Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Presos nove criminosos que forneciam armas e veículos para facção que atua no Vale do Sinos

24 de março de 2017 0
Parte dos nove criminosos que fornecia armas e drogas para facção foi presa hoje no Vale do Sinos / Foto: Polícia Civil

Parte dos nove criminosos que fornecia armas e drogas para facção foi presa hoje no Vale do Sinos / Foto: Polícia Civil

Em uma operação policial deflagrada em dois momentos, nas madrugadas de quarta-feira (22) e desta sexta-feira (24), agentes da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de São Leopoldo prenderam nove criminosos que forneciam armas e drogas para uma facção que atua no Vale do Sinos. O grupo é apontado por ter se especializado em dar apoio logístico fornecendo armas e veículos.  Além disso, todos os detidos também têm envolvimento com o tráfico de drogas.

Cinco suspeitos foram presos há dois dias e outros quatro hoje nas cidades de São Leopoldo, Novo Hamburgo e Estância Velha. Entre eles, há um homem de Foz do Iguaçu, no Paraná, apontado por ser um dos líderes da quadrilha e que já havia sido preso em 2010 com 40 quilos de crack. Também foi detido outro homem que usa tornozeleira eletrônica e uma mulher que havia sido presa no mês passado em Santa Catarina com pistolas que seriam distribuídas para traficantes gaúchos, mas que voltou a atuar após ser liberada pela Justiça.

Entre os nove presos por fornecer armas e veículos para facção está um homem com tornozeleira / Foto: Cid Martins

Entre os nove presos por fornecer armas e veículos para facção está um homem com tornozeleira / Foto: Cid Martins

Apreensões

Na chamada “Operação Irmandade“, o delegado Rodrigo Zucco, responsável pela investigação, diz que foram apreendidos seis quilos de maconha, além de LSD e ecstasy. Também foram localizados dez veículos com os criminosos, sendo que sete eram roubados e clonados. Havia até mesmo um caminhão e todos foram avaliados em mais de R$ 1 milhão.

Começamos a investigar o roubo de veículos no Vale do Sinos e chegamos até esta quadrilha que fornece armas e veículos para uma facção que atua aqui na região. Mas o grupo também trafica, tanto é que uma mulher presa quarta estava com um carregamento de maconha“, ressalta Zucco.

O diretor da 3ª Delegacia Regional Metropolitana, delegado Rosalino Seara, diz que esta ação no Vale do Sinos é permanente e, em pouco menos de 30 dias, já prendeu 21 pessoas que tenham algum tipo de ligação ou que integram esta facção criminosa que atua nas cidades da região.

Outros cinco presos por fornecer armas e veículos para facção foram presos na quarta-feira / Foto: Polícia Civil

Outros cinco presos por fornecer armas e veículos para facção foram presos na quarta-feira / Foto: Polícia Civil

Envie seu Comentário