Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Qual o processo que vive o Figueirense? Desmanche, renovação ou reforço do grupo?

19 de dezembro de 2011 36

Bom dia amigos do blog. De volta após uma semaninha de férias, que será completada no segundo semestre.

A partir de hoje, aqui online, no DC e no TVCOM Esportes nas férias da moçada da TV, faremos a única coisa que é possível na pré-temporada: avaliações, projeções, balanços e informações de pré-temporada.

Como consolo, não falta assunto de bastidores e movimentação dos clubes.

Futebol com bola rolando que é bom, ainda não.

Para começar a semana, uma reflexão: o processo pelo qual passa o Figueirense, como deve ser qualificado? Desmanche? Renovação natural do futebol brasileiro? Reforço programado?

Acho a palavra desmanche imprópria. Ela casa melhor com o que houve na Ressacada. Ali sim, desmontou-se um quadro, operou-se uma limpeza geral.

Agora, tratar como reforço programado, que é o discurso da direção alvinegra, acho forçado também. Afinal, são os principais nomes do time no ano que foram negociados. Juninho e Maicon renderão um dinheiro bom vindo de São Paulo e Paleiras. Nem e Bruno já foram. Cabeção e Carvalho devem sair.

Vejam, só “jogadores-certeza” e de difícil reposição. Difícil, mas não impossível. Gosto de Guilherme (ala), do Galo, e Luiz Fernando (meia), do Vila, indicados para chegar. Dos garotos, ficaremos de olho em Deretti e Pottker.

Quanto a Toró, este é aposta. Nunca se firmou. Não durou até agora como titular por onde passou. Só com Joel Santana rendeu bem no Flamengo.

Demorei, mas dou a resposta para minha indagação inicial do post. Não é desmanche, nem reforço do grupo. É um movimento (triste, mas real) de clubes do porte do Figueira e dos “grandes” catarinenses em relação aos quatro mercados mais forte do país, RJ e SP e MG e RS.

É um novo trabalho que começa. Não sabemos como monta seus times Branco. Não sabemos se as reposições serão à altura. Só sabemos que, para o Figueirense, o Estadual começa como laboratório para a Série A, diante do quadro que vemos de encerramento de ano. Isso até que as apresentações que ocorrem amanhã nos mostrem um novo panorama. Ou não.

Bookmark and Share

Comentários (36)

  • João Frederico H. Leite diz: 19 de dezembro de 2011

    Como alvinegro, tenho conciencia de que o que esta acontecendo é natural. O que me deixa chateado é a MENTIRADA do PAVÃO e sua TRUP, que pensam que estão tratando com torcedores BOBOS, os famosos 80%, nunca se sabe o que pertence ao clube, ou aos investidores, prevalece sempre o lucro de terceiros e o clube é sempre o ultimo a ser lembrado. Só pelo fato de o clube por em exposição jogadores desconhecidos, deve ser muito bem RECONPENSADO, o que não vem ocorrendo atualmente. Nada é melhor do que a VERDADE, chega de ENGANAÇAO.

  • djoni alvinegro diz: 19 de dezembro de 2011

    Quando você fala que não é desmanche eu tenho que discordar de você, se jogadores do mesmo nível chegassem para suprir a saida dos principais jogadores eu não adotaria a palavra desmanche.
    Veja bem, saem Juninho, Bruno, Maicon, Edson, Nem, Roger e vem quem? Toró?
    Como iremos disputar algo maior na história do clube?
    Sempre essa mesmice de manter-se na série A?
    Podiam fazer o mínimo de esforço para manter os jogadores importantes e qualificar ainda mais (veja exemplo dos outros clubes, mantém os bons e qualificam mais), mas aqui no Figueirense conseguem desqualificar totalmente! Fica dificil, não dá!

