Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Polícia solicita transferência para presídio federal do líder da facção que planejou executar juíza

28 de novembro de 2016 0
Operação que prendeu traficantes e que deu origem ao plano de vingança dos criminosos, ocorreu em junho de 2015 / Foto: Cid Martins

Operação que prendeu traficantes e que deu origem ao plano de vingança dos criminosos, ocorreu em junho de 2015 / Foto: Cid Martins

A Polícia Civil está solicitando nesta segunda-feira (28) uma nova transferência de Vinícius Otto, apontado por ser líder de uma facção criminosa que planejou executar uma juíza, familiares dela e policiais da Região Metropolitana de Porto Alegre. Ele está na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc) e o objetivo é que ele seja encaminhado para um presídio federal. Segundo a investigação, o crime seria um vingança pelo fato de que 120 integrantes da quadrilha, que tem base em Gravataí, foram presos desde o ano passado (Operação Clivium).

O delegado Marco Antônio Duarte de Souza, da Divisão de Polícia Judiciária e de Operações, destaca que a medida é pelo simples fato de que, mesmo quando estava no Presídio Central, o suspeito elaborou o plano junto com outros 14 detentos. Apesar de um primeiro pedido de transferência para presídio federal, em abril deste ano, ter sido negado, a polícia conseguiu que Otto fosse encaminhado para a Pasc.

Investigação 

A quadrilha, que ficou conhecida também por ter o chamado “caveirão”, veículo blindado de forma artesanal e que era usado para confrontos e execuções, utilizou um PM do Vale do Taquari para obter informações dos alvos. O brigadiano está sendo investigado e responde processo administrativo na corporação. Em depoimento, ele confessou que forneceu a própria senha do sistema de segurança pública para criminosos.

Envie seu Comentário