Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "sada cruzeiro"

Cruzeiro recebe Canoas na abertura dos playoffs da Superliga Masculina

17 de março de 2017 0

O Lebes/Gedore/Vôlei Canoas (RS) enfrenta nesta sexta-feira (17), o atual tricampeão da Superliga masculina de Vôlei, o Sada Cruzeiro, às 19h (de Brasília), no ginásio do Riacho, em Contagem (MG), na abertura das quartas de final da competição. Diferente das últimas temporadas, desta vez o playoff será definido em melhor de cinco jogos. Portanto, para conseguir a vaga na semifinal, a equipe tem que conquistar três vitórias.

Canoas tenta surpreender favorito - Divulgação/Fernando Potrick/Gama/Vôlei Canoas

Canoas tenta surpreender favorito – Divulgação/Fernando Potrick/Gama/Vôlei Canoas

Dono da melhor campanha do torneio, com apenas uma derrota em 22 jogos, o Cruzeiro venceu os dois confrontos da fase classificatória, por três a zero. O time mineiro somou 61 pontos, enquanto os gaúchos ficaram em oitavo lugar com 27, após oito vitórias em 22 jogos disputados.

Sada Cruzeiro é atual tricampeão e principal favorito - Divulgação/Bruno Miani/Inovafoto/CBV

Sada Cruzeiro é atual tricampeão e principal favorito – Divulgação/Bruno Miani/Inovafoto/CBV

Para o ponteiro Alisson Melo, o Canoas precisará ter muito atenção em sua defesa.

- O sistema ofensivo do Cruzeiro é extremamente forte, com saques que desequilibram o sistema de jogo de qualquer equipe. Em contrapartida, nosso sistema defensivo é o nosso ponto forte. Eles têm um time muito completo, não tem como pensar em anular um ou outro ponto forte.

Já o ponta Filipe, do Cruzeiro, prega respeito ao adversário.

- O Canoas tem um bom time, um grupo que brigou bastante para disputar o playoff, ganhar seu espaço, mas nós vamos entrar com tudo para conseguir as vitórias necessárias e passar para a semifinal.

Confira a tabela de jogos da 1ª rodada de playoffs:

17/03  – Sada Cruzeiro Vôlei (MG) x Lebes/Gedore/Vôlei Canoas (RS),

18/03  – Sesi-SP (SP) x Minas Tênis Clube (MG)

18.03 – JF Vôlei (MG) x Funvic/Vôlei Taubaté (SP)

19.03 – Montes Claros Vôlei (MG) x Vôlei Brasil Kirin/Campinas (SP)

Bento Vôlei vence e mantém esperança de vaga nos playoffs da Superliga Masculina

05 de março de 2017 0

A disputa pela oitava e última vaga para os playoffs da Superliga Masculina de Vôlei segue entre os gaúchos Lebes/Gedore/Vôlei Canoas e Bento Vôlei/Isabela. No momento, faltando duas rodadas para o fim da fase classificatória, a equipe canoense tem quatro pontos de vantagem sobre a de Bento Gonçalves.

Sandro é o levantdor de Bento - Divulgação/CBV

Sandro é o levantdor de Bento – Divulgação/CBV

No sábado pela manhã, o Canoas venceu o São Bernardo Vôlei (SP), fora de casa, e chegou aos 25 pontos, pressionando o Bento, que atuou à noite diante do Caramuru Vôlei/Castro (PR) e conseguiu a vitória por 3 a 0 (25/17, 25/20 e 25/18), em 1h18 de jogo.

Canoas está em oitavo - Divulgação/Vôlei Canoas

Canoas está em oitavo – Divulgação/Vôlei Canoas

O grande destaque da vitória do time dirigido pelo campeão olímpico em Barcelona-92, Paulão, foi o ponteiro Clint. Ele marcou 16 vezes e foi o maior pontuador da partida, seguido pelo oposto Wagner, autor de 13 pontos. O líbero Daniel foi eleito o melhor em quadra e levou o troféu VivaVôlei.

