Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Polícia investiga movimento armado que recrutou neonazistas gaúchos para lutar na Ucrânia

08 de dezembro de 2016 21
Movimento armado da Ucrânia enviou integrante ao RS para recrutar neonazistas / Foto: Divulgação Polícia

Movimento armado da Ucrânia enviou integrante ao RS para recrutar neonazistas / Foto: Divulgação Polícia

Cerca de 40 agentes cumpriram na manhã desta quinta-feira (8) oito mandados de busca em sete cidades gaúchas com o objetivo de abortar e desarticular ações de um movimento armado que fazia reuniões com neonazistas no Rio Grande do Sul. Até o momento, um suspeito foi preso, por porte ilegal de munição. Com ele, também foi apreendido vasto material com apologia ao nazismo.

Segundo o titular da 1ª Delegacia de Polícia de Porto Alegre, delegado Paulo César Jardim, há pelo menos dez meses um integrante italiano do chamado “Misanthropic Division“, grupo nacional socialista internacional e que já tem facção no Brasil, esteve em várias cidades do Estado recrutando jovens para lutar na guerra civil da Ucrânia.

A operação desta quinta-feira foi realizada em Cruz Alta, Caxias do Sul, Passo Fundo, Erechim, São Nicolau, Viamão e Canoas. A polícia apreendeu documentos, computadores e material de propaganda ideológica.

Foi confirmado pela investigação que o movimento armado é ligado ao “Batalhão Azov“, milícias neonazistas que estão em combate no leste europeu. Segundo o delegado Jardim, um integrante destes grupos esteve cooptando jovens gaúchos seguidores de Hitler.

Gaúcho na Ucrânia

“Eles ofereceram dinheiro e treinamento militar, estão fazendo isso no mundo inteiro e comprovamos que um porto-alegrense esteve lutando na Ucrânia após ser recrutado”, afirma Jardim.

O delegado investiga que pelo menos outros cinco também estiveram na Europa, mas ainda precisa de provas e por isso foi realizada a operação hoje. Houve, desde o início do ano, reuniões em Caxias, Passo Fundo, Canoas e Cruz Alta sobre recrutamento e ações de guerrilha. Jardim acredita que eles planejavam alguma ação em Porto Alegre, provavelmente contra judeus ou contra homossexuais. Por isso, entende que foi necessário realizar está operação preventiva.

Segundo a investigação, ainda está sendo apurado o valor pago para que os neonazistas gaúchos fossem para a Ucrânia. Já se sabe que o integrante do movimento armado saiu do país e a polícia não divulga nomes pelo fato da apuração continuar.

Movimento armado já tem células no Brasil / Foto: Divulgação Polícia

Movimento armado já tem células no Brasil / Foto: Divulgação Polícia

Neonazismo 

A 1ª Delegacia da Capital descobriu o plano porque monitora neonazistas há 15 anos no Rio Grande do Sul e, desta forma, conseguiu identificar a presença desta facção armada no estado. O chamado “Misanthropic Division“, vinculado ao grupo armado e neonazista “Batalhão Azov“, realizou dois ataques em janeiro deste ano contra um espaço de cultura em São Paulo. Além disso, investigação apontou que há 300 células nacionais socialistas no Brasil com páginas na Web.

No Rio Grande do Sul, considerado em 2013 como o segundo estado brasileiro que mais baixa da Internet conteúdo neonazista, já teve mais de 50 pessoas indiciadas em 25 inquéritos por este tipo de racismo. E 14 destas pessoas podem ir a julgamento por terem esfaqueado judeus no bairro Cidade Baixa em 2005. No momento, um recurso de dez réus está sendo analisado. Desde 2003, já foram registrados seis grandes atos neonazistas no Rio Grande do Sul, o mais recente na Capital, em 2012. Um estudo da Universidade de Campinas apontou que há no Sul do país cerca de 100 mil simpatizantes de Hitler, sendo que 42 mil são gaúchos. Em 2006, a Rádio Gaúcha divulgou série de reportagens sobre os chamados “Nazistas Sulinos” e em 2009, revelou o envolvimento de um neonazista gaúcho na morte de um casal no Paraná. Jovens estavam criando um novo grupo, a Neuland, para práticas racistas no Sul do Brasil.

Comentários (21)

  • Alex diz: 8 de dezembro de 2016

    “”Segundo o titular da 1ª Delegacia de Polícia de Porto Alegre, delegado Paulo César Jardim, há pelo menos dez meses um integrante italiano do chamado “Misanthropic Division“, grupo nacional socialista internacional e que já tem facção no Brasil, esteve em várias cidades do estado recrutando jovens para lutar na guerra civil da Ucrânia.””

    Pra que se meter? Íamos nos livrar dos pulhas e melhor, eles indo por vontade própria para a guerra. Olha a chance de se livrar dos trastes jogada fora. Vai fazer o que agora? Botar nos presídios que não tem lugar?

    É que nem guerra do tráfico: deixa as facções serem felizes se matando entre si.

  • celso diz: 8 de dezembro de 2016

    Eu acho que nesse caso, o Governo deveria pagar a passagem dos ditos “nazistas”, como forma de incentivo.

    Umas B8stas dessas não tem nenhum valor nem aqui e nem para os ucranianos

  • RAIO Q… diz: 8 de dezembro de 2016

    Não da pra entender é neonazista e socialista, quem realmente estudou história(que inclusive atual gov quer acabar) e não ESTÓRIA….

    sabe que a utilização de partidos sociais para ganhar eleições não fez de hitler um comunista, muito pelo contrário, nazismo é avesso ao comunismo/socialismo amigo do fascismo. Dessa forma a ignorância ou é pela falta de informação ou é dos próprios mesmo..

  • Marco diz: 8 de dezembro de 2016

    E aí Globo/RBS apoiadores da euromaidan ? Não era um movimentop democrático contra a ditadura pró-Rússia ? O repórter pçau mandado da Globonews chegou ao cúmulo de dizer que os nazistas da Ucrânia eram apenas minoria iguais as que existem nos demais países da europa e que não tinham a menor influência no novo governo pós euromaidan.

  • Kasa diz: 8 de dezembro de 2016

    Concordo com o Alex, deixa os caras irem para fora do Brasil, não vão fazer falta nenhuma, aliás, será um alívio, já tem idiota demais no nosso país.

  • Carlos Bonetti diz: 8 de dezembro de 2016

    Qual a diferença entre essa gente e a que apoia Lula, Aécio, Renan, a que faz “acordão” judicial e a que comanda a maior farsa nacional de caça aos corruptos?

  • Raphael Fontoura diz: 8 de dezembro de 2016

    Nazistas da Ucrânia? Soh pode ser um esquerdinha cego apoiador das políticas imperialistas do Putin, o povo ucraniano tem colhões que esse povo passivo daqui nem consegue compreender, defender a sua terra da influência russa e exigir dos seus políticos uma aproximação do bloco europeu eh nazismo em que lugar? Obviamente que dentre o grande número de batalhões voluntários vão existir alguns de ideologias questionáveis, mas isso não pode ser usado pra sujar o movimento corajoso que foi a euromaidan e que está sendo a luta contra o imperialismo de Putin e suas intenções de criar uma nova união soviética… SLAVA UKRAINE

  • Junio diz: 8 de dezembro de 2016

    BOLSONARO 2018 ACABARÁ COM ESSA CHINELAGEM

  • Junio diz: 8 de dezembro de 2016

    NÃO O CRITIQUEM SEM PELO MENOS OUVIR UMA VEZ O QUE ELE TEM A DIZER, CONFESSO QUE O ACHAVA MUITO “MALUCO” MAS ELE É SÓ MAIS UM INDIGNADO COMO TODOS NÓS BRASILEIROS

  • Lucas, Nacionalista diz: 9 de dezembro de 2016

    Apreenderam até cervejas neonazistas, como podemos ver na foto de número 4, evidenciando que um método de recrutamento era o pagamento de cervejas.

