Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Sesi-SP bate Voléro Zürich e fica com o bronze no Mundial de Clubes

11 de maio de 2014 0

Em sua primeira participação no Campeonato Mundial de Clubes de Vôlei Feminino, o Sesi-SP ficou com a medalha de bronze. Neste domingo, a equipe paulista derrotou o Voléro Zürich, da Suíça, time sede do torneio, por três sets a dois, com parciais de 25/18, 20/25 25/21, 23/25 e 15/13, em 2h04 de partida e garantiu um lugar no pódio.

Jogadoras do Sesi comemoram o bronze - Divulgação/FIVB

Jogadoras do Sesi comemoram o bronze – Divulgação/FIVB

Depois de um bom começo, onde soube aproveitar os oito erros da equipe suíça, o Sesi fechou o set inicial e manteve o ritmo na largada da segunda parcial, quando fez 5/1. Porém, aos poucos, o Voléro Zürich melhorou seu trabalho de bloqueio e virou o marcador, empatando o jogo.

O terceiro set foi extremamente equilibrado, mas as brasileiras levaram vantagem na reta final e com um 25/21 passaram a liderar o marcador. A quarta parcial foi ainda mais parelha, porém um erro de arbitragem quando o marcador era favorável às suíças em 24/23, definiu o empate e forçou o tie-break.

Sesi marcou 14 pontos de bloqueio - Divulgação/FIVB

Sesi marcou 14 pontos de bloqueio – Divulgação/FIVB

No set desempate, o Sesi começou bem melhor e abriu 7/4, antes da virada de quadra, mas cometeu erros seguidos e permitiu a virada do Voléro em 8/7. Até o 12° ponto, as suíças estiveram no comando do marcador. Porém, a equipe paulista conseguiu reagir e com um grande trabalho defensivo chegou ao match point e depois de um saque de Priscila Daroit, Suelen defendeu o ataque suíço e a ponteira Dayse finalizou no contra-ataque e garantiu a terceira colocação.

Dayse fez o ponto decisivo - Divulgação/FIVB

Dayse fez o ponto decisivo – Divulgação/FIVB

A oposto Ivna terminou a partida com 2o acertos e foi a maior pontuadora do Sesi. O time comandado por Talmo de Oliveira ainda contou com um grande trabalho das centrais Fabiana Claudino e Bia, que terminaram com 18 e 15 pontos, respectivamente. Dayse marcou em 12 oportunidades. A cubana Kenia Carcases foi quem mais marcou pelo time suíço, 22 pontos.

 

Envie seu Comentário