Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Mirjana Lučić-Baroni bate Karolína Plíšková e segue campanha dos sonhos no Aberto da Austrália

25 de janeiro de 2017 0

O sonho da croata Mirjana Lučić-Baroni segue no Aberto de Tênis da Austrália. Número 79 do ranking mundial da WTA, a tenista nascida em Dortmund, na Alemanha, mas que adotou a nacionalidade dos pais, parece ter ligado a máquina do tempo e voltado ao final da década de 90, quando assombrava o mundo do tênis como juvenil.

Lučić-Baroni disputará sua segunda semifinal de Grand Slam - Divulgação/Ben Solomon/Tennis Australia

Lučić-Baroni disputará sua segunda semifinal de Grand Slam – Divulgação/Ben Solomon/Tennis Australia

Em 1996 venceu a chave do Aberto dos Estados Unidos e meses depois, no começo de 1997, faturou os títulos de simples e duplas do Aberto da Austrália e tornou-se a terceira jogadora na história a vencer dois torneios juvenis de Grand Slam antes de completar 15 anos, ao lado da norte-americana Jennifer Capriati e da suíça Martina Hingis, que a convidaria para disputar e vencer a chave principal de duplas na Austrália em 1998.

Campanha deve colocar Plíšková em terceiro no ranking - Divulgação/Ben Solomon/Tennis Australia

Campanha deve colocar Plíšková em terceiro no ranking – Divulgação/Ben Solomon/Tennis Australia

Porém, problemas pessoais acabaram prejudicando sua carreira e ela viu o tempo passar em meio a diversas dificuldades físicas e financeiras. Pois na atual edição do primeiro Grand Slam da temporada, a jogadora de 34 anos vice um sonho. Com uma campanha espetacular, ela está nas semifinais do torneio. Nesta quarta-feira (25), ela derrotou a tcheca Karolína Plíšková, quinta favorita, por 2 a 1, com parciais de 6/4, 3/6 e 6/4, em 1h47 de partida e repetiu o feito de 1999, quando foi semifinalista em Wimbledon e acabou perdendo para a alemã Steffi Graf.

 Lučić-Baroni desaba após vitória - Divulgação/@AustralianOpen

Lučić-Baroni desaba após vitória – Divulgação/@AustralianOpen

Depois da vitória sobre Plíšková, a croata desabou em lágrimas e deu uma emocionada entrevista ainda em quadra.

- Eu jamais poderia imaginar que estaria aqui de volta. Nunca vou esquecer deste dia.

Sua próxima adversária sairá do confronto entre a norte-americana Serena Williams e a britânica Johanna Konta.

Envie seu Comentário