Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
  • Thumbnail

    Sem perder set, Dominic Thiem é campeão do Rio Open

    O austríaco Dominic Thiem fechou uma semana perfeita no Rio de Janeiro e conquistou neste domingo (26) o título do ATP 500 Rio Open, ao derrotar o espanhol Pablo Carreño Busta em sets diretos (7/5 e 6/4), em 1h34 de partida. Na competição, o semifinalista de Roland Garros-2016 não perdeu um set sequer em...

    0
  • Thumbnail

    Guilherme Clezar fura o quali do Brasil Open de Tênis

    O gaúcho Guilherme Clezar conseguiu um importante resultado neste domingo (26) ao derrotar o belga Arthur De Greef, 138º do ranking mundial, por 2 sets a 0, parciais de 7/5 e 6/0, em 1h25 de partida válida pela rodada decisiva do qualifying do ATP 250 Brasil Open, que terá sua chave principal sendo realizada...

    0
  • Thumbnail

    Jo-Wilfried Tsonga vence final caseira e é tricampeão do ATP 250 de Marselha

    Jo-Wilfried Tsonga derrotou Lucas Pouille neste domingo (26) por 2 a 0, com um duplo 6/4, em 69 minutos de partida, e sagrou-se tricampeão do ATP 250 de Marselha, na França. Campeão em 2009/13 e finalista em 2014, Tsonga venceu a decisão caseira e igualou os feitos do suíço Marc Rosset, ganhador das edições...

    0
  • Thumbnail

    Tímea Babos quebra jejum de cinco anos e é campeã do WTA de Budapeste

    Exatos cinco anos depois de conquistar seu primeiro troféu no Tour, a húngara Tímea Babos sagrou-se neste domingo (26) campeã do WTA Internacional de Budapeste, na Hungria. Vencedora do WTA Internacional de Monterrey, no México. em 26 de fevereiro de 2012, derrotando a romena Alexandra Cadanțu, a jogadora de 23 anos superou a tcheca...

    0
  • Thumbnail

    Com direto a recordes, quenianos dominam a Maratona de Tóquio

    Os quenianos dominaram a Maratona de Tóquio, no Japão, disputada neste domingo (26) nas ruas da cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2020 e estabeleceram recordes para a prova. Entre os homens, Wilson Kipsang correu em 2h03min58seg e registrou a oitava melhor marca da história. Esta foi a 12ª vitória da carreira do queniano de...

    0

Sem perder set, Dominic Thiem é campeão do Rio Open

26 de fevereiro de 2017 0

O austríaco Dominic Thiem fechou uma semana perfeita no Rio de Janeiro e conquistou neste domingo (26) o título do ATP 500 Rio Open, ao derrotar o espanhol Pablo Carreño Busta em sets diretos (7/5 e 6/4), em 1h34 de partida. Na competição, o semifinalista de Roland Garros-2016 não perdeu um set sequer em suas cinco atuações.

Thiem ganhou no Rio - Divulgação/@RioOpenOficial

Thiem ganhou no Rio – Divulgação/@RioOpenOficial

Esta foi a 11ª final da carreira do número oito do ranking mundial e a oitava vitória, a segunda em um ATP 500. No ano passado, Thiem ganhou em Acapulco, no México. Pela vitória nas quadras de saibro do Jockey Club Brasileiro, o tenista de 23 anos levou um prêmio de US$ 314.880 e 500 pontos na classificação da ATP.

Carreño Busta foi campeão de duplas e vice de simples - Divulgação/@RioOpenOficial

Carreño Busta foi campeão de duplas e vice de simples – Divulgação/@RioOpenOficial

Para Carreño Busta esta foi sua quinta decisão e o terceiro vice-campeonato. Porém, o 24º do mundo também teve motivos para comemorar. Além dos 300 pontos no ranking e do prêmio de US$ 154.370, ele ainda deixará a Cidade Maravilhosa com o troféu de campeão de duplas, ao lado do uruguaio Pablo Cuevas.

Guilherme Clezar fura o quali do Brasil Open de Tênis

26 de fevereiro de 2017 0

O gaúcho Guilherme Clezar conseguiu um importante resultado neste domingo (26) ao derrotar o belga Arthur De Greef, 138º do ranking mundial, por 2 sets a 0, parciais de 7/5 e 6/0, em 1h25 de partida válida pela rodada decisiva do qualifying do ATP 250 Brasil Open, que terá sua chave principal sendo realizada a partir de segunda-feira (27), nas quadras de saibro do Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo.

