Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Transferida a audiência de homem que causou incêndio e três mortes em apartamento da Capital

17 de dezembro de 2015 8

Por Yasmin Luz

Foi transferida a audiência para o interrogatório de João Guatimozin Moojen Neto, acusado de matar três pessoas em incêndio em apartamento em Porto Alegre em 2013.

A audiência estava marcada para a tarde desta quinta-feira (17), mas o réu passou mal. O interrogatório foi cancelado, a pedido da Defesa. A nova data para a oitiva está prevista para 19 de janeiro de 2016.

Na audiência o médico psiquiatra que atendeu João Guatimozin Moojen Neto foi ouvindo. Durante o depoimento, ele disse que o réu sofria de Transtorno de Personalidade Borderline somados à dependência química, em especial, a cocaína.

Esta foi 8ª a audiência realizada no processo.

Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS

Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS

Relembre o caso

Os dois filhos do casal, uma menina de dois anos e um menino de três meses, e um idoso morreram no incêndio de um apartamento, na madrugada de 7 de novembro de 2013, na zona norte de Porto Alegre. João Guatimozin Moojen Neto colocou fogo no apartamento, após uma briga com Bárbara Pena de Moraes Souza. Ela foi jogada pela janela depois de ter sido agredida pelo companheiro.

Comentários (8)

  • Fernanda diz: 18 de dezembro de 2015

    Corrigindo: Ele espancou, colocou fogo, perseguiu e jogou ela da janela do terceiro andar.

  • Marli diz: 18 de dezembro de 2015

    Complementando. Depois de passarem um tarde discutindo no apartamento e ninguém chamar a polícia. E agora a moça anda nas redes sociais implorando porque o “beleza” estava para ser solto… Muito triste tudo isso. Minha solidariedade, Bárbara.

  • DYÉSSICA SCHEFFER diz: 18 de dezembro de 2015

    ELA NÃO SE ATIROU, PASSAR INFORMAÇÃO ERRADA É CRIME!!!! ELA CORREU PARA A JANELA PARA GRITAR POR SOCORRO E ELE A EMPURROU! Talvez se vcs fizessem uma entrevista com ela ou parassem para avaliar os dados do caso, vcs não passariam tanta informação errada!

  • Juliana Coutinho diz: 18 de dezembro de 2015

    Assassino da mais alta periculosidade! Matou os próprios filhos e tocou fogo na própria companheira viva o que não faria comigo e com você que ler isto. Esse cara não merece viver. Lamento por você que justifica ruindade com doença. Ele acima de qualquer coisa é ruim!!!!!!!!

  • Ana Paula Barcellos diz: 19 de dezembro de 2015

    complementando também: ele trancou a porta do quarto com os dois filhos dentro e o ap pegando fogo. borderline? duvido muito.

  • Ana Cavalcante diz: 21 de dezembro de 2015

    Fiquei idignada em saber a história completa é a história mais triste que já ouvi em toda minha vida essa moça conta em rede social que esse monstro colocou fogo nela e a jogou do 3 andar essa mulher além de perde os dois filhos e ainda saber que teve mais uma vítima um senhor que tentou ajudar também faleceu. Essa mulher ja passou por 224, 00 cirurgia e ainda vai passar por mais cirurgia e mesmo assim esse monstro ainda ameaçou disse que ainda vai matar la quando estiver livre, se soltar esse monstro ele vai cumprir oque prometeu, ele merece aprodecer na cadeia e ainda é pouco justiça…

  • Snaro diz: 24 de dezembro de 2015

    Duvido que seja Borderline.
    Pelas definições do DSM-5, muito provavelmente ele é Antissocial (antigamente conhecido como “Psicopata”).

  • Vanessa diz: 18 de janeiro de 2016

    Eh engracado que todo monstro que mata alguém ou faz algum dano semelhante tem algum transtorno psicológico, vem logo os psicólogos desses marginais querendo encontrar algum tipo de transtorno, inventam de tudo. Se eh doido mesmo, não interessa, cometeu um crime e tem que apodrecer na cadeia, mas não somente por 7 anos não, e sim para o resto da vida. Nos EUA mesmo que o sujeito seja louco de pedra e cometa algum crime, tem sorte se não pegar setenca de morte como pena. Mas aqui nesse Brasil furreca, sou perde quem faz a coisa certa, pq quem mata, rouba (milhões); nada acontece, e a justiça brasileira, outra vergonha nacional, … eh uma piada.

Envie seu Comentário