Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Filmes entrarão em cartaz nos cinemas brasileiros na quinta-feira a partir de março

21 de fevereiro de 2014 0

A partir de 13 de março, é bom ficar atento: se estiver a fim de assistir a um filme que está em cartaz durante a semana, é bom agilizar a ida ao cinema até quarta-feira. E, se for para torcer por estreias, a data para olhar a programação do cinema será quinta-feira. A  Federação Nacional das Empresas Exibidoras Cinematográficas (FENEEC) anunciou nesta sexta-feira que os filmes serão lançados no Brasil todas as quintas-feiras e não mais às sextas, como ocorria habitualmente.

A mudança partiu de negociações entre a FENEEC, exibidores e distribuidores ao longo de 2013.  Segundo a Federação, só há vantagens com a alteração no calendário, já que a quinta-feira passou a ser um dia da semana em que as pessoas começam a se animar para sair e dar início ao fim de semana, coisa que antes só acontecia na sexta à noite. É uma estratégia clara para tentar resgatar o público de cinema e aumentar os resultados das bilheterias.

As estreias na sexta-feira eram baseadas no padrão americano. Agora, os exibidores brasileiros terão que se adaptar e agilizar o fechamento da programação, assim como os meios de comunicação precisarão se adiantar  para informar os leitores sobre as estreias e os serviços de horários.

Os filmes que estão previstos para dar início a esta prática são os nacionais Alemão e Éden, e os internacionais About Last Night, Need for Speed — O Filme, Prenda-Me, Refém da Paixão e Vampire Academy, todos com lançamento já programados para quinta-feira.

As informações são do site Exibidor, que deu a notícia com exclusividade.

Lançamentos em DVD e Blu-Ray - 17 a 24 de fevereiro

21 de fevereiro de 2014 0

O Conselheiro do Crime
O Conselheiro do Crime.
Suspense, 118 minutos, 16 anos.

Com direção de Ridley Scott e roteiro do cultuado Cormac McCarthy, conta a história de um advogado que encontra o amor ao mesmo tempo em que se envolve com o tráfico de drogas. Em sua cabeça, acha que pode evitar fazer parte do mundo do crime. Quando as coisas se complicam, ele precisa tomar decisões rápidas para salvar a si mesmo e as pessoas com quem se importa.
Não se espante se, de repente, O Conselheiro do Crime estiver parecendo mais com uma história de amor do que com um filme de ação típico de Ridley Scott. Aqui, ele faz um contraponto entre a violência extrema e as paixão entre os personagens de Michael Fassbender e Penélope Cruz.

Diana
Diana
. Drama, 113 minutos, 12 anos.

Os últimos dois últimos anos da vida de Diana Spencer, mais conhecida como Lady Di são repassados neste filme protagonizado por Naomi Watts. Já separada do príncipe Charles, com quem teve seus dois filhos, William e Harry, ela vive o polêmico relacionamento com o cirurgião paquistanês Hasnat Khan.

trem noturno para lisboa
Trem Noturno para Lisboa.
Romance, 111 minutos, 14 anos.

Raimund Gregorius é um professor de latim que tem a vida pacata transformada depois de um encontro misterioso com uma jovem portuguesa que ele consegue impedir que salte de uma ponte. A mulher desaparece, deixando seu casaco para trás. Dentro de um bolso, ele descobre um livro com uma passagem de trem no miolo. Ele decide usá-la espontaneamente, partindo para uma jornada de aventura em Lisboa.

Lançamentos de DVDs e Blu-Ray - 11 a 18 de fevereiro

14 de fevereiro de 2014 0

Como Não Perder Essa Mulher
Como não perder essa mulher
. Comédia, 90 minutos, 16 anos.

Jon Martello é um jovem que leva uma vida sem relacionamentos sérios – pelo contrário, ele adora sair e conquistar uma por noite. Até que uma mulher arrasadora (interpretada por Scarlett Johansson) o arrebata em uma paixão inesperada. Aos poucos, ele é sugado pelo relacionamento e parece perder sua identidade, deixando para trás suas vontades e prazeres.

Esqueça os personagens masculinos de comédias românticas ao estilo de 500 Dias com Ela, também vivido por Joseph Gordon-Levitt. Aqui, Jon é um cara dos mais comuns, que curte lutas e assiste vídeos pornôs indiscriminadamente, assim como Barbara é, apesar de sua beleza deslumbrante, uma moça sem características expressivas. Assim, o filme consegue funcionar muito mais como a crítica a que se propõem.