  • fernando diz: 12 de dezembro de 2016

    teve uma ANTA !QUE DISSE PARA VOTAR NO BOLSONARO ,SUA ANTA !OS NEONAZISTAS DO BRASIL ABERTAMENTE APOIAM ELE ,FIZERAM ATÉ PASSEATA A FAVOR DELE! LIXO BURRO,SE VOCE NÃO GOSTA DE NEONAZISTAS,NÃO VOTEM NO BOLSONARO!ELE DISSE QUE NÃO VER PROBLEMA NENHUM NEONAZISTAS APOIAREM ELE!

  • ulysses freire da paz jr diz: 9 de fevereiro de 2017
  • ulysses freire da paz jr diz: 10 de fevereiro de 2017

    „Es gibt viele Arten zu töten. Man kann einem ein Messer in den Bauch stechen, einem das Brot entziehen, einen von einer Krankheit nicht heilen, einen in eine schlechte Wohnung stecken, einen durch Arbeit zu Tode schinden, einen zum Suizid treiben, einen in den Krieg führen usw. Nur weniges davon ist in unserem Staat verboten.

    HÁ MUITAS MANEIRAS DE SE SUBTRAIR A VIDA DE ALGUÉM: SEJA POR UMA FACADA ABDOMINAL, DESPROVER-LHE O PÃO, PRIVAR-LHE DE TRATAMENTO MÉDICO, HABITAÇÃO, SUBMETER-LHE A UM TRABALHO ESPOLIANTE, INDUZIR-LHE AO SUICÍDIO, ENVIÁ-LO À GUERRA ETC… APENAS ALGUMAS DELAS AINDA SÃO (aparentemente) PROIBIDAS. Bertolt Brecht – 1898-1956 dramaturgo alemão

    http://www.blogdotoninho.com.br/2016/12/30/morte-de-kyriakos-amiridis/

    As principais raízes da ‘árvore’ conhecida como ‘Capitalismo’ foram a PIRATARIA, ESCRAVIDÃO, e a PILHAGEM COLONIAL. Para se garantir ainda elaborou um clone de si: o COMUNISMO.

    https://pt.scribd.com/doc/75948728/Luis-Maschalko-Os-Conquistadores-Do-Mundo-Os-verdadeiros-criminosos-de-guerra

    “Para a cultura Guarani”, conforme registra Pierre Clastres em SOCIEDADE CONTRA O ESTADO, http://tupi.fflch.usp.br/sites/tupi.fflch.usp.br/files/A%20sociedade%20contra%20o%20Estado.pdf “não é mais possível a procura da Terra sem Mal. E esse pensamento selvagem, que quase cega por tanta luz, nos diz que o lugar de nascimento do Mal, da fonte da infelicidade, é o UM. Conscientes que o UM é o mal, eles diziam de aldeia em aldeia, e as pessoas os seguiam na procura do Bem – na busca do não UM. É por isso que acreditamos poder revelar, sob a equação metafísica que iguala o Mal ao UM , uma outra equação mais secreta, e de ordem política, que diz que o UM é o Estado.

    O Estado, é instrumento que permite à classe dominante exercer sua dominação violenta sobre as classes dominadas A sociedade primitiva sabe, por natureza, que A VIOLÊNCIA É A ESSÊNCIA DO PODER. Nesse saber se enraíza a preocupação de MANTER CONSTANTEMENTE AFASTADO um do outro do poder e a instituição, o comando e o chefe. E é o campo mesmo da palavra que assegura a demarcação e traça a linha divisória.

    Forçando o chefe a mover-se somente no elemento da palavra, isto é, no extremo oposto da violência, a tribo SE ASSEGURA de que todas as coisas permanecem em seu lugar, DE QUE O EIXO DO PODER RECAIA SOBRE O CORPO EXCLUSIVO DA SOCIEDADE e que nenhum deslocamento das forças virá conturbar a ordem social. O DEVER de palavra DO CHEFE, esse fluxo constante de palavra vazia que ele deve à tribo, é a sua dívida infinita, a garantia que proíbe que o homem de palavra se torne homem de poder.

    TUDO SE DESSARRUMA, por conseguinte, QUANDO A ATIVIDADE DE PRODUÇÃO SE AFASTA DE SEU OBJETIVO INICIAL, QUANDO, EM VEZ DE PRODUZIR APENAS PARA SI MESMO, O HOMEM PRIMITIVO PRODUZ TAMBÉM PARA OS OUTROS, sem troca e sem reciprocidade. Só então pode-se falar em trabalho: quando a regra igualitária de troca deixa de constituir o CÓDIGO CIVÍL da sociedade, quando a atividade de produção visa a satisfazer a necessidade dos outros, QUANDO A REGRA DE TROCA É SUBSTITUÍDA PELO TERROR DA DÍVIDA.

    Para que haja o aparecimento do estado, é necessário pois, que exista antes – DIVISÃO DA SOCIEDADE EM CLASSES SOCIAIS ANTAGÔNICAS, LIGADAS ENTRE SI POR RELAÇÃO DE EXPLORAÇÃO. Por conseguinte, a estrutura da sociedade – a divisão em classes – deveria preceder a emergência da máquina estatal. Observa-se a fragilidade dessa concepção meramente instrumental do Estado. Se a sociedade é organizada por opressores capazes de explorar os oprimidos, é que essa CAPACIDADE DE IMPOR A ALIENAÇÃO repousa sobre o uso de uma força, isto é, sobre o que faz da própria substância do Estado “MONOPÓLIO DA VIOLÊNCIA FÍSICA LEGÍTIMA”.

    A que necessidade responderia desde então a existência de um Estado, uma vez que sua essência – A VIOLÊNCIA – é imanente à DIVISÃO DA SOCIEDADE, já que é, nesse sentido, dada antecipadamente na opressão exercida por um grupo social sobre os outros?

    As sociedades primitivas são sociedades sem Estado porque, nelas o Estado é impossível. A história dos povos que têm uma história é, dir-se-á história da luta de classes. A história dos povos sem história é, dir-se-á com ao menos tanta verdade, a história da sua luta contra o Estado….” –

    O ESTADO COMUNISTA

    https://pp.vk.me/c836424/v836424892/19ed7/BuJRAAlMYeY.jpg

  • ulysses freire da paz jr diz: 11 de março de 2017

    https://pp.vk.me/c637825/v637825892/184cc/7wg8-vPrSWM.jpg

    “Es ist aber nicht das Ziel des Bolschewismus, die Völker von dem Krankhaften zu befreien, sondern im Gegenteil das Gesunde, ja das Gesündeste auszurotten und das Verkommenste an seine Stelle zu setzen.” O objetivo bolchevista não visa libertar o povo da insanidade, porém, ao contrário do que é saudável, sim exterminar o mais saudável e substituí-lo pelo degenerado.

    http://www.rense.com/general32/americ.htm

    “Ich kann nicht mit einer Weltanschauung paktieren, die überall als erste Tat bei ihrer Machtübernahme zunächst nicht die Befreiung des arbeitenden Volkes, sondern die Befreiung des in den Zuchthäusern konzentrierten asozialen Abschaums der Menschen durchführt, um dann diese Tiere loszulassen auf die verängstigte und fassungslos gewordene Mitwelt.”

    https://pp.vk.me/c626516/v626516892/447fb/VORHeIJHtkE.jpg

    “Não posso transigir com uma concepção de mundo [o BOLCHEVISMO] que, em toda parte onde alcança o poder, trata logo de libertar, NÃO os trabalhadores, mas a escória da humanidade, o elemento anti-social concentrado nas prisões – e soltar estas bestas selvagens no mundo impotente e aterrado que os rodeia…”

    https://verbotenesarchiv.files.wordpress.com/2015/04/sex-grooming-uk-1.jpg?w=642

    “Denn das ist der Unterschied zwischen der bolschewistischen und der nationalsozialistischen Revolution: die eine verwandelt blühende Länder in grauenvolle Ruinenfelder, und die andere ein zerstörtes und verelendetes Reich wieder in einen gesunden Staat und in eine blühende Wirtschaft. ”

    https://verbotenesarchiv.files.wordpress.com/2016/04/treeofjudaism.png

    Esta é então a diferença entre a Revolução Bolchevista e a Nacional Socialista: “O Bolchevismo converte campos florescentes em sinistros montões de ruínas; o Nacional-Socialismo transforma um regime de miséria e destruição num Estado sadio, de próspera vida econômica…” . Discurso de Hitler a 14 de setembro de 1936 em Nüremnerg

    https://i2.wp.com/trutzgauer-bote.info/wp-content/uploads/2015/08/Z_N.jpg

    https://lh6.googleusercontent.com/-_SA3gCqwEi0/Uz79_5mYknI/AAAAAAAA5Yw/9yskYDLRGSA/s640/blogger-image–1562049166.jpg QUANDO NINGUÉM MAIS BUSCAR e DIFUNDIR A VERDADE ENTÃO TUDO O MAIS NA TERRA ESTARÁ DEGENERADO, POIS SOMENTE DA VERDADE DECORREM A JUSTIÇA, A PAZ E A VIDA.