Daniel foi eleito o melhor do jogo - Divulgação

Daniel foi eleito o melhor do jogo – Divulgação

Agora, para ainda sonhar com a classificação, o Bento necessita vencer o Copel Telecom/Maringá Vôlei (PR), fora de casa, por 3 a 0 ou 3 a 1, e torcer por derrota do Canoas para o Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte (MG). As duas partidas acontecerão na quarta-feira (08). Se tudo der certo para o time de Bento Gonçalves, o confronto direto entre eles, na última rodada, no dia 11, em Canoas, irá definir o classificado.

Paulão dirige o Bento - Divulgação

Paulão dirige o Bento – Divulgação

No principal jogo da rodada, o líder Sada Cruzeiro, mesmo sem contar com dois titulares, o levantador William Arjona e o ponteiro cubano Yoandy Leal, poupados, derrotou o Sesi-SP (SP) por 3 sets a 0, com parciais de 25/23, 26/24 e 25/19, em 1h24 de partida disputada em Contagem (MG) e manteve sua invencibilidade na competição.

Cruzeiro manteve invencibilidade - Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Cruzeiro manteve invencibilidade – Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Esta foi a 20 derrota do Cruzeiro, que agora soma 58 pontos, 10 a mais que o vice-líder Funvic/Vôlei Taubaté (SP). Já o Sesi-SP está em terceiro com 46 pontos ganhos. Na Superliga, os mineiros estão invictos desde 9 de março de 2016, quando perderam para o JF Vôlei (MG). Desde então são 25 jogos sem derrota no torneio.

Demais resultados:

Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) 1 x 3 Minas Tênis Clube (MG) – 27/25, 19/25, 17/25 e 21/25

JF Vôlei (MG) 3 x 2 Montes Claros Vôlei (MG) – 22/25, 25/18, 25/23, 21/25 e 15/10

Vôlei Brasil Kirin (SP) 1 x 3 Funvic Taubaté (SP) – 25/22, 23/25, 23/25 e 17/25

Sada Cruzeiro vai à final e busca o tetra Sul-Americano de Vôlei Masculino

25 de fevereiro de 2017 0

O Sada Cruzeiro vai disputar o título do Campeonato Sul-Americano Masculino de Clubes de Vôlei . Nesta sexta-feira (24), o time mineiro superou o UPCN San Juan Vóley, da Argentina, por 3 sets a 0 (25/21, 25/19 e 25/23), e garantiu presença na decisão da competição, que acontecerá neste sábado (25), às 17h30 (de Brasília), no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG), sede do torneio.

Leal foi maior pontuador do jogo - Divulgação/Sada Cruzeiro

Leal foi maior pontuador do jogo – Divulgação/Sada Cruzeiro

Campeão em 2012/14/16, o Cruzeiro enfrentará o Personal/Bolívar, da Argentina, que superou o time da casa, o Montes Claros Vôlei por 3 a 2 (28/26, 25/21, 23/25, 24/26, 15/10).

Se vencer, o time comandado pelo argentino Marcelo Méndez ficará a uma conquista de igualar Paulistano (SP) e Banespa (SP), maiores campeões da história do Sul-Americano. Já o Bolívar busca seu segundo troféu, após a vitória na edição de 2010.

Montes Claros parou no Bolívar - Divulgação/ Fredson Souza/MCV

Montes Claros parou no Bolívar – Divulgação/ Fredson Souza/MCV

O campeão irá garantir uma vaga no Campeonato Mundial, que será disputado de 11 a 17 de dezembro deste ano, na Polônia, e que também terá as participações do campeão polonês de 2017, do vencedor da Liga dos Campeões da Europa 2016-17, do Sarmayeh Bank Tehran, do Irã, campeão asiático e mais quatro convidados da Federação Internacional de Voleibol (FIVB).

Sada Cruzeiro bate Bento e segue invicto na Superliga Masculina de Vôlei

18 de fevereiro de 2017 0

O Sada Cruzeiro (MG) segue invicto e na liderança isolada da Superliga Masculina de Vôlei. A equipe mineira venceu, neste sábado (18), o Bento Vôlei/Isabela (RS) por 3 sets a 0 (25/18, 25/18 e 25/17), em 1h13 de jogo, no ginásio do Riacho, em Contagem (MG). Foi a 18ª vitória consecutiva do time do treinador Marcelo Mendez nessa edição e a 23ª no torneio, desde a temporada passada.

