Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "tráfico de drogas"

Polícia faz operação para combater distribuição de drogas durante o Carnaval no Litoral Norte

03 de fevereiro de 2016 0

Por: Vitor Rosa

Operação no Litoral Norte apreendeu drogas sintéticas  - Foto: Polícia Civil / Divulgação

Operação no Litoral Norte apreendeu drogas sintéticas – Foto: Polícia Civil / Divulgação

O Departamento de Investigações do Narcotráfico (Denarc) desencadeou na manhã desta quarta-feira (3) uma operação para combater o tráfico de drogas durante o Carnaval nas praias do Litoral Norte gaúcho.  Foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão em Capão da Canoa e Terra de Areia. Três pessoas foram presas.

Conforme o delegado Thiago Lacerda, nove pessoas são investigadas e os mandados são cumpridos para identificar e prender suspeitos que poderiam utilizar a data festiva para distribuição de entorpecentes.

Foram apreendidas mais de 2 mil capsulas para produção de quetamina, matéria prima da droga, com substância capaz de produzir mais de 3 mil capsulas, além de outras drogas sintéticas.

Participaram da ofensiva 30 policiais do Denarc e do Grupamento de Operações Especiais da Polícia Civil.

Polícia combate tráfico de drogas e armas em operação no Litoral Norte

28 de janeiro de 2016 2
Até o momento, 4 pessoas foram presas na operação

Até o momento, 4 pessoas foram presas na operação / Foto: Polícia Civil

Por: Vitor Rosa

A Polícia Civil deflagrou, na manhã desta quinta-feira (28), uma operação que busca combater o tráfico de drogas, armas e homicídios em Torres e região. Foram cumpridos 20 mandados de busca e apreensão, além de oito pessoas presas, sendo cinco por mandados judiciais e três em flagrante por porte ilegal de armas e munição.

Ao todo, foram envolvidos pelo menos 85 policiais civis e militares, além de um helicóptero da Polícia Civil. Um dos mandados é cumprido em Passo de Torres, em Santa Catarina. Já foram apreendidas armas, carregadores, munição e dinheiro.

Prova de entrada na facção

As investigações iniciaram ainda em 2015. Conforme o delegado Celso Jaeger, a facção que a operação busca desarticular é responsável por diversos homicídios na região. Ele diz que, para entrar no grupo, os traficantes exigiam uma “prova de fogo” do iniciante. “Quem quisesse entrar, tinha que matar um rival do grupo, para mostrar respeito”, revela.

A ação dá sequência a uma operação que prendeu corretores de imóveis em janeiro deste ano, e que a investigação aponta que eram do mesmo grupo.

 


Saiba mais:

Operação combate quadrilhas que atuam no tráfico de drogas e homicídios no Litoral Norte

Polícia desarticula quadrilha de tráfico de drogas comandada por corretores de imóveis no litoral do RS e de SC

Operação combate quadrilha especializada em tráfico de drogas e roubos no Litoral Norte

Preso traficante que fornecia drogas para apenado revender em casa prisional de Porto Alegre

22 de dezembro de 2015 2
Suspeito preso no Morro Santana revendia drogas para apenado do albergue Pio Buck / Foto: Polícia Civil

Suspeito preso no Morro Santana revendia drogas para apenado do albergue Pio Buck / Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil prendeu na manhã desta terça-feira (22) um traficante que fornecia drogas para um apenado revender no albergue Pio Buck, na Capital. A ação foi coordenada pelo delegado Omar Abud, da 22ª Delegacia. Segundo ele, o suspeito foi preso em flagrante no Morro Santana, zona leste da cidade, no momento em que os agentes cumpriam seis mandados de busca e apreensão.

O traficante vendia maconha, cocaína e crack para um detento do regime semiaberto. Este, depois, revendia para outros apenados do albergue, que também fica na zona leste. Abud repassou todas as informações para a Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) pelo fato de que o detento segue na mesma casa prisional. A investigação ainda se estende para o tráfico de drogas no bairro Rubem Berta, para dois homicídios vinculados à venda de entorpecentes e para um assalto a loja de celulares no Centro.