  • ulysses freire da paz jr diz: 12 de março de 2017
  • ulysses freire da paz jr diz: 13 de março de 2017

    „Tatsachen schafft man nicht dadurch aus der Welt, dass man sie ignoriert.“ Os fatos não se extirpam do mundo só porque se os ignora. (Aldous Huxley – engl. Schriftsteller, escritor inglês – 1894-1963)

    Leituras pertinentes

    http://fab29-palavralivre.blogspot.com.br/2015/09/6-milhoes-de-judeus-desde-quando.html

    http://osentinela-blog.blogspot.com.br/2015/07/benjamin-freedman-um-judeu-expondo.html

    http://osentinela-blog.blogspot.com.br/2016/01/fascismo-e-leis-trabalhistas.html

    http://inacreditavel.com.br/wp/destruicao-economica-e-social/

    http://nazismo-verdades-e-mentiras.blogspot.com.br/2014/09/porque-os-eua-capitalistas-se-aliaram.html

    http://omarxismocultural.blogspot.com.br/2014/10/a-conspiracao-e-corrupcao-da-escola-de.html

    http://omarxismocultural.blogspot.com.br/2014/01/o-grandioso-plano-de-antonio-gramsci.html

    http://4.bp.blogspot.com/-5eavkVYWENk/VFP6TxycSyI/AAAAAAAADF0/qzZfrzfGsqw/s1600/COMUNISMO%2BGRAMSCI%2BHEGEMONIA.jpg

    https://pp.vk.me/c637825/v637825892/184cc/7wg8-vPrSWM.jpg

    https://quenosocultan.wordpress.com/2014/06/14/adolf-hitler-hombre-de-paz/

    http://inacreditavel.com.br/wp/hitler-vende/

    Knut Hamsun, Nobel de Literatura de 1920, no jornal norueguês AFTENPOST em 07.05.1945, selou o legado que lhe conferiu o Nobel literário com exemplo de lucidez e destemor ao imperialismo midiático em sua concisão: „Ich bin es nicht wert, von Adolf Hitler laut zu sprechen und sein Leben und sein Tun lädt auch nicht zu sentimentaler Rührung ein. Er war ein Krieger, ein Krieger für die Menschheit und ein Verkünder des Evangeliums vom Recht für alle Völker. Er war eine reformatorische Gestalt von höchstem Rang und sein historisches Schicksal war es, in einer Zeit beispielloser Roheit wirken zu müssen, der er schließlich zum Opfer fiel. So darf jeder Westeuropäer Adolf Hitler sehen, wir jedoch, seine Anhänger, verneigen unser Haupt vor seinem Tod.“

    “EU NÃO SOU DIGNO DE FALAR EM VOZ ALTA DE ADOLF HITLER E FAZÊ-LO NÃO É NENHUM ESTÍMULO SENTIMENTAL PARA MIM. ELE FORA UM COMBATENTE, UM COMBATENTE PELA HUMANIDADE E UM EVANGELIZADOR DO DIREITO DE TODOS OS POVOS. ELE FORA UMA FIGURA REFORMADORA DO MAIS ALTO NÍVEL E SEU DESTINO HISTÓRICO FOI A NECESSIDADE DE AGIR EM UMA ÉPOCA DE BESTIALIDADES SEM PRECEDENTES, DA QUAL SE TORNOU VÍTIMA.”

    http://www.stuttmann-karikaturen.de/ergebnis/3365
    Se me engraxam bem a mão, combato também a corrupção

  • ulysses freire da paz jr diz: 21 de março de 2017

    Mateus 7:16 “PELOS SEUS FRUTOS OS CONHECEREIS” https://pbs.twimg.com/media/ChTX9a9XEAAC5m0.jpg =
    https://www.youtube.com/watch?v=bpvYMat7VUw = https://verbotenesarchiv.files.wordpress.com/2015/04/sex-grooming-uk-1.jpg

    http://2.bp.blogspot.com/-viq8ZN1ip30/U_ozgxI3mVI/AAAAAAAAQuE/uJQ_suzbq08/s1600/1aaaManis1.jpg
    A história é testemunha que JAMAIS se REGISTROU uma EXPRESSÃO SIMILAR oriunda de HITLER ou de UM NACIONAL SOCIALISTA .

    http://www.youtube.com/watch?v=_K9uldSeqpI HITLER defendeu a família, https://www.dhm.de/fileadmin/medien/lemo/images/pli14584.jpg o patriotismo, as soberanias, o Cristianismo, COMBATEU o comunismo a agiotagem e a usurocracia http://www.geh.com.br/artigos/ezra.html fomentados por aqueles que comprovadamente guerreiam contra a espécie humana http://i1.wp.com/www.wehuntedthemammoth.com/wp-content/uploads/2015/01/cultural_marxism.jpg

  • ulysses freire da paz jr diz: 9 de abril de 2017

    Sprach einst ein Atheist: DIZIA UM ATEÍSTA
    0 armer Christ, wie du betrogen bist, SER CRISTÃO É UMA ILUSÃO
    wenn der Himmel eine Fabel ist. SÓ QUEM NÃO TEM JUÍZO CRÊ NO PARAÍSO
    Sprach darauf der Christ: ENTÃO APONTA O CRISTÃO
    0 armer Atheist, wie du betrogen bist, POBRE ATEU, O PIOR MAL
    wenn die Hölle keine Fabel ist. É DESCOBRIR QUE O INFERNO É REAL.

    A verdade é Cristã, a mentira – Arimã. https://pt.wikipedia.org/wiki/Arim%C3%A3

    A PAZ, a JUSTIÇA, e a VIDA são tuteladas pela verdade, enquanto a guerra, o opróbrio e a barbárie originam-se da mentira. Em qual contexto o mundo se encontra atualmente? http://beforeitsnews.com/contributor/upload/10690/images/BGJMcttCAAAV-J2_jpg-large.jpeg

    A verdade está em DEUS, a mentira em Asmodeus. https://i2.wp.com/trutzgauer-bote.info/wp-content/uploads/2015/08/Z_N.jpg

    A história corrompida pereniza a corrupção, solapa a ordem social, a família e a vida, mas a verdade cura, liberta e pacifica.

    https://quenosocultan.wordpress.com/2016/04/20/adolf-hitler-un-paladin-para-toda-la-humanidad/

    “You must understand. The leading Bolsheviks who took over
    Russia were not Russians. They hated Russians. They hated
    Christians. Driven by ethnic hatred they tortured slaughtered
    millions of Russians without a shred of human remorse.
    The October Revolution was not what you call in America the
    ‘Russian Revolution.’

    It was an invasion and conquest over the Russian people.
    More of my countrymen suffered horrific crimes at their
    bloodstained hands than any people or nation ever suffered in the
    entirety of human history.

    It cannot be understated. Bolshevism was the greatest human
    slaughter of all time.

    The fact that most of the world is ignorant of this reality is
    proof that the global media itself is in the hands of the
    perpetrators.” — Aleksandr Solzhenitsyn

    These were startling words, spoken to me by the famous Russian writer and philosopher Aleksandr Solzhenitsyn when I had the privilege of meeting him in Moscow in 2002. His words dramatically brought home to me the fact that most of the people of the world still do not know about or understand the tribal entity which created and drove the Communist juggernaut that took over Russia—as well as the other atrocities of Marxism that plagued many other places — for much of the twentieth century.

