Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Novo Basquete Brasil"

Com cronômtero zerado, Vitória converte dois lances livres, bate o Mogi e força jogo 5 nos playoffs do NBB

03 de maio de 2017 0

Eu um jogo dramático e com um final alucinante, o  Universo/Vitória derrotou o Mogi das Cruzes/Helbor (SP), por 82 a 80, na terça-feira à noite, em Salvador (BA) e igualou a série válida pelas quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB) em 2 a 2, forçando a realização de um quinto jogo, no próximo sábado (06), às 14 horas (de Brasília), no Ginásio Hugo Ramos, em Mogi das Cruzes, para definir o classificado para às semifinais.

Jogadores do Vitória festejam empate no playoff - Divulgação/Raul Spinassé/LNB

Jogadores do Vitória festejam empate no playoff – Divulgação/Raul Spinassé/LNB

A decisão veio com o cronômetro zerado na prorrogação em dois lances livres do ala André Góes, que garantiu a vitória da equipe baiana. O jogo estava empatado em 80 a 80 e Mogi tinha a posse de bola, mas o norte-americano Keyron Sheard roubou a bola do compatriota  Shamell Stallworth, e fez  o passe para André Góes, que sofreu falta de um terceiro americano, o ala/pivô Tyrone Curnell exatamente no estouro do cronômetro. Já com o tempo zerado e com mais ninguém ao seu lado, o camisa 40 não se intimidou, converteu os dois lances livres e garantiu a vitória rubro-negra.

Jogo 5 entre Mogi e Vitória acontecerá no sábado - Divulgação/Raul Spinassé/LNB

Jogo 5 entre Mogi e Vitória acontecerá no sábado – Divulgação/Raul Spinassé/LNB

Para garantir o resultado, o Vitória teve uma grande atuação coletiva e seis atletas atingiram dígitos duplos na pontuação. O armador norte-americano Kenny Dawkins foi o cestinha com 17 pontos, seguido pelo ala/pivô Renato Scholz (13), André Góes (12), o ala Arthur (12), o pivô Douglas Kurtz (11) e o ala Edu Mariano (10). Vindo do banco de reservas, o ala Filipin foi o cestinha do Mogi, com 18 pontos, seguido por Tyrone, que marcou 15 pontos e ainda pegou nove rebotes.

Fora de casa, Franca arrasa Paulistano e força jogo 5 nas quartas de final do NBB

02 de maio de 2017 0

O Franca Basquete (SP) não deu chances ao Paulistano/Corpore (SP) e empatou nesta terça-feira (02), a série melhor de cinco do playoff de quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB), em 2 a 2, ao derrotar o rival por 105 a 87, em pleno Ginásio Antonio Prado Júnior, em São Paulo.

Pedro comandou vitória de Franca - Divulgação/Luiz Pires/LNB

Pedro comandou vitória de Franca – Divulgação/Luiz Pires/LNB

Com um primeiro quarto simplesmente arrasador, a equipe comandada pelo técnico Hélio Rubens Garcia Filho abriu 24 pontos de vantagem (33 a 09) e praticamente definiu o resultado do jogo. Depois foi só administrar e proteger o resultado até o final. Agora, os dois times irão para o jogo 5, no próximo sábado (06), às 14 horas (de Brasília), em Franca.

Hélinho comanda o Franca - Divulgação/Luiz Pires/LNB

Hélinho comanda o Franca – Divulgação/Luiz Pires/LNB

Para construir a impressionante vitória, Franca teve 16 acertos em 28 tentativas de arremessos da linha de três pontos contra apenas 11 em 36 do Paulistano, além de 24 assistências contra apenas 11 do time da casa.

Quatro jogadores da equipe do interior paulista se destacaram na partida: o ala Pedro, que marcou 18 pontos e teve 80% de aproveitamento nas bolas de três (4/5); o ala/pivô Antônio, que fez 17; o pivô Lucas Cipolini, que terminou com  13 pontos e o armador Alexey, que deixou a quadra com 12 pontos e nove assistências.