 

Desarticulada quadrilha que usava camisetas da polícia para assaltar e extorquir rivais no Vale do Sinos

21 de dezembro de 2015 1

Por: Vitor Rosa

Camisas era da polícia e do Denarc

Camisas eram da polícia e do Denarc – Foto: Polícia Civil

Uma operação policial no Vale do Sinos, na manhã desta segunda-feira (21), prendeu oito homens suspeitos de integrarem uma quadrilha de traficantes que usava camisetas da Polícia Civil e do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) para extorquir rivais. Além disso, eles também cometiam assaltos e roubo de veículos com as vestimentas na região.

Foram localizadas dez camisetas da Polícia Civil, sendo cinco do Denarc. O delegado Rodrigo Zucco afirma que o objetivo do uso das vestimentas policiais era ter vantagem na dominação de pontos. “Com as camisas, eles conseguiam afastar os rivais, dominar novos pontos e também assustá-los”, conta.

Além disso, a Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos do Vale do Sinos apreendeu oito veículos roubados e clonados na região, que tinham como destino a venda em Foz do Iguaçu e depois seriam encaminhados para países vizinhos. Drogas como maconha, cocaína e crack foram apreendidas.

Entre os veículos encontrados, está um caminhão avaliado em R$ 170 mil. Duas pistolas 9 milímetro e uma espingarda calibre 12 também foram apreendidas.

Polícia desarticula ponto de tráfico que funcionava 24 horas em Alvorada

15 de dezembro de 2015 0
Fotos: Cid Martins / Gaúcha

Fotos: Cid Martins / Gaúcha

* Por Cid Martins

Uma grande operação policial foi desencadeada na manhã desta terça-feira (15) em Alvorada, na Região Metropolitana, para combater homicídios e tráfico de drogas. Cerca de 250 policiais cumpriram mais de 70 mandados judiciais nos bairros, sendo 21 de prisão preventiva. Até o momento, 15pessoas foram presas e uma mulher, um dos alvos, foi encontrada morta.

Os agentes desarticularam venda de entorpecentes que funcionava 24 horas por dia no Bairro Nova Americano e procuram detento que colocaria tornozeleira na quinta-feira (17). Ele é responsável pela venda de drogas no Bairro Intersul. Armas, drogas, dinheiro, veículos, rádios comunicadores e câmeras de vigilância foram apreendidos.

Líder usaria tornozeleira

A ação de hoje é a junção de duas investigações. Uma delas é da Delegacia de Homicídios que investiga cinco mortes, sendo que um caso é referente a um triplo assassinato. A quadrilha é comandada por um apenado que saiu da Penitenciária Modulada de Charqueadas dia 4 deste mês. Hector Wilson de Oliveira Luciano obteve progressão de regime e na próxima quinta-feira colocaria tornozeleira eletrônica. Ele foi preso por tentativa de homicídio de um PM, anteriormente. Na ação de hoje, ele não foi localizado.

Em nove meses de investigação, o delegado Cassiano Cabral diz que o grupo lavou dinheiro comprando veículos em nome de laranjas. Foram gastos pelo menos R$ 186 mil. Ainda na madrugada de hoje, a quadrilha estava negociando cocaína. São todos crimes relacionados ao tráfico de entorpecentes e que ocorreram no Bairro Intersul, no entanto, serão apurados também crime organizado e lavagem de dinheiro.

Tráfico 24 horas

A outra ação é da 3ª delegacia da cidade, que está atrás de uma quadrilha de traficantes há vários meses. O grupo age no Bairro Nova Americano e vendia drogas 24 horas por dia em um beco da região. O local já teve, em seis meses de investigação, 22 prisões em flagrante. Hoje, o trecho foi alvo de 22 cumprimentos de mandados judiciais.

