Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Sentença

31 de maio de 2013 12

Vez por outra aparece uma luz no fim do tunel, alguma pessoa sensata que nos dá a esperança de que nem tudo está perdido.  



Na ação movida pelo filho de Lula contra a revista Veja, pedindo indenização por danos morais pela matéria publicada a respeito do seu enriquecimento milagroso, e também sobre a frase dita pelo ex-presidente “Meu filho  é o Ronaldo dos negócios”.
Abaixo, trecho da sentença da Drª Luciana Novakoski Ferreira Alves de Oliveira, MMª  Juíza de Direito Auxiliar:
“…O  autor (Lulinha) precisa compreender que é de interesse de toda a população brasileira saber como o filho do Presidente da República obteve tamanha ascensão coincidente ao mandato de seu  pai. E há de concordar que uma imprensa livre para investigar tais fatos é fator essencial  para que vivamos num Estado Democrático de Direito, ideal outrora defendido por tantos  que, agora, ao que se vê, parecem se incomodar com ele.”
    Desse modo, examinando-se o conflito dos interesses constitucionais envolvidos na publicação da matéria, verifica-se que a conduta dos réus não foi abusiva e apenas buscou informar seus leitores sobre assunto de relevante interesse público. Logo, inexiste direito à reparação civil.
Ante o exposto, JULGO IMPROCEDENTE o pedido, nos termos do art. 269, inciso I, do Código de Processo Civil.
“Em razão da sucumbência, arcará o autor com o pagamento das custas e despesas processuais e de honorários advocatícios, que fixo, por equidade, em R$ 10.000,00.?


 Drª Luciana Novakoski Ferreira Alves de Oliveira,
MMª  Juíza de Direito Auxiliar,

 Drª Luciana Novakoski Ferreira Alves de Oliveira,
MMª  Juíza de Direito Auxiliar,

 

Comentários (12)

  • Airton 8 diz: 31 de maio de 2013

    Meu Deus! Já não basta todo o dinheiro que ganhou sem fazer força, ainda quer mais! Oh, Lulinha, como diria seu pai ‘Menas, menas’.

  • Luiz Carvalho diz: 31 de maio de 2013

    Cacau, essa Juíza merece uma homenagem, pois conseguiu sintetizar em poucas palavras o que está acontecendo no Brasil. Políticos demagogos, estelionatários que, inclusive se APROVEITARAM da imprensa livre para ter o seu nome conhecido, como o Lula, agora se sentem “ofendidos” por ela.
    Pelo visto, o PT vai ter muita dificuldade em transformar o Brasil numa Venezuela, como era o sonho do Lula, Zé Dirceu, Dilma , Gilberto Carvalho, entre tantos outros picaretas.
    O maior “empresário” do Brasil está querendo esconder como conseguiu passar de tratador de zoológico a um MEGA EMPRESÁRIO exatamente no período em que o seu pai foi Presidente da República.
    Essa gente é maldosa, foi só uma coincidência…feliz para ele e infeliz para os cofres da Nação brasileira.
    Viva a imprensa livre e o Brasil democrático!!!
    Abraço.

  • Mané Estrangeiro diz: 31 de maio de 2013

    Caramba! Essa lavou a alma. Vou dormir mais feliz hoje.

  • Farias diz: 31 de maio de 2013

    Como bem frisou a juíza, os que agora estão no poder, no passado defenderam uma imprensa livre e agora querem colocar mordaça. Parabéns a juíza e ao blogueiro.

  • José Carlos diz: 1 de junho de 2013

    Ótimo, mas pena que vamos ter que esperar políticos do PT chegarem ao poder em SC ou Florianópolis para que a imprensa local se motive a fazer reportagens como esta da Veja (embora enriquecimento de família de político simultaneamente a seus mandatos já seja bem visível hoje e há anos).

  • Frederico Nunes diz: 1 de junho de 2013

    Por falar em famílias com problemas na justiça e que se acham acima da lei, aqui vai mais um caso:
    Família de Ronaldinho é um baronato, diz juiz de Porto Alegre
    Por problema com vizinhos na capital gaúcha, Assis é condenado a pagar R$ 500 mil… http://esportes.terra.com.br/atletico-mg/,92993ac18cafe310VgnVCM5000009ccceb0aRCRD.html?fb_ref=FBRecommPluginTerra

  • roberto diz: 1 de junho de 2013

    Gloriosa, exuberante, esta sentença quero ver os Petralhas se manifestarem, eles que tem feito articulações para limitar o poder judiciário bem ao estilo comunista, que tanto defendem mas mostram uma sêde por dinheiro que deixa capitalista com inveja. Vamos roubar cumpanheirada, que ser pobre é só para intelectual invejoso. ESTÁ NA HORA DE FAZER UMA DEVASSA NESTES COMUNISTAS DE ARAQUE PARA VER COMO ENRIQUECERAM TÃO FACILMENTE.

  • bordoadanazorelha diz: 1 de junho de 2013

    anota aí: o Lula é um dos caras mais ricos do Brasil… se pá, passa o Eike… dá um tempo e saberás…
    o filho do lula, de biólogo (uma nobre profissão e que merece ganhar bem mais que um ananá jogador de futebol) passou a fazer parte da seleta classe multi-milionária do país…
    e não foi com nenhuma patente oriunda de pesquisas da área biológica… bem como visto na sentença…

  • milton braga diz: 1 de junho de 2013

    o cacau. essa sentença, já questionada, é de 2.010. véspera da eleição da Dilma.
    você esta esquentando isto porque?
    levas algum interesse nisto.
    você já leu esse questionamento? procure se informar, se és mesmo repórter.
    só uma dica: no fórum de Pinheiros – SP, a abril não perde uma.

  • Highsecrte diz: 2 de junho de 2013

    Independente do vai e vem do pensamento e ponto de vista do brasileiro, eu continuo mantendo minha visão de que Lula não passa de um canalha disfarçado de palhaço.

  • Parabólica diz: 3 de junho de 2013

    Comemorar uma sentença a favor da veja não é sinal de inteligência, muito pelo contrário, seu tucano enrustido!

  • Franciele diz: 27 de novembro de 2014

    diferente do que dizem ai encima a sentença não é a favor da veja, mas sim a favor de todos os brasileiros… nós queremos saber sim como ele enriqueceu. parabéns a juiza

Envie seu Comentário