Clezar garantiu vaga na chave principal - Divulgação/©DGW Comunicação

Clezar garantiu vaga na chave principal – Divulgação/©DGW Comunicação

Número 284 do mundo, Clezar entrou no qualificatório com um convite da organização e na primeira rodada já havia surpreendido o japonês Taro Daniel, 121º na classificação da ATP. A conquista da vaga irá render 12 pontos ao tenista de 24 anos.

Com a classificação de Guilherme Clezar, o Brasil terá seis jogadores na competição. Os outros serão os paulistas Thomaz Bellucci, Rogério Dutra Silva e João Souza, o cearense Thiago Monteiro e o também gaúcho Orlando Luz.

Jo-Wilfried Tsonga vence final caseira e é tricampeão do ATP 250 de Marselha

26 de fevereiro de 2017 0

Jo-Wilfried Tsonga derrotou Lucas Pouille neste domingo (26) por 2 a 0, com um duplo 6/4, em 69 minutos de partida, e sagrou-se tricampeão do ATP 250 de Marselha, na França.

Tsonga não perdeu set em Marselha - Divulgação/@Open13

Tsonga não perdeu set em Marselha – Divulgação/@Open13

Campeão em 2009/13 e finalista em 2014, Tsonga venceu a decisão caseira e igualou os feitos do suíço Marc Rosset, ganhador das edições de 1993/1994/2000, e do sueco Thomas Enqvist, tri no anos de 1997/1998/2002.

Número 11 do ranking mundial da ATP. o tenista de 31 anos conquistou o 14º título de sua carreira, o segundo da temporada. Na semana passada, ele havia vencido o ATP 500 de Roterdã, na Holanda.

Tsonga e seu 14º título de ATP - Divulgação/@Open13

Tsonga e seu 14º título de ATP – Divulgação/@Open13

A festa francesa ficou completa com a vitória de Julien Benneteau e Nicolas Mahut sobre o holandês Robin Haase e o britânico Dominic Inglot por 6/4, 6/7 (9) e 10-5, na decisão de duplas. Esta foi a terceira conquista da parceria.

Tímea Babos quebra jejum de cinco anos e é campeã do WTA de Budapeste

26 de fevereiro de 2017 0

Exatos cinco anos depois de conquistar seu primeiro troféu no Tour, a húngara Tímea Babos sagrou-se neste domingo (26) campeã do WTA Internacional de Budapeste, na Hungria.

Em casa, Babos festejou segundo título da carreira - Divulgação/Hungarian Tennis

Em casa, Babos festejou segundo título da carreira – Divulgação/Hungarian Tennis

Vencedora do WTA Internacional de Monterrey, no México. em 26 de fevereiro de 2012, derrotando a romena Alexandra Cadanțu, a jogadora de 23 anos superou a tcheca Lucie Šafářová por 2 a 1, parciais de 6/7 (4), 6/4 e 6/3, em 2h17 de partida e garantiu mais 280 pontos no ranking  mundial, onde ocupa a 33ª posição, além de um prêmio de US$ 43 mil.

Babos não vencia um WTA desde 2012 - Divulgação/Hungarian Tennis

Babos não vencia um WTA desde 2012 – Divulgação/Hungarian Tennis

Na final de duplas, Su-Wei Hsieh, de Taipé Chinesa, e Oksana Kalashnikova, da Geórgia, derrotaram a australiana Arina Rodionova e a cazaque Galina Voskoboeva por 6/3, 4/6 e 10-4 e sagraram-se campeãs. Este foi o primeiro título da parceria

Com direto a recordes, quenianos dominam a Maratona de Tóquio

26 de fevereiro de 2017 0

Os quenianos dominaram a Maratona de Tóquio, no Japão, disputada neste domingo (26) nas ruas da cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2020 e estabeleceram recordes para a prova.

Entre os homens, Wilson Kipsang correu em 2h03min58seg e registrou a oitava melhor marca da história. Esta foi a 12ª vitória da carreira do queniano de 34 anos, medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Londres-2012 e que ainda tem os bicampeonatos das maratonas de Frankfurt, na Alemanha, Londres, na Inglaterra, e Nova Iorque, nos Estados Unidos.

Wilson Kipsang comemora vitória - Divulgação/IAAF

Wilson Kipsang comemora vitória – Divulgação/IAAF

Mais cinco quenianos chegaram na sequência, com Gideon Kipketer em segundo com 2h05min51seg, e Dickson Chumba, em terceiro lugar com 2h06min25seg.