    For so many people, even for some of those who have studied the “Russian Revolution” in history courses in universities around the world, this is “THE SECRET BEHIND COMMUNISM.” This secret, even though plain to see if one just looks closely, is rarely spoken about in either the mainstream press or in mainstream academia.

    https://quenosocultan.files.wordpress.com/2015/04/11074387_1643987025831871_4608421719695445478_n.jpg?w=645 (Mira la máscara del “liberador”)

    http://mordant-truth.weebly.com/hilter-monetary-system-real-cause-of-ww2.html

    https://quenosocultan.files.wordpress.com/2015/04/11150505_1580069632282263_502942548495454849_n.jpg?w=645

    http://editorial-streicher.blogspot.de/2013/04/salvador-borrego-sobre-la-economia.html

    http://www.theoccidentalobserver.net/2015/12/the-assault-on-gender-and-the-family-jewish-sexology-and-the-legacy-of-the-frankfurt-school-part-one/

    http://www.angelfire.com/rebellion2/goyim/je1.pdf

    https://www.youtube.com/watch?v=U54lzwwtetY Speech Adolf Hitler A Satanic Power

    https://quenosocultan.files.wordpress.com/2015/06/10422591_1604296026521589_1905111929359986718_n.jpg?w=645 Hitler was against the communist and Jewish capitalistic banking system. He was abominated for his audacious crime – and it is undoubtedly true. That cause the world to see WORLD WAR 2. https://i1.wp.com/www.fotos-hochladen.net/uploads/jones16iqypob9e.gif

    http://www.ihr.org/other/economyhitler2011.html

    https://mywakenews.files.wordpress.com/2017/01/moshe-schulz-14-02-2016.jpg

    Gustavo Barroso, https://desatracado.blogspot.com.br/2014/06/livros-raros-de-gustavo-barroso.html ex presidente da Academia Brasileira de Letras, aponta em seu livro JUDAÍSMO, MAÇONARIA e COMUNISMO, pg 10 – “ que o que traz o mundo nos sobressaltos contínuos atuais, minado pelo revolucionarismo e pelo terrorismo, é justamente o racismo judaico. O judeu não se mistura com outros povos, mantém secularmente a pureza de sua raça, e, dentro de outras nações, alicerçado nesse racismo, conserva sua nacionalidade, feito um Estado dentro do Estado. DOMINANDO A IMPRENSA E AS ORGANIZAÇÕES DE PROPAGANDA, SUGESTIONANDO E SUGERINDO, QUANDO NÃO PODEM DAR ORDENS, INTERVINDO NA VIDA FINANCEIRA, NO COMÉRCIO E NA INDUSTRIA, NÃO SE NACIONALIZAM E NÃO SE IDENTIFICAM COM OS INTERESSES NACIONAIS, CUIDANDO SOMENTE DOS DELES. ASSIM, A DESORDEM QUE FOMENTAM EM TODOS OS ÂMBITOS SÓ LHES PODE SER PROVEITOSA, PORQUE A ANARQUÍA DOS POVOS ENTRE OS QUAIS ACAMPAM É O SEU ELEMENTO DE VIDA.

    Ao leitor de mais esta obra editada pela Revisão Editora Ltda. cabe um esclarecimento preliminar, e isto porque as versões conflitantes fazem parte de todas as histórias de guerras. Por anos a fio, após cada conflito bélico, a dúvida persiste por diversos motivos. Em primeiro lugar, no que concerne às guerras, os fatos são extremamente complexos e, em grande parte, secretos. Cabe ao historiador que se preza dispor de uma informação muito completa, recolhida dos arquivos e fontes das duas bandas digladiantes, para que possa chegar o mais próximo possível da verdade. Hoje, quando as potências Aliadas – vencidos os prazos de sigilo documental –, começam a abrir seus arquivos e divulgar a papelada “ultrassecreta”, as luzes se acendem e as lendas cuidadosamente construídas ao longo de meio século, começam a perder crédito. Mas não é fácil destruir o que foi laboriosa e sistematicamente cimentado através de livros, revistas, jornais, cinema e televisão. A História comprometida com a “verdade conveniente” fez a cabeça das pessoas contemporâneas à Segunda Guerra Mundial, a de seus filhos e netos.
    O primeiro ponto controvertido refere-se à origem, às causas imediatas e à RESPONSABILIDADE pela ECLOSÃO DAS GUERRAS.

    Persiste aqui, ainda hoje, uma dúvida crucial a desafiar os estudiosos desse fenômeno que esteve sempre presente ao desenvolvimento histórico da humanidade: as guerras dependem inteiramente da vontade dos homens, ou resultam de conjunturas sociológicas que as tornam inevitáveis? Sejam quais forem as causas imediatas, restava saber com respeito à Segunda Guerra Mundial por que motivo milhões de habitantes dos cinco continentes se lançaram uns contra os outros.

    QUE FORÇAS PSICOLÓGICAS ENCADEARAM TAMANHO SACRIFÍCIO DE VIDAS? http://beforeitsnews.com/contributor/upload/10690/images/BGJMcttCAAAV-J2_jpg-large.jpeg

    QUEM URDIU AS TEIAS DA HECATOMBE, arrastando três quartas-partes do globo terrestre a engalfinhar-se numa luta sem tréguas, cujo fruto foi o inútil sacrifício de dezenas de milhões de pessoas, a destruição da economia de muitos países, o surgimento da Guerra Fria, a montagem do arsenal nuclear, o sinistro advento da possibilidade material do homem provocar o Armagedon apocalíptico, destruindo todas as formas de vida existentes no planeta? https://www.davidduke.com/mp3/TheSecretBehindCommunismIntro.pdf

    Bem antes do desenrolar desses terríveis acontecimentos, muitos autores denunciaram a trama diabólica urdida contra a humanidade, identificando o foco irradiador da conspiração. Como em várias dezenas de oportunidades anteriores, os artífices do PLANO MILENAR DE CONQUISTA DO MUNDO conseguiram calar a voz dos opositores, PASSANDO POR VÍTIMAS, por “bodes expiatórios”, transferindo para seus críticos a reprovação dos “inocentes úteis”, MANOBRADOS PELO PODER INCONTESTE DA MÍDIA.

    Nada foi capaz de evitar a guerra porque, DESDE O SUCESSO DA REVOLUÇÃO DE 1917, vitoriosa na Rússia, ideologicamente URDIDA E MATERIALMENTE CONCRETIZADA POR AGENTES JUDAICO-SIONISTAS, os artífices do BOLCHEVISMO SOVIÉTICO, maravilhados pelos resultados da utopia marxista-leninista-stalinista, estavam convictos de que o mundo inteiro, como em queda de pedras de dominó, seria, a curto prazo, tragado pela maré vermelha. O ÚNICO IMPEDIMENTO QUE SE ANTEPUNHA A ESTE OBJETIVO SURGIU EM 30 DE JANEIRO DE 1933, DATA EM QUE ADOLF HITLER FOI NOMEADO CHANCELER DO REICH ALEMÃO E, CONSEQUENTEMENTE, O NACIONAL SOCIALISMO – IDEOLOGIA OPOSTA AO MARXISMO E AO CAPITALISMO, SUBIU AO PODER NA ALEMANHA.

    “Mögen die um uns wohnenden Völker begreifen, daß sie dann, wenn von ihnen selbst die deutsche Unabhängigkeit, Freiheit und Ehre respektiert wird, keinen wärmeren Freund finden können als das nationalsozialistische Dritte Reich. Adolf Hitler 14.09.1936 QUEIRAM COMPREENDER AQUELES QUE NOS RODEIAM, ENQUANTO A INDEPENDÊNCIA, LIBERDADE E HONRA DO POVO ALEMÃO FOR RESPEITADA, NÃO HAVERÁ AMIGO MAIS FIEL E CALOROSO QUE O NACIONAL SOCIALISMO DO TERCEIRO REICH. Adolf Hitler 14.09.1936

    https://lupocattivoblog.files.wordpress.com/2016/01/gen-patton-die-deutschen-sind-das-einzige-anstc3a4ndige-volk-in-europa.jpg?w=642 OS ALEMÃES SÃO O POVO MAIS DECENTE DA EUROPA.

