Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Jornalista vota

30 de setembro de 2008 6

A jornalista Lúcia Hippolito (rádio CBN e TV Globo) inaugura uma nova fase no jornalismo político. Como comentarista, em seu blog, ela destaca preferências indicando o voto em três capitais, Fernando Gabeira no Rio de Janeiro, Luizianne Lins em Fortaleza e José Fogaça em Porto Alegre. Ela quebra aquele estigma de que jornalista é sempre “imparcial”. Jornalista também vota. E tem direito a apresentar seus candidatos preferidos, como fez a Lucia, sem que isso possa de alguma maneira ferir a ética ou direcionar seu comportamento profissional. Ponto para ela.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Comentários (6)

  • Paulinho Souza diz: 1 de outubro de 2008

    Prezado Cacau:

    Quanto a jornalista que você defende, indicando seus candidatos preferidos, quero dizer que jornalistas informam e não tomam partidos.E preservam a fonte.
    Assim reza a ética profissional.
    Sendo assim,digo isso para vir de encontro com seu comentário a respeito do jornalista Leão Lobo,que diz que não gosta de ostras.
    E você, me parece que, com ar de deboche ,diz que alguém falou que ele gosta sim de “verdura”.
    Acredito ser puro preconceito.
    Também é a opinião dele.

  • Joao Floripa diz: 1 de outubro de 2008

    Votar pode. Agora, declarar voto, não vejo necessidade, pois os homens da imprensa já têm nas mãos o mais forte instrumento de formação e/ou manipulação de opinião. Já sabemos, há muito, em quem votam alguns, pois fazem “campanha” de forma descarada.

  • jorge leo diz: 30 de setembro de 2008

    Para mim perdeu totalmente a credibilidade.

  • Mario Nobre diz: 1 de outubro de 2008

    Caro Cacau;
    Em primeiro lugar ela não é jornalista e sim cientista política, e das piores que já vi. O fato de ela ter declarado seu voto não é nada demais, pois assim seus leitores e ouvintes (CBN) poderão ter discernimento do que é análise política e o que é mera torcida. O problema de um jornalista ou cientista político declarar seu voto é a isenção, tão pouco lembrada ultimamente pelos ditos formadores de opinião.

  • demian diz: 30 de setembro de 2008

    E tu “cara pálida” sempre “amarelando” na hora “H”,não declaras o voto?

  • jair de oliveira diz: 1 de outubro de 2008

    Democracia pode ate nem ser bem isso aí, porem…
    O Gabeira agradece a Lucia, Caê q foi e cantou, Nelson Motta q circulou, abriram o voto e o coracão, sabendo q farão muitos dos indecisos votarem no verdolengo.
    Abre o teu coracão brother Cacau, faz conhecer aos teus leitores e fãs, ate sexta-feira(hehehe), quem são os teus candidatos na Ilha da Magia?
    A Lucia H. abrir o voto tem o efeito de uma brisa.
    Cacau Menezes abrir o voto desencadeia Tornados e Tsunamis, pode levar tudo junto…rs

Envie seu Comentário