Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Familiar de idosa que teve a perna errada operada presta depoimento nesta quarta-feira

10 de julho de 2012 8

A 1ª Delegacia de Novo Hamburgo vai ouvir na tarde desta quarta-feira um familiar da idosa de 87 anos que teve a perna errada operada em cirurgia no município. O caso ocorreu na última sexta-feira, no Hospital Municipal. Conforme o delegado Nauro Marques, o parente de Maria Nunes da Silva será o primeiro a prestar depoimento, já que foi o responsável pelo registro da ocorrência policial.

“Como esse familiar, vou confirmar se é filho ou neto, foi quem registrou o boletim de ocorrência, vamos ouvir primeiro ele para que nos conte como ficou sabendo que era a perna errada. Ainda nesta semana, devemos intimar para depoimento a equipe de médicos, enfermeiros e todos os envolvidos no procedimento“, destacou o delegado.

O inquérito sobre o caso foi aberto na manhã de terça-feira. O médico que realizou a cirurgia deve ser ouvido entre quinta-feira desta semana e terça-feira que vem. O Hospital Municipal de Novo Hamburgo e o Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul (Cremers) abriram sinicâncias para apurar a situação.

Entenda o caso:

O incidente aconteceu na última sexta-feira, dia 6 de julho, no Hospital Municipal de Novo Hamburgo. Maria Nunes da Silva, de 87 anos, estava internada há cerca de duas semanas devido a uma fratura no fêmur da perna esquerda. Ela precisava realizar uma cirurgia para reconstituir o osso com uma placa de platina. Entretanto, o procedimento foi realizado na perna direita da idosa.

No sábado, foi realizada uma nova operação, desta vez, na perna correta. A idosa está internada em um clínica particular para recuperação, já que ficou com as duas pernas comprometidas.

Em entrevista à Rádio Gaúcha nesta terça-feira, a diretoria do Hospital voltou a admitir o erro, como já havia feito por meio de nota. A médica Simone Zucolotto afirmou que, por enquanto, ninguém será afastado das funções.

Comentários (8)

  • paulobattaglin diz: 11 de julho de 2012

    Aualmente são cercade 3000 médicos processados por impericia e incompetência no
    Brasil.Até quando a máfia de branco vai impedir a aplicação de prova para os médicos que se formam? Aposto sque se for aplicada a prova nestes médicos, eles não tiram mais do que 3. Duvidam? Os Advogados têm prova para receber o número da OAB e se causarem algum erro, não matamninguém. Mas com o médico é diferente:O erro mata! Vamos colocar rpova no final do curso, para receber autorização de exercer a profissão.

  • sergio baptista perera diz: 11 de julho de 2012

    É INCONCEBIVEL QUE ISSO ACONTEÇA, NÃO HÁ NENHUMA ESPLICAÇÃO PLAUZIVEL PARA O CASO, É DESANTENÇÃO, FALTA DE RESPONSABILIDADE E PROFISSIONALISMO, AFINAL SÃO CIRURGIÕES OU AÇOGUEIROS.

  • Jorge Gabriel Kuhn diz: 11 de julho de 2012

    Meu parceiro Paulo trabalhei por mais de duas decas em um Hospital, não discordo quanto o aprimoramento dos profissionais, mais lhe garanto estes profissionais alem de fazerem uma carga horária desumana, as vezes fazem o trabalho que deveriam ser feito por mais profissionais, é preciso neste País que os “corruptos” passem também a exercerem seus mandatos, pensando no bem estar de seu povo. Hoje ele só lutam para continuarem mamando, e defendendo seus partidos que hoje é um dos melhores meios de ganhar dinheiro, o resto para eles que se danem

  • Doutor Certeiro Tramoya diz: 11 de julho de 2012

    O Médico é humano. Quem errou foi a auxiliar , ela deveria ter dito que é à esquerda de quem vai e não à esquerda de quem vem

  • joao roberto diz: 11 de julho de 2012

    Bom dia, vocês querem saber como se comportam os médicos? Pesso a vocês que fiquem vinte minutos em qualquer entrada do ghc . Vocês irão conhecer a soberba,arrogância e prepotência desse pessoal que se acha acima do bem e do mal. São médicos velhos dando carteiraço e residêntes circulando de um lado a outro na instituição sem nenhuma identificação . Eu já presenciei médicos xingando o segurança por ele ter pedido identificação , isso tudo em público, pena que estava sem a minha filmadora. É só ir em qualquer unidade do grupo e prestar atenção,más é bom filmar, e gravar, não tenham medo, gritem, para que isso que ocorreu com essa senhora não torne a acontecer.

  • Alceu Medeiros diz: 11 de julho de 2012

    Os erros médicos já são tantos que eu tenho medo de alguns facultativos extraírem minha próstrata ao invés da fimose. Vou colocar uma flechinha com tinta vermelha para que não haja um equívoco na hora da cirurgia. Não faz muito, operaram um olho errado. Agora é o fêmur. Amanhã vão fazer com certeza uma cesariana em homem. A minha estranheza é por que a imprensa não divulga o nome desses facultativos negligentes?

  • joao roberto diz: 11 de julho de 2012

    Esse pessoal tem que se submeter a uma prova no final do curso para receber o diploma, a OAB faz , porquê MÉDICO NÃO FAZ? Não faz muito uma técnica em enfermágem colocou vazelina na veia de uma criança lembram? Também não faz muito operaram um olho errado de uma menina e, ai? CADÊ O ARGOLO… (editado por conter incitação sem ter como provar no momento). Aposto que não vai dar em nada, e ainda vão pedir aumento.

  • joao roberto diz: 11 de julho de 2012

    Tenho uma inflamação no hálux , tou com medo , oque faço? procuro um médico ou uma manicuri ?

Envie seu Comentário