    Möge aber auch jener Bolschewismus, von dem wir vor wenigen Monaten erfahren haben, daß er seine Armee aufzurüsten die Absicht hat, um einer Revolution, wenn notwendig, mit Gewalt das Tor in anderen Völkern zu öffnen, möge dieser Bolschewismus wissen, daß vor dem deutschen Tore die neue deutsche Armee steht. QUEIRAM IGUALMENTE AQUELES BOLCHEVISTAS, DOS QUAIS SOUBEMOS A POUCO, QUE PRETENDEM ARMAR-SE PARA PROMOVER UMA REVOLUÇÃO EM OUTROS PAÍSES, SANGRENTA SE NECESSÁRIO, SAIBAM TAIS BOLCHEVISTAS QUE ÀS PORTAS DA NAÇÃO ENCONTRA-SE UM NOVO EXÉRCITO. Adolf Hitler 14.09.1936

    Ich kämpfe hier nicht für mich. Ich bin nur ein Kämpfer unseres Volkes für seine Zukunft, für unser liebes Vaterland, für unsere deutschen Menschen und besonders für unsere Jugend, für unsere Kinder. EU NÃO LUTO POR MIM. EU SOU APENAS UM COMBATENTE PELO NOSSO POVO SEU FUTURO, PELA NOSSA QUERIDA PÁTRIA, PELA NOSSA FAMÍLIA ALEMÃ E ESPECIALMENTE PELA NOSSA JUVENTUDE E NOSSAS CRIANÇAS. Adolf Hitler 14.09.1936

    “Es ist aber nicht das Ziel des Bolschewismus, die Völker von dem Krankhaften zu befreien, sondern im Gegenteil das Gesunde, ja das Gesündeste auszurotten und das Verkommenste an seine Stelle zu setzen.” O objetivo bolchevista não visa libertar o povo da insanidade, porém, ao contrário do que é saudável, sim exterminar o mais saudável e substituí-lo pelo degenerado. Adolf Hitler 14.09.1936

    - “Ich kann nicht mit einer Weltanschauung paktieren, die überall als erste Tat bei ihrer Machtübernahme zunächst nicht die Befreiung des arbeitenden Volkes, sondern die Befreiung des in den Zuchthäusern konzentrierten asozialen Abschaums der Menschen durchführt, um dann diese Tiere loszulassen auf die verängstigte und fassungslos gewordene Mitwelt.” NÃO POSSO TRANSIGIR COM UMA CONCEPÇÃO DE MUNDO [o bolchevismo] file:///C:/Users/Dell/Documents/TheSecretBehindCommunismIntro.pdf QUE, EM TODA PARTE ONDE ALCANÇA O PODER , TRATA LOGO DE LIBERTAR, NÃO OS TRABALHADORES, MAS A ESCÓRIA DA HUMANIDADE, O ELEMENTO ANTISOCIAL CONCENTRADO NAS PRISÕES – E SOLTAR ESSAS BESTAS SELVAGENS NO MUNDO IMPOTENTE E ATERRORIZADO QUE OS RODEIA… Adolf Hitler 14.09.1936

    “Denn das ist der Unterschied zwischen der bolschewistischen und der nationalsozialistischen Revolution: die eine verwandelt blühende Länder in grauenvolle Ruinenfelder, und die andere ein zerstörtes und verelendetes Reich wieder in einen gesunden Staat und in eine blühende Wirtschaft. ” ENTÃO, É ESSA A DIFERENÇA ENTRE A REVOLUÇÃO BOLCHEVISTA E O NACIONAL SOCIALISMO ALEMÃO: https://i2.wp.com/trutzgauer-bote.info/wp-content/uploads/2015/08/Z_N.jpg O BOLCHEVISMO CONVERTE CAMPOS FLORESCENTES EM SINISTROS MONTÕES DE RUÍNAS – O NACINAL SOCIALISMO TRANSFORMA UM REGIME DE MISÉRIA E DESTRUIÇÃO, EM UM ESTADO SADIO, DE PRÓSPERA VIDA ECONÔMICA” Adolf Hitler 14.09.1936
    https://demstuermer.files.wordpress.com/2015/06/things-jews-say-7.jpeg

    Diese Gefahr sehe ich, http://www.rense.com/general32/americ.htm und ich gehöre nicht zu denen, die nun davor ohnmächtig werdend die Augen schließen und sie dann nicht mehr wahrhaben wollen. ESTA AMEAÇA EU ANTEVEJO, E EU NÃO SOU DAQUELES QUE, ATÔNITOS, FECHAM OS OLHOS PARA EVITAR O PIOR.Adolf Hitler 14.09.1936
    https://i2.wp.com/www.espritsciencemetaphysiques.com/wp-content/uploads/2015/02/truth-quote-nietzsche1.jpg

    Wehe dem, der nicht glaubt! Adolf Hitler 14.09.1936 https://i0.wp.com/2.bp.blogspot.com/-viq8ZN1ip30/U_ozgxI3mVI/AAAAAAAAQuE/uJQ_suzbq08/s1600/1aaaManis1.jpg

    siehe dann: (Johannes 20:29 ) AI, DAQUELE, QUE NÃO CRÊ! Confira então https://www.bibliaonline.com.br/acf/jo/20/29

    https://lh6.googleusercontent.com/-_SA3gCqwEi0/Uz79_5mYknI/AAAAAAAA5Yw/9yskYDLRGSA/s640/blogger-image–1562049166.jpg QUANDO NINGUÉM MAIS BUSCAR e DIFUNDIR A VERDADE ENTÃO TUDO O MAIS NA TERRA ESTARÁ DEGENERADO, POIS SOMENTE DA VERDADE DECORREM A JUSTIÇA, A PAZ E A VIDA. http://vho.org/aaargh/fran/livres9/BORREGOdermund.pdf

    Fonte https://plus.google.com/117780186646962901957/posts/HhtW4EzADeg

  • ulysses freire da paz jr diz: 12 de abril de 2017

    “As falácias sobre o ressurgimento do nazismo, freqüentemente veiculadas por jornais, revistas e televisão, outra finalidade não têm senão desviar a atenção dos incautos sobre os verdadeiros genocídios perpetrados no decorrer deste século, e, sobretudo, salvaguardar a identidade de seus autores.

    http://osentinela-blog.blogspot.com.es/2015/06/troglitz-midia-mentirosa-e-seus.html

    Os exemplos de como agem os “formadores de opinião pública” são inúmeros, e estão ao alcance de todo o indivíduo perspicaz. A indústria cinematográfica é perita no mister do ludíbrio. Pelo menos 90% dos serial-killers usam suásticas, símbolos nazistas, ou então, trazem pendurados no pescoço correntinhas com crucifixos (o Cristianismo é um dos alvos preferenciais dos filmes “made in Hollywood”). Em “Stalin”, superprodução húngaro-americana, dirigida por Ivan Passer, o Homem de Aço aparece como carrasco dos judeus. Vários líderes, políticos e intelectuais judeus são assassinados a mando de Stalin. O filme não elucida uma particularidade: por trás da ordem de matar, ou mesmo segurando o fuzil assassino, estão Dezerzhinsky, Beria, Latsis ou outro judeu dentre as centenas que integravam a Cheka e a KGB.
    Este livro denuncia o grande genocídio do corrente século e identifica seus verdadeiros autores. Oliveira não externa uma opinião, não traz a público o fruto de uma idiossincrasia, de uma predisposição contra os “bodes expiatórios”, eleitos gratuita e injustamente, como alvos preferenciais dos nazistas, neonazistas e/ou antissemitas.

