Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Castigo para a dupla Va-vá

06 de junho de 2008 38

Está difícil superar a empatite

No primeiro ataque do Fortaleza, gol.

Desespero?

Não para o time de Silas, que mostra ter poder de recuperação ao longo da competição.

Méritos para Silas, que não queimou Egon e optou pela segurança de Ferdinando na ala.

A virada veio rápida, com participação efetiva dos dois atacantes. E de Jef Silva, cruzando, e com Marquinhos lançando, no primeiro gol.

E com Válber deixando a bola para Vandinho – a dupla Va-Vá – no segundo gol.

Tudo fruto de aproximação e entendimento entre as peças.

E o 3-5-2 não era “fake”, tipo diz que manda um esquema, mas usa um 3-6-1.

Egon fez a diferença

O problema são os detalhes. Quando Egon entrou, para fazer a diferença a favor, infelizmente, por falta de maturidade, fez a diferença, só que contra, sendo expulso.

O importante é não queimar o jovem jogador. Muita hora nessa calma.

Mas perder quatro pontos fora de casa (contra o Barueri foi a mesma coisa) vítima de expulsões infantis, aí é de repensar e ter uma conversa bem séria com o grupo.

Aí o time não resistiu à pressão, sofreu o empate. Empates seguidos que, na Série B, não são úteis e podem fazer muita falta mais adiante.

Postado por Marcos Castiel

Bookmark and Share

Comentários (38)

  • Franklin Botega diz: 6 de junho de 2008

    Excelente o resultado do avai, tirar pontos do fortaleza não é facil, o time deles esta bem montado, pena que a Empatite 4.0 o retorno mais uma vez tirou 3 pontinhos…o avai ta bem, vai subir pessoal…tomara q meu tigre siga o mesmo rumo…e 3 na A em 2009

  • Dimaris diz: 6 de junho de 2008

    Empatite (Hepatite) = Amarelão.

  • paulo joão bastos diz: 7 de junho de 2008

    Castiel, após ver o jogo e os alnaces de punição com cartões, e a aus~encia do memso critério pra com o time adversário, não dá pra pelo menois comentar algo sobre o árbitro? merce passar em branco? foi perfito isto é não foi notado?

  • Marcelo diz: 8 de junho de 2008

    Meu Deus. O Avaí é o time mais ROUBADO do país, fomos mil vezes mais assaltados em Fortaleza (Gol anulad, penalti não dado, cartoes para o Avaí nenhum para o Fortaleza, e uma expulsao ABSURDAMENTE MAU INTENCIONADA) e você tem a CORAGEM de no post do Criciúma falar do Juiz. Sem comentários Castiel, cada dia mais decepcionante.

  • FILLIPE GOMES diz: 9 de junho de 2008

    Você sabe o que é série A? Nunca ví, nem joguei, eu só faço secar… Penem, vocês são eternos coadjuvantes de série B, eu disso mero participantes… kkkkkkkkkkkkk… Mais um ano PENANDO!!! Sonhadores!!!

  • Felipe Silva diz: 7 de junho de 2008

    o hégon foi expulso INJUSTAMENTE. o juiz tava de palhaçada e o avaí teve um gol mal anulado.. EU QUERO É NOVIDADE.

  • Dimaris diz: 6 de junho de 2008

    Castiel, também vejo qualidades no Silas, aliás me agrada muito o trabalho dele. No fim do jogo ao ser perguntado se gostou do resultado ele foi enfático, disse NÃO, perdemos muitos gols. Gosto quando o técnico não fica satisfeito com empate (mesmo fora de casa) quando sabe que poderiam/deveriam ter ganho. Empate é bom qdo o time é inferior ao adversário ou qdo consegue se recuperar em um placar muito adverso. Prá terminar, me agradaria ter o Silas no Figueira.

