Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Preso último suspeito envolvido na morte de universitária durante roubo de carro na Capital

14 de setembro de 2016 3
Universitária foi morta durante assalto na zona sul da Capita / Foto: Divulgação

Universitária foi morta durante assalto na zona sul da Capita / Foto: Divulgação

A Polícia Civil prendeu na manhã desta quarta-feira (14) o último de um total de quatro suspeitos da morte da universitária Sara Votto Tótaro, 22 anos. Ela foi assassinada na frente da família durante roubo de veículo no final de junho na Rua Gaurama, bairro Cavalhada, zona sul de Porto Alegre. Leandro Soares Santos, 30 anos, com antecedentes por porte de arma de fogo, se apresentou à polícia junto com um advogado.

Na última segunda-feira, também foi preso outro envolvido no crime: Bruno Alexandre Domingues Gurskas, 32 anos, também com antecedentes, mas no caso dele, por roubo. Além da dupla, dois adolescentes já haviam sido apreendidos, inclusive um é apontado por ser o responsável pelo disparo que matou a vítima. Os jovens têm 14 e 16 anos.

20874011

Investigação

A investigação é do delegado Luciano Coelho, titular da 13ª Delegacia de Polícia. Segundo ele, Santos confessou a participação no crime, mas apenas como motorista. Ele também confirmou o envolvimento dos outros três comparsas e ressaltou que o disparo da arma foi desferido por um dos adolescentes.

Em relação ao dia do crime, o delegado diz que Gurskas, preso na segunda-feira, teria discutido com o pai da vítima para levar a bolsa dela durante o roubo do veículo. Para a polícia, um dos adolescentes, ao entrar no carro, se deparou com Sara sem saber que ela ainda continuava no veículo e acabou disparando. Todas as testemunhas, como por exemplo, familiares de Sara, reconheceram os dois homens e os dois adolescentes. A vítima não reagiu e os bandidos fugiram sem levar o carro da família.

Bruno (esquerda) foi preso nesta manhã. Leandro (esquerda) segue sendo procurado pela Polícia Civil

Bruno (esquerda) foi preso segunda-feira. Leandro (direita) se apresentou hoje à Polícia Civil

Comentários (3)

  • Carlos Eduardo diz: 14 de setembro de 2016

    Quem perdoa é Deus… Então, promovam o encontro desses vagabundos com o Nosso Senhor…

  • Gi diz: 14 de setembro de 2016

    Corrigir: “Bruno (esquerda) foi preso segunda-feira. Leandro (esquerda) se apresentou hoje à Polícia Civil”.

    Ou o Bruno ou o Leandro está na foto da direita.

Envie seu Comentário