Austenland

Austenland. Comédia, 97 minutos, livre.

Jane Hayes é uma mulher de 33 anos obcecada por Orgulho e Preconceito, de Jane Austen, e todo o mundo de Elizabeth Bennet e Mr. Darcy. Tanto que viaja até um parque temático do livro, acreditando que, assim, encontrará o homem perfeito. Da mesma roteirista de Napoleon Dynamite, é uma comédia que ri de si mesma – e exige um conhecimento prévio da obra de Austen para compreendê-lo.

Somos o que somos
Somos o que Somos. Suspense/drama, 100 minutos, 18 anos.

Franck Parker mora em uma vila com seus três filhos, as adolescentes Iris e Rose e o pequeno Rory. Depois da morte misteriosa da esposa, a vida cheia de segredos da família, que se comporta como se ainda estivesse no século 18, é ameaçada pelas investigações das autoridades locais.

Por trás dos olhos encantadores: curiosidades sobre Shirley Temple

13 de fevereiro de 2014 0

shirley_temple
A menina mais amada do mundo morreu nesta segunda-feira, em casa, rodeada pela família. Ela tinha 85 anos, mas, para muitos, era quase um mistério como havia se tornado seu rosto já adulta e, então, na velhice. Cabe dizer que a Shirley Temple idosa era tão graciosa quanto a menina loirinha que conquistou o cinema nos anos 1930, com filmes que permaneceram presentes na infância de várias gerações seguintes. Ela foi a primeira estrela infantil do cinema mundial — antes dela, houve meninas como Baby Peggy e Virginia Lee, escravas estrelas do cinema mudo, que não tinha o mesmo apelo comercial que os musicais de Shirley.

O sucesso da menina prodígio pode ser medido pelos fatos curiosos de sua carreira, dos bastidores e da repercussão de sua fama. As informações são de uma entrevista da People Magazine de novembro de 1988, com base na recém-lançada autobiografia Child Star.

baby burlesks

  • Aos três anos, ela começou a aprender sapateado, tango e rumba com outras crianças pequenas no Estúdio de Dança Ethel Meglin (mesmo lugar onde Judy Garland estudou). Foi lá que conseguiu o primeiro trabalho, quando um produtor escolheu a ela e outras 11 bebês crianças para a série Baby Burlesks. Durante as filmagens, quem desobedecia tinha que sentar em uma enorme pedra de gelo como castigo.
  • Quando completou seis anos, ela recebia mil dólares por semana e já havia participado de mais de 20 filmes. Recebia, em média, 16 mil cartas por mês e, em seu sexto aniversário, ganhou 167 mil presentes de fãs — todos doados para caridade. Ela, no entanto, não conseguia entender o que acontecia. “Quando as multidões gritavam ‘eu te amo’ para mim nas estreias, eu perguntava para minha mãe porque diziam isso. Ela me explicava que eram pessoas que gostavam muito dos filmes que eu fazia”.
  • No estúdio da FOX, da qual foi contratada dos seis aos 11 anos, ela tinha seu próprio trailer e não tinha permissão para comer ou realizar outras atividades com os adultos. “Winfield Sheehan (presidente do estúdio) queria que eu permanecesse uma garotinha. Dizia que, se perdesse a inocência, isso apareceria nos meus olhos”.

lionel barrymore

  • Todas as noites, a mãe de Shirley enrolava seus cabelos em exatos 56 cachinhos. Depois, ela lia os roteiros para que Shirley decorasse as falas — o que ela fazia, decorando sua parte e a dos outros atores. Um dia, ela corrigiu o rabugento ator Lionel Barrymore (avô de Drew Barrymore) nas filmagens de The Little Colonel, deixando-o furioso e fazendo com que ele abandonasse o set.No mesmo filme, Shirley e o ator Bill Robinson quebraram uma importante barreira racial: até então, era proibido que brancos e negros fizessem casais ou mesmo se tocassem mais diretamente no cinema. Mas, em The Little Colonel, o personagem de Bill Robinson ajuda a personagem de Shirley a perder o medo das escadas com uma lição divertida: sapateando. Em determinado momento da cena, ele dá a mãe a ela e eles dançam juntos enquanto sobem e descem a escada. Confira a cena:

  • A atriz deixou de acreditar em Papai Noel aos seis anos, quando sua mãe a levou para ver o Papai Noel de uma loja de departamentos e ele pediu um autógrafo a ela.
  • O sucesso de Shirley ultrapassou oceanos e chegou a Europa, onde as princesas Margaret e Elizabeth (hoje rainha da Inglaterra) eram grandes fãs da estrela mirim.

