Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "tomas berdych"

Andy Murray e Novak Djokovic disputarão título do ATP de Doha

06 de janeiro de 2017 0

Os dois melhores jogadores do mundo na atualidade, o britânico Andy Murray e o sérvio Novak Djokovic, são os finalistas do ATP 250 de Doha, no Catar. Separados por 630 pontos no ranking mundial, eles vão se enfrentar no sábado (07), às 13h (de Brasília), pela 36ª vez desde 2006, quando Nole venceu o confronto válido pelas oitavas de final do Masters 1.000 de Madri, na Espanha.

Murray e Djokovic e o troféu do ATP de Doha - Divulgação/@QatarTennis

Murray e Djokovic e o troféu do ATP de Doha – Divulgação/@QatarTennis

Em finais, eles já se enfrentaram em 18 oportunidades e Djokovic também tem vantagem, com 10 vitórias contra oito. No ano passado foram nove decisões e o sérvio venceu seis. Porém, no último jogo, Murray sagrou-se campeão do ATP Finals, em Londres.

Murray tem 44 títulos na carreira - Divulgação/@QatarTennis

Murray tem 44 títulos na carreira – Divulgação/@QatarTennis

Nas semifinais disputadas nesta sexta-feira (06), Andy Murray eliminou o tcheco Tomáš Berdych em sets diretos (6/3 e 6/4), em 1h41 de partida e completou 28 jogos oficiais sem derrota, igualando o feito do argentino José Luis Clerc, em 1981. O recorde é do também argentino, Guillermo Villas, com 46 vitórias seguidas.

Djokovic tem 66 títulos - Divulgação/@QatarTennis

Djokovic tem 66 títulos – Divulgação/@QatarTennis

Se Murray passou sem percalços por Berdych , o mesmo não é possível dizer de Novak Djokovic, que esteve perto de ser eliminado pelo espanhol Fernando Verdasco, que desperdiçou cinco match points no tie-break do segundo set. Desta forma, com parciais de 4/6, 7/6 (7) e 6/3, em 2h23 de jogo, ele passou à 96ª final da carreira.

Rafael Nadal e David Goffin são os finalistas do torneio de exibição de Abu Dhabi

30 de dezembro de 2016 0

O espanhol Rafael Nadal e o belga David Goffin estão classificados para a decisão do Campeonato Mundial de Mubadala de Tênis, que está sendo realizado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. A competição que distribui US$ 250 mil em prêmios está sendo disputada pela nona vez, mas não conta pontos para o ranking mundial.

Nadal buscará tetra em Abu Dhabi - Divulgação/BNP Paribas Open

Nadal buscará tetra em Abu Dhabi – Divulgação/BNP Paribas Open/Arquivo

Nesta sexta-feira (30), Nadal derrotou o canadense Milos Raonic por 2 sets a 1, parciais de 6/1, 3/6 e 6/3. Número nove do mundo, ele agora vai buscar seu terceiro título no torneio – foi campeão em 2010/11/16. Goffin, 11º do ranking,, surpreendeu o número um do mundo, o britânico Andy Murray por dois sets a zero, com parciais de 7/6 (4) e 6/4.

Goffin surpreendeu Murray - Divulgação/Brisbane International/Arquivo

Goffin surpreendeu Murray – Divulgação/Brisbane International/Arquivo

Esta será a primeira vez que eles irão se enfrentar. A final está marcada para sábado (31), às 9h (de Brasília). Antes, Murray e Raonic disputarão o terceiro lugar. Hoje, o francês Jo Wilfried Tsonga garantiu a quinta colocação ao vencer o tcheco Tomáš Berdych por 2 a 1, parciais de 6/7 (5), 6/3 e 10-3.

Rafael Nadal e David Goffin estão nas semifinais de torneio exibição em Abu Dhabi

29 de dezembro de 2016 0

O espanhol Rafael Nadal e o belga David Goffin estão classificados para as semifinais do Campeonato Mundial de Mubadala de Tênis, que está sendo realizado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. A competição que distribui US$ 250 mil em prêmios está sendo disputada pela nona vez, mas não conta pontos para o ranking mundial.

Nadal venceu primeiro jogo da temporada - Divulgação/BNP Paribas Open

Nadal venceu primeiro jogo da temporada – Divulgação/BNP Paribas Open

Campeão do torneio exibição em três oportunidades, Nadal derrotou o tcheco Tomáš Berdych por 2 a 0, parciais de 6/0 e 6/4 e agora vai encarar o canadense Milos Raonic em busca de vaga na decisão.

Goffin teve mais trabalho para superar o francês Jo-Wilfried Tsonga, mas também venceu em sets diretos, com parciais de 7/6 (2) e 6/4, em 1h37 de partida. Na próxima rodada, ele vai enfrentar o número um do mundo, o britânico Andy Murray, que venceu as edições de 2009 e 2015.

