Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Mesmo após ação policial, integrante de quadrilha que roubava carros em Porto Alegre é preso ao voltar a agir

19 de abril de 2017 2
Divulgação/Polícia Civil

Divulgação/Polícia Civil

A polícia prendeu em Viamão mais um integrante da quadrilha que roubava mais de 10 carros por dia em Porto Alegre para depois clonar e revender para dez Estados brasileiros. A ação ocorreu quase 20 dias depois de deflagrada a Operação Macchina Nostra e no dia em que 29 integrantes do grupo foram indiciados pela Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic). Ao todo, há 25 presos e cinco foragidos.

O suspeito preso, com antecedentes criminais, não está na lista de indiciados no inquérito e por isso a investigação continua. Ele estava com um carro roubado e já clonado, além disso, atuava para um dos integrantes presos em março. O delegado Marco Guns diz que isso comprova o fato de que o grupo tentou se rearticular através de comparsas soltos.

Divulgação/Polícia Civil

Divulgação/Polícia Civil

“O suspeito estava auxiliando os outros presos na tentativa de se desfazer de carros roubados, bem como do patrimônio adquirido com o crime”, destaca Guns.

O homem preso em Viamão estava também com drogas, munição e várias placas de veículos. Ele foi autuado por receptação, adulteração de sinais identificadores de automóveis e posse de munição e de droga. A prisão ocorreu na terça-feira (18), mas só foi divulgada na manhã desta quarta-feira (19).

Divulgação/Polícia Civil

Divulgação/Polícia Civil

Indiciados 29 integrantes de quadrilha que roubava dez carros por dia em Porto Alegre

Conversas de WhatsApp mostram negociação de quadrilha

Desarticulada quadrilha que roubou mais de 1,5 mil de veículos e atuava no RS e mais 9 Estados

Comentários (2)

  • CLOVIS RRB diz: 19 de abril de 2017

    Qndo é que vão começar a matar essa vagabundagem. Prender não resolve pois ainda tenho que pagar pra umas tranqueiras dessas ficarem presos.
    Roubam o suor e o trabalho alheio e ainda debocham.
    Politicos e suas leis ordinárias e vagabundas tanto como eles.
    Amanha vão estar soltos com certeza com todos beneficios que a esquerdalha concede.
    Brasil País de M—-.

  • Sérgio diz: 28 de abril de 2017

    Quero saber é o que a policia faz com os carros e partes de carros apreendidos nas operações, só vejo, pelas reportagens, que são triturados, logo, acabando com todas evidencias que possam conter nesses materiais aprendidos. Tive meu carro roubado e desde então acompanho os noticiários, pesquiso em sites específicos consulto o alerta veículos e os depósitos do Detran, e até hoje nem um indicio do meu carro, já tive noticias de carros que estavam a quatro anos desaparecidos,porem já estavam a espera a dois anos num pátio do Detran, sem que ele aparecesse nas consultas por placas no site do mesmo.
    logo essa informação fornecida nos sites são verdadeiras?
    ai esta uma boa investigação a ser feita pela imprensa.

Envie seu Comentário