Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Problema

31 de agosto de 2009 8

Sombra, divulgação
Moradores das imediações da Avenida Rio Branco, uma das mais movimentadas de Florianópolis, reclamam que em dias de vendaval ou chuva forte não raro cai a energia. Para muitos, a proximidade de galhos de árvore aos fios da rede elétrica pode estar relacionada aos blecautes.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Comentários (8)

  • dalton viergues diz: 1 de setembro de 2009

    Contratem o renato gaúcho pra podar as arvores! ele é especialista em rebaixamento!

  • andre paiva diz: 1 de setembro de 2009

    O maior problema desta quadra que aparece na fotografia é que a proibição de parar e estacionar é desprezada pelos motoristas e pela guarda municipal. Isto sim cria um caos todos os dias. Esta quadra recebe a rua padre roma com o fluxo de quase metade dos carros que entram na Ilha, e é uma avenida de duas pistas pra cada lado. 5 edifícios comerciais com garagens rotativas, etc etc… é preciso ordenar o trânsito nesta área com canteiro central retornos.

  • andre freyesleben diz: 7 de setembro de 2009

    Putz que pariu, espero que não promovam uma poda drástica daquelas pra terminar de enfeiar a nossa cidade. coitadas das árvores….Em Estocolmo, na Suécia, todas as ruas são arborizadas. Por aqui, algumas poucas…

  • Berloque Gomes diz: 31 de agosto de 2009

    “Blecaute”, do inglês “black out”. Ou seria do manezês “bileco de fora”? É que em dia de escuridão, desde a época do lendário Capa Preta (também conhecido como prof. João Maria de Oliveira), sempre há quem goste de colocar o birro de fora pra impressionar as moçoilas pelaqui, ô!

  • Leu diz: 31 de agosto de 2009

    -É mesmo?
    Já “diziria” no querido prefeito Dário

  • Oliveira diz: 31 de agosto de 2009

    Este tal de Sombra tá demais…..

  • Maria Aparecida Nery diz: 1 de setembro de 2009

    Bom, se o problema é com árvore, só há uma coisa a fazer: cortar os fios, retirar os postes e deixar a tchurma sem luz de uma vez por todas. Porque acho bem difícil conseguir licença para “desmatar” a cidade e provocar aquecimento global, só por causa desses modernismos pôca côsa como essa tal de energia elétrica…

  • paulo roberto silveira diz: 31 de agosto de 2009

    A celesc so deixa pra resolver quando cai os fios, ao inves de fazer uma poda preventiva,é uma vergonha!Quando ao Silas no telefone, creio que ele está , naqueles momentos de indecisão sobre as substituições, fazendo um DDD “Discagem Direta com Deus”

Envie seu Comentário