Cipolini foi um dos destaques do jogo - Divulgação/Luiz Pires/LNB

Cipolini foi um dos destaques do jogo – Divulgação/Luiz Pires/LNB

Na equipe do Paulistano, o armador Yago, 17 anos, saiu do banco de reservas para marcar 24 pontos e se tornar o cestinha do jogo, e o armador reserva Arthur Pecos cravou 17 pontos.

Pinheiros vence o Flamengo e força o jogo 5 nas quartas de final do NBB

01 de maio de 2017 0

O Pinheiros voltou a derrotar o Flamengo (RJ) no playoff de quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB) e igualou a série melhor de cinco em 2 a 2. Depois de perder os dois primeiros confrontos, o time paulista se recuperou e conseguiu uma vitória na casa do rival, e outra nesta segunda-feira (01º), em São Paulo (SP), por 102 a 98, garantindo a realização de um quinto confronto na próxima sexta-feira (05),  no Ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro.

Holloway comandou o Pinheiros - Divulgação/Daniel Vorley/ECP

Holloway comandou o Pinheiros – Divulgação/Daniel Vorley/ECP

Para garantir o prolongamento da série, a equipe dirigida pelo técnico César Guidetti contou com excelentes atuações de dois norte-americanos, o ala Desmond Holloway, cestinha da partida, com 32 pontos, e responsável por nove rebotes, seis assistências e quatro bolas recuperadas, e o ala/armador Corderro Bennett, que registrou 22 pontos, seis rebotes, cinco assistências e duas bolas recuperadas.

Marquinhos é o cestinha do Flamengo - Divulgação/Daniel Vorley/ECP

Marquinhos é o cestinha do Flamengo – Divulgação/Daniel Vorley/ECP

Em meio ao grande equilíbrio de Pinheiros e Flamengo, os rebotes foram decisivos para a vitória paulista. O time vencedor teve 45 rebotes conta 28 dos rivais. Em seu ataque, o clube paulista teve 16 rebotes e garantiu 18 pontos em segundas chances.

No Flamengo, o ala Marquinhos foi o cestinha com 24 pontos marcados, seguido pelo ala/pivô Olivinha, que marcou 19, e pelo armador Ricardo Fischer, responsável por dez pontos e oito assistências.

Bauru elimina Brasília e vai às semifinais do NBB

30 de abril de 2017 0

O Gocil/Bauru Basket é o primeiro classificado às semifinais do Novo Basquete Brasil (NBB). Em um Ginásio Panela de Pressão completamente lotado, a equipe do técnico Demétrius Ferracciú venceu o jogo 4 da série de quartas de final contra o UniCEUB/BRBCARD/Brasília (DF), na noite deste domingo (30), por 80 a 78, e fechou a série em 3 a 1. Esta será a terceira semifinal do time paulista na história da competição.

Léo Meindl registrou 20 pontos e 7 assistências - Divulgação/Marcello Zambrana/LNB

Léo Meindl registrou 20 pontos e 7 assistências – Divulgação/Marcello Zambrana/LNB

Na semifinal, Bauru vai enfrentar o vencedor da série entre Flamengo (RJ) e Pinheiros (SP). Até o momento, os cariocas lideram por 2 a 1 e o quarto confronto está marcado para segunda-feira (01º/05), em São Paulo (SP), às 19 horas (de Brasília).

Com 20 pontos e 14 rebotes, o ala/pivô Jefferson William foi o cestinha da equipe paulista, enquanto o ala Léo Meindl também registrou 20 pontos e foi responsável por uma bola de três crucial a pouco mais de dois minutos para o fim da partida.

Jefferson William fez um duplo-duplo de 20 pontos e 14 rebotes - Divulgação/Marcello Zambrana/LNB

Jefferson William fez um duplo-duplo de 20 pontos e 14 rebotes – Divulgação/Marcello Zambrana/LNB

Por Brasília, o ala/pivô Guilherme Giovannoni com 21 pontos e Lucas Mariano e Deryk Ramos, ambos com 15 pontos, foram os principais destaques.