Goffin é o principal jogador da Bélgica - Divulgação/Valeriano Di Domenico/Swiss Open Gstaad

Goffin é o principal jogador da Bélgica – Divulgação/Valeriano Di Domenico/Swiss Open Gstaad

Perdedores da rodada inicial, Berdych e Tsonga irão se enfrentar na disputa pelo quinto lugar, na sexta-feira (30), às 8h30 (de Brasília). Depois, às 11h começam as disputas de semifinais, com Murray e Nadal em quadra, nesta ordem.

Favoritos passam pela estreia no Masters de Paris

01 de novembro de 2016 0

O segundo dia de jogos do Masters 1.000 de Paris, na França, foi de vitórias para os quatro cabeças de chave que estiveram em ação. Vice-campeão em 2014, o canadense Milos Raonic avançou às oitavas de final com uma vitória por 2 a 0, parciais de 7/6 (5) e 6/4 sobre o espanhol Pablo Carreño Busta. Agora, o quarto na lista de favoritos espera o confronto entre o uruguaio Pablo Cuevas, 16º, e o italiano Paolo Lorenzi para conhecer seu próximo rival.

Raonic foi vice em 2014 - Divulgação/Corinne Dubreuil/FFT

Raonic foi vice em 2014 – Divulgação/Corinne Dubreuil/FFT

Sétimo pré-classificado e em busca de um lugar no ATP Finals, o tcheco Tomáš Berdych passou pelo português João Sousa em três sets (6/3, 3/6 e 7/5), em 1h54 de partida e enfrentará nas oitavas, o ganhador do jogo entre o francês Gilles Simon e o espanhol Roberto Bautista Agut, décimo cabeça de série.

Berdych ainda busca vaga no Finals - Divulgação/Cedric Lecocq / FFT

Berdych ainda busca vaga no Finals – Divulgação/Cedric Lecocq / FFT

Número 12 entre os favoritos e semifinalista em 2007, o francês Richard Gasquet eliminou o norte-americano Steve Johnson com um 2 a 0, parciais de 6/4 e 7/6 (11), em 1h57 de jogo e agora vai encarar quem vencer o duelo entre o sexto cabeça de chave, o austríaco Dominic Thiem e o norte-americano Jack Sock, que hoje bateu o alemão Philipp Kohlschreiber por 6/2 e 7/6 (3).

Richard Gasquet vibra com vitória na estreia - Divulgação/Cedric Lecocq / FFT

Richard Gasquet vibra com vitória na estreia – Divulgação/Cedric Lecocq / FFT

O búlgaro Grigor Dimitrov, 14º, venceu o primeiro set contra o cipriota Marcos Baghdatis por 6/3 e contou com uma lesão do adversário para garantir vaga nas oitavas, onde enfrentará quem passar do confronto entre o número um do mundo, o sérvio Novak Djokovic e Gilles Müller, de Luxemburgo, que aplicou um duplo 6/3 no espanhol Nicolás Almagro.

Dimitrov jogou apenas 29 minutos - Divulgação/Cedric Lecocq / FFT

Dimitrov jogou apenas 29 minutos – Divulgação/Cedric Lecocq / FFT

Demais resultados da 1ª rodada:

Ivo Karlović (CRO) 7/6 (4) e 7/6 (5) Dušan Lajović (SER)

Nicolas Mahut (FRA) 4/6, 6/4 e 6/3 Martin Kližan (SVK)

John Isner (EUA) 7/6 (8) e 6/4 Mischa Zverev (ALE)

Viktor Troicki (SER) 6/4, 3/6 e 7/6 (5) Adrian Mannarino (FRA-wc)

Feliciano López (ESP) 7/6 (3) e 6/4 Pierre-Hugies Herbert (FRA-wc)

Marcelo Melo passa pela estreia no ATP 500 de Viena

24 de outubro de 2016 0

O brasileiro Marcelo Melo e o polonês Łukasz Kubot estrearam com vitória no ATP 500 de Viena, na Áustria. Cabeças de chave número quatro, eles derrotaram o norte-americano Nicholas Monroe e o neozelandês Artem Sitak por 2 a 0, com um duplo 6/4, em 63 minutos e garantiram presença nas quartas de final.

No ano passado, Kubot e Melo venceram em Viena - Divulgação/Erste Bank Open/Arquivo

No ano passado, Kubot e Melo venceram em Viena – Divulgação/Erste Bank Open/Arquivo

Atuais campeões do torneio, Melo e Kubot agora esperam os vencedores do confronto entre a parceria formada pelo norte-americano Steve Johnson e o alemão Philipp Petzschner, e a dupla do mexicano Santiago González e do paquistanês Aisam-ul-Haq Qureshi.

