Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "guilherme clezar"

ATP divulga novo ranking e Top 10 segue inalterado

01 de maio de 2017 0

A Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) divulgou nesta segunda-feira (01º) a atualização de seu ranking e nenhuma alteração foi registrada entre os dez primeiros colocados.

Murray mantém liderança  - Divulgação/Theo Karanikos/Tennis Australia

Murray mantém liderança – Divulgação/Theo Karanikos/Tennis Australia

Eliminado nas semifinais em Barcelona, o britânico Andy Murray mantém a primeira posição com confortáveis 3.785 pontos de vantagem para o sérvio Novak Djokovic. Mesmo sem jogar na semana, os suíços Stanislas Wawrinka e Roger Federer aparecem logo depois. Em quinto está o espanhol Rafael Nadal, que em duas semanas seguidas venceu o Masters de Monte Carlo e o ATP 500 de Barcelona.

Com dois títulos no ano, Nadal voltou ao Top 5 - Divulgação/Ben Solomon/Tennis Australia

Com dois títulos no ano, Nadal voltou ao Top 5 – Divulgação/Ben Solomon/Tennis Australia

O melhor brasileiro segue sendo o paulista Thomaz Bellucci, que perdeu três colocações e agora está em 57º lugar. Já Rogério Dutra Silva se manteve em 69º, 12 lugares acima do cearense Thiago Monteiro, que perdeu uma posição. Quem teve o melhor aproveitamento foi o gaúcho Guilherme Clezar, que teve computados os pontos do vice-campeonato do Future de Santa Margherita (Itália) há duas semanas e subiu 13 postos, chegando a 261ª posição.

Bellucci é o melhor brasileiro - Divulgação/Arquivo

Bellucci é o melhor brasileiro – Divulgação/Arquivo

Confira os 10 primeiros colocados no ranking da ATP:

1 – Andy Murray (GBR) 11.870

2 – Novak Djokovic (SER) 8.085

3 – Stanislas Wawrinka (SUI) 5.695

4 – Roger Federer (SUI) 5.125

5 – Rafael Nadal (ESP) 4.735

6 – Milos Raonic (CAN) 4.165

7 – Kei Nishikori (JAP) 4.010

8 – Marin Čilić (CRO) 3.565

9 – Dominic Thiem (AUT) 3.535

10 – David Goffin (BEL) 2.975

Veja os 10 primeiros brasileiros na ATP:

57 – Thomaz Bellucci (SP) 866

69 – Rogério Dutra Silva (SP) 715

81 – Thiago Monteiro (CE) 645

138 – João Souza (SP) 419

249 – André Ghem (RS) 207

261 – Guilherme Clezar (RS) 197

331 – Caio Zampieri (SP) 142

342 – João Pedro Sorgi (SP) 136

401 – Daniel Dutra Silva (SP) 106

425 – Bruno Sant’Anna (SP) 96

Guilherme Clezar leva virada e é eliminado em Future na Itália

25 de abril de 2017 0

O gaúcho Guilherme Clezar foi eliminado nesta terça-feira (24), em sua estreia no ATP Challlenger Città di Francavilla al Mare, na província de Chieti, na Itália.

Clezar caiu na estreia - Divulgação/Arquivo

Clezar caiu na estreia – Divulgação/Arquivo

Número 278 no ranking mundial, o brasileiro acabou sendo derrotado pelo italiano Matteo Berrettini, 269º, convidado da organização, por 6/7 (7), 6/1 e 6/3, em jogo que teve 2h08 de duração.  Na segunda rodada o tenista da casa vai enfrentar o francês Constant Lestienne, sétimo favorito e 189º do mundo, que venceu o compatriota Tristan Lamasine por 6/4, 5/7 e 7/6 (7).

Agora, único representante do Brasil no torneio que distribui € 43 mil em prêmios é o também gaúcho Fabrício Neis, que vai disputar a chave de duplas ao lado do uruguaio Ariel Behar. Na estreia, eles vão enfrentar a parceria formada pelo italiano Alessandro Motti e o holandês David Pel.

Guilherme Clezar é vice no Future de Santa Margherita di Pula

22 de abril de 2017 0

O tenista gaúcho Guilherme Clezar foi derrotado pelo italiano Salvatore Caruso, 218º colocado no ranking mundial da ATP, neste sábado (22), por 2 a 0, com um duplo 6/3, em 1h27 de partida e ficou com o vice-campeonato do Future de Santa Margherita di Pula, na Itália, com premiação total de US$ 25 mil.

Clezar ficou com o vice na Sardenha-  Divulgação/Arquivo

Clezar ficou com o vice na Sardenha- Divulgação/Arquivo

Número 277 do mundo, o brasileiro não conquista um título desde setembro de 2013, quando venceu o Challenger de Campinas (SP). Sua última final havia sido no Challenger do Rio de Janeiro (RJ), em janeiro do ano passado, quando perdeu para o argentino Facundo Bagnis. Pelo vice no saibro italiano, Clezar irá somar 15 pontos na classificação da ATP.