  • Dimaris diz: 6 de junho de 2008

    Fran,o Avaí perdeu muitos gols.Pelo que me lembro 4. O gol perdido pelo Vélber foi algo que chega a ser absurdo.Dos 20 aos 30,mais ou menos,a defesa do Avaí falhou muito – imitou a defesa do Fortaleza no primeiro tempo.Aliás,tanto o primeiro gol do Avaí qto do Fortaleza surgiram de falhas das defesas(falhas fora da área na saída de bola).O segundo tempo foi melhor que o primeiro.Na minha avaliaçaõ o Avaí jogou melhor.O Avaí é um time rápido o Fortaleza é lento.Paulo Izidoro não viu a cor da bola

  • Fran diz: 6 de junho de 2008

    Castiel, não me respondesses, e o tal Abuda como está a situação? Quando é que joga? Precisamos de gols. Também tô contigo, gosto do trabalho do Silas. E continua invicto, só não pode entrar em campo e fazer gols, mas até milagre tá fazendo.

    Nota do editor: tava no banco. Por que não entrou? Fran, fico te devendo essa. Opção do Silas!

  • avaiano de coração diz: 7 de junho de 2008

    para a Fran ai o Abuda nao entro por causa da expulsao do hegon o silas falo na entrevista dpois do jogo ele iria tirar o marquinhos/valber pra por o abuda só q com a expulsao ele nao colocou o abuda

  • Dimaris diz: 6 de junho de 2008

    Amanhã o jogo Flamengo X Figueirense poderá ser visto pela internet. Vejam o link: http://www.sytershouse.110mb.com/agenda.htm

  • Alvinegro de Capoeiras diz: 6 de junho de 2008

    Castiel, porque a crônica esportiva da Capital não admite que o Silas errou muito hoje no jogo do time dele contra o Fortaleza? Nunca vi um técnico ser tão protegido. http://alvinegrodecapoeiras.blogspot.com

    Nota do editor: não vimos o mesmo jogo

  • paulinho melo diz: 6 de junho de 2008

    castiel….tem q colocar um post da convocacao do filipi,lateral do la coruña q era do figueira,hein…

    Nota do editor: com certeza, já falei com ele no celular, teremos matéria também no DC de segunda-feira, o garoto merece!

  • Ricardo diz: 7 de junho de 2008

    Uma vez Flamengo,preparem a sacola secadores.

  • avaiano de coração diz: 7 de junho de 2008

    engraçado né castiel no teu post tu não disse q o avai foi prejudicado no jogo e no post do criciuma tu criticando o juiz

  • Vinicius Bello diz: 7 de junho de 2008

    Arbitragem ABSURDA, pq vc não falou do gol mal anulado e do penalti não marcado, dos 5 cartões que o time do Avaí tomou e o Fortaleza não tomou nenhum, a expulsão, foi ridículo o juiz dar vermelho em um lance daquele, o Hegon entrou na bola, com um pouco de violencia talvez, lance pra falta, pra vermelho nunca… Avaí HUMILHOU o Fortaleza hj, merecia a vitória…

    nota do editor: Olha vinicius, não dá para encarnar em arbitragem neste momento, não vai por aí que, como se diz na gíria do futebol, “é caixão” 

  • Roberto Rodrigues diz: 7 de junho de 2008

    Dimaris, o problema, na minha opinião, não é só do PFC. É geral. Não ouço o Galvão de maneira nenhuma pois é um “murista” e como o Faustão, tem voz de segunda-feira chuvosa.
    De um modo geral esses profissionais não se preparam. Não há criatividade. Por exemplo: instrumento de trabalho, contorcendo-se em dores, onde a coruja dorme, “gooooooolll”, passam de pai prá filho. Acho dispensável também esses comentaristas de arbitragem, que dão opinião após verem o replay. É estressante ouvi-los.

  • Reinaldo diz: 7 de junho de 2008

    Um jogo muito bom, com várias alternativas, e somos brindados com um post “econômico” e preguiçoso, incapaz de avançar para além da informação de que o jogo terminou em empate. Confirma-se que o blogueiro está se esmerando em sua nova cartada jornalística: a análise patológica do futebol. E tem outra grande vantagem: a claque adora! E copia! Inclusive com alguns requintes… Realmente, o “chat do Castiel” continua o mesmo. É melhor o JB Telles se cuidar: tem gente querendo o seu emprego.

    Nota do editor: aceito críticas, absorvo o que me faz crescer, mesmo que doa no íntimo ver seu trabalho desqualificado. Agora, por favor, o que nunca você vai ver aqui é preguiça. Esta, talvez, tenha sido a maior ofensa que já recebi no blog, ser chamado de preguiçoso.  