Shirley-Temple e Joel McCrea

  • Sua primeira paixão foi aos sete anos, pelo ator Joel McCrea, que tinha 30 anos e trabalhava com ela em Our Little Girl. A pior parte desta paixão foi que, em uma filmagem ao seu lado, ela fez xixi na calça de nervosismo no momento em que as câmeras começariam a rodar.

Eleanor_Roosevelt_e_Shirley_Temple

  • A pior surra de que ela podia se lembrar foi em um churrasco oferecido pela primeira dama Eleanor Roosevelt em Hyde Park. Ela havia fundado a “Força Policial Shirley Temple” e fazia com que todos usassem o crachá da “companhia”. A primeira dama também ganhou um, mas não estava usando quando foi cuidar das costeletas na churrasqueira, da qual precisava ficar bem longe por segurança — e não deu bola quando Shirley a questionou sobre o crachá. Com um estilingue, ela se vingou: atirou uma pedra que atingiu Eleanor Roosevelt no meio das nádegas, fazendo com que ela se virasse e ficasse em uma posição que lembrava a Estátua da Liberdade. “Quando chegamos ao quarto do hotel, minha mãe me surrou no mesmo lugar que eu havia atingido a primeira dama”.

kathleen

  • No auge da carreira, ela costumava protagonizar quatro filmes por ano. Quando entrou na adolescência, este número caiu para um ou dois filmes por ano. A plateia ficou assustada quando ela apareceu interpretando uma mocinha em filmes como Young People e Kathleen, porque acreditavam que ela era dois anos mais nova do que realmente era (uma estratégia da FOX quando assinou o contrato dela e diminuiu sua idade no documento). Nestes filmes, no entanto, ela já estava com 12 e 13 anos, respectivamente.

Shirley-Temples-Wedding

  • Apesar do desejo dos produtores da FOX em mantê-la criança para sempre, Shirley sonhava com casamento desde a sétima série. Seu maior objetivo era ser a primeira da classe a se casar — aos 11 anos, quando a carreira começou a decair, ela foi para um internato de moças. Foi lá que conheceu John Agar, irmão de uma de suas colegas. O casamento realmente aconteceu cedo, aos 17 anos, mas acabou quatro anos depois, quando descobriu, em uma das inúmeras bebedeiras do marido, que tudo o que ele queria era se casar com uma celebridade. Antes disso, ela já havia aturado traições e até dirigido sozinha para a maternidade para ter sua primeira filha.
  • Mesmo depois de já contar cabelos brancos e netos, Shirley Temple continuava sendo reconhecida por onde passava e, mais do que isso, tinha que aturar as pessoas querendo beijá-la e apertar suas bochechas. Ela sempre o permitiu, mesmo ficando muito irritada com isso.

Lançamentos de DVD e Blu-Ray - 1º a 10 de fevereiro

07 de fevereiro de 2014 0

amor bandido
Amor Bandido
. Drama, 135 minutos, 14 anos.

Dois adolescentes encontram um fugitivo com quem fazem um pacto para ajudá-lo a fugir dos caçadores de recompensa em seu trailer e a se reunir novamente ao seu verdadeiro amor, Juniper, que o espera na cidade. Ao mesmo tempo, um dos garotos vive o divórcio complicado e violento dos pais, passando a encarar a vida com mais amargura.

Matthew McConaughey, no melhor momento da carreira, protagoniza este filme, ainda que o foco deste seja o amadurecimento que Mud, seu personagem (que nome ao título original) e sua chegada provoca nos dois jovens amigos.

um brinde à amizade

Um Brinde à Amizade. Comédia Dramática, 90 minutos, 14 anos.

Kate e Luke são funcionários de uma fábrica de cerveja e têm gostos parecidos, são amigos e, até por isso, sempre flertaram um com o outro, mas nunca entraram em um relacionamento.  Luke está pensando em se casar com a namorada e Kate namora um produtor musical. Mas a linha entre “amigos” e “mais do que amigos” fica cada vez mais turva conforme eles bebem e seus relacionamentos se complicam.

O Diário de Uma Virgem
O Diário de uma Virgem. Comédia, 104 minutos, 14 anos.