  • Nodu Mang diz: 19 de dezembro de 2011

    Já começaram os corneteiros e pessimistas.
    Eu prefiro a palavra renovação-forçada.
    Com o nosso modesto orçamento não temos como segurar jogadores.
    Os caras vem aqui, fazem propostas e simplesmente levam.
    No futebol impera a lei do mais forte .. em grana é claro.
    O Barcelona é o melhor time do planeta porque ali estão os melhores jogadores do mundo a peso de ouro.
    Eu estou botando fé na Diretoria Alvinegra que tem se mostrado muito competente quando se trata de descobrir e repor novos valores.

    Somente aos corneteiros:
    Imaginem se o FURACÃO estivesse na situação do mangue ou dos banguelos do mercados, ambos rebaixados?

  • Alemão diz: 19 de dezembro de 2011

    O problema é que colocam tudo nas costas da diretoria e empresários, mas esse papo de segurar jogador tem muito a ver com eles também.

    Imagina: você joga em um time como o Figueirense, que não figura entre os maiores do brasil, tem como principal objetivo um título estadual e entre no campeonato brasileiro para não cair, dependendo de uma grande surpresa para ter uma campanha razoável como foi essa última.
    Aí pinta uma oportunidade de ir para um time grande, que entra para disputar todos os títulos, e ainda ganhando mais. As vezes muito mais.
    Vais fazer o que? Ficar por amor a camisa? Alguém acredita em papai noel?

  • Stark diz: 19 de dezembro de 2011

    Eu acredito que rotular o processo não colabora muito. O Figueirense vem demonstrando nos últimos anos uma habilidade diferenciada em compor o seu elenco a cada temporada, apesar das adversidades para um clube de sua categoria. O Figueirense ainda é um clube de passagem, ou seja, o empresário traz o jogador e este quando consegue se destacar levam para outro clube, pois assim é o comércio de atletas no futebol. Eu acredito em planejamento e parece que o Figueirense tem afinidade com esse conceito. Diferentemente de outros clubes de mesma categoria.

  • Teylor Alvinegro diz: 19 de dezembro de 2011

    Olá Castija, bem vindo!!!
    Seguinte..considero que a situação não é um desmanche e sim uma ” RENOVAÇÃO DE BAIXO NÍVEL”..porque? Simples… saem Juninho e Bruno (melhor Lateral) e trazem uma aposta que é o Guilherme, e ainda falta repor uma lateral..para o meio perdemos Maicon e querem trazer este Luiz fernando (querendo se firmar) e talvéz o Rodriguinho( este sim é bom) , e ainda vem o Toró ( baixamos o nível). Na defesa perdemos Edson e podemos perder Roger e vem quem? uma aposta Fred do Juventude…
    No ataque W.Nem foi embora e NADA DE RENOVAÇÃO A ALTURA!!!
    Estou começando a ficar com uma pulguinha de preocupação atrás da orelha Castija.
    Ouvi a entrevista do Parceiro e do Lodetti, achei interessantes no ponto de afirmarem que o NÍVEL não cairá e só tende a melhorar em 2012…sei não heim´´é esperar para ver …
    Só pelo fato do Estadual SER UMA EXIGÊNCIA nossa temos que estar preparados e não fazer de Laboratório como falaram!!!
    Era isto..abraço

  • Fernando Avaiano diz: 19 de dezembro de 2011

    O Figueira está num processo de desmanche já que estão saindo Roger Carvalho, Edson Silva, Juninho, Bruno, Elias, Maiquel, Igor e Wellington Nem.

