Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Tunga

26 de março de 2013 5

Acompanhando o desespero da população do Chipre, muitos brasileiros relembram, com amargo ressentimento, a tungada que sofremos 23 anos atrás com o confisco das cadernetas de poupanças praticado pelo então presidente – de triste memória – Fernando Collor de Melo. Lá, exatamente como foi cá, o governo passa a mão no bolso dos cidadãos sob o pretexto de acabar com a crise.

Comentários (5)

  • Joca diz: 26 de março de 2013

    Oras, mas qual o espanto geral?
    Queriam medidas esquerdistas? Queriam medidas sindicalistas e comunistas?
    Está certo!!! Confisca desse povão pra salvaguardar os bancos, pois são eles que realmente garantem nosso modo de vida e o bem estar geral em que vivemos. Com esse dinheiro do povão confiscado eles podem emprestar pra indústria que vai fazer a máquina girar novamente.

  • Adriana diz: 26 de março de 2013

    Cacau, ironicamente (ou seria muito previsível) o pilantra do Collor, hoje é o maior aliado do PT/Dilma/Lula quando se trata de fazer algum jogo sujo contra o que eles julgam inimigo do Partido, como o Procurador Geral da República.
    Como o Gurgel teve a coragem de indiciar os mensaleiros do PT – só deixou o Lula de fora para não acabar em pizza – o PT delegou ao Collor a tarefa de infernizar a vida do Procurador a fim de tentar manchar a sua honra (poucos brasileiros teriam a coragem que ele teve) e atrasar o trabalho incansável do Procurador em fazer cumprir a lei, mesmo que isso custe a outrora fama de revolucionário, esquerdista, comunista ou coisa do tipo, como aconteceu com o Zé Dirceu, Genoino e João Paulo Cunha.
    Quando o Collor era Presidente, foram os “caras pintadas” comandados pelo PT/UNE-Lindemberg Farias que foram às ruas chamá-lo de corrupto e agora estão mais ALIADOS do que nunca…quem mudou ?
    PT = Quem te viu quem te vê !!!

  • crescêncios Pinto diz: 26 de março de 2013

    Os milionários russos é que vão perder muita grana pois lavavam o seu money duvidoso nesse pretenso paraíso fiscal com alguma ligação grega. Vivem do turismo, não trabalham, não produzem nada e deu no que deu. Vão chorar agora pra viúva. Ainda bem que guardo a minha grana em países muito sérios, resolvi investir o que tenho na Venezuela, Equador e Bolívia, assim não corro riscos.

  • Berloque Gomes diz: 26 de março de 2013

    Fernando Collor e Zélia Cardoso, ambos de Melo e ambos de triste lembrança. Mas tanto aqui quanto na Europa, tem Chipre envolvido. No caso da queda do Collor, o início de tudo se deu por causa do Chipre que Fernando Collor disse que colocou no próprio irmão. Pedro, pra se vingar, denunciou os podres do ex-presidente. Disse que Fernando é que tinha levado dois Chipres de Rosane.

    Pra ler mais: http://abr.ai/10Rgql

  • Edson Moraes Lessa diz: 26 de março de 2013

    Valeu Joca! É quase isso. A verdade é que essa tal Chipre, é uma grande e competente máquina de lavar dinheiro dos russos endinheirados. Tem até dinheiro de alguns políticos ascendentes brasileiros sendo lavado lá também. Tem até de alguns “pastores” de espertas igrejas também.

Envie seu Comentário