Brandy Clark é uma das melhores alunas da sala e, por isso, às vésperas da formatura na escola, está com tudo certo para ir à universidade Mas ela tem uma preocupação: não quer chegar lá virgem, não só sexualmente, mas em todos os sentidos. Então, faz uma lista com todas as experiências que precisa viver no verão.

Hoje Eu Quero Voltar Sozinho

05 de fevereiro de 2014 0

os mais esperados

Quando um filme faz sucesso, os produtores não perdem tempo: planejam logo uma sequência, uma forma de explorá-lo mais. Mas não, este não é o caso aqui: Eu Não Quero Voltar Sozinho é daquelas obras que deixaram um gostinho no paladar de cinefilia dos espectadores e, por isso, nada mais justo do que buscar novamente os personagens para uma nova produção.

O curta metragem, que estreou em 2010, tem um número incrível de premiações brasileiras e internacionais. Além disso, o vídeo postado no YouTube já tem quase 3 milhões de visualizações e todo um séquito de fãs (brasileiros e estrangeiros) apaixonados pela história de Leonardo, um adolescente cego que vive uma rotina bem comum ao lado da melhor amiga, Giovana, até a chegada de um novo aluno na sala: o tímido Gabriel. O trio torna-se inseparável, mas Leonardo começa a perceber um novo sentimento surgindo pelo amigo.

Agora, o longa ganha novo nome e um Leonardo com outro foco. Em Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, o adolescente vive um momento de ansiedade pela independência (no curta, ele depende de Giovana para levá-lo em casa e até destrancar o portão) quando Gabriel chega. Além disso, com muito mais que 17 minutos, a história poderá ser mais explorada, trazendo novos personagens e elementos.

O filme foi selecionado para o Festival de Berlim 2014 e será exibido pela primeira vez em 10 de fevereiro, por isso o cartaz internacional aí embaixo. No Brasil, a estreia está prevista para 28 de março nos cinemas. Clique aqui para assistir ao teaser.

Cartaz internacional de Hoje eu quero voltar sozinho

Lançamentos em DVDs e Blu-Ray - 25 a 31 de janeiro de 2014

31 de janeiro de 2014 0

A Voz de uma Geração

A Voz de uma Geração. Comédia, 93 minutos, 14 anos.

O talento vocal é marca da família de Carol, jovem que trabalha como treinadora vocal, Seu pai é um conhecido dublador de trailers de filmes, e a encoraja a seguir na profissão apesar das poucas possibilidades profissionais que ela encontra pelo simples fato de ser mulher.

Uma comédia hilária, A Voz de uma Geração ganhou o prêmio de melhor roteiro no Festival de Sundance em 2013. A questão aqui é tratar de uma área específica – o mundo da locução – mas pode ser aplicado ainda a várias profissões. Além disso, é sempre interessante assistir a uma obra com protagonista feminina em que o foco não é o romance, mas a carreira e a família.

o cavaleiro solitário
O Cavaleiro Solitário. Aventura, 149 minutos, 14 anos.

Fracasso em termos de arrecadação — apesar da expectativa  da Disney ao pegar a equipe que criou o sucesso Piratas do Caribe, incluindo aí Johnny Depp, e dar a eles R$ 150 milhões para fazer um filme — vale a curiosidade conhecer a história de Tonto, um espírito guerreiro nativo americano, e John Reid, um homem da lei abandonado para morrer. Reestabelecido, ele passa a usar a máscara do Cavaleiro Solitário e sai em busca dos assassinos de seus companheiros para aplicar a justiça nas terras sem lei do Texas.

Um Final de Semana em Hyde Park
Um Final de Semana em Hyde Park. Comédia, 94 minutos, 12 anos.

Foi só em 1991, quando Margaret Stuckley morreu aos 99 anos, que a história do relacionamento amoroso entre ela e o 32º presidente dos Estados Unidos, Franklin Roosevelt, foi descoberta. Primos distantes, eles trocaram cartas e estreitaram a relação no fim da vida. O filme segue um final de semana em 1939, quando o Rei e a Rainha da Grã-Bretanha visitavam o país pela primeira vez para pedir apoio contra as forças nazistas na iminente Segunda Guerra Mundial.

Lançamentos em DVDs e Blu-ray - 17 a 24 de janeiro

23 de janeiro de 2014 0

Os Suspeitos

OS SUSPEITOS – Drama, 146 minutos, 14 anos.