Segundo a polícia, o grupo já ordenou execuções de rivais e de outros desafetos na região. Os traficantes têm uma peculiaridade, ao contrário do que ocorre em muitos lugares, eles agem sozinhos, sem ligação com facções criminosas. Em relação aos presos, quatro suspeitos da mesma família foram detidos.

Denarc prende mulher que comandava ponto de venda de drogas em Alvorada

12 de dezembro de 2015 0

Agentes da 4ª Delegacia do Departamento de Investigações do Narcotráfico (Denarc) prenderam uma mulher que comandava ponto de venda de drogas em Alvorada. Em uma ação que começou na noite de sexta-feira (11), a polícia cumpriu mandado de busca e apreensão na residência da suspeita, no bairro Jardim Aparecida.

No local, foram encontradas diversas porções de maconha, crack e de cocaína, todas já preparadas para a venda. A mulher investigada, que não teve o nome divulgado, foi presa em flagrante e conduzida ao sistema prisional. A ação foi coordenada pelo delegado Maurício Barison.

Maconha, crack e cocaína foram apreendidos em residência no bairro Jardim Aparecida / Foto: Polícia Civil

Maconha, crack e cocaína foram apreendidos em residência no bairro Jardim Aparecida / Foto: Polícia Civil

Após furto de armas em delegacia, Polícia faz operação em Triunfo contra tráfico e homicídios

11 de dezembro de 2015 0

Foto: Cid Martins / Rádio Gaúcha

Há quase dois meses, criminosos invadiram a delegacia de polícia de Triunfo e levaram pelo menos cinco armas do local. Um inquérito foi instaurado para apurar o caso e descobriu-se o envolvimento de traficantes de drogas. O resultando do trabalho ocorre na manhã desta sexta-feira (11) com a realização de uma operação policial. Cerca de 200 agentes em 60 viaturas fecharam os principais pontos da cidade.

Foram cumpridos 40 mandados judiciais, sendo 37 de busca e apreensão e três de prisão. Ao menos 17 pessoas já foram presas na operação, entre elas, um advogado detido em flagrante. Além disso, dois veículos e seis armas foram apreendidas. Foram encontradas ainda, drogas enterradas em um terreno baldio e R$ 6 mil em dinheiro.   Durante a investigação de quase 60 dias, outros três suspeitos foram presos e duas armas recuperadas.

Outro objetivo é conter o avanço da venda de entorpecentes e o poderio de fogo dos traficantes, bem como o consequente aumento do número de homicídios. Em todo o ano passado, foram seis assassinatos na cidade. Somente até setembro de 2015, conforme dados da Secretaria de Segurança, ocorreram cinco mortes.

“Um dos objetivos do trabalho de hoje é dar uma resposta à ousadia que os bandidos estão tendo aqui no município”, diz o delegado Luís Firmino, de Triunfo.

“Da nossa parte, em apoio à investigação, temos como meta romper o avanço do tráfico de drogas em uma das regiões mais importantes economicamente do estado”, ressalta o delegado Mário Souza, do Departamento de Investigações do Narcotráfico (Denarc).

A operação foi chamada de Revolução por dois motivos: como forma de ruptura de um sistema criminoso que estava sendo montado pelos traficantes em Triunfo e também pelo fato de que Bento Gonçalves nasceu no município.

cid1

Foto: Cid Martins/ Rádio Gaúcha

Saiba mais:

Bandidos arrombam delegacia de polícia e levam armas em Triunfo.

Preso o último dos irmãos que comandavam quadrilha de tráfico de drogas na zona Sul da Capital

09 de dezembro de 2015 3
Suspeito e companheira foram presos no bairro Belém Novo / Foto: Polícia Civil

Suspeito e companheira foram presos no bairro Belém Novo / Foto: Polícia Civil

Agentes da 7ª Delegacia prenderam na tarde desta quarta-feira (9) o último dos irmãos que comandavam o tráfico de drogas na zona Sul da Capital. Claiton Viegas Alves, junto com sua companheira, foi preso no bairro Belém Novo. Os dois estavam escondidos na casa da irmã do suspeito. Com esta prisão, a polícia conseguiu prender quatro irmãos da chamada gangue dos “Mixirikas”. Ainda há integrantes foragidos e o grupo agia no extremo sul da cidade e também em Itapuã, em Viamão.

