Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Gol contra

30 de janeiro de 2009 22

Novidade na Guarda do Embaú, a praia da rapeize natureba: som agora, seja mecânico ou ao vivo, somente até as 22h. A partir deste horário toda e qualquer espécie de música deve ser desligada. Antes era até 2h da madrugada.

Agora, para um local que vive do turismo, a ordem tem efeito de veneno. Turistas vão correr, evidente. Dez da noite é quando termina a novela, e o pessoal sai pra rua. Falta de bom senso e abuso de autoridade.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Comentários (22)

  • Ernani Antonio Pozza Filho diz: 3 de fevereiro de 2009

    Crica, como é que é? “Quem quer sossego essa época do ano que vá para o interior”? Ah claro… agora o morador daquele paraíso não pode aproveitar o lugar porque os turistas querem fazer festa, é isso? E, repito: quem tem que acordar cedo pra ir trabalhar? Vai pro interior também? Por que não fechamos o litoral para nós (moradores, nativos ) no verão e deixamos tudo para os turistas? Tão mais fácil né? Assim nõs não incomodamos a festa deles!

  • Rutger Hauer diz: 30 de janeiro de 2009

    Como diria o Berloque, só dando com um gato morto nos cornos, ô! Ah um relho nas costas! Uh demonho!

  • Jango diz: 2 de fevereiro de 2009

    Som alto + bebida + coisitas a mais + um bando de controvertidos = DEPREDAÇÃO!
    Fato: Prainha no sab. um banho e no costão/caldeirão em 1h. recolhi um prato de plástico (aparador de vaso) + um suporte de pendurar banana em supermercado, fico imaginando quanta rolha e garrafas de champanhe não deve ter desde o Riozinho da guarda até a Prainha. Acho que em quanto formos vivos vamos poder aproveitar ainda essa paisagem, então danem-se nossas futuras gerações, né

  • marcos diz: 31 de janeiro de 2009

    Seu boca aberta ele esta falando para sair de casa depois das 22:00hs issso quer disser que pode ate esperar um pouco para ver o bbb, para deois curti anoite. Novela as 16;00hs e para mandrião, tem e que curti as féria mesmo

  • Leandro diz: 1 de fevereiro de 2009

    Quem fica em casa até 10 da noite vendo novela, BBB ou faustão, deixando de aproveitar as belezas da Guarda do Embaú (ou qualquer outra praia de SC), só pode ser retardado.

    Mais retardado ainda é essa praga de trio-elétricos móveis e sua poluição sonora com o único motivo de mostrar que é o mais fodão da área, pois o volume do som do carro é inversamente proporcional ao tamanho do pinto.

  • zezé diz: 31 de janeiro de 2009

    abuso de autoridade pq cacau? só pq estão cumprindo a lei? Ao menos não é que nem em Floripa, que trabalhador tem de aturar rave até 7 da manhã pra esses mauricinhos tomarem bala…
    faça-me o favor cacau

  • Gilson de Souza diz: 1 de fevereiro de 2009

    Tem certeza Leandro, vc já viu ????????. hehehehehe…………

  • Antonio Lopes diz: 31 de janeiro de 2009

    Pois é Cacau, entendo que a galera quer se divertir, mas tbm Eu preciso do verão para ganhar a vida e acordo as 7 hrs todo dia. A galera fica picando, cheirando, fumando ate as 6h do lado da minha casa e som BOMBANDO, ligar para a PM e ilusão eles batem o telefone na tua cara ou dizem que vão mandar uma viatura averiguar, o que nunca acontece, ta faltando Bom Senso, Educação, qualquer Pais serio da Europa ou America do Norte tem regras e legislação que regulam estas situações.

  • Crica diz: 2 de fevereiro de 2009

    Na verdade o que ocorre na Guarda é que todo início de temporada é celebrado um “Acordo de boa vizinhança” e estabelecido o limite de horário para o som, e sempre funcionou muitíssimo bem. Pois a maioria dos moradores do local vive do turismo! Quem quer sossego essa época do ano que vá para o interior!!!!!!!!

  • Adélcio Raimundo de Souza diz: 31 de janeiro de 2009

    Então, me tirem uma dúvida: Imaginemos uma praia que, até uma ou duas décadas atrás, era uma colônia de pescadores onde viviam 100 famílias formadas por pessoas de todas as idades, muitas crianças, inclusive. Aí, de repente, os turistas a descobrem e passam a frequentá-la a cada temporada. Eis que um pescador mais “ligado” constrói uma pousada, um turista desses fica e monta um restaurante e outro uma boate. (continua na próxima)

  • Osni Dutra diz: 30 de janeiro de 2009

    Cacau, não achas que estas indo na contramão??
    Deverias é fazer campanha para que a Globo iniciasse a apresentação de suas novelas as 4 da tarde, assim, as 7 da tarde o pessoal saia e as 10 voltaria para casa, para descansar nas férias.
    Só um detalhe, não me esperem na Guarda e “POR FAVOR, ESQUECE NOVELA AS 4, AS 6, AS 8 E BBB TAMBÉM.