Mineiros venceram a 18ª seguida na atual temporada - Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Mineiros venceram a 18ª seguida na atual temporada – Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Com 53 pontos em 54 possíveis, o Cruzeiro tem no momento 10 a mais que o vice-líder Sesi-SP (SP), que joga ainda hoje diante do Funvic/Vôlei Taubaté (SP), terceiro com 39. O levantador William Arjona elogiou a atuação do time e chamou a atenção para o bom desempenho no saque.

- A nossa equipe está chegando a um nível interessante. Essa agressividade no saque é o que estamos buscando e vamos motivados para Montes Claros, onde vamos disputar o Sul-Americano que é uma competição importante porque dá uma vaga para o Mundial de clubes.

Leal foi maior pontuador - Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Leal foi maior pontuador – Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

O ponteiro cubano Yoandy Leal terminou com 14 acertos e foi o maior pontuador da partida. Outro destaque do Cruzeiro foi o oposto Evandro Guerra, que fez 12, um a mais que o central cubano Robertlandy Simón.

Isac bloqueia o ataque de Bento - Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Isac bloqueia o ataque de Bento – Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Para o Bento esta foi a 13ª derrota, a quinta seguida, em 18 apresentações. Na classificação, o time comandado pelo campeão olímpico Paulão soma 15 pontos e está em nono lugar, uma posição abaixo da zona de playoffs. Neste sábado, o oposto Wagner marcou 13 vezes para os gaúchos.

Sandro prepara ataque de Bento - Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Sandro prepara ataque de Bento – Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Apesar da derrota, Paulão mantém as esperanças de avançar para a segunda fase.

- Fizemos o que planejamos, porém jogar contra uma equipe muito qualificada dificulta um pouco. Vamos nos preparar para os próximos quatro jogos, que são todos muito importantes, decisivos, o nosso grupo está ciente disso. Quarta-feira teremos uma partida que é uma final e vale nossa vida, é assim que estamos pensando. Agora é um novo campeonato, vamos tentar entrar nessa zona de classificação e ficar no G8. Contamos muito com a torcida, acreditem pois é fundamental a presença do torcedor nessa reta final.

Bento ainda sonha com vaga nos playoffs - Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Bento ainda sonha com vaga nos playoffs – Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Em outro jogo já encerrado, o São Bernardo Vôlei (SP) derrotou o Copel Telecom/ Maringá Vôlei (PR) por 3 a 2 (17/25, 21/25, 25/21, 25/22 e 15/12), depois de 2h14 de confronto e igualou a campanha do rival. Os dois tem 12 pontos e os paranaenses estão em vantagem nos critérios de desempate e ocupam a 10ª colocação.

Jogadores de São Bernardo vibram com vitória - Divulgação/São Bernardo Vôlei

Jogadores de São Bernardo vibram com vitória – Divulgação/São Bernardo Vôlei

Com 25 acertos, o central Michael (Maringá) foi o principal pontuador da partida. Pelo time do ABC paulista, que mais marcou foi o oposto Gabriel Cândido, com 19 pontos.

Sada Cruzeiro e Sesi-SP vencem e seguem na disputa pela liderança da Superliga Masculina

11 de fevereiro de 2017 0

O Sada Cruzeiro venceu o clássico mineiro contra o Minas Tênis Clube, na tarde deste sábado, por 3 sets a 0 (25/23, 25/22 e 25/10), em 1h23 de jogo, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), e manteve sua invencibilidade na Superliga Masculina de Vôlei.

Simón e Williams bloqueiam ataque do Minas - Divulgação/Orlando Bento/MTC

Simón e Williams bloqueiam ataque do Minas – Divulgação/Orlando Bento/MTC

Atual tricampeão, o time comandado pelo argentino Marcelo Méndez chegou à sua 17ª vitória e agora totaliza 50 pontos na classificação geral. Esta foi ainda a 22ª partida consecutiva que os bicampeões mundiais (2015/16) venceram pela competição. A última derrota do Cruzeiro na Superliga ocorreu em 9 de março do ano passado, no encerramento da fase classificatória da edição 2015-16, para o JF Vôlei (MG).

Oposto Evandro Guerra foi destaque do Cruzeiro - Divulgação/Orlando Bento/MTC

Oposto Evandro Guerra foi destaque do Cruzeiro – Divulgação/Orlando Bento/MTC

Três jogadores cruzeirenses se destacaram ao marcarem 10 pontos, cada um: o oposto Evandro Guerra e os dois cubanos da equipe, o central Robertlandy Simón e o ponteiro Yoandy Leal.