    Em 1936, Mussolini havia consolidado o fascismo na Itália, e Hitler, o nacional socialismo, na Alemanha. Stalin, o inimigo natural do fascismo e do nazismo, escolheu a Espanha como alvo de contra-ataque na Europa Ocidental. A Espanha – entende Paul Johnson (“Tempos Modernos”, p. 269) – “era arredia, autocontida, xenófoba, o país europeu mais resistente ao princípio holístico, seja de direita ou esquerda, à engenharia social e à moralidade relativa”. O PROCESSO INFECCIOSO ENTROU ATRAVÉS DO PARTIDO SOCIALISTA (PSOE) e depois se espalhou. Como disse Salvador de Madariaga (“Spain: a Modern History”, p. 455), “o que fez a Guerra Civil Espanhola inevitável foi a “guerra civil dentro do Partido Socialista”… O líder sindical Francisco Largo Caballero, operava dentro da tradição republicana espanhola, jamais procuraria modelos no exterior. Mas contra as ideias nacionalistas de Caballero VIERAM, IMPORTADAS DA RÚSSIA COMUNISTA, SEMENTES DA ULTRA ESQUERDA, TRAZIDAS POR AGENTES JUDAICOS-BOLCHEVISTAS.”

    https://archive.org/details/barroso_judaismo_maconaria_comunismo

    Em 1931, depois de uma PROFUNDA INFILTRAÇÃO MAÇÔNICA, O COMUNISMO COMEÇOU A DAR ARES DA GRAÇA na Espanha. No dia 11 de maio de 1931, VÁRIOS ATOS TERRORISTAS FORAM REALIZADOS CONTRA AS IGREJAS DAS PRINCIPAIS CIDADES. https://pbs.twimg.com/media/CoW7wlcWEAAKMiN.jpg

    Em 1933, Caballero acaba celebrando um pacto com o embaixador soviético – O JUDEU ROSEMBERG– e admite a introdução de agentes mandados pelo Kremlin. Em sua totalidade, são JUDEUS : Ilya Ehrenburg, Primakoff, Goreff Rose, Sko-blewski, Aralink Tupoliew, Vladimir Bischtzki, J. Artadel, Bela Kuhn (o carrasco da Hungria), Antonow Ovejenko, Moisés Rosenberg, Leo Jacobson, Keikin, Kolzow Ginzburg Friedlander, Miratvilles, Stilermann, Samuel Fratkin, Shapiro e outros. Enquanto esses agentes se encarregam da doutrinação ideológica e da PREPARAÇÃO DE ATOS TERRORISTAS E ORGANIZAÇÃO DAS MILÍCIAS REVOLUCIONÁRIAS, outros JUDEUS se encarregam de adquirir armas no estrangeiro: Lourje Fuchs, Adler, Zibrowki, Merkas e Wall. Enquanto isso, o judeu francês Léon Blum facilitava o contrabando de armas pela fronteira dos dois países.

    https://archive.org/details/barroso_judaismo_maconaria_comunismo OUTRO GRANDE ALIADO DOS COMUNISTAS ESPANHÓIS FOI A MAÇONARIA. Coube a seus agentes a infiltração nas Forças Armadas (principalmente no Exército), onde os esforços se concentraram na PREGAÇÃO DA QUEBRA DE DISCIPLINA E NA DESOBEDIÊNCIA HIERÁRQUICA. A conjura tomou corpo e EM MAIO DE 1936 JÁ HAVIAM SIDO INCENDIADAS MAIS DE UMA CENTENA DE IGREJAS, 69 CLUBES E 10 REDAÇÕES DE JORNAIS. CERCA DE 270 PESSOAS TINHAM SIDO ASSASSINADAS e mais de 1300 feridas. O famoso político José Calvo Sotelo denunciara no Congresso que O PAÍS ESTAVA SENDO EMPURRADO PARA O COMUNISMO e pediu que o Governo restabelecesse a ordem. O GRANDE ORIENTE MAÇÔNICO, reunido em Genebra, decidiu que Sotelo deveria ser LIQUIDADO (Cf. Salvador Borrego. “Derrota Mundial”, p. 63). Francisco Franco, que viria a ser o grande entrave às pretensões judaico-bolchevistas em território espanhol, tinha se oposto até esse momento a levantes militares. Mas, agora, via a Espanha ameaçada por uma “DOENÇA ESTRANGEIRA”, trazida por agentes externos, COM QUASE DUAS DÉCADAS DE EXPERIÊNCIA EM TERROR E ASSASSINATOS BRUTAIS. Preveniu o Alto-Comando do Exército de que A IDEOLOGIA MARXISTA ERA UMA PRAGA QUE ATACAVA A CIVILIZAÇÃO E INTRODUZIA O BARBARISMO.

    https://comunismoassassino.wordpress.com/2009/11/07/guerra-civil-espanhola-o-massacre-dos-catolicos/

    Desde 1935, Franco estava ciente de que pelo menos 25% dos soldados e 20% dos graduados pertenciam aos partidos de esquerda e que, através de intensa panfletagem e distribuição de jornais nos corpos de tropa, procuravam aumentar o número de adeptos. Franco temia que, uma vez o Exército dividido ou neutralizado, não houvesse nada que impedisse a extrema-esquerda de tomar o poder, acarretando, assim, todos os horrores da Rússia de Lênin e Stálin (exatamente nessa época, agentes JUDAICOS-BOLCHEVISTAS, como será visto adiante, tentaram utilizar estratégia semelhante, a fim de minar as Forças Armadas e mais facilmente se assenhorarem do poder no Brasil). Observe-se que a esquerda espanhola tinha sido a primeira a VIOLENTAR A DEMOCRACÍA, dispondo-se a CONQUISTAR O PODER, NÃO PELO VOTO (vontade popular), MAS PELA FORÇA. Isso acabou criando um medo plenamente justificado no principal agrupamento democrático de direita – a Confederação Espanhola de Direitas Autônomas – CEDA, liderada por Gil Robles. O slogan desta facção partidária era: “A CEDA esmaga o marxismo ou o marxismo destruirá a Espanha”.

    Paul Preston (“The Coming of the Spanish Civil War, p. 15) registra que os liderados de Gil Robles dispunham-se a enfrentar o marxismo, a maçonaria, o judaísmo sionista e o separatismo. Acreditavam piamente em que a vitória da esquerda significaria a repetição, na Espanha, das sangrentas purgas soviéticas, saque e depredação das empresas privadas, estatização da economia, estupro de mulheres e de tudo mais que acontecera e vinha acontecendo na União Soviética. QUANDO A ESQUERDA TOMOU POSSE DEPOIS DAS ELEIÇÕES, A MAIORIA DESSES RECEIOS SE CONFIRMOU. Em Orvieto, as PORTAS DA PRISÃO FORAM ABERTAS E A SOCIEDADE LOCAL SUBMETIDA A TODA SORTE IMAGINÁVEL DE VIOLÊNCIAS.

    http://2.bp.blogspot.com/-hHYeD3QRzrM/U7FbUmfDzcI/AAAAAAAAC9M/V-rtCZV6aAg/s1600/comunismo.jpg

    Embora os comunistas representassem apenas uma parcela dos 49% de votos obtidos pela esquerda, a influência destes foi notória. Eles haviam conseguido eleger apenas 17 deputados, incluindo Dolores Ibárruri – La Passionária, que segundo dizia, “teria cortado a garganta de um padre com os próprios dentes”. (In: Paul Johnson, “Tempos Modernos”, p. 272).