  • Alvinegro de Capoeiras diz: 6 de junho de 2008

    Tirar o Gaguinho pra colocar o Odair? Pra que levar o Abunda, então? Mas não sou torcedor do time do mangue, portanto quanto mais o time do Carianos se der mal, melhor… Quando o Gallo fazia uma dessas faltava espaço nos jornais do dia seguinte para colocar tanta crítica pra ele. Mas, como as coisas são pelo lado do time do mangue, tudo nada mais é do que natural e acaso.
    http://alvinegrodecapoeiras.blogspot.com

  • Reinaldo diz: 7 de junho de 2008

    Você sabe que tem nexo, sim… Confio na sua inteligência. Embora não possa admitir, por razões profissionais. Mesmo em o Avaí estando na “série B”, seus torcedores não são de segunda categoria. A audiência dos avaianos (e seus resultados em termos econômicos) valem tanto quanto a de qualquer outro leitor/consumidor. Trate-os com mais cuidado.

  • Nelson diz: 7 de junho de 2008

    O empate sempre é um bom resultado especialmente contra grandes equipes como ABC, Santo André, Fortaleza… Que o Silas continue invicto na sua caminhada de empates. Quanto ao comentário do Carlos, Sábado, 07/06/2008 às 02h05min, aviso que este nao é o Campeonato Catarinense para jogar 11 contra 9 como o Avaí estava acostumado.

  • kauli diz: 7 de junho de 2008

    Só nos ultimos dez minutos de jogo o valber perdeu três gols incriveis em jogadas de contra-ataque, não pode. Mesmo com um a menos o Avaí sobrou. Méritos ao Silas que tá fazendo um trabalho pé no chão. Como disse a Dimaris, treinador tem que ser assim, não se contenta com um empate! Tá no caminho certo, podem ter certeza. Qto aos corneteiros.. abriu vaga na orquestra sinfonica, vão se matricular!

  • Renato Nomura diz: 7 de junho de 2008

    Eai galera.. Não sou avaiano, MAS AQUELE GOL PERDIDO DO VALBER FOI O LANCE QUE DEFINIU O JOGO!

  • Bruno Koerich diz: 7 de junho de 2008

    So faltou comentar o rigor do juiz na expulsao do Hegon e do lance do terceiro gol do Avai erroneamente anulado.

  • Fernando Amorim diz: 7 de junho de 2008

    Acho que não vimos o mesmo jogo Castiel. Não houve expulsão infantil alguma. Ocorreu um carrinho na bola, onde o jogador caiu e o árbitro mal intencionado expulsou direto. Olhe os cartões, o time do Fortaleza parava o Avaí sempre puxando pela camisa e não levou nem cartão amarelo. A defesa do Avaí levou vários cartões sem merecimento, culminando com a injusta expulsão. Vai ser difícil ganhar no nordeste com estas arbitragens contra o sul.

  • Reinaldo diz: 7 de junho de 2008

    Desculpe a ofensa (com “s”). Não foi por intenção. Pensei em escrever medíocre, mas achei muito forte. Pode ser, então, apenas um post “cansado” pela carga de trabalho às vezes insana de uma redação. Acho apenas que quanto maior se é, maiores responsabilidades se assume. O editor de esportes do maior jornal de Santa Catarina não tem o direito de desqualificar diuturnamente um dos principais clubes deste Estado com uma cobertura menor e “cansada”.

    Nota do editor: já corrigi o “ofensa”. Quanto à carga de trabalho, embora seja corrida e, muitas vezes desgastante, não foge da realidade de todas as profissões. O meu trabalho é feito com carinho, vontade, tesão e não foi diferente neste post, que você não gostou – respeito e procurarei melhorar sempre. Agora, “desqualificar dioturnamente” é obra de sua interpretação, a qual reputo parcial e sem nexo neste caso.