No Minas, que perdeu pela nona vez em 17 atuações, o melhor em quadra foi o também cubano Yordan Bisset. O ponteiro terminou com 13 acertos e foi o maior pontuador da partida. A equipe dirigida por Nery Tambeiro aparece na sétima colocação, com 22 pontos ganhos.

Sesi-SP bate São Bernardo e mantém vice-liderança

Já o vice-líder Sesi-SP (SP) conseguiu sua 14ª vitória em 17 jogos, ao marcar 3 a 0 (25/23, 25/20 e 25/19) sobre o São Bernardo Vôlei (SP), em 1h18 de partida.

Sesi-SP segue em segundo - Divulgação/Sesi-SP

Sesi-SP segue em segundo – Divulgação/Sesi-SP

Com o resultado, o time da capital paulista soma 43 pontos e está a sete do líder Sada Cruzeiro. Já a equipe do ABC perdeu pela 14ª vez e com apenas três vitórias e 10 pontos está em 10º lugar.

O oposto reserva Alan, que marcou 10 pontos, foi escolhido como o melhor em quadra e ficou com o Troféu VivaVôlei. O principal pontuador foi o central Lucão, com 14 acertos.

Gaúchos perdem e Cruzeiro segue invicto na Superliga Masculina de Vôlei

05 de fevereiro de 2017 0

A rodada de sábado da Superliga Masculina de Vôlei não foi boa para as equipes gaúchas, que acabaram sendo derrotadas. Quem teve o menor prejuízo foi o Lebes/Gedore/Vôlei Canoas, derrotado pelo Vôlei Brasil Kirin (SP) por 3 a 1 (25/20, 26/24, 27/25 e 25/21), em 2h13 de partida disputa no Ginásio do La Salle, em Canoas (RS) diante de 372 torcedores.

Vôlei Brasil Kirin (branco) venceu em Canoas - Divulgação/Fernando Potrick/Gama/Vôlei Canoas

Vôlei Brasil Kirin (branco) venceu em Canoas – Divulgação/Fernando Potrick/Gama/Vôlei Canoas

Mesmo com o terceiro resultado negativo em sequência, o 10º na temporada, o time de Canoas ainda está na zona de classificação dos playoffs e é o oitavo colocado, com 17 pontos. Já a equipe de Campinas venceu a quarta seguida, a 12º no campeonato, e segue em terceiro com 34 pontos ganhos.

Rodrigo marcou 10 pontos para o Canoas  - Divulgação/Fernando Potrick/Gama/Vôlei Canoas

Rodrigo marcou 10 pontos para o Canoas – Divulgação/Fernando Potrick/Gama/Vôlei Canoas

Quatro jogadores do Vôlei Brasil Kirin marcaram 10 ou mais pontos. O ponteiro Diogo fez 15 e ainda foi eleito o melhor em quadra e levou o Troféu VivaVôlei, enquanto o oposto Rivaldo assinalou 13 e o central Vini e o ponta Bruno Temponi contribuíram com 11, cada. O ponta Alisson Melo, com 13, foi o principal pontuador dos gaúchos.

Diogo foi o melhor em quadra - Divulgação/Fernando Potrick/Gama/Vôlei Canoas

Diogo foi o melhor em quadra – Divulgação/Fernando Potrick/Gama/Vôlei Canoas

Bento leva virada do Sesi

Em São Paulo (SP), o o Bento Vôlei/Isabela (RS) até saiu em vantagem, mas levou a virada do Sesi-SP e perdeu por 3 a 1 (21/25, 25/17, 25/23 e 25/19), em 2h02 de jogo.

Com a derrota, a 10ª em todo o campeonato, a equipe de Bento Gonçalves está em nono lugar, com 15 pontos, dois a menos que o Lebes/Gedore/Vôlei Canoas. Já os paulistas conquistaram a 12ª vitória e com 37 garantiram a vice-liderança.

