Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de agosto 2009

Documentário

30 de agosto de 2009 2

O Curso de Jornalismo e a TV UFSC (canal 15 da NET) rendem homenagem a um de seus antigos professores, Daniel Herz, jornalista que fez história defendendo a democratização das comunicações no Brasil.

Nos dias 1º e 4 de setembro, às 20h, será exibido um documentário sobre a vida de Herz, dirigido pelo jornalista César Valente.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Sábado em Curitiba

30 de agosto de 2009 3

Cacau Menezes

Pedro Freitas, Tarcisio Becker e Alexandre Nascimento, dois avaianos e um secador, ontem, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, assistindo a derrota do Avaí depois de 11 jogos invicto.

Se o jogo não foi bom para o time de Floripa, o mesmo não se pode dizer do “esquenta” que rolou depois do jogo no big apartamento do caixa-alta Leozinho, considerado um dos mais bonitos de Curitiba. O difícil foi sair.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

O substituto

30 de agosto de 2009 5

Circula no território livre da internet essa deliciosa história que renega o conhecido conceito de que “o cemitério está cheio de gente insubstituível”:

Na sala de reunião de uma multinacional, o CEO nervoso fala com sua equipe de gestores. Agita as mãos, mostra gráficos e olhando nos olhos de cada um, ameaça: `ninguém é insubstituível`. A frase parece ecoar nas paredes da sala de reunião em meio ao silêncio. Os gestores se entreolham, alguns abaixam a cabeça. Ninguém ousa falar nada.

De repente um braço se levanta, e o CEO se prepara para triturar atrevido:

— Alguma pergunta?

— Tenho sim. E o Beethoven?

— Como? — o CEO encara o gestor, confuso.

— O senhor disse que ninguém é insubstituível, e quem substitui o Beethoven?

Silêncio.

Ouvi essa estória esses dias, contada por um profissional que conheço e achei muito pertinente falar sobre isso. Afinal, as empresas falam em descobrir talentos, reter talentos, mas no fundo continuam achando que os profissionais são peças dentro da organização, e que quando sai um é só encontrar outro para por no lugar.

Quem substitui Beethoven? Leonardo da Vinci? Graham Bell? Tom Jobim? Ayrton Senna? Ghandi? Frank Sinatra? Dorival Caymmi? Garrincha? Michael Phelps? Santos Dumont? Monteiro Lobato? John Kennedy? Elvis Presley? Os Beatles? Jorge Amado? Paul Newman? Tiger Woods? Albert Einstein? Picasso? Madre Teresa?

Todos esses talentos marcaram a História fazendo o que gostam e o que sabem fazer bem – ou seja – fizeram seu talento brilhar. E, portanto, são sim insubstituíveis.

Cada ser humano tem sua contribuição a dar e seu talento direcionado para alguma coisa. Está na hora dos líderes das organizações reverem seus conceitos e começarem a pensar em como desenvolver o talento da sua equipe, focando no brilho de seus pontos fortes e não utilizando energia em reparar `seus gaps`.

Ninguém lembra e nem quer saber se Beethoven era surdo, se Picasso era instável, Caymmi preguiçoso, Kennedy egocêntrico, Elvis paranóico. O que queremos é sentir o prazer produzido pelas sinfonias, obras de arte, discursos memoráveis e melodias inesquecíveis, resultado de seus talentos..

Cabe aos líderes de sua organização mudar o olhar sobre a equipe e voltar seus esforços em descobrir os pontos fortes de cada membro. Fazer brilhar o talento de cada um em prol do sucesso de seu projeto.

Se você ainda está focado em `melhorar as fraquezas` de sua equipe, corre o risco de ser aquele tipo de líder que barraria Garrincha por ter as pernas tortas, Albert Einstein por ter notas baixas na escola, Beethoven por ser surdo e Gisele Bündchen por ter nariz grande.

E na sua gestão, o mundo teria perdido todos esses talentos.”

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Pesquisa

30 de agosto de 2009 4

A quarta edição da Parada da Diversidade de Florianópolis, marcada para o dia 6 de setembro, véspera do feriado da Independência, deve atrair cerca de 60 mil pessoas de várias cidades do Brasil. Para avaliar o potencial do mercado GLS no município, a Associação de Empreendedores GLBTS (Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros) de Santa Catarina, promotora do evento, vai pesquisar hábitos de consumo dos turistas participantes da programação na avenida Beira-mar Norte.