    A esquerda militante preparou verdadeiras “gangues de rua” através do Partido Obrero de Unificación Marxista (POUM) e estas lideraram a violência, praticando ASSASSINATOS SÁDICOS.

    https://pbs.twimg.com/media/BkZ_6UmCEAE9iza.png

    Em maio de 1936, com a invasão das fábricas pelos anarquistas e grevistas do POUM e a ocupação das grandes propriedades na Extremadura e Andaluzia pelos “camponeses sem terra”, a Guarda Civil foi confinada às casernas em rigorosa prontidão. A maior parte do Exército estava de licença o que dificultou a arregimentação de tropas. A 16 de junho (Cf. Paul Johnson, “Tempos Modernos”, p. 273), Robles, num último aviso, informou os parlamentares dos ultrajes e ATROCIDADES COMETIDAS PELOS COMUNISTAS: “160 igrejas queimadas; 269 assassinatos de políticos; 1.287 casos de agressão; 69 entidades civis destruídas; 113 greves gerais; 228 greves parciais; 10 sedes de jornais saqueadas”.

    https://ww2diario.blogspot.com.es/2011/03/el-fuhrer-sus-generales-el-comunismo.html

    A guerra civil estourou no dia 17 de julho, situando, de um lado, os nacionalistas, que postulavam pela vigência da legalidade democrática e pelo império da lei e da ordem, e, de outro, os republicanos, congregando a horda comunista. A Igreja Católica era o principal alvo do ódio dos republicanos

    http://ampost.com.br/wp-content/uploads/2016/06/aigrejaeaesquerda-692×390.jpg

    Bem antes do desenrolar desses terríveis acontecimentos, muitos autores denunciaram a trama diabólica urdida contra a humanidade, identificando o foco irradiador da conspiração. Como em várias dezenas de oportunidades anteriores, os artífices do PLANO MILENAR DE CONQUISTA DO MUNDO conseguiram calar a voz dos opositores, PASSANDO POR VÍTIMAS, por “bodes expiatórios”, transferindo para seus críticos a reprovação dos “inocentes úteis”, MANOBRADOS PELO PODER INCONTESTE DA MÍDIA. Nada foi capaz de evitar a guerra porque, DESDE O SUCESSO DA REVOLUÇÃO DE 1917, vitoriosa na Rússia, ideologicamente URDIDA E MATERIALMENTE CONCRETIZADA POR AGENTES JUDAICO-SIONISTAS, os artífices do BOLCHEVISMO SOVIÉTICO, maravilhados pelos resultados da utopia marxista-leninista-stalinista, estavam convictos de que o mundo inteiro, como em queda de pedras de dominó, seria, a curto prazo, tragado pela maré vermelha.

    http://2.bp.blogspot.com/-ftoZIV5NP4k/UZkXH6ywETI/AAAAAAAAA-o/RUFGT4icPFw/s400/che-comunismo-cem-milhoes-3.jpg

    O ÚNICO IMPEDIMENTO QUE SE ANTEPUNHA A ESTE OBJETIVO SURGIU EM 30 DE JANEIRO DE 1933, DATA EM QUE ADOLF HITLER FOI NOMEADO CHANCELER DO REICH ALEMÃO E, CONSEQUENTEMENTE, O NACIONAL SOCIALISMO – IDEOLOGIA OPOSTA AO MARXISMO E AO CAPITALISMO, SUBIU AO PODER NA ALEMANHA. https://quenosocultan.files.wordpress.com/2015/03/sven-hedin.jpg?w=645&h=389

    Fonte http://documents.tips/documents/sergio-oliveira-os-genocidas-do-seculo-xx.html

  • ulysses freire da paz jr diz: 14 de abril de 2017
  • ulysses freire da paz jr diz: 15 de abril de 2017

    http://www.schleckysilberstein.com/wp-content/uploads/2016/01/kohlspd.jpg Correção: o autor da citação supracitada é Helmut Kohl : “SEM CONHECER O PASSADO É IMPOSSÍVEL ENTENDER O PRESENTE, condição sine qua non, de tentar vislumbrar-se um futuro.

    “… Der springende Punkt ist hier, daß Hitler, im Gegensatz zu Churchill, Roosevelt und Stalin, keinen allgemeinen Kriegsausbruch 1939 wollte https://quenosocultan.wordpress.com/2014/06/14/adolf-hitler-hombre-de-paz/ “ O PONTO CULMINANTE AQUI É QUE, HITLER AO CONTRÁRIO DE CHURCHILL, ROOSEVELT E STALIN NÃO QUERIA INICIAR NENHUMA GUERRA GENERALIZADA EM 1939” https://quenosocultan.wordpress.com/2013/06/30/lo-que-el-mundo-rechazo-las-ofertas-de-paz-de-hitler-1933-1939/
    Prof. Dr. Harry Elmer Barnes in “Blasting of the historical Blackout”, Oxnard, California, 1962

    “… Obwohl eindeutig auf dokumentarischer Grundlage bewiesen worden ist, daß Hitler nicht verantwortlicher – wenn überhaupt verantwortlich – für den Krieg von 1939 gewesen ist als der Kaiser es 1914 war, stützte man sich nach 1945 in Deutschland auf das Verdikt der Deutschen Alleinschuld, das von der Wahrheit genauso weit entfernt liegt wie die Kriegsschuldklausel des Versailler Vertrages. – Das Kriegsschuldbewußtsein (nach 1945) stellt einen Fall von geradezu unbegreiflicher Selbstbezichtigungssucht ohnegleichen in der Geschichte der Menschheit dar. Ich jedenfalls kenne kein anderes Beispiel in der Geschichte dafür, daß ein Volk diese nahezu wahnwitzige Sucht zeigt, die dunklen Schatten der Schuld auf sich zu nehmen an einem politischen Verbrechen, das es nicht beging – es sei denn jenes Verbrechen, sich selbst die Schuld am Zweiten Weltkrieg aufzubürden …” APESAR DE TER SIDO FARTAMENTE DOCUMENTADO QUE HITLER NÃO FORA RESPONSÁVEL – CONSIDERANDO TODAS AS RESPONSABILIDADES – PELA GUERRA DE 1939 ASSIM COMO O IMPERADOR NÃO O FORA EM 1914, APÓS 1945 ESTABELECE-SE O VEREDITO DE QUE A ALEMANHA SOMENTE FORA RESPONSÁVEL, VERDADE ESTA, TÃO INVEROSSÍVEL QUANTO OS ARGUEMENTOS QUE EMBASAM O TRATADO DE VERSALHES. A CONSCIÊNCIA DE CULPA DA GUERRA (após 1945) ESTABELECE EXATAMENTE UM CASO DE AUTOINCRIMINAÇÃO SEM PARALELO NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE. EU NÃO CONHEÇO NENHUM OUTRO EXEMPLO HISTÓRICO EM QUE UMA NAÇÃO INSISTE DEMONSTRAR EM UM VÍCIO QUASE INSANO, AS SOMBRAS OBSCURAS DE UM CRIME POLÍTICO NÃO COMETIDO, AINDA MAIS, ATRIBUIR-SE A CULPA PELA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL
    Prof. Dr. Harry Elmer Barnes (Columbia University New York)

    … Wenn sich dieses Grunddogma nicht aufrechterhalten läßt, wird der Zweite Weltkrieg zum größten Verbrechen der Geschichte … das zur Hauptsache auf England, Frankreich und der Vereinigten Staaten lastet …” SE ESTE DOGMA CRUCIAL NÃO SE SUSTENTAR A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL TORNA-SE-Á O MAIOR CRIME DA HISTÓRIA … EM QUE A CAUSA PRINCIPAL PESA SOBRE OS EUA, INGLATERRA E FRANÇA.

    Prof. Harry Elmar Barnes (Barnes und Prof. Charles Beard gehörten in der 3. und 4. Dekade des 20. Jahrhunderts zu den angesehensten Historikern in den Vereinigten Staaten. Als sie aber die offizielle Version der US-Regierung zu Pearl Harbour ablehnten, denunzierte man sie als Irre, Deppen, Spinner usw. und entfernte sie aus dem offiziellen Lehrbetrieb) PROFESSOR BARNES E PROFESSOR BEARD FAZEM PARTE DE PROEMINENTES HISTORIADORES DOS EUA NAS DÉCADAS DE 30 E 40 DO SÉCULO XX. ENTRETANTO QUANDO RECUSARAM AS VERSÕES DO GOVERNO AMERICANO AO ATAQUE EM PEARL HARBOUR FORAM ACUSADOS DE INSANIDADE, AGITADORES, IDIOTAS etc… E AFASTADOS DO ENSINO OFICIAL.