Sarah Chepchirchir venceu entre as mulheres - Divulgação/IAAF

Sarah Chepchirchir venceu entre as mulheres – Divulgação/IAAF

Na disputa feminina, a queniana Sarah Chepchirchir ganhou com 2h19min47seg, recorde da prova japonesa e 16º tempo da história. A segunda colocação ficou com a etíope Birhane Dibaba, campeã em 2015 e quinta colocada no ano passado. Outra corredora da Etiópia, Amane Gobena, foi a terceira.

Sada Cruzeiro bate Bolívar e é tetracampeão Sul-Americano

26 de fevereiro de 2017 0

O Sada Cruzeiro Vôlei (MG) conquistou no sábado (25), à noite, em Montes Claros (MG), o quarto título do Campeonato Sul-Americano Masculino de Clubes, ao superar na final o Personal/Bolívar, da Argentina, por 3 sets a 0 (26/24, 25/23 e 25/23), em 1h29 de partida e garantiu vaga no Campeonato Mundial, que será disputado de 11 a 17 de dezembro deste ano, na Polônia.

Sada Cruzeiro conquistou o tetra - Divulgação/CSV

Sada Cruzeiro conquistou o tetra – Divulgação/CSV

O cubano Yoandy Leal e o australiano Thomas Edgar, do Bolívar, ambos com 15 acertos, foram os maiores pontuadores do jogo. O ponteiro do Sada Cruzeiro ainda foi eleito o melhor jogador do campeonato (MVP) e fez parte da seleção ideal, ao lado dos companheiros de clube, Rodriguinho, ponta, Robertlandy Simón, central, e William Arjona, levantador.

Simón e William comemoram ponto do Cruzeiro - Divulgação/Ana Flávia Goulart/Sada Cruzeiro

Simón e William comemoram ponto do Cruzeiro – Divulgação/Ana Flávia Goulart/Sada Cruzeiro

A equipe ideal ainda teve os vice-campeões Pablo Crer, central, Thomas Edgar, oposto, e Alexis González, líbero. Na disputa da medalha de bronze, o Montes Claros Vôlei (MG) foi superado pelo UPCN San Juan Vóley, da Argentina, por 3 sets 0 (25/22, 25/19, 25/23) e terminou em quarto lugar na competição.

Após ser envolvido em troca, Marcelinho Huertas é dispensado pelo Houston Rockets

26 de fevereiro de 2017 0

O Houston Rockets anunciou durante esta madrugada que “renunciava a guarda de Marcelinho Huertas“. A informação divulgada através da conta da franquia no Twitter selou a participação do brasileiro na temporada.

Huertas seguirá nos Lakers - DIvulgação/NBAE/Getty Images

Huertas seguirá nos Lakers – DIvulgação/NBAE/Getty Images

Envolvido em uma negociação que levou Tyler Ennis para o Los Angeles Lakers, o armador de 33 anos chegou à NBA no ano passado e terminou com médias de 4,5 pontos e 3,4 assistências em 53 partidas.  Já no campeonato que está em andamento, Huertas atuou em apenas 23 jogos, com médias de 2,7 pontos e 2,3 assistências por atuação.

Sada Cruzeiro vai à final e busca o tetra Sul-Americano de Vôlei Masculino

25 de fevereiro de 2017 0

O Sada Cruzeiro vai disputar o título do Campeonato Sul-Americano Masculino de Clubes de Vôlei . Nesta sexta-feira (24), o time mineiro superou o UPCN San Juan Vóley, da Argentina, por 3 sets a 0 (25/21, 25/19 e 25/23), e garantiu presença na decisão da competição, que acontecerá neste sábado (25), às 17h30 (de Brasília), no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG), sede do torneio.

Leal foi maior pontuador do jogo - Divulgação/Sada Cruzeiro

Leal foi maior pontuador do jogo – Divulgação/Sada Cruzeiro

Campeão em 2012/14/16, o Cruzeiro enfrentará o Personal/Bolívar, da Argentina, que superou o time da casa, o Montes Claros Vôlei por 3 a 2 (28/26, 25/21, 23/25, 24/26, 15/10).

Se vencer, o time comandado pelo argentino Marcelo Méndez ficará a uma conquista de igualar Paulistano (SP) e Banespa (SP), maiores campeões da história do Sul-Americano. Já o Bolívar busca seu segundo troféu, após a vitória na edição de 2010.