Na chave de simples, a surpresa foi a eliminação do segundo favorito, o tcheco Tomáš Berdych, décimo do ranking mundial, que perdeu para o georgiano Nikoloz Basilashvili, que no qualifying havia eliminado o brasileiro Thomaz Bellucci, por 2 a 1, parciais de 6/4, 6/7 (5) e 7/5, em jogo que teve 2h35 de duração.

 Berdych caiu na estreia - Divulgação/Erste Bank Open

Berdych caiu na estreia – Divulgação/Erste Bank Open

Já o croata Ivo Karlović, oitavo cabeça de chave, utilizou a força de seu saque para vencer  Steve Johnson por 7/6 (5) e 6/3. Com 16 aces, o tenista de 37 anos ganhou 40 dos 46 pontos (86%) em que encaixou o primeiro serviço e garantiu vaga nas oitavas de final contra o bósnio Damir Džumhur, que passou pelo espanhol Nicolás Almagro por 2 a 1 (6/3, 5/7 e 6/0).

Demais resultados:

John Isner (EUA) 6/7 (1), 6/3 e 6/4 Jan-Lennard Struff (ALE)

Karen Khachanov (RUS-wc) 6/4 e 6/4 Andreas Seppi (ITA)

Kei Nishikori sente lesão e dá adeus ao ATP 500 de Tóquio

05 de outubro de 2016 0

Principal favorito e campeão em 2014, Kei Nishikori foi forçado nesta quarta-feira (05) a abandonar o ATP 500 de Tóquio, no Japão, logo na segunda rodada. Número cinco do mundo, ele vencia o português João Sousa por 2/0 e tinha um break point contra (30/40), quando depois de um longo rali sentiu o músculo glúteo.

Lesão forçou abando de Nishikori - Divulgação/Aus Open/Arquivo

Lesão forçou abando de Nishikori – Divulgação/Aus Open/Arquivo

Depois de um atendimento médico, ele ainda tentou seguir em quadra, mas depois de levar a virada em 4/3, abandonou a quadra após 41 minutos de confronto. Com a inesperada vitória, Sousa garantiu presença nas quartas de final e agora irá encarar o belga David Goffin, quinto cabeça de chave, que eliminou o tcheco Jiří Veselý por 6/3 e 7/5, em jogo que teve 1h43 de duração.

Goffin segue na busca do primeiro título do ano  - Divulgação/ATP

Goffin segue na busca do primeiro título do ano – Divulgação/ATP

Outro favorito eliminado foi o tcheco Tomáš Berdych, que caiu logo na primeira rodada diante de Gilles Müller, de Luxemburgo, que venceu por 7/6 (7) e 6/1. Na segunda rodada, o 36º do mundo enfrentará o cipriota Marcos Baghdatis.

Demais resultados:

2ªrodada -

Marin Čilić (CRO-4) 4/6, 7/5 e 7/5 Fernando Verdasco (ESP)

Juan Mónaco (ARG-pr) 7/6 (3) e 6/3 James Duckworth (AUS-q)

Tomáš Berdych é campeão do ATP de Shenzhen

02 de outubro de 2016 0

O tcheco Tomáš Berdych comemorou neste domingo (02) seu primeiro título da temporada. Na final do ATP 250 de Shenzhen, na China, ele venceu uma batalha diante do francês Richard Gasquet, parciais de 7/6 (5), 6/7 (2) e 6/3, em jogo que teve 2h40 de duração e quebrou um jejum de quase um ano, que perdurava desde a vitória no ATP 250 de Estocolmo, em 25 de outubro do ano passada.

Tomáš Berdych venceu seu 13º ATP - Divulgação/ATP Shenzhen Open

Tomáš Berdych venceu seu 13º ATP – Divulgação/ATP Shenzhen Open

Número nove do ranking mundial, Berdych sagrou-se bicampeão em Shenzhen e obteve o 13º troféu de sua carreira em 30 finais disputadas. Gasquet fez sua 26ª decisão de ATP e agora tem 50% de aproveitamento.

Já nas duplas o italiano Fabio Fognini e o sueco Robert Lindstedt ficaram com o título ao derrotarem o austríaco Oliver Marach e o francês Fabrice Martin em sets diretos, parciais de 7/6 (4) e 6/3, em 1h24 de partida.

Fognini/Lindstedt, campeões em Shenzhen - Divulgação/ATP Shenzhen Open

Fognini/Lindstedt, campeões em Shenzhen – Divulgação/ATP Shenzhen Open

Para Fognini esta foi a quarta conquista da carreira, a primeira desde a vitória no Aberto da Austrália de 2015. Lindstedt chegou a seu 20º título em 41 finais.