Derrota deixa Bento fora do G-8 - Divulgação/Bento Vôlei

Derrota deixa Bento fora do G-8 – Divulgação/Bento Vôlei

O levantador Bruninho foi eleito o melhor em quadra e ficou com o Troféu VivaVôlei. Apesar de não ser usual, o camisa 1 do Sesi-SP e da Seleção Brasileira anotou ainda cinco pontos, dois deles através do saque.  O principal pontuador foi o oposto Théo, com 17 acertos, um a mais que o ponta Douglas Souza. No Bento, o destaque foi o oposto Wagner com 14 pontos.

Bruninho foi eleito o melhor do jogo - Divulgação/Sesi-SP

Bruninho foi eleito o melhor do jogo – Divulgação/Sesi-SP

Invicto, Sada Cruzeiro segue na liderança

Líder absoluto da Superliga, o Sada Cruzeiro não teve trabalho para manter a primeira colocação. Em casa, no Ginásio do Riacho, em Contagem (MG), com 1.485 torcedores presentes, o time dirigido pelo técnico argentino Marcelo Méndez precisou de 1h23min para despachar o Copel Telecom/Maringá Vôlei (PR), antepenúltimo colocado, em três sets (25/17, 25/23 e 25/19) e chegou a marca de 20 jogos sem perder no torneio. A última derrota dos mineiros na competição aconteceu 9 de março do ano passado, para o JF Vôlei (MG).

Invicto, Cruzeiro lidera Superliga - Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Invicto, Cruzeiro lidera Superliga – Divulgação/Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Na atual edição, o Cruzeiro venceu todos os 15 jogos que disputou e soma 44 de 45 pontos possíveis, com 45 sets ganhos e apenas quatro perdidos. Já o Maringá somente duas vezes e tem seis pontos conquistados.

O oposto Evandro Guerra, com 16 acertos, foi o principal pontuador da partida. Já o levantador William Arjona ganhou o Troféu VivaVôlei, por ter sido escolhido o melhor em quadra.

Demais resultados da 15ª rodada:

Minas Tênis Clube (MG) 3 x 2 Funvic Taubaté (SP) – 25/22, 15/25, 25/22, 22/25 e 16/14

Montes Claros Vôlei (MG) 3 x 0 São Bernardo Vôlei (SP) – 25/18, 25/22 e 25/18

Caramuru Vôlei Castro (PR) 1 x 3 JF Vôlei (MG) – 21/25, 26/24, 23/25 e 19/25

Sada Cruzeiro mantém invencibilidade na Superliga Masculina de Vôlei

28 de janeiro de 2017 0

Atual campeão da Superliga Masculina de Vôlei, o Sada Cruzeiro segue imbatível na edição 2016/2017. Neste sábado (28), a equipe mineira bateu o Caramuru Vôlei/Castro (PR) por 3 sets a 1, com parciais de 25/19, 25/15 e 25/19, em 1h10 de partida realizada no ginásio do Riacho, em Contagem (MG).

Invicto, Cruzeiro lidera a Superliga - Divulgação/ Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Invicto, Cruzeiro lidera a Superliga – Divulgação/ Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Esta foi a 14ª vitória cruzeirense em 14 jogos disputados. Com 41 dos 42 pontos possíveis, o time comandado pelo técnico argentino Marcelo Méndez lidera a competição com sete pontos de vantagem sobre o Sesi-SP (SP), vice-líder. A equipe paranaense segue sendo a única sem vencer e soma apenas dois pontos e é a última colocada.

Marcelo Mendez aproveitou para rodar o elenco - Divulgação/ Renato Araújo/Sada Cruzeiro

Marcelo Mendez aproveitou para rodar o elenco – Divulgação/ Renato Araújo/Sada Cruzeiro

O oposto Alan Souza, com 14 acertos, foi o maior pontuador da partida. Já o líbero Serginho, eleito o melhor em quadra e que recebeu o troféu VivaVôlei comemorou a escolha.

- Estar em todos os jogos confirma a confiança. O líbero é um cara que não ganha o jogo diretamente, mas é o que perde. Quando joga mal, o time sofre muito com a linha de recepção ruim. E fico feliz com esse troféu. É uma consequência do trabalho que a gente faz durante todo o ano. 

Bento Vôlei perde e desperdiça chance de G-8

O Bento Vôlei/Isabela (RS) perdeu a chance de ingressar n G-8 ao ser derrotado pelo Montes Claros Vôlei (MG), fora de casa, por 3 sets a 1 (25/23, 25/23, 27/29 e 25/21), em 2h10 de partida.