Mogi bate Vitória com tranquilidade e volta a ficar em vantagem nos playoffs do NBB

29 de abril de 2017 0

O Mogi das Cruzes/Helbor dominou o Universo/Vitória (BA) do início ao fim e venceu o terceiro jogo dos playoffs de quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB), disputado neste sábado (29), no Ginásio Hugo Ramos, em Mogi das Cruzes, com tranquilidade, pelo placar de 88 a 69. Com o resultado, o time paulista lidera a série por 2 a 1 e está a uma vitória de garantir uma vaga nas semifinais. O quarto confronto entre eles está marcado para a próxima terça-feira (02), às 21h30, em Salvador.

Jogadores de Mogi comemoram a vitória - Divulgação/João Neto/LNB

Jogadores de Mogi comemoram a vitória – Divulgação/João Neto/LNB

Mogi teve um grande desempenho defensivo. Dono da segunda melhor defesa da fase de classificação, o time comandado por Guerrinha não deu espaços ao ataque baiano e sofreu sua menor pontuação na série. Outra melhora expressiva do Mogi, principalmente em relação ao segundo jogo, foi o número de rebotes. Depois de ver o Vitória dominar o garrafão na última partida, os paulistas tiveram o mesmo número de rebotes dos rivais (31).

Pivô Douglas Kurtz encara defesa d Mogi - Divulgação/João Neto/LNB

Pivô Douglas Kurtz encara defesa de Mogi – Divulgação/João Neto/LNB

Os alas Shamell Stallworth e Jimmy se destacaram. O norte-americano foi o cestinha da partida, com 23 pontos, e ainda somou quatro rebotes e quatro assistências. Já o camisa 18 contribuiu em todos os fundamentos – 11 pontos, oito rebotes, três assistências, uma bola recuperada e um toco.

Shamell e Fabrício comemoram - Divulgação/João Neto/LNB

Shamell e Fabrício comemoram – Divulgação/João Neto/LNB

Além de Shamell e Jimmy, outros jogadores tiveram boas atuações pela equipe vencedora. Explorando muito bem as jogadas no garrafão, o pivô Caio Torres marcou 13 pontos, enquanto o armador norte-americano naturalizado brasileiro Larry Taylor anotou dez. Por sua vez, o ala/pivô norte-americano Tyrone Curnell deixou a quadra com nove pontos, cinco assistências e cinco rebotes.

Larry Taylor foi um dos destaques de Mogi - Divulgação/João Neto/LNB

Larry Taylor foi um dos destaques de Mogi – Divulgação/João Neto/LNB

Pelo Vitória, outro norte-americano foi destaque. O ala Kenny Dawkins, autor de 14 pontos e seis assistências. Seu compatriota, o ala Keyron Sheard registrou 13 tentos para os baianos.

Paulistano vence Franca e fica perto de vaga nas semifinais do NBB

28 de abril de 2017 0

Com uma grande virada no último quarto, o Paulistano/Corpore (SP) derrotou o Franca Basquete/Magazine Luiza, nesta sexta-feira (28), por 69 a 66 e assumiu a liderança do playoff de quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB), com o placar de 2 a 1. As duas equipes voltarão a se enfrentar no próximo dia 2 de maio, às 19h30 (de Brasília), em São Paulo.

Eddy foi cestinha do jogo - Divulgação/LNB

Eddy foi cestinha do jogo – Divulgação/LNB

A partida desta sexta foi bastante equilibrada e após ficar seis pontos atrás (34 a 28) nos dois períodos iniciais, o time visitante demonstrou um grande poder de reação no último quarto e com impressionantes 26 a 15 virou o marcador, calando os 5.414 torcedores que compareceram no Ginásio Pedrocão para acompanhar o confronto.

O grande destaque do jogo foi o ala/armador Eddy, autor de 25 pontos e dono de seis rebotes. O ala Lucas Dias deixou a quadra com um duplo-duplo de 14 pontos e dez rebotes. O armador Henrique Coelho, com 15, foi o principal pontuador de Franca.

