Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Fábio Luís/Daniel Souza e Rachel/Érica Freitas vencem etapa Nacional do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia

12 de janeiro de 2014 0

As duplas Fábio Luís/Daniel Souza (ES/RJ) e Rachel/Érica Freitas (RJ/MG) foram as vencedoras da sexta etapa Nacional do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, disputada na Arna do Parque da Cidade, em Brasília (DF).

Na decisão das mulheres, a carioca Rachel e a mineira Érica Freitas conquistaram o título ao derrotarem Bruna/Pauline (PB/RJ) por dois a zero, com parciais de 24/22 e 21/9. Na disputa pelo terceiro lugar, Izabel e Camila (PA/RJ) marcaram 21/15, 18/21 e 15/9 sobre Evelyn/Fernanda Nunes (SC/RJ).

O pódio feminino em Brasília - Divulgação/CBV/Paulo Frank

O pódio feminino em Brasília – Divulgação/CBV/Paulo Frank

Depois da conquista, Érica Freitas comemorou a classificação para a etapa Open do Circuito Brasileiro.

- Estou muito feliz. Foi um resultado muito importante para nós duas, pois era nossa primeira etapa juntas. Precisávamos desses pontos porque temos como meta subir no ranking para alcançar o Open. Serve para nos dar moral. A satisfação é total. Sem falar que é sempre muito bom jogar em Brasília, onde tenho muitos amigos.

Fábio Luís e Daniel Souza conquistaram o título ao baterem Ferramenta/Luciano (RJ/ES) por 2 a 0, parciais de 21/18 e 21/12. Na disputa pelo terceiro lugar, os cariocas Márcio Gaudie e Fábio Guerra venceram Yuri e Álvaro Andrade (BA/SE) por 2 a 0, com parciais de 21/11 e 21/18.

O pódio masculino na etapa de Brasília -  Divulgação/CBV/Paulo Frank

O pódio masculino na etapa de Brasília – Divulgação/CBV/Paulo Frank

Nas duas etapas anteriores, Fábio Luís teve como parceiro Márcio Gaudie. Depois da vitoriosa estreia com o novo companheiro, ele falou sobre a formação.

- É uma parceria nova e é sempre muito importante começar com um título. A expectativa é boa e, agora, temos que dar sequência ao treinamento e manter o foco, porque o objetivo é voltar ao ranking do Open. Foi um primeiro passo, mas precisamos pensar jogo a jogo, torneio a torneio, para chegarmos mais longe.

Envie seu Comentário