O objetivo do censo, segundo o presidente de honra da AEGLBTS, vereador Tiago Silva (PPS), é fazer o acompanhamento anual do crescimento do evento e avaliar sua contribuição como indutor de turismo para Florianópolis. “Está comprovado que o consumidor homossexual gasta o dobro que o heterossexual. A pesquisa pretende mostrar que o mercado GLS é uma boa oportunidade de negócio”, afirma.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Coxas

30 de agosto de 2009 6

Os avaianos que não foram à Curitiba no sábado ficaram impressionados com o número de torcedores do Coritiba em Floripa. A cada gol do time paranaense, centenas de fogos espocavam em todos os cantos da cidade.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Começou a perder

30 de agosto de 2009 3

A notícia é a seguinte: o ex-atacante Romário, 43, que treina para voltar a jogar pelo América-RJ, teve mais bens penhorados na última sexta-feira como garantia para o pagamento de quase R$ 1 milhão ao ex-técnico Zagallo, por causa da caricatura estampada na porta do banheiro do extinto bar Café do Gol. Duas oficiais de Justiça visitaram o apartamento do ex-atacante da seleção brasileira, na sexta-feira, e apreenderam oito óculos Prada, cinco ternos Armani e Versace, dois tapetes, um sofá grande, três quadros de artistas desconhecidos, quatro TVs de LCD, 15 aparelhos de ginástica, uma adega e uma churrasqueira.

Os bens do atacante não serão vendidos, mas servirão de garantia para o pagamento da dívida com Zagallo. No início do mês, Romário teve sua cobertura no condomínio Golden Green, na Barra da Tijuca, leiloada também para pagamentos de dívidas. O imóvel luxuoso, que possui piscina, banheira de hidromassagem, academia de ginástica e cinco vagas na garagem, além de vista para o mar, foi arrematado no leilão por R$ 8 milhões.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

No ar

30 de agosto de 2009 8
Uma pergunta que não quer calar: o que terá  Silas — e com quem? — tanto falando ao celular antes de mandar os substitutos dar tratos à bola no jogo que quebrou a invencibilidade do Leão?
 

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Injustiça

30 de agosto de 2009 3

Só quem passou pelo sufoco, quando não humilhação, de morar num lugar sem nome oficial, e por isso não poder comprar a crédito (as lojas exigem comprovação de endereço), e não ter acesso a alguns serviços públicos, como recolhimento de lixo, abastecimento de água e esgoto, correio e até um reles telefone público, dentre outros, sabe da importância da Câmara de Vereadores aprovar, em praticamente toda sessão, vários projetos dando nome a ruas, travessas, servidões e becos.


As pessoas que moram nestes locais é que pressionam os vereadores a bancar tal direito a cidadania. E os que tem criticado os legisladores por isso, deixam transparecer um ranço de elitismo, preconceito e, sobretudo, ignorância.

 

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Este mar é meu

28 de agosto de 2009 14

Embora a costa catarinense produza petróleo nos campos de Tubarão, Coral, Estrela do Mar, Caravela e Cavalo Marinho, apenas este último rende royalties. Apesar de ficarem em frente a Navegantes e Itajaí, o benefício fica com o Paraná.

E quanto aos campos no pré-sal, com reservas estimadas em 100 bilhões, suficientes para abastecer o Brasil por 150 anos? Mesmo estando a 300 km da costa, quase em águas internacionais, será que apenas Espírito Santo, Rio e São Paulo devem usufruir dos resultados? Para onde irá a riqueza do pré-sal?

Acreditando que o petróleo é de todos os brasileiros, Lula defende que os lucros do pré-sal revertam para um fundo destinado à saúde e educação de todos os Estados. Rio e São Paulo já botaram a boca no trombone. Minas Gerais é uma voz isolada em defesa da distribuição social do pré-sal.

Nosso governador, deputados e senadores devem, nesta hora, também defender a socialização dos resultados, se não vamos continuar recebendo apenas a poluição ambiental na extração e transporte do petróleo.

Postado por Cacau Menezes – Floripa

Posse

28 de agosto de 2009 4

O deputado estadual Julio Garcia assume o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina (TCE), na próxima terça-feira (dia 1º de setembro), às 17h, no auditório da sede do órgão, em Florianópolis.

Garcia vai ocupar a vaga aberta com a aposentadoria voluntária do conselheiro Otávio Gilson dos Santos, no último dia 24 de agosto.

Indicado pelo governador Luiz Henrique da Silveira, no dia 25 de agosto, o parlamentar teve seu nome aprovado pela Assembleia Legislativa, com o voto dos 37 deputados presentes à sessão plenária de 26 de agosto.

O novo conselheiro é o nono a assumir o cargo depois da promulgação da Constituição Estadual de 1989, que estabelece os atuais requisitos e critérios para a escolha dos membros do TCE — órgão de controle externo responsável por fiscalizar o uso dos recursos públicos pelo Estado e os 293 municípios catarinenses.

Postado por Cacau Menezes – Floripa