Fora de casa, Vitória bate Mogi e empata quartas de final do NBB

27 de abril de 2017 0

O Universo/Vitória (BA) empatou a série contra o Mogi das Cruzes/Helbor (SP) pelas quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB). Nesta quinta-feira (27), em partida decidida apenas nos segundos finais, o time baiano venceu fora de casa, por 87 a 83, e igualou o confronto em 1 a 1. Agora, as das equipes voltarão a se enfrentar no próximo sábado (29), às 14 h (de Brasília), novamente no Ginásio Hugo Ramos, em Mogi das Cruzes.

Dawkins foi decisivo - Divulgação/Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Dawkins foi decisivo – Divulgação/Antonio Penedo/Mogi-Helbor

A segunda partida foi extremamente equilibrada e depois de uma igualdade em 17 pontos, no primeiro período, os visitantes foram para o intervalo vencendo por um (38 a 37). O jogo seguiu igual e os baianos chegaram ao quarto decisivo com a mesma diferença (61 a 60). Restando cerca de dez segundos para o fim do confronto Mogi perdia por dois (85 a 83) e recuperou a posse. Jimmy partiu em contra-ataque, mas Kenny Dawkins roubou a bola e ainda fez uma bandeja para decretar a vitória baiana. Esta foi apenas a terceira derrota dos paulistas em casa nesta temporada.

Keyron Sheard registrou seu recorde de pontos no NBB - Divulgação/Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Keyron Sheard registrou seu recorde de pontos no NBB – Divulgação/Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Chamando a responsabilidade nos momentos de decisão, o armador marcou 13 de seus 18 pontos na parcial finale foi o destaque individual do jogo ao acrescentar mais oito rebotes e três assistências à sua atuação. O cestinha do Vitória foi outro norte-americano, o ala Keyron Sheard, que fez 24 pontos, com direito a seis bolas de três pontos em nove tentativas. O terceiro gringo da equipe, o ala/pivô Chris Hayes terminou com 16 pontos e quatro passes para cesta.

Shamell é o cestinha de Mogi - Divulgação/Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Shamell é o cestinha de Mogi – Divulgação/Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Pelo Mogi, o ala norte-americano Shamell Stallworth também anotou 24 pontos, além de realizar seis assistências. Já o pivô Caio Torres registrou 18 pontos, um a mais que o ala/pivô norte-americano Tyrone Curnell.

Pinheiros bate o Flamengo e diminui desvantagem no playoff de quartas de final do NBB

26 de abril de 2017 0

O Pinheiros (SP) derrotou o Flamengo, nesta quarta-feira (26), por 90 a 79, em pleno Ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro, e diminuiu a desvantagem no playoff melhor de cinco das quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB). Com o resultado, os cariocas vencem por 2 a 1, mas o próximo jogo será disputado em São Paulo (SP), no dia 01º de maio, às 19 horas (de Brasília).

Pinheiros, de Teichmann, diminuiu desvantagem - Divulgação/João Neto/LNB

Pinheiros, de Teichmann, diminuiu desvantagem – Divulgação/João Neto/LNB

Desde o início da partida, o time comandado por César Guidetti comandou as ações e conseguiu vantagem de oito  pontos aberta já no primeiro quarto (27 a 19). O rubro-negro carioca reagiu no segundo período e reduziu a diferença para apenas dois (47 a 45) no intervalo. Mas o Pinheiros voltou a ditar o ritmo, após o recomeço do jogo e passou a liderar por dez (72 a 62), quando do início do último quarto.

Nem mesmo Marquinhos conseguiu garantir vitória do Flamengo - Divulgação/João Neto/LNB

Nem mesmo Marquinhos conseguiu garantir vitória do Flamengo – Divulgação/João Neto/LNB

Nos 10 minutos finais, os paulistas chegaram a ter 13 pontos de frente (75 a 62), mas com com corrida de 9 a 0, o Flamengo reagiu e encostou em 75 a 71. Porém, o Pinheiros segurou a pressão e assegurou a vitória.