    “… Hitler und das deutsche Volk haben den Krieg nicht gewollt. Wir haben auf die verschiedenen Beschwörungen Hitlers um Frieden nicht geantwortet. Nun müssen wir feststellen, daß er recht hatte. An Stelle einer Kooperation Deutschlands, die er uns angeboten hatte, steht die riesige imperialistische Macht der Sowjets. Ich fühle mich beschämt, jetzt sehen zu müssen, wie dieselben Ziele, die wir Hitler unterstellt haben, unter einem anderen Namen verfolgt werden …“ HITLER E O POVO ALEMÃO NÃO QUERIAM A GUERRA. NÓS NÃO RESPONDEMOS INÚMEROS APELOS DE HITLER À PAZ. HOJE, PRECISAMOS CONSTATAR QUE ELE TINHA RAZÃO. NO LUGAR DE UMA COOPERAÇÃO COM A ALEMANHA, PROPOSTA POR ELE, HÁ HOJE UM GIGANTESCO PODER IMPERIALISTA SOVIÉTICO. EU ME SINTO ENVERGONHADO, PRECISAR RECONHECER, COMO OS MESMOS OBJETIVOS ATRIBUIDOS A HITLER, FORAM VELADAMENTE PERSEGUIDOS.
    Sir Hartley Shawcross – der britische Generalankläger in Nürnberg (vgl. Shawcross “Stalins Schachzüge gegen Deutschland”, Graz, 1963) general britânico promotor em Nuremberg

    “… Wir machten aus Hitler ein Monstrum, einen Teufel. Deshalb konnten wir nach dem Krieg auch nicht mehr davon abrücken. Hatten wir doch die Massen gegen den Teufel persönlich mobilisiert. Also waren wir nach dem Krieg gezwungen, in diesem Teufelsszenario mitzuspielen. Wir hätten unmöglich unseren Menschen klarmachen können, daß der Krieg eigentlich nur eine wirtschaftliche Präventivmaßnahme war …“ NÓS TRANFORMAMOS HITLER EM UM MONSTRO, UM DEMÔNIO, POR ISSO NÃO PODIAMOS MAIS MUDAR ESSA VERSÃO APÓS A GUERRA. TINHAMOS MOBILIZADO A MASSA CONTRA O DIABO. ENTÃO FOMOS OBRIGADOS APÓS A GUERRA, A MANTER ESTE CENÁRIO DIABÓLICO. SERIA IMPOSSÍVEL ESCLARECER NOSSOS COLABORADORES QUE A GUERRA, EM VERDADE, FORA APENAS UMA MEDIDA ECONÔMICA PREVENTIVA.
    James Baker – US-Außenminister 1989 – 1992 (DER SPIEGEL 13 / 1992) MINISTRO RELAÇÕES EXTERIORES/revista Spiegel n°13/1992

    “… Sie müssen verstehen, dieser Krieg gilt nicht Hitler und dem Nationalsozialismus. Dieser Krieg wird wegen der Stärke des deutschen Volkes geführt, das ein für allemal zu Brei gemacht werden muß. Es spielt keine Rolle, ob die Deutschen sich in den Händen eines Hitler oder eines Jesuiten-Priesters befinden …“ VOCÊS PRECISAM ENTENDER QUE ESTA GUERRA NÃO É CONTRA HITLER OU CONTRA O NACIONAL SOCIALISMO ALEMÃO. ESTA GUERRA É DIRIGIDA CONTRA O POTENCIAL DO POVO ALEMÃO QUE DEVE SER DE UMA VEZ POR TODAS ANIQUILADA. TANTO FAZ SE OS ALEMÃES ESTEJAM NAS MÃOS DE HITLER OU DE UM PASTOR JESUÍTA…..

    Winston Churchill, britischer Kriegspremier-Minister (Emrys Hughes, Winston Churchill – His Career in War and Peace, Seite 145) pg. 145 do livro “Winston Churchill – His Career in War and Peace”

    Nur die Lüge braucht die Stütze der Staatsgewalt. Die Wahrheit steht von alleine aufrecht. Thomas Jefferson (3. amerikanischer Präsident, 1743-1826) SOMENTE A BALELA NECESSITA DE AMPARO GOVERNAMENTAL. A VERDADE SE SUSTENTA POR SI MESMA.

    Se a Alemanha pela graça divina trouxe grandes filósofos, poetas, músicos, ao longo de sua história, atingira também um Modus Vivendi, fundamentado na integração dos seres valorizando todas as competências e virtudes. Tal Modus Vivendi, todavia, afrontava e afronta o paradigma ururário, espoliador e escravagista imperante, razão pela qual, teve o mesmo destino que Jesus Cristo.

    Ein bekannter französicher Philosoph, Emile Boutroux, bewies philosophisch, warum die Deutschen Barbaren seien. Seine Argumentierung gipfelte in den Worten: ,, Sie sind Barbaren, weil sie höher zivilisiert sind.“ Seite 9 von https://deutschesreichforever.files.wordpress.com/2014/10/allard-paul-der-krieg-der-luege-wie-man-uns-das-hirn-vernebelte-1941-282-s-scan.pdf „Der Krieg der Lüge“ Wie man uns das Hirn vernebelte Paul Allard – Seite 9 von „Der Krieg der Lüge“ Wie man uns das Hirn vernebelte Paul Allard Um conhecido filósofo francês, Emile Boutrox, demonstrou filosoficamente, por que os alemães são bárbaros. Seus argumentos culminaram com as palavras: ,,ELES SÃO BÁRBAROS, PORQUE ELES SÃO UMA CIVILIZAÇÃO SUPERIOR ” pág.09 de:”A Guerra da Mentira” Como nos obscureceram o cérebro Paulo Allard

    Mais que destruição econômica e social a bestialidade e barbárie, https://www.darkmoon.me/2013/the-mass-murder-of-russian-christians-and-the-destruction-of-their-churches-by-lasha-darkmoon/ proficientemente comprovadas e narrada, consubstanciam coincidências, seja por trás do Bolchevismo http://inacreditavel.com.br/wp/a-lideranca-judaica-na-revolucao-bolchevique-e-e-inicio-do-regime-sovietico/ do Plano Morgentau http://osentinela-blog.blogspot.com.br/2014/09/o-plano-morgenthau.html + http://osentinela-blog.blogspot.com.br/2014/09/o-plano-morgenthau-um-genocidio-alemao.html + http://osentinela-blog.blogspot.com.br/2014/09/o-plano-morgenthau-um-genocidio-alemao_29.html da bestialidade ordenada por Ilya Ehrenburg, vide em 30:00 https://www.youtube.com/watch?v=He-fzrbWG98&t=107s seja nas ponderações de Benjamin Franklin http://debates.coches.net/showthread.php?48580-La-quot-profec%EDa-quot-de-Banjam%EDn-Franklin seja no livro de Henry Ford http://der-stuermer.com/spanish/el%20judio%20internacional.pdf ….. entre outras contumazes coincidências, inclusive na Biblia em João VIII XLIV https://www.bibliaonline.com.br/acf/jo/8

    https://lupocattivoblog.files.wordpress.com/2016/01/gen-patton-die-deutschen-sind-das-einzige-anstc3a4ndige-volk-in-europa.jpg?w=642
    EM VERDADE OS ALEMÃES SÃO O ÚNICO POVO EUROPEU DECENTE E HONESTO

    “Pressefreiheit ist die Freiheit von 200 reichen Leuten, ihre Meinung zu verbreiten.” Paul Lethe (Mitherausgeber der FAZ) LIBERDADE DE IMPRENSA É O DIREITO DE 200 BILIONÁRIOS PODEREM DISSEMINAR SUAS OPINIÕES.

    “In Deutschland gilt derjenige, der auf den Schmutz hinweist, für viel gefährlicher als derjenige, der den Schmutz macht.” NA ALEMANHA ATRIBUI-SE MAIS PERIGO A QUEM SE ACUSA DA SUJEIRA DO QUE A QUEM FAZ A SUJEIRA. Kurt Tucholsky 1890/1935 jornalista, satirista, poeta e escritor alemão.

    https://quenosocultan.wordpress.com/2016/04/20/adolf-hitler-un-paladin-para-toda-la-humanidad/

    “É tão natural destruir o que não se pode possuir, negar o que não se compreende, insultar o que se inveja.” Honoré de Balzac
    Fonte http://trutzgauer-bote.info/2016/01/09/zitate-von-adolf-hitler/

Envie seu Comentário