  • Fernando Avaiano diz: 19 de dezembro de 2011

    Engraçado foi ontem na TVCom o Marcos Aurélio dizer que não iria ter desmanche, é o engana tolo. Pra mim, os times estarão nivelados no Catarinão, ter mais dinheiro supostamente falando não significa que terá um time mais qualificado, o Avai esse ano gastou até o que não tinha, e fez um time de M. Eu as vezes fico tolo de determinados torcedores e imprensa falar em Caçapa que queria 80 mil, em Urso, em Lincoln, todos eles foram responsáveis pelo rebaixamento do leão, já foram tarde. Por mim vinha tudo novo. Realmente eu me agrado mais pelo time que o Avai está fazendo de operários e carregadores de piano, sinceramente para o futebol Catarinense o Mika e o Pirão são melhores do que Toró. Se levarmos em conta que saem do Figueira a zaga inteira e os marcadores do meio campo, o atacante principal, ficando apenas o Wilson, Fernandes (Reserva/meio tempo), Túlio (Reserva), Igor(????) e o Júlio César (?????), o resto tudo já foi embora. pra mim é desmanche. Aquele time que jogava junto a quase 3 anos está indo pra cucuia, pra mim o Catarinão está aberto entre Criciúma, Avai, Figueira, Jec e Chapecoense, nesta ordem. Quanto a dinheiro, por acaso foi computado os 19 milhões que a Sadia deu para o Criciúma, ou ninguém sabe disso? Pra mim, o tricolor do sul é o favoritíssimo ao título estadual, o leão corre por fora.

  • Mazinho Alvinegro diz: 19 de dezembro de 2011

    Bom dia, Castiel!
    Bom dia para a Imensa Nação Alvinegra e … apenas..
    Oi, para a turma do Purgatório.

    Segundo nossos dirigentes, a MÁQUINA Mod. 2012, virá mais atentada ainda.
    Na real, perdemos dois jogadores de impacto: Cabeção e Bruno.
    Os demais:
    W.NEM, será banquinho do Flor e olhe lá.
    JUNINHO, considero um jogador comum, sou mais o Helder.
    MAICON, o Figueira ganhou mais partidas quando ele estava auxente.
    Pentiador de bola, enceradeira, mascarado e nervosinho.

    No meu entender, com as contratações em andamento, o FURACÃO será renovado, com mais pegada, mais velocidade e com maior poder de decisão.

    Se segurem, catrevada da GENI e do Mercado!
    A naba vai pegar vocês ali na esquina … hehehe!!!

    Simbora , meu FURACÃO classe A

  • jorge diz: 19 de dezembro de 2011

    O Figueirense ainda se enquadra como clube que revela ou projeta jogadores (e também técnicos), sem que depois tenha condições de mantê-los. Não tenho dúvidas de que a intenção da direção seria a manutenção da base do elenco, só perdendo um ou outro jogador, mas as coisas saem do controle quando há jogadores sem vínculo com o clube, ou mesmo em razão da necessidade de fazer caixa (a manutenção do elenco com pagamento em dia tem seu preço, ainda mais que as verbas televisivas de hoje são diminutas, só aumentarão para 2012).
    Nessa linha, a vinda do Branco é compatível com a condição atual do Figueira (muito embora pense que seja realmente uma aposta, possível, pois será testada no Estadual), e resta torcer para que as contratações sejam suficientes para manter o nível do time.
    Mas não se pode deixar de reconhecer que tem havido evolução: os jogadores não saem em meio aos campeonatos, a não ser que interesse ao Clube, e o Figueirense tornou-se atrativo para os jogadores, pois além de pagar em dia, dá condições de buscar contratos maiores com times de maior tamanho (economicamente falando).
    Assim, é claro que o time foi desmontado, mas mantida a permanência de alguns (Wilson, João Paulo Goiano – era reserva mas tem bom nível – Pablo e Helder – bons laterais que terão oportunidade de mostrar serviço, Ygor (se ficar) e Túlio, Jonathas e Toró, Elias (se ficar), Fernandes, Pittoni, Júlio Cesar (se ficar), Aloisio e Heber, aos que se somam Ricardo, Gutti, Deretti e Potker), poderá permitir a formação de um bom time.
    Agora é torcer.