Keller Dover (vivido por Hugh Jackman) enfrenta o desaparecimento de sua filha e de uma coleguinha dela no Dia de Ação de Graças.  Na medida em que os esforços da polícia aparentemente não mostram resultados, ele decide investigar o caso sozinho e acaba sequestrando o principal suspeito do crime, liberado pela polícia por falta de provas.
O caso se complica com o surgimento de novas evidências e outros suspeitos.

Desesperados e angustiados, todos os personagens principais de Os Suspeitos demonstram atitudes absurdas em determinado momento, como uma mostra da sua humanidade diante de fatos que não podem entender nem suportar.

É O FIM – Comédia, 107 minutos, 16 anos.

Como uma espécie de turma do Ponta dos Fundos dos Estados Unidos, os atores James Franco, Seth Rogen, Jay Baruchel, Danny McBride, Jonah Hill e Craig Robinson são conhecidos pela amizade que os une mais do que o fato de serem a nova geração da comédia por lá.  Aqui, eles unem-se para permanecerem em suas peles durante uma festa ao estilo hollywoodiano enquanto o apocalipse bíblico instala-se na Terra.

BONITINHA, MAS ORDINÁRIA – Drama, 100 minutos, 16 anos.

A história já é velha conhecida: o contínuo Edgard é namorado de Ritinha, que trabalha como professora para sustentar as irmãs e a mãe desequilibrada. Seu drama começa quando Peixoto, genro e empregado do Dr. Werneck, propõe a ele casar com Maria Cecília, filha de seu chefe. A regravação da obra de Nelson Rodrigues tem João Miguel, Leandra Leal e Letícia Colin nos papéis principais.

hannah

HANNAH ARENDT – IDEIAS QUE CHOCARAM O MUNDO – Drama, 94 minutos, 14 anos.

Hannah Arendt – Ideias que Chocaram o Mundo é o retrato de uma mulher genial que chocou o mundo com a descoberta da “banalidade do mal”. Depois de ter acompanhado por quatro anos o julgamento do nazista Adolf Eichmann, no início dos anos 1960, ela ousou escrever sobre o Holocausto de forma nunca feita, provocando um verdadeiro escândalo.

Grande filósofa e pensadora alemã, Hannah Arendt merece que todos a conheçam, assim como sua obra, mérito que o cinema tem em difundir amplamente pessoas e ideias. Além disso, é uma obra instigante protagonizada com sutileza pela atriz Bárbara Sukoma.

FAMÍLIA DO BAGULHO – Comédia, 110 minutos, 12 anos.

Um traficante de maconha perde todo seu estoque de erva e seu dinheiro. Para se recuperar, ele forma uma família falsa com uma stripper, uma garota delinquente e um menino abandonado pela mãe. Junto, eles partem em um motorhome com meia tonelada da droga pela travessia México-Estados Unidos.

JFK – A HISTÓRIA NÃO CONTADA. Drama,  93 minutos, 14 anos.

Esta nova obra sobre os acontecimentos do dia em que o presidente John F. Kennedy foi assassinado cruza as perspectivas de uma série de indivíduos comuns colocados em circunstâncias extraordinárias, como os jovens médicos e enfermeiros do Hospital Parkland; o chefe dos Serviços Secretos de Dallas; um homem que filmou o momento e que viria a ter o filme mais visto e examinado da história; o irmão de Lee Harvey Oswald, o assassino, e sua família subitamente  destroçada.

Ninfomaníaca Vol. 1, O Lobo de Wall Street e Álbum de Família estreiam em Joinville

22 de janeiro de 2014 0

 

Haja dinheiro, minha gente!

Nesta sexta-feira, 24 de janeiro, três grandes produções estreiam nos cinemas de Joinville. O polêmico Ninfomaníaca Vol. 1, de Lars Von Trier; o recordista em falar fuck prestigiado O Lobo de Wall Street e o água com açúcar mas tem a Meryl Streep Álbum de Família.

Já estava na hora de entrar alguma obra decente na cidade, certo? Em época de corrida pelo Oscar, a tradição é que, a partir de agora, o cinema fique cheio de coisa boa que ninguém vê porque está assistindo o Stallone filmes premiados.

A programação completa, com os horários dos filmes, vocês encontram a partir de sexta-feira no Guia + AN.