Guilherme Clezar passa por rodada dupla e vai às quartas de final na Itália

05 de abril de 2017 0

O gaúcho Guilherme Clezar precisou entrar em quadra em duas oportunidades, nesta quarta-feira (05), para garantir uma vaga nas quartas de final do Future de Santa Margherita di Pula, cidade localizada na região de Cagliari, na Itália.

Clezar está nas quartas na Itália - Divulgação/Arquivo

Clezar está nas quartas na Itália – Divulgação/Arquivo

No primeiro jogo do dia, Clezar superou o italiano Andrea Basso, 499 do ranking mundial, por 2 a 1, com parciais de 6/2, 3/6 e 7/6 (6), em 2h14 de confronto. Algumas horas depois, o rival foi o suíço Adrian Bodmer, superado em sets diretos (6/2 e 6/1), em 1h15 de partida e encerrou a maratona.

Atual 238º colocado na classificação da ATP, o brasileiro vai enfrentar o italiano Stefano Caruso, que está 11 posições à sua frente, e que hoje fez apenas um jogo contra o japonês Naoki Nakagawa, que foi batido em dois sets (6/1 e 7/5).

Rgoério Dutra Silva é finalista em Santiago

11 de março de 2017 0

O brasileiro Rogério Dutra Silva, 85 do ranking mundial, decide neste sábado (11) o título do ATP Challenger de Santiago, no Chile. O adversário do paulista será local Nicolás Jarry, 249º do mundo. A partida está marcada para às 19h (de Brasília). Este será o segundo confronto entre eles. No anterior, na primeira rodada da mesma competição, em 2015, o chileno venceu de virada.

Rogerinho busca título em Santiago - Divulgação/CBT

Rogerinho busca título em Santiago – Divulgação/CBT

Nas semifinais disputadas na sexta-feira, Rogérinho bateu o italiano Simone Bolelli (656º) em sets diretos (6/4 e 6/2), em 1h48 de jogo. Jarry sequer entrou em quadra diante do gaúcho Guilherme Clezar, 263º na classificação mundial, que com uma lesão no pé esquerdo teve que desistir.

Guilherme Clezar fura o quali do Challenger de Santiago

05 de março de 2017 0

O gaúcho Guilherme Clezar derrotou o argentino Juan Ignacio Londero, 349º do mundo, neste domingo (05), em sets diretos (6/4 e 6/3), em 1h17 de jogo e garantiu uma vaga na chave principal do ATP Challenger de Santiago, no Chile, com premiação de US$ 50 mil.

Clezar avançou no quali - Divulgação/João Pires/Fotojump

Clezar avançou no quali – Divulgação/João Pires/Fotojump

Número 273 do ranking mundial, Clezar agora fará sua estreia diante do francês Tristan Lamasine, 206º colocado. Mais três brasileiros participarão do torneio, os paulistas Rogério Dutra Silva, principal favorito, João Souza, oitavo cabeça de chave, e Caio Zampieri.

Guilherme Clezar e Orlando Luz perdem na estreia do Brasil Open

27 de fevereiro de 2017 0

Dois dos seis brasileiros na chave principal do ATP 250 Brasil Open foram eliminados logo na estreia nesta segunda-feira (27). Depois de vencer dois jogos no qualificatório, o gaúcho Guilherme Clezar não resistiu ao argentino Guido Pella e foi derrotado em sets diretos (6/2 e 6/3), em 1h11 de jogo.

Clezar é o número 273 do mundo - Divulgação/Brasil Open

Clezar é o número 273 do mundo – Divulgação/Brasil Open

Apesar da derrota, Clezar somará 12 pontos no ranking mundial da ATP, onde atualmente é o 273º colocado, graças a campanha no quali. Já Pella, 166 do mundo, agora espera a definição do confronto entre o compatriota Carlos Berlocq, oitavo cabeça de chave, e o brasileiro Thiago Monteiro, para conhecer seu adversário de oitavas de final.

Convidado da organização, o também gaúcho Orlando Luz foi eliminado pelo português Gastão Elias, 98º, que venceu por 2 a 0 (6/2 e 7/5), em 1h22 de partida. Mesmo sem somar ponto, o tenista de 19 anos e que está em 544º lugar no ranking comemorou o fato de atuar pela primeira vez em um torneio do ATP Tour.

Orlandinho disputou sua primeira partida de ATP Tour - Divulgação/Brasil Open

Orlandinho disputou sua primeira partida de ATP Tour – Divulgação/Brasil Open

Em outro jogo desta segunda, o argentino Renzo Olivo despachou o espanhol Iñigo Cervantes por 7/6 (60 e 6/4 e passou às oitavas, onde enfrentará o português João Sousa, quarto favorito, que ficou com bye na primeira rodada.