  • Fernando Avaiano diz: 19 de dezembro de 2011

    A propósito, deu para entender porque o Santos perdeu para o Figueira, que time ruinzinho. Meu Deus, o futebol na América Latina realmente está pequenininho, que porrada o Barça deu. E depois o mais ridiculo de tudo, o Neimar foi humildade em reconhecer a superioridade do Barça. Que é isso, vai dizer o que, tomou um olê sem tamanho, um sacode aiai e ainda tem a coragem de dizer que foi vice, vice porque não estava o Real Madri, o Manchester, o Universidad do Chile, Milan, etc, e etc.

  • Valter Ferreira diz: 19 de dezembro de 2011

    Caro Castiel, no programa da CBN/TVCOM das 13horas na última sexta-feira, o presidente do Figueira e o parceiro, onde deram um verdadeiro show de grossura, afirmaram que os jogadores que virão serão iguais ou melhores dos que estão saindo. Ora, os jogadores estão saindo, acredito eu, deve ser porque receberam propostas melhores. O Figueira vai conseguir jogadores melhores que os atuais com salários menores?
    O Sr. João Frederico em comentário anterior ao meu está coberto de razão.

  • Carlos Cojeka diz: 19 de dezembro de 2011

    Desmanche puro. Mudaram até o patrocinador: sai SEDEX, entra OMO: deixa tudo mais BRANCO.

  • A A A Alvinegro diz: 19 de dezembro de 2011

    Bom, o elenco do Figueirense que subiu para a série A, foi sem dúvida uma dos mais qualificados dos últimos anos, porém. não se mostru um elenco vencedor, não ganhou nenhum estadual, e na hora de firmar a bela campanha no brasileiro acabou vacilando e não conseguindo.
    Para se ter uma idéia até vitórias em clássicos tem sido escassas, apenas uma 0X1 na ressacada em 03 de abril deste ano.

    Portanto fica a tristeza e apreensão por perder tão qualificados jogadores, mas fica a experança pela montagem de um grupo mais vencedor.

    Um Abraço e força Figueira!!!!!!

  • Furacão Malino diz: 19 de dezembro de 2011

    Se o negócio é maximizar o lucro vou tratar essa turma que se apoderou do Figueirense como devem ser tratados. Amanhã vou na Secretaria pedir baixa do quadro associativo e retorno somente em Abril se a mentalidade mudar.

    Fui!

  • Fernando Luiz Vieira diz: 19 de dezembro de 2011

    BOM DIA. PARECE-ME QUE O FIGUEIRENSE ESTAVA NO CAMINHO CORRETO. TIVEMOS NESTE ANO A BASE DO TIME COM JOGADORES QUE ESTAVAM A TRÊS TEMPORADAS JOGANDO JUNTOS. HOUVERAM SAÍDAS DE ALGUNS TITULARES MAS OS QUE ESTAVAM NA RESERVA ASSUMIRAM E DERAM CONTA DO SERVIÇO, INDO INCLUSIVE ALÉM. PARA A PRÓXIMA TEMPORADA TEREMOS UM OUTRO TIME, TORÇAMOS PARA QUE TENHAMOS VALORES QUE SE MOTIVEM E CONSIGAM MANTER-NOS POR MAIS UM ANO NA SÉRIE A E SE DESENVOLVA NOVAMENTE OUTRA EQUIPE MANTENDO-OS NO TIME. AVANTE FIGUEIRA.

  • Marco diz: 19 de dezembro de 2011

    Realmente, é triste ver a saída simultânea de tantos jogadores. Mas, não há como mantê-los, pois todos querem ir para vitrines e receber salários maiores. Os considerados grandes clubes também perdem jogadores até para a Turquia e Urbequistão. Mas, vamos confiar que os novos contratados também consigam se destacar, pois quem conhecia Bruno, Roger Carvalho, Edson, Juninho, Maicon, Júlio Cesar, Welington Nem antes de virem para cá?
    Vai demorar para engrenar, pois perde-se aquele toque de bola adquirido com a longa convivência e seguidos treinamentos.