Tomáš Berdych elimina Thomaz Bellucci na semifinal em Shenzhen

01 de outubro de 2016 0

O tcheco Tomáš Berdych derrotou o brasileiro Thomaz Bellucci por 2 a 0, parciais de 6/2 e 7/5, em 1h22 de partida disputada neste sábado (01º) e garantiu vaga na decisão do ATP 250 de Shenzhen, na China. Em busca do 13º título da carreira, o número nove do ranking mundial irá encarar o francês Richard Gasquet (18º), que passou por Janko Tipsarević por 6/2, 4/1 e desistência em virtude de uma lesão na coxa direita do sérvio.

Berdych busca primeiro título do ano

Berdych busca primeiro título do ano – Divulgação/ATP Shenzehn Open

Depois de uma grande vitória sobre Bernard Tomic, nas quartas de final, quando encaixou 14 aces e venceu 26 dos 28 pontos jogados com o primeiro saque, Bellucci não conseguiu manter o desempenho diante atual campeão do torneio e no primeiro set com apenas 50 % dos pontos vencidos com o serviço, acabou cedendo duas quebras no quarto e oitavo games.

Pela campanha na China, Bellucci somará 90 pontos no ranking - Divulgação/ATP Shenzhen Open

Pela campanha na China, Bellucci somará 90 pontos no ranking – Divulgação/ATP Shenzhen Open

Na segunda parcial o ritmo se manteve e Berdych voltou a conquistar um break point no quarto game. Quando foi sacar para fechar o jogo em 6/3, o tcheco perdeu intensidade e o brasileiro soube aproveitar para devolver a quebra e logo depois empatar em 5/5. Porém, no 12º game, o paulista não marcou nenhum ponto e perdeu o serviço e o jogo.

Thomaz Bellucci vence Bernard Tomic e vai à semifinal em Shenzhen

30 de setembro de 2016 0

Com um excelente saque e ótimos golpes de fundo de quadra, o brasileiro Thomaz Bellucci derrotou o australiano Bernard Tomic por 2 a 0, com um duplo 6/2, em 1h01 de partida e garantiu nesta sexta-feira (30) uma vaga nas semifinais do ATP 250 de Shenzhen, na China.

Bellucci atropelou Tomic - Divulgação/ATP Shenzhen Open

Bellucci atropelou Tomic – Divulgação/ATP Shenzhen Open

Em uma temporada irregular, onde seus melhores resultados foram o vice-campeonato no ATP 250 de Quito (Equador), em fevereiro, o título no Challenger de Braunschweig (Alemanha) e o vice no Challenger de Biella (Itália), o paulista dominou o atual número 22 do ranking mundial ao marcar 14 aces e terminar com 92% de aproveitamento dos pontos jogados com o primeiro serviço.

Na temporada, Bellucci tem um vice em Quito - Divulgação/ATP Shenzhen Open

Na temporada, Bellucci tem um vice em Quito – Divulgação/ATP Shenzhen Open

Na semifinal, o 81º do mundo vai encarar o ganhador do confronto entre os tchecos Tomáš Berdych, nono na classificação da ATP, e Jiří Veselý, 52º colocado.

Demais resultados:

Richard Gasquete (FRA-3) 7/6 (4) e 7/6 (2) Mischa Zverev (ALE-q)

Janko Tipsarević (SER-pr) 7/6 (6) e 6/2 Malek Jaziri (TUN)

Wawrinka mantém boa fase e vai à final em São Petersburgo

24 de setembro de 2016 0

Depois de conquistar o Aberto dos Estados Unidos, o suíço Stanislas Wawrinka garantiu neste sábado (24) uma vaga na decisão do ATP 250 de São Petersburgo, na Rússia, e agora vai em busca de seu quinto troféu na temporada.

Na semifinal, o número três do mundo passou pelo espanhol Roberto Bautista Agut, 16º, por 2 a 0, parciais de 7/6 (8) e 6/2, em 1h51 de partida e chegou à sua décima vitória seguida.

Wawrinka vive ótima fase - Divulgação/spbopen

Wawrinka vive ótima fase – Divulgação/spbopen

O rival de Stan na decisão será a revelação alemã Alexander Zverev, 19 anos, que surpreendeu o tcheco Tomáš Berdych, nono na classificação mundial, em sets diretos, com um duplo 6/4, em jogo que teve 1h22 de duração. Número 27 do ranking, ele ainda busca seu primeiro título no circuito da ATP. Até o momento, em duas finais disputadas, em Nice (França) e Halle (Alemanha), ele ficou com o vice-campeonato.

Zverev busca primeiro título na ATP - Divulgação/spbopen

Zverev busca primeiro título na ATP – Divulgação/spbopen

Esta será a primeira vez que eles irão se enfrentar. Se vencer, Wawrinka irá igualar o feito de Marc Rosset, em 1999, único suíço a vencer o torneio. Uma vitória de Zverev será a primeira de um alemão na competição russa.