Holloway foi um dos destaques do Pinheiros - Divulgação/João Neto/LNB

Holloway foi um dos destaques do Pinheiros – Divulgação/João Neto/LNB

A vitória paulista foi marcada por excelente desempenho coletivo. Os destaques na estatística ficaram por conta dos norte-americanos Desmond Holloway, cestinha da equipe com 20 pontos, e Corderro Bennett, que mesmo com dores durante toda a partida devido a uma contratura no quadril, encontrou forças para registrar 16 pontos, oito rebotes e seis assistências.

Pelo Flamengo, os experientes Marquinhos e Marcelinho Machado, com 19 e 16 pontos, respectivamente, foram os principais jogadores em quadra.

Franca faz valer mando de quadra e iguala playoff do NBB com o Paulistano

26 de abril de 2017 0

O Franca Basquete (SP) fez valer a força de um Ginásio Pedrocão completamente lotado por sua torcida e igualou o confronto válido pelas quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB) diante do Paulistano/Corpore (SP) ao vencer por 92 a 79. A terceira partida da série será disputada na próxima sexta-feira (28), às 19h30, mais uma vez em Franca.

Franca, de Alexey, igualou a série com Paulistano - Divulgação/Newton Nogueira/Franca Basquete

Franca, de Alexey, igualou a série com Paulistano – Divulgação/Newton Nogueira/Franca Basquete

Cinco jogadores de Franca anotaram dígitos duplos na pontuação. O ala Isaac foi o cestinha da partida, com 18 pontos, seguido pelo pivô Lucas Cipolini e pelo armador Alexey, que marcaram 15 e 14 pontos, respectivamente. Por sua vez, o também armador Henrique Coelho registrou 13 pontos, enquanto o ala/pivô Antonio fez 12. Do lado do Paulistano, o ala Lucas Dias terminou com 16 pontos, dois a mais que o ala Eddy.

Bauru vence a segunda em Brasília e vira série de quartas de final do NBB

26 de abril de 2017 0

Depois de perder o primeiro jogo em casa, no playoff melhor de cinco das quartas de final do Novo Basquete Brasil (NBB), o Gocil/Bauru Basket (SP) conseguiu virar a série para 2 a 1, com duas vitórias como visitante. Na terça-feira (25), o time paulista derrotou o UniCEUB/BRBCARD/Brasília (DF), por 85 a 76, e se vencer a próxima partida no domingo (30), no Ginásio Panela de Pressão, em Bauru, estará classificado para as semifinais.

Alex Garcia foi um dos destaques de Bauru - Divlgação/Brito Júnior/UniCEUB

Alex Garcia foi um dos destaques de Bauru – Divlgação/Brito Júnior/UniCEUB

No jogo três, o Bauru controlou o Brasília durante todo tempo com ótimas atuações do ala Alex Garcia e  do ala/pivô Jefferson William. que registraram 22 e 20 pontos e sete rebotes, respectivamente. Para Alex,  segredo da vitória foi o trabalho defensivo.

- O diferencial para essa vitória foi a defesa. Dificultamos muito o ataque deles e, com isso, tivemos a bola na mão para fazer contra ataques e atacar com mais inteligência. Temos que seguir assim. Precisamos vencer mais uma para ir à semifinal. Vamos analisar nossos erros e tentar melhorar nossa visão de jogo para selecionar melhor quem vai chutar.

Lucas Mariano fez duplo-duplo - Divlgação/Brito Júnior/UniCEUB

Lucas Mariano fez duplo-duplo – Divlgação/Brito Júnior/UniCEUB

Pelo lado do Brasília, o destaque ficou por conta da dupla de garrafão formada por Lucas Mariano e Guilherme Giovannoni. O primeiro marcou  um duplo-duplo de 23 pontos e dez rebotes, enquanto que o ala/pivô deixou a quadra com 18 pontos e seis rebotes.