Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Polícia de Imbé indicia professor por assédio sexual a alunas por mais de uma década

03 de março de 2016 1

A delegacia de polícia de Imbé, no Litoral Norte, indiciou um professor que atua no município por assédio sexual a alunas entre 12 e 18 anos de idade por mais de uma década. O delegado Valeriano Garcia Neto também indiciou o suspeito, que tem 36 anos, por estupro de vulnerável. Apesar de não ter ocorrido o ato sexual com uma adolescente de 14 anos, a nova legislação enquadra o caso como estupro. O inquérito já está na Justiça, que também deve decidir em breve pelo pedido de prisão preventiva do investigado.

De acordo com Valeriano, os relatos de assédio ocorrem há mais de dez anos e foi difícil conseguir reunir as vítimas. Mesmo assim, a polícia resolveu investigar o caso e instaurou inquérito no início deste ano. Foram ouvidas várias meninas e dez confirmaram ser molestadas pelo professor. Ele já foi exonerado do cargo e a polícia não repassa mais detalhes do caso para não expor as estudantes. Por isso, o nome do suspeito não foi divulgado pelo delegado e nem pela rede de ensino local.

Saiba mais:

Polícia prende 8 pessoas em operação contra exploração sexual infantil nas Missões.

Polícia investiga rede de exploração sexual de adolescentes em motéis de Gravataí.

Comentários (1)

  • Topo Giggio colorado diz: 3 de março de 2016

    De que adianta uma reportagem incompleta destas,se não informam o nome e nem divulgam a foto do marginal,para que mais pessoas possam evitá-lo e posteriormente outras possam reconhecê-lo e assim a justiça seja feita.

Envie seu Comentário