Outro dos irmãos foi preso na sexta-feira da semana passada e o restante em ações no mês de outubro. A quadrilha vendia pelo menos 100 kg de drogas por mês, era considerada violenta e está vinculada a vários homicídios. Os bandidos também são investigados por sequestros e assaltos a estabelecimentos comerciais. O chefe de investigação da 7ª delegacia, Luís Zottis, ressalta que a quadrilha ainda tem a característica de envolver familiares nos crimes. Por isso, o delegado Tiago Baldin destaca que o trabalho policial continua sobre este caso.

Saiba mais:

Preso líder da gangue de irmãos que comandava tráfico de drogas na zona sul da Capital.

Operação policial desarticula tráfico de drogas comandado por irmãos na zona sul de Porto Alegre.

Polícia prende terceiro irmão que comandava o tráfico de drogas em bairros da zona Sul da Capital.

Preso mais um dos quatro irmãos que comandavam o tráfico de drogas em bairros da zona Sul da Capital.

Preso traficante de armas que abastecia quadrilhas na Região Metropolitana

09 de dezembro de 2015 0
civil

Foto: Divulgação/ Polícia Civil

* Por Cid Martins

Em ação da 1ª Delegacia do Departamento de Investigações do Narcotráfico (Denarc), um traficante de armas foi preso na madrugada desta quarta-feira (9) em Cachoeirinha, na Região Metropolitana. Ele estava sendo investigado há 20 dias por abastecer quadrilhas que vendem drogas no município, em Gravataí e na zona norte de Porto Alegre.

Foram apreendidas três armas e munição, cerca de 80 projéteis, junto com o suspeito detido. São duas pistolas e um revólver calibres 765, 32 e 22. O traficante de armas tem 29 anos e o nome ainda não foi divulgado pela polícia. A prisão ocorreu no momento em que ele transportava o armamento para revender a outros criminosos.

O delegado Mário Souza diz que a investigação continua para saber como o homem preso hoje conseguia as armas. Também quer verificar se mais alguém atuava com o suspeito e tentar identificar os receptadores.

Com as três armas apreendidas hoje, o Denarc, em 20 anos de existência, atingiu o maior número de armamento apreendido em um único ano. Em 2015, até o momento, já são 187 armas recolhidas, entre elas nove fuzis, quatro submetralhadoras e uma metralhadora.

Apartamento é alugado por criminosos no Bairro Petrópolis para vender drogas

08 de dezembro de 2015 0
denarc

Foto: Divulgação / Polícia Civil

* Por Cid Martins 

Em uma ação realizada na madrugada desta terça-feira (8), policiais do Denarc e da Brigada Militar prenderam cinco traficantes que utilizavam um apartamento para vender drogas, no Bairro Petrópolis, na zona norte de Porto Alegre. As prisões ocorreram quando um carro transportando maconha foi abordado por policiais militares na esquina da Rua Felipe de Oliveira com a Rua Eça de Queiroz, local onde fica o prédio. Uma viatura da Brigada Militar estava monitorando o veículo, por considerá-lo suspeito.

No momento da aborgdagem, policiais civis – que estavam também no local investigando os suspeitos – se juntaram aos brigadianos e acabaram prendendo duas pessoas que estavam no carro, além de outros três que tentaram fugir pela janela do apartamento, que fica no andar térreo.

Segundo o delegado Thiago Lacerda, da 2ª Delegacia do Denarc, o imóvel havia sido alugado há pouco tempo pelos traficantes por ser considerado um local estratégico para a venda e o armazenamento de drogas. Lacerda destaca, ainda, que os criminosos tinham clientes específicos, somente da região, e apenas de classe média alta.

Eles vendiam basicamente maconha, LSD e Ecstasy. Foram apreendidos 8kg de maconha, diversos pontos de LSD e alguns comprimidos de Ecstasy.