  • Peodro Paulo diz: 6 de junho de 2008

    Nossa, mas esse time do avai é uma maquina, vejam só, empatou com o Fortaleza….lá em Fortaleza, meu deus…..que timão, deveremos estar em tóquio em 2010. Um clube com toda esta estrutura né….bah….chego a me arrepiar…

  • Dimaris diz: 7 de junho de 2008

    Galera avaiana, o juiz teve seus erros mas não vão querer agora colocar a culpa na arbitragem. Cobrem, e muitos, dos seus atacantes. Perder gol como perderam é absurdo. Foi apenas a quinta rodada e se vocês já começarem a justicar, com erros de arbitragem, os erros do time aí será um repeteco do estadual.

  • Zecz diz: 9 de junho de 2008

    pqp, como aquele Valber perde gol… o resultado não foi ruim mas poderia ter sido bem melhor de novo. mais vale ganhar 1 empatar 1 e perder 2 do q empatar 4. mas ja foi pior. o time tem condições de crescer.

  • Eduardo diz: 6 de junho de 2008

    Ainda bem que temos parceiros da imprensa que não querem queimar o Silas. Realmente é um bom técnico e deve ser mantido no Avai até o final da série B independente dos resultados. O que falta no Avaí é finalizador!
    Depois ficamos chorando quando vemos o sucesso do Cuca,Dorival Junior, Adilson Batista entre tantos outros
    Abraços

  • Fran diz: 7 de junho de 2008

    Apesar de tudo, melhor “empatite” que “derrotite”. Mas estes preciosos 4 pontos já teriam nos deixado no alto da tabela. Estive olhando a classificação e está tudo embolado, com exceção do Corinthians. Aliás nos jogos de ontem foi um festival de empates, apenas o Gama que desancantou, vencendo sua primeira partida e fora de casa.

  • avaiano de coração diz: 6 de junho de 2008

    JUIZ CASEIRO = FRANGUASSO = INCOPETENCIA DE CERTOS JOGADORES isso é o resumo do jogo

  • Fran diz: 6 de junho de 2008

    Castiel, e mais um monte de gols perdidos. Acompanhando pela Internet, diz que foram gols feitos. Aí fica difícil, quando é que o Abuda vai jogar? E estes empates tem tido sabor de derrota pois acontecem sempre no finalzinho quando o placar estava a nosso favor. E esses jogadores precisam estar mais controlados. É um festival de cartões amarelos e já dois vermelhos. E para quem diz que só ganhamos com o outro time com menos de 11, também empatamos com 10 em campo. Nem com um a menos, perdemos.

    Nota do editor: realmente, faltou dizer no texto. Válber errou um gol incrível, fora outros perdidos…tem que consertar isso…muuuuito treino de finalização neles!

  • Dimaris diz: 6 de junho de 2008

    Os profissionais que trabalham nas transmissões dos jogos pelo PFC deveriam se preparar melhor, tentar ao menos, conhecer os Clubes e times. Contra o Sport o locutor disse que verde e branco são as cores do Figueira. Hoje, Fortaleza e Avaí o locutor disse que o Avaí jogada com o seu uniforme tradicional, todos nós sabemos que o tradicional do Avaí é o uniforme com a camisa listrada (na vertical) em azul e branco. Durante todo o jogo ele chamou o Jeff Silva de Jefferson. É dose!!

  • Dimaris diz: 6 de junho de 2008

    Oh Castiel, tu esqueceste de falar que o Silas continua invicto.

    Nota do editor: sabe, Dimaris, vejo muita qualidade no Silas. Gosto mesmo. E olha que eu sou chato com técnico! 

  • Tadeu Kinze diz: 6 de junho de 2008

    A empatite (amarelite)acaba de passar da fase aguda para fase crônica. Os antigos recomendavam chá de picão e sabugueiro para provocar “suador”. Então mosquitada, sigam o conselho dos antigos. Entrem no picão e no sabugueiro urgentemente. huahuahuahihihi!!!

  • Marcos Castiel diz: 7 de junho de 2008

    Olha, não coloquei uma linhazinha sobre a arbitragem, uma falha, notada por vários blogueiros. Mas reforço que, realmente, o cara foi extremamente caseiro. Mas não dá para mascarar as chances de gol perdidas pelo Avaí, que resolveriam a parada

  • Carlos diz: 7 de junho de 2008

    MEU DEUS, QUE ROUBALHEIRA HISTÓRICA CASTIEL!!!!!

Envie seu Comentário