  • adelcio Raimundo de Souza diz: 31 de janeiro de 2009

    (continuando) Digamos que esses estabelecimentos passem a “botar som” madrugada a dentro para atender às férias dos turistas. A pergunta é: Devemos respeitar o o estilo de vida e o sono das famílias que ali sempre viveram e estabelecer um horário limite para a música ou devemos considerar que os tempos mudaram e que a esses novos tempos todos precisam se adaptar e, dessa forma, os incomodados que se mudem? ãh?

  • Berloque Gomes diz: 30 de janeiro de 2009

    Rutger: mas tem que dar com o gato morto nos cornos até o gato miar, não tem? Realmente proibir música depois das 22h00 na praia é dimách, ô! Isso é mais uma grande palhoçada que estão fazendo na Palhoça. É claro que não precisa autorizar batucada e esporro até de manhã, mas só até às 22h00 é pura sacanách.

  • Fabrício diz: 31 de janeiro de 2009

    Afff, lamentável….Fazer o que? Existem forças obscuras que são mais fortes que as forças visíveis…

  • QUERO SER PRESIDENTE – EU TAMBEM BEBO diz: 31 de janeiro de 2009

    QUANTA SABEDORIA! DAQUI A POUCO UM ESPERTO MANDA DESLIGAR TUDO AS 22:00 – GÁS, ÁGUA, LUZ E TELEFONE – POIS, SE VOCE NÃO TIVER MAIS NADA PARA FAZER ALÉM DE PRESTAR ATENÇÃO NOS OUTROS, AO INVÉS DE CUIDAR DE SI MESMO, TUDO PODE “INCOMODAR”, DESDE UM BOM BANHO ATÉ UMA LIGAÇÃO TELEFONICA, SEM CONTAR A CHALEIRA NO FOGÃO! VOU EMBORA PARA A GROENLÂNDIA! SERÁ QUE NÃO TEM NEM UM BICHO QUE GRITA LÁ? AI MEUS OUVIDOS!!! TURISMO, HEM? MAS COMO? E O HELICÓPTERO DO LUIS 15% QUE ME ACORDA TODO DIA AS 9:30?

  • V. Ferr diz: 30 de janeiro de 2009

    Pois é Cacau, total falta de bom senso. Eu estava trabalhando na guarda do embaú até dias atrás e o que realmente movimenta ($) aquela localidade é o turismo de jovens, e cheios de disposição. Que agora em plenas férias vão ser privados de aproveitar tudo o que a Guarda pode oferecer, por causa de meia dúzia que quer dormir, mas que tambêm depende dos turistas pra encher o bolso quando o sol está no alto. abraço.

  • Leimar José da silva diz: 31 de janeiro de 2009

    Ola galera até as 22:00 e bom pois em Balneário Gaivota é proibido som mecânico a qualquer hora é isso mesmo não pode liga. È muito abuso de autoridade!!!

  • Marcos diz: 31 de janeiro de 2009

    Vou para Guarda a 5 anos e sempre curtir os
    barzinhos da Guarda.Porem sempre achei uma praia bem organizadas com relação a musica ao vivo,a limpeza da praia e da vila…Esse ano em especial eu estava lá quando vi uma agua meia suspeita correndo pela rua e a policia entrando nos bares e parando com o som.Sera que não seria melhor as pessoas em vez de se preoculparem com o som dos bares que não é essa bagunça se preoculparem com a agua que esta decendo pela rua até o rio?

  • João alves diz: 2 de fevereiro de 2009

    Se o povo tivesse educação e respeito pelo próximo, não haveria necessidade de se adotar este tipo de medida.

    Mas no Brasil a coisa só funciona na base da porrada.

  • Ernani Antonio Pozza Filho diz: 2 de fevereiro de 2009

    Ah pois é, de que importa o sono de quem tem que acordar cedo pra trabalhar, que é quem realmente bota a nossa região pra funcionar? “Libera todo o som, o povo que mora aqui que se dane!”

    É assim mesmo, fiz certo?

  • Gilson de Souza diz: 31 de janeiro de 2009

    Estou aqui na região da guarda desde dia 30/12/2008 ( Pinheira ) e não é só no som que estamos mal. Estamos mal de prefeito, a região da pinheira e guarda esta abandonada, o mato toma conta de tudo, estradas esburacadas, enfim, um caos total. Dizem que é pq o prefeito Ronério não teve boa votação aqui na região da pinheira. E esta retaliando. Já em Palhoça, o prefeito é chamado de “homem das tintas”, pq pinta tudo, aí, parece que são obras, entende. É só olhar em volta que vc vê tudo pintado.

  • MARCOS diz: 31 de janeiro de 2009

    Concordo que todo o tipo de som tanto mecânico ou automotivo não deve passar dos seus limites. Hoje essa galera que só sabem beber e erguer o porta malas dos carros para se aparecer com um som sem limite de volume. Pertubam as pessoas idosas, crianças e demais que querem também aproveitar os pontos turísticos de SC. Esses malas de som não gastam seu dinheiro em SC e sim só perturbam. Essa galera de hoje, não conhecem seus limites. Acho que som deve ser ouvido, sem perturbar as pessoas em volta.

Envie seu Comentário