Guilherme Clezar fura o quali do Brasil Open de Tênis

26 de fevereiro de 2017 0

O gaúcho Guilherme Clezar conseguiu um importante resultado neste domingo (26) ao derrotar o belga Arthur De Greef, 138º do ranking mundial, por 2 sets a 0, parciais de 7/5 e 6/0, em 1h25 de partida válida pela rodada decisiva do qualifying do ATP 250 Brasil Open, que terá sua chave principal sendo realizada a partir de segunda-feira (27), nas quadras de saibro do Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo.

Clezar garantiu vaga na chave principal - Divulgação/©DGW Comunicação

Clezar garantiu vaga na chave principal – Divulgação/©DGW Comunicação

Número 284 do mundo, Clezar entrou no qualificatório com um convite da organização e na primeira rodada já havia surpreendido o japonês Taro Daniel, 121º na classificação da ATP. A conquista da vaga irá render 12 pontos ao tenista de 24 anos.

Com a classificação de Guilherme Clezar, o Brasil terá seis jogadores na competição. Os outros serão os paulistas Thomaz Bellucci, Rogério Dutra Silva e João Souza, o cearense Thiago Monteiro e o também gaúcho Orlando Luz.

Guilherme Clezar é o único brasileiro a vencer no quali do Rio Open

18 de fevereiro de 2017 0

O gaúcho Guilherme Clezar foi o único brasileiro a passar pela primeira rodada do qualificatório do Rio Open. Neste sábado (18), ele vencia o eslovaco Jozef Kovalík, 121º do ranking, por 5/1, quando o adversário desistiu da partida.

Clezar está a uma vitória de jogar o Rio Open - Divulgação/Rio Open

Clezar está a uma vitória de jogar o Rio Open – Divulgação/Rio Open

Dessa forma, Clezar precisa de mais um triunfo para garantir vaga na chave principal do ATP 500. Seu próximo rival será o espanhol Roberto Carballés Baena (131º), que bateu o paulista Felipe Meligeni Alves em três sets (6/3, 4/6 e 6/0), depois de 1h58 de jogo.

Felipe é sobrinho de Fernando Meligeni - Divulgação/Rio Open

Felipe é sobrinho de Fernando Meligeni – Divulgação/Rio Open

Mais dois brasileiros entraram em quadra, mas foram eliminados. O gaúcho Orlando Luz, 542 da classificação mundial, perdeu para o argentino Guido Andreozzi (142º), de virada, parciais de 5/7, 63 e 6/4, em 2h18 do confronto. Já o paulista João Pedro Sorgi (349º) parou no belga Arthur De Greef (141º), que fez 2 a 0 (6/4 e 6/3), em 1h36 de disputa.

Orlandinho parou no quali - Divulgação/Arquivo

Orlandinho parou no quali – Divulgação/Arquivo

Demais resultados:

Víctor Estrella Burgos (DOM) 6/3 e 6/3 Rubén Ramírez Hidalgo (ESP)

Taro Daniel (JAP) 6/1, 0/6 e 6/1 Federico Gaio (ITA)

Marco Cecchinato (ITA) 7/6 (5), 6/7 (4) e 6/2 Alessandro Giannessi (ITA)

Nicolas Kicker (ARG) 6/3 e 7/6 (6) Christian Garín (CHI)

Caio Zampieri vai à rodada final do quali e pode ser o quinto brasileiro no ATP de Quito

05 de fevereiro de 2017 0

O brasileiro Caio Zampieri está classificado para a rodada decisiva do ATP 250 de Quito, no Equador. No sábado (04), ele derrotou o argentino Andrea Collarini por 6/3 e 6/4, em 1h11 de partida e agora vai encarar o experiente colombiano Alejandro Falla. O jogo deve começar por volta de 17h (de Brasília) deste domingo.

Zampieri é o número 264 do ranking - Divulgação/@EcuadorOpen250

Zampieri é o número 264 do ranking – Divulgação/@EcuadorOpen250

Já o gaúcho Guilherme Clezar não teve a mesma sorte e acabou perdendo para o italiano Marco Cecchinato por 2 a 1, com parciais de 4/6, 7/6 (4) e 7/6 (5), em jogo que teve 1h57 de duração.

Quatro brasileiros estão garantidos na chave principal. Atual vice-campeão, Thomaz Bellucci será o quarto cabeça de chave e só vai estrear na segunda rodada, assim como o croata Ivo Karlović, principal favorito.

Bellucci ficou com o vice no ano passado - Divulgação/Ecuador Open Quito

Bellucci ficou com o vice no ano passado – Divulgação/Ecuador Open Quito

O cearense Thiago Monteiro é o sétimo pré-classificado e terá o convidado local Giovanni Lapentti, como rival de primeira rodada, enquanto os paulista Rogério Dutra Silva e João Souza esperam a definição do torneio de qualificação para conhecer seus primeiros adversários.