Montes Claros parou no Bolívar - Divulgação/ Fredson Souza/MCV

Montes Claros parou no Bolívar – Divulgação/ Fredson Souza/MCV

O campeão irá garantir uma vaga no Campeonato Mundial, que será disputado de 11 a 17 de dezembro deste ano, na Polônia, e que também terá as participações do campeão polonês de 2017, do vencedor da Liga dos Campeões da Europa 2016-17, do Sarmayeh Bank Tehran, do Irã, campeão asiático e mais quatro convidados da Federação Internacional de Voleibol (FIVB).

Rexona-Sesc bate Brasília e mantém folga na liderança da Superliga Feminina de Vôlei

24 de fevereiro de 2017 0

O Rexona-Sesc (RJ) derrotou o Terracap/BRB/ Brasília Vôlei, por 3 a 0 ( 25/20, 27/25 e 31/19), em 1h30 de partida disputada nesta sexta-feira (24), no Ginásio do Sesi Taguatinga (DF), no complemento da oitava rodada do returno da Superliga Feminina de Vôlei.

Anne Buijs foi a melhor do jogo - Divulgação/ Felipe Costa/Ponto MK Esportivo

Anne Buijs foi a melhor do jogo – Divulgação/ Felipe Costa/Ponto MK Esportivo

Com o resultado, o time carioca chegou aos 53 pontos, com 18 vitórias e apenas uma derrota, e abriu oito de vantagem para o Vôlei Nestlé/Osasco (SP), segundo colocado. Já o Brasília perdeu a oitava em 19 jogos e com 32 pontos segue na sexta posição.

A ponteira holandesa Anne Buijs,  foi eleita melhor da partida e ficou com o Troféu Viva Vôlei. Ao lado da ponta Amanda, do Brasília, e de sua companheiro de equipe, a central Juciely, ela foi a maior pontuadora do jogo, com 14 acertos. A ponteira Paula Pequeno foi outro destaque do time da casa, com 13 pontos assinalados.

Thiago Monteiro perde para Casper Ruud nas quartas de final do Rio Open

24 de fevereiro de 2017 0

O Brasil não tem mais representantes na chave de simples do ATP 500 Rio Open. Nesta sexta-feira (24), o último representante do país na competição, o cearense Thiago Monteiro foi eliminado pelo norueguês Casper Ruud, nas quartas de final, em dois sets, parciais de 6/2 e 7/6 (2), em 1h23 de partida.

Ruud disputará primeira semifinal de ATP Tour da carreira - Divulgação/João Pires/@Fotojump

Ruud disputará primeira semifinal de ATP Tour da carreira – Divulgação/João Pires/@Fotojump

Convidado da organização, Ruud, 18 anos e número 208 do ranking mundial, chegou ao Rio de Janeiro sem jamais ter vencido uma partida de ATP Tour. Na estreia, surpreendeu o paulista Rogério Dutra Silva (88º) e na segunda rodada despachou o espanhol Robert Carballés Baena (132º), antes de encarar Monteiro, 85º na classificação da ATP.

Thiago superou campanha de 2016 - Divulgação/João Pires/@Fotojump

Thiago superou campanha de 2016 – Divulgação/João Pires/@Fotojump

Número um do mundo no ranking juvenil em janeiro de 2016, ele tem dois títulos em torneios Future conquistados em Paguera (Espanha) e Kaarina (Finlândia) e um no Challenger de Sevilha (Espanha), em setembro do ano passado.

Para chegar à primeira final de Tour na carreira, Ruud terá como próximo adversário, o espanhol Pablo Carreño Busta, 24º do mundo, que superou o ucraniano Alexandr Dolgopolov por 7/6 (4), 6/7 (2), 1/0 e desistência, após 1h53 de disputa.

Segundo cabeça de chave, o austríaco Dominic Thiem segue sem perder set. Nesta sexta, o oitavo colocado do ranking mundial bateu o argentino Diego Schwartzman (51º) por 2 a 0 (6/2 e 6/3), em 1h16 de jogo e também está nas semifinais, onde enfrentará o espanhol Albert Ramos Viñolas (25º), que passou pelo qualifier argentino Nicolas Kicker (123º), pelos mesmos 6/2 e 6/3.

Thiem  foi semifinalista de Roland Garros em 2016 - Divulgação/João Pires/@Fotojump

Thiem foi semifinalista de Roland Garros em 2016 – Divulgação/João Pires/@Fotojump

Os semifinalistas no Rio de Janeiro já garantiram 180 pontos no ranking mundial da ATP, além de um prêmio de US$ 70.375.