Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Polícia investiga dez suspeitos do latrocínio de coronel do Exército em Porto Alegre, mas crime segue sem autoria

14 de abril de 2017 0
Polícia investiga dez suspeitos do latrocínio de coronel do Exército em Porto Alegre / Foto: Divulgação

Polícia investiga dez suspeitos do latrocínio de coronel do Exército em Porto Alegre / Foto: Arquivo Pessoal

Quase dois meses depois, a polícia investigou dez suspeitos do latrocínio do coronel reformado do Exército Leo Edson Schwalb, 67 anos, ocorrido no bairro Partenon, zona Leste de Porto Alegre. No entanto, o crime ainda segue sem solução. O titular da 11ª Delegacia da Capital, delegado André Mocciaro, diz que está confrontando digital encontrada no carro da vítima, que era o alvo dos bandidos, e também estojos encontrados no local com algumas armas apreendidas de suspeitos do caso.

Mocciaro informou que não tem imagens de câmeras de segurança e o fato teve apenas uma testemunha que não lembra do rosto dos ladrões. A vítima estava em uma oficina mecânica da Rua Padre Caldas esperando o conserto da caminhonete quando quatro pessoas em um Fiesta cinza se aproximaram e realizaram o assalto. O veículo do coronel foi encontrado pela Brigada Militar no Bairro Jardim Carvalho, horas depois. Schwalb morreu na madrugada do dia 21 de fevereiro no HPS.

“Temos duas linhas de investigação e, apesar de dez suspeitos, alguns já presos, estamos trabalhando para confrontar com resultados periciais que estamos recebendo. É um trabalho demorado devido às poucas provas, mas estamos na linha certa e vamos conseguir prender os envolvidos”, ressalta Mocciaro.

Atualmente, a polícia procura mais uma testemunha que pode auxiliar na identificação dos quatro bandidos.

Latrocínio de coronel do Exército ocorreu em fevereiro no bairro Partenon, em Porto Alegre / Foto: Marina Pagno

Latrocínio de coronel do Exército ocorreu em fevereiro no bairro Partenon, em Porto Alegre / Foto: Marina Pagno

 

Envie seu Comentário