Confira a lista dos indicados ao Oscar 2014

16 de janeiro de 2014 0

Ressurgindo das cinzas, o blog Câmera AN volta à ativa para acompanhar o período do Oscar 2014 — além de todas as novidades sobre o cinema, de filmes internacionais a produções joinvilenses.

Confira a lista dos indicados ao Oscar 2014. A premiação ocorrerá em 2 de março.

MELHOR FILME

12 Anos de Escravidão
Trapaça
Gravidade
Capitão Philips
O Lobo de Wall Street
Nebraska
Clube de Compras Dallas
Her
Philomena

MELHOR DIRETOR

Steve McQueen por 12 Anos de Escravidão
Alfonso Cuarón por Gravidade
David O. Russell por Trapaça
Martin Scorsese por O Lobo de Wall Street
Alexander Payne por Nebraska

MELHOR ATOR

Chiwetel Ejiofor por 12 Anos de Escravidão
Matthew McConaughay por Clube de Compras Dallas
Christian Bale por Trapaça
Leonardo DiCaprio por O Lobo de Wall Street
Bruce Dern por Nebraska

MELHOR ATRIZ

Cate Blanchett por Blue Jasmine
Sandra Bullock por Gravidade
Judi Dench por Philomena
Mery Streep por Álbum de Família
Amy Adams por Trapaça

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Michael Fassbender  por 12 Anos de Escravidão
Barkhad Abdi por Capitão Phillips
Jared Leto por Dallas Buyers Club
Bradley Cooper por Trapaça
Jonah Hill por O Lobo de Wall Street

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Lupita Nyong’o por 12 Anos de Escravidão
Julia Roberts por Álbum de Família
Sally Hawkins por Blue Jasmine
Jennifer Lawrence por Trapaça
June Squibb por Nebraska

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL

Blue Jasmine
Her
Trapaça
Clube de Compras Dallas
Nebraska

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO

Antes da Meia-Noite
Philomena
12 Anos de Escravidão
Capitão Philips
O Lobo de Wall Street

MELHOR EDIÇÃO

Trapaça
Capitão Philips
Clube de Comprados Dallas
Gravidade
12 Anos de Escravidão

MELHOR FOTOGRAFIA

The Grandmaster
Gravidade
Inside Llewyn Davis
Nebraska
Os Suspeitos

MELHOR MONTAGEM

Capitão Philips
Gravidade
O Lobo de Wall Street
Rush
Trapaça

MELHOR DIREÇÃO DE ARTE

12 Anos de Escravidão
O Hobbit 2
O Grande Gatsby
Trapaça
O Lobo de Wall Street

MELHOR FIGURINO

Trapaça
The Grandmaster
O Grande Gatsby
The Invisible Woman
12 Anos de Escravidão

MELHOR FILME ESTRANGEIRO

A Grande Beleza
A Caça
Alabama Monroe
A Imagem que Falta
Omar

MELHOR ANIMAÇÃO

Os Croods
Meu Malvado Favorito 2
Ernest et Célestine
Frozen: Uma Aventura Congelante
Vidas ao Vento

MELHOR MAQUIAGEM

Clube de Compras Dallas
Jackass Apresenta: Vovô sem Vergonha
O Cavaleiro Solitário

MELHOR MÚSICA ORIGINAL

Meu Malvado Favorito 2 (“Happy”)
Frozen: Uma Aventura Congelante (“Let It Go”)
Mandela: Long Walk to Freedom (“Ordinary Love”)
Alone (Alone Yet Not Alone)
Ela (“The Moon Song”)

MELHOR TRILHA SONORA

A Menina que Roubava Livros
Gravidade
Her
Philomena
Saving Mr. Banks

MELHOR TRILHA SONORA

A Menina que Roubava Livros
Gravidade
12 Anos de Escravidão
Os Suspeitos
Até o Fim

MELHOR SOM

Gravidade
Frozen – Uma Aventura Congelante
Capitão Philips
Trapaça
O Lobo de Wall Street

MELHOR EDIÇÃO DE EFEITOS SONOROS

Frozen – Uma Aventura Congelante
Gravidade
Rush
Capitão Philips
O Lobo de Wall Street

MELHOR DOCUMENTÁRIO

O Ato de Matar
Cutie and the Boxer
Guerras Sujas
Al Midan
A Um Passo do Estrelato

MELHOR CURTA-METRAGEM

Aquel no era yo
Avant que de tout perdre
Helium
Do I Have to Take Care of Everything?
The Voorman Problem