve quando chegou ao clube.

O começo do Figueirense no Brasileirão é bom. Só não pode achar que assim tá ótimo porque o campeonato esquenta, os times começam a se acertar e aí quem não arrumou a casa quando teve a oportunidade dança.

Começo do Criciúma na Série B é animador

26 de maio de 2012 17

O começo do Criciúma na Série B do Brasileiro é melhor que a encomenda. 100% de aproveitamento, ataque funcionando. Neste sábado, apesar de ter permitido a reação do Bragantino no fim, a vitória por 4 a 3, fora de casa, é excelente. Coloco a cochilada defensiva no fim na conta do relaxamento natural após o quarto gol e o jogo praticamente definido. Mas é bom o grupo conversar sobre isso…

O Tigre agrada pelo começo, mas ainda quero mais tempo para analisar as possibilidades na competição. Já o JEC até agora decepciona. Sexta, o jogo com o ABC em Natal foi de dar sono, o time precisa melhorar muito. Mas, da mesma forma, é prudente ter um pouco mais de paciência com o time de Leandro Campos antes de qualquer conclusão.

Abertura das Séries C e D está adiada

24 de maio de 2012 3

Mesmo sem um comunicado oficial por parte da CBF, pelo menos até o momento (18h36min de quinta-feira), as rodadas de abertura das Séries C e D do Brasileiro, inicialmente previstas para o fim de semana, estão suspensas por tempo indeterminado.

Conversei há pouco com o presidente do Metropolitano, Erivaldo Caetano Jr, o Vadinho, e ele confirmou que foi comunicado pela FCF do adiamento da rodada e, por consequência, do jogo do Metrô contra o Juventude, que seria domingo, no Sesi.

Com a decisão da Fifa de suspender o Brasil de Pelotas e o Treze de Campina Grande (PB), que foram à Justiça comun, é possível que a polêmica tenha um desfecho nos próximos dias. Mesmo que o clube gaúcho siga dizendo que manterá as ações, o mais provável é que recue e aceite disputar a Série D no grupo do Metrô.

Se isso acontecer, as competições devem começar no próximo final de semana.

Sobre o (não) início das séries C e D

23 de maio de 2012 12

Queria falar mais. Talvez fale mais depois.

Por enquanto, deixo um pensamento sobre tudo que envolve a suspensão das rodadas de abertura das Séries C e D do Brasileiro, que seriam no sábado e no domingo:

“O futebol brasileiro sai da várzea, mas a várzea não sai do futebol brasileiro”