  • marco diz: 19 de dezembro de 2011

    Olha amigo, depois da langa que o futebol brasileiro levou ontem, devemos repensar um pouco em como manter a estrutura de um clube.

  • FERNANDO LUIZ VIEIRA diz: 19 de dezembro de 2011

    pessoal conclamo que os torcedores do figueira acessem o site do globo esporte e votem no “torcidômetro” para que tenhamos melhor posição que a atual. no momento passamos dos 6000 votos e estamos abaixo do santa cruz, na época que estivemos lutando pela vaga na libertadores chegamos a estar com mais de 300 votos acima do mesmo. o time de santa catarina estão abaixo dos nossos números. avante figueira.

  • Bah diz: 19 de dezembro de 2011

    Sou figueira e o post é sobre o figueira, mas não dá pra não falar sobre o assombro que é o time do barça….meu Deus que futebol é aquele? como disse o comentarista da sportv, é um time de outro planeta……o time do santos é mto bom sim e foi humilhado pelo barcelona…peço aos dirigentes que avaliem nosso futebol…pq o futebol brasileiro ficou pequenininho diante do espanhol e outros……mano menezes com a nossa seleção? hahahaha…..FIASCO….nossos clubes junto com nosso futebol está decadente…já fomos o país do futebol….agora somos o da corrupção…por isso os estádios estão cada vez mais vazios…viva o barça…viva o bom futebol….

  • glaiton santos diz: 19 de dezembro de 2011

    Fato, Figueirense e nunhum outro time catarinense tem condições de pagar 100 mil a jogador, só o metido time do mangue que andou pagando pro Pakita, então fica dificil segurar, o negócio é saber contratar na hora certa, isso o Figueira Faz Bem, Feliz 2012.

  • Gilson Pereira Figueirense diz: 19 de dezembro de 2011

    => O 1º campeão da Sulamericana em 1995 está numa situação normal;;
    => Fim de ano, os melhores jogadores vão para times do sudeste;;
    => da mesma forma que os melhores jpgadores da série B, C e D vão ser contratados por clubes do patamar do Campeão internacional Figueirense.
    => O que não se admite é a má administração de fazer desmanche de grupo no meio do ano, igual o Hawai fez esse ano.

  • Mazinho Alvinegro diz: 19 de dezembro de 2011

    O Universidad do Chile copiou o sistema tático do Barcelona e já colheu frutos. humilhou o Flamerda, o Vascu-da-lama, a LDU e levantou o caneco da Sulamericana.

  • ZORRO diz: 19 de dezembro de 2011

    A máquina de 2011 foi legal, deixou a desejar um pouco na reta final, mas aí, já se sabia (preservando) q já existiam as negociações, no mínimo indagações futuras, qto a máquina 2012 estou aguardando, aliás é o q todos deveriam fazer, aguardar, ver p/ crer e aí sim, produzir ou tecer comentários, pois à exemplo disso foi um jogador chamado W Nem,
    q passou no início maior parte no banco, nem apresentado foi, todos ñ davam nada por ele, inclusive eu, e olha confesso q/ p/ mim foi uma grata surpresa, um dos melhores do grupo.
    Hei, ñ deixem a máquina engrenar, porque se a máquina engrenar o pau pega e ñ alivia HÁHÁHÁHÁ!!!!
    “Figueira, paixão p/ toda a vida”

  • Bruno diz: 19 de dezembro de 2011

    É claro que é um desmanche, mas seguido de renovação. Saíram os melhores,e agora apareceram novos jogadores. Espero que venham jogadores parecidos ou melhores com os que saíram, embora não acredite nisso. Mas vamos ver no que vai dar.

