Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

NÃO ESTÁ TÃO RUIM

28 de agosto de 2015 0

No primeiro semestre de 2015, em 69% das negociações analisadas pelo Dieese os trabalhadores conquistaram aumentos reais.

O pagamento em parcela única predominou em 94% das negociações.

TURBULÊNCIA

28 de agosto de 2015 0

O clima não anda nada bom na Fundação Catarinense de Cultura nos últimos dias. A presidente Maria Teresinha Debatin decidiu cortar o acesso às redes sociais. A situação é séria, porque ocorreu justo no dia em que começava na instituição um curso sobre Mídias contemporâneas, que ficou comprometido pela decisão da gestora. Grupos de discussão de trabalho, de estudos e contatos necessários para os profissionais que lá atuam estão prejudicados. A situação é surreal.

“ESTOU NAS NUVENS”

28 de agosto de 2015 0

Esse foi o comentário do treinador René Simões ontem pela manhã após eliminar o Atlético Mineiro da Copa do Brasil com uma virada de 2 a 1 sensa-cional no Scarpelli na noite chuvosa de quarta-feira. “Meus dois jogos dirigindo o Figueirense foram de uma entrega espetacular. Soma- se a isso a partici-pação da torcida no intervalo. Se eles aprenderem que vaiar no intervalo leva pressão para o vestiário, fariam sempre o que fizeram – perdendo, aplaudiram. O vestiário fica leve e posso mexer com calma. O final foi um show deles empur-rando o time. Muito legal.”

Só as piores

28 de agosto de 2015 0

Bom dia Cacau

Empobrecimento musical nesse país chamado Brasil.

Não quero ser pessimista, mas acontece que o nosso país vem passando por um processo de empobrecimento musical. E isso nada tem a ver com nostalgia. É fato. Desde as trilhas sonoras de novelas até os hits do momento e as músicas de maior vendagem no país, percebe-se um descarado constrangimento do gosto musical brasileiro ano após ano. Estamos consumindo e “admirando” (eu diria “proliferando”, porque me parece um mau gosto viral) as piores composições, as piores letras, os piores intérpretes… O lixo musical esparrama-se dia e noite na mídia, e todo mundo finge que é bom e consome. Essa lógica invertida de decomposição musical prestigiada invade os ouvidos, martela o cérebro e ganha pelo cansaço e pela massificação e ai surge “novos astros da MPB”, que cantam qualquer coisinha com duas onomatopeias e saem por aí vendendo milhões (de dejetos musicais) para uma massa hipnotizada nas baladas, cheio de vodka e energético para não dizer outras coisas, dançando no palco da anticultura, destruído o corpo e a mente para depois mergulhar no pesadelo da crise existencial… “Querendo tchum querendo tcham, tcham, tcham, tcham”… E os empresários logicamente ganhando rios de dinheiro provavelmente cantando: eu quero din, eu quero din, din, din, din, din…

Abraços

Edu Aguiar.

Operação Verão

27 de agosto de 2015 3

Casan e Celesc projetam aumento de 20% de turistas em SC

Para garantir um verão tranquilo aos moradores de Santa Catarina e aos turistas, a Casan e a Celesc realizaram uma reunião operacional na tarde desta quinta-feira. Estiveram presentes os engenheiros Valter Gallina, presidente da Casan, e Cleverson Siewert, presidente da Celesc, acompanhados de diretores e gerentes operacionais das duas empresas. “A união das duas empresas é primordial para uma temporada tranquila”, disse Gallina.
A Casan já trabalha com a expectativa de a Grande Florianópolis receber um afluxo maior de visitantes na alta temporada. A conclusão da Ponte Anita Garibaldi, em Laguna, facilitando a ligação do Estado com Rio Grande do Sul, Uruguai e Argentina, aliado à alta do dólar, que já reduz o número de viagens dos brasileiros ao Exterior, leva setores do trade turístico a prever uma procura maior por Santa Catarina. Informações obtidas pela Casan de forma ainda extraoficial, mas que já balizam o planejamento da Companhia, dão conta de um aumento de pelo menos 20% a mais no número de visitantes durante o verão, exigindo em consequência uma maior oferta de água.

Se a População Soubesse Disto

27 de agosto de 2015 2

(Luiz Alberto Silveira. Oncologista Clinico)

Em 21000 catarinenses buscam na justiça acesso a tratamento de saúde. Em 2014 o custo foi de 160 milhões de reais representando 10% do orçamento da Secretaria da Saúde. Em 2015 o Estado deve gastar cerca de 200 milhões de reais. Os medicamentos oncológicos representaram 80 milhões de reais. Geralmente para aumentar a sobrevida, não curar. Em até 10 anos não teremos mais a quimioterapia do câncer, substituída pelos tratamentos biológicos duas vezes mais caros. A judicialização vai agravar e muito os custos para o Estado. Os médicos por questões técnicas, humanas, éticas e jurídicas não podem omitir dos pacientes os avanços na investigação e tratamento do câncer sob pena de serem processados éticamente e juridicamente.