Montes Claros manteve boa campanha com vitória sobre Bento - Divulgação/Alex Sezko/Montes Claros Vôlei

Montes Claros manteve boa campanha com vitória sobre Bento – Divulgação/Alex Sezko/Montes Claros Vôlei

Apesar da derrota, o oposto Wágner foi o maior pontuador do jogo com 28 acertos. Na equipe mineira, o ponta Jonatas fez 23 pontos e foi o principal destaque. Com a derrota, o Bento está em nono lugar com 15 pontos, dois a menos que o Lebes/Gedore/Vôlei Canoas (RS), oitavo.

Em outro jogo deste sábado, o JF Vôlei (MG) venceu o São Bernardo Vôlei (SP) por 3 sets a 2, de virada, com parciais de 18/25, 22/25, 25/20, 25/23 e 15/9 e subiu para o sexto lugar, com 18 pontos ganhos.

De virada, Sesi-SP quebra invencibilidade do Sada Cruzeiro e vai à final da Copa do Brasil de Vôlei Masculino

20 de janeiro de 2017 0

O Sesi-SP (SP) é o segundo finalista da Copa do Brasil de Vôlei Masculino, que tem sua fase final sendo disputada no Ginásio do Taquaral, em Campinas (SP). Nesta quinta-feira (19), o time dirigido pelo técnico Marcos Pacheco derrotou o Sada Cruzeiro (MG), atual campeão, de virada, parciais de 23/25, 23/25, 25/23, 25/20 e 17/15, em 1h59 de jogo.

Bruninho, Murilo e Théo comemoram ponto do Sesi-Sp - Divulgação/@SesiSP_volei

Bruninho, Murilo e Théo comemoram ponto do Sesi-Sp – Divulgação/@SesiSP_volei

A partida foi extremamente equilibrada e os mineiros mostraram nos dois primeiros sets, porque não perdiam desde 2 de agosto de 2016, quando foram superados pela Polônia, em partida amistosa. Desde então, o time dirigido pelo argentino Marcelo Méndez entrou em quadra em 28 oportunidades e derrotou todos os adversários em confrontos válidos pelo Campeonato Mineiro, Supercopa Brasil, Campeonato Mundial de Clubes e Superliga.

Sada Cruzeiro perdeu invencibilidade de 28 jogos - Divulgação/@sadacruzeiro

Sada Cruzeiro perdeu invencibilidade de 28 jogos – Divulgação/@sadacruzeiro

Mas depois de estar próximo de mais uma vitória, ao liderar o terceiro set em 20/19, o Cruzeiro levou a virada do Sesi-SP, que conta com quatro campeões olímpicos nos Jogos Rio 2016, o levantador Bruninho, o ponta Douglas Souza, o central Lucão e o líbero Serginho, que enfrentaram os companheiros de Seleção Brasileira, William Arjona e Evandro Guerra.

Jogo foi extremamente equilibrado - Divulgação/@SesiSP_volei

Jogo foi extremamente equilibrado – Divulgação/@SesiSP_volei

No tie-break, o time mineiro chegou a ter dois match points em 14/13 e 15/14, mas não conseguiu fechar a partida e acabou sofrendo a virada em um momento de instabilidade, após a marcação de um polêmico toque na rede do ponta cubano Yoandy Leal.

O jogo final acontecerá no próximo sábado (21), às 15h30 (de Brasília), contra o Taubaté/Vôlei Funvic (SP), que mais cedo eliminou o time da casa, o Vôlei Brasil Kirin.

Taubaté bate Vôlei Brasil Kirin e é primeiro finalista da Copa do Brasil de Vôlei Masculino

19 de janeiro de 2017 0

O Funvic/Vôlei Taubaté é o primeiro finalista da Copa do Brasil de Vôlei Masculino, que tem sua fase final sendo disputada no Ginásio do Taquaral, em Campinas (SP). Nesta quinta-feira (19), o campeão da edição de 2015 derrotou o time da time da casa, o Vôlei Brasil Kirin por 3 a 0, parciais de 25/22, 25/22 e 25/19, em 1h24 de partida.

Taubaté, de Otávio, venceu Campinas, de Maurício Souza - Divulgação/Vôlei Brasil Kirin

Taubaté, de Otávio, venceu Campinas, de Maurício Souza – Divulgação/Vôlei Brasil Kirin

A partida foi acompanhada pelo novo técnico da Seleção Brasileira, Renan Dal Zotto, que viu em ação os campeões olímpicos Maurício Souza, na equipe de Campinas, e Lucarelli, Wallace de Souza e Éder Carbonera, no Taubaté.

Na decisão, o time treinado por Cézar Douglas enfrentará o ganhador do confronto entre Sada Cruzeiro (MG) e Sesi-SP (SP), que se enfrentam ainda nesta noite.

De virada, Sada Cruzeiro vence JF Vôlei e mantém invencibilidade na Superliga Masculina

15 de janeiro de 2017 0

O Sada Cruzeiro segue invicto e na liderança da Superliga Masculina de Vôlei. De virada, a equipe celeste venceu, no sábado (14), o JF Vôlei (MG) por 3 sets a 1 (17/25, 25/23, 25/23 e 25/15) em 1h55 de jogo disputado no ginásio do Riacho, em Contagem (MG). Esta foi a 13ª vitória consecutiva da equipe do treinador Marcelo Mendez, que chegou aos 38 pontos.

Sada Cruzeiro venceu seus 13 jogos até agora - Divulgação/ Renato Araújo/ Sada Cruzeiro

Sada Cruzeiro venceu seus 13 jogos até agora – Divulgação/ Renato Araújo/ Sada Cruzeiro

Porém, o jogo diante da jovem equipe de Juiz de Fora, que conta com oito jogadores das categorias de base do próprio Cruzeiro foi extremamente equilibrado e difícil para os atuais campeões mundiais, que perderam o quarto set no torneio, logo de cara, ao serem surpreendidos por uma postura agressiva dos comandados de Henrique Furtado.

Levantador Rodrigo prepara ataque do JF Vôlei - Divulgação/ Renato Araújo/ Sada Cruzeiro

Levantador Rodrigo prepara ataque do JF Vôlei – Divulgação/ Renato Araújo/ Sada Cruzeiro

A partir do segundo set, o Cruzeiro precisou mostrar sua condição de melhor equipe do país para superar o adversário, que soma 16 pontos e está em oitavo lugar na classificação geral.

Com 19 acertos, o oposto Renan Buiatti, do JF Vôlei, foi o principal pontuador do confronto. No Cruzeiro, o oposto campeão olímpico Evandro Guerra fez 16, enquanto os ponteiros Filipe e Yoandy Leal marcaram 13 vezes, cada um, sendo que o cubano ainda foi eleito o melhor em quadra e ganhou o troféu VivaVôlei.

Leal ganhou o troféu Viva Vôlei - Divulgação/ Renato Araújo/ Sada Cruzeiro

Leal ganhou o troféu Viva Vôlei – Divulgação/ Renato Araújo/ Sada Cruzeiro

Demais resultados:

Minas Tênis Clube (MG) 3 x 0 Montes Claros Vôlei (MG) – 25/19, 25/22 e 25/16

Lebes/Gedore/Vôlei Canoas (RS) 1 x 3 Sesi-SP (SP) – 19/25, 25/18, 17/25 e 22/25

Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) 0 x 3 Funvic/Vôlei Taubaté (SP) – 21/25, 20/25 e 25/27

São Bernardo Vôlei (SP) 0 x 3 Bento Vôlei/Isabela (RS) – 18/25, 21/25 e 26/28

Caramuru Vôlei/Castro (PR) 0 x 3 Vôlei Brasil Kirin (SP) – 19/25, 20/25 e 14/25

Classificação:

1º Sada Cruzeiro (MG) 38

2º Sesi-SP (SP) 32

3º Funvic/Vôlei Taubaté (SP) 29

4º Vôlei Brasil Kirin (SP)  28

5º Montes Claros Vôlei (MG) 25

6º Minas Tênis Clube (MG) 17

7º Lebes/Gedore/Vôlei Canoas (RS) 17

8º JF Vôlei (MG) 16

9º Bento Vôlei/Isabela (RS) 15

10º São Bernardo Vôlei (SP) 9

11º Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) 6

12º Caramuru Vôlei/Castro (PR) 2