  • Alex O ANALISTA diz: 19 de dezembro de 2011

    Caro Castija! Os jogadores do Figueirense acabaram o ano SUPER VALORIZADOS. Infelizmente no futebol é assim, times “grandes” do Brasil, negociam jogadores com o exterior e buscam repor as “peças” buscando os destaques do brasileirão. Mas não sejamos pessimistas, muitos que chegaram no começo do ano no Figueirense eram considerados “apostas” e ao final do ano, alguns viraram realidade, outros nem farão falta. O figueirense está “perdendo” a base, porém, do atual elenco, pode-se escalar o seguinte time: Wilson, Pablo, João Paulo Goiano, César (Fred), Hélder (Guilherme Santos), Ygor (Toró), Túlio (Jônatas), Pittoni (Luiz Fernando), Elias (Deretti), Aloísio (Héber) e Júlio César (Pottker). Um grande abraço.

  • Rodrigo Figueiredo diz: 19 de dezembro de 2011

    Considero a situação atual, normalíssima, os jogadores que encerraram seu contrato estão indo embora exceção Maicon, que como disse o Mazinho Alvinegro, não deixará saudades. É uma renovação natural, e a DIRETORIA está com muita moral queridos, deixem os homens trabalharem que eu acho que vem um time muito bom por aí.
    FIGUEIRA TE AMO COM FERVOR

  • djoni alvinegro diz: 19 de dezembro de 2011

    Ainda nesse contexto.
    Quem viu o jogo do Barcelona e acompanha o Barcelona, sabe que aquele time é fruto de um trabalho que vem desde a base, os jogadores são preparados para o time principal do Barcelona.
    Acho q na hora de montar um time, a palavra é manter, não mudar nada daquilo que vem dando certo e trabalhar para aperfeiçoar. O Márcio Goiano começou esse trabalho, deu padrão de jogo, os jogadores sabiam o que fazer dentro de campo, veio o Jorginho e acrescentou. Daí do nada, o trabalho de 2 anos corre o risco de ir pro lixo, por essa mentalidade de pensar a curto prazo.
    Eu me esforço pra acreditar que o trabalho feito até o momento vai ser continuado e aperfeiçoado, mas como? com esse desmanche?

  • Carlos Cojeka diz: 19 de dezembro de 2011

    Falando em desmanche, fica a pergunta: o cavalo paraguaio vai ficar? Pocotó, pocotó, pocotó.

  • Pita diz: 19 de dezembro de 2011

    Voce ve falar que o Barcelona no final de cada temporada esta negociando com os outros times, mais da metade do seu time titular?? nao nehh!!. E por que que o mundo falou nesse fim de semana que o o Barcelona eh um time de outro planeta??. A resposta esta no alto planejamento nas categorias de base do clube em manter a maioria dos jogadores desde juniors ate o profissional. Quantos jogadores que jogaram domingo sairam das categorias de base? Soh 9 jogadores !!! rss. Enquanto que ai no Brasil, soh se fala em ” mercado do futebol “. O problema eh que os dirigentes dos times brasileiros nao querem gastar muito com as categorias de base. Pagam salarios absurdos para jogadores que jogam soh uma temporada e depois se vao e os moleques que precisam de uma ajuda melhor na base, ficam haver navios. Para um time brasileiro chegar no nivel do Barcelona hoje, vai levar muito tempo. O negocio eh, ou comece agora antes que seja tarde se ja nao eh tarde !!!

  • Vou rir muito…!!! diz: 19 de dezembro de 2011

    Como disse um torcedor dos zebras alvinegros e verdes uns dias atrás… É O PREÇO DO SUCESSO…!!!
    Concordo em género, número e grau… só que… a seguir vem É A RAZÃO DO FRACASSO…!!!
    Vamos ser honestos? Todos os times de SC são pequenos, todos SEM EXCEÇÃO… aí vêm os tubarões e… créu… comem os peixinhos pequenos…!!!
    Já dizia Cabral… terra à vista… como diria Cabral agora se aportasse em Floripa… série B à vista… k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k,k…!!!
    Eu sou série B…!!! E você…!!! Quem não