A solução é evitar os cânceres mais incidentes que produzem sofrimentos humanos, danos sociais e econômicos. Isto é possível com vontade política, aplicando-se um grande plano de prevenção e diagnóstico precoce do câncer. A colonoscopia evita e faz diagnóstico precoce do câncer do colon. O controle do HPV elimina o risco do câncer do colo uterino. A mamografia faz diagnóstico precoce do câncer da mama permitindo 30% de curas. Se a população soubesse disto, e exigisse seus direitos, entraria na justiça não para conseguir tratamentos, mas para não ter os cânceres passíveis de prevenção e diagnóstico precoce. E Santa Catarina seria diferenciada no Brasil.

Casal

27 de agosto de 2015 5

Esbanjando muita sensualidade, o casal Belo e Gracyanne Barbosa poderá ser visto no Paparazzo a partir de amanhã (28). Com o tema fitness e tendo um octógono como pano de fundo, eles se mostraram à vontade para confidenciar suas intimidades. “Fazemos sexo todos os dias que estamos juntos. Eu sou fissurado na minha mulher. Tenho um tesão imenso, coisa de louco. Sou extremamente apaixonado”, disse o pagodeiro. Já a modelo, confidenciou: “Ele era muito restrito (a brinquedinhos). No começo da relação, ele era contra vibrador. Hoje ele me traz coisas legais de sexshop, me mostra as novidades. Ele se libertou e é uma delícia!”.

Figura

27 de agosto de 2015 2

O cara mais animado e comunicativo da festa do último sábado no Donna de Jurerê foi o senador Jorge Viana, do PT/AM, vice-presidente do Senado, que chegou na companhia de Antônio Luz e Tati e que parecia estar em casa, falando com todos, distribuindo cartão e esbanjando simpatia.
Já em Ibiza, seu colega Delcídio Amaral não teve a mesma sorte com os brasileiros que lá estavam, o que nos leva a crer que somos não só mais tolerantes com os petistas, como mais educados do que os paulistas.

 

Gentileza

27 de agosto de 2015 5

A dupla Dário Berger e Mauro Mariani têm se encontrado com muita frequência na capital federal para debater a turbulenta pauta legislativa num ano de votações, digamos, ardidas. Mas no gabinete do deputado federal, em Brasília, o clima é outro. Agora é saber quem deixará o “vossa excelência” para “excelentíssimo governador”.

Covardes

27 de agosto de 2015 19

Olá! Cacau Menezes!
Meu nome é Flávia Martins Martorano, estou lhe escrevendo para fazer um desabafo.
Ontem falei com minha filha, que tem 22 anos já formada em Cosmetologia e estética pela Univali, já atuando na área. Bom vou começar pelo seguinte, minha filha mora no centro com o namorado, os dois já trabalham e alugam apartamento. Falo todo dia com ela por telefone ou pelo whatssap , eu moro no Rio Tavares ,ela me relatou que no domingo , ela o namorado vão com frequência a Sanduicheria da Ilha, sempre os domingos.
Mas neste Domingo chegaram lá por volta das 20:30hs e ficaram até mais ou menos 11:30hs, foi quando seu namorado se dirigiu até o banheiro e em seu retorno tinha um cara sentado a mesa ao lado deles na parte de fora onde é um deck. Este cara de repente olhou para o namorado de minha filha e disse o que esta olhando cara e no mesmo momento pulou em cima do namorado e foi luta corporal.
Claro que minha minha filha a princípio não entendeu o que havia acontecido, mas este agressor não parava de bater onde surgiu mais um, e minha filha desesperada pedia para parar, foi quando este agressor a empurrou , minha filha caiu em cima de umas motos estacionadas , e o agressor continuou batendo com mais um comparsa e o levaram para o outro lado da rua, para as câmeras não pegarem as imagens e sentou o pau no coitado.
Minha filha ligou pra polícia, e ela observou que este agressor derrubou uma arma no chão, quando a polícia chegou já haviam apartado, e o agressor no auge da adrenalina ameaça minha filha dizendo que ia prende- lá e o namorado da minha filha filha foi levado pela viatura, como se fosse bandido e ela seguiu com o carro atrás de uma amiga que estavam com eles. Bom na delegacia este agressor vem a ser um policial militar a paisana e ainda por cima chefe dos coitados da viatura. Minha filha não acreditava no que estava acontecendo, e este agressor o tempo todo ameaçando, lá na delegacia ficaram até as cinco da manhã para depor o ocorrido.
O contexto de tudo é o seguinte , no outro dia, na segunda minha filha foi na primeira DP fazer um BO contra o agressor.
na hora em que estava fazendo seu depoimento, quem aparece lá o comparsa do agressor, minha filha não se intimidou , e continuou fazendo seu depoimento e depois foi aconselhada em dirigir até a corregedoria para indiciá- lo.
Mas eu te pergunto vale a pena? mexer com policiais? que provavelmente esta com problemas piscicológico?
minha filha esta apavorada, hj fez os tramites de corpo e delito, e ela me pediu para não me meter, mas não consigo ficar calada, aconselhei ainda ir na delegacia da mulher e fazer mais um BO por agressão a mulher.
Que país é esse?
E o medo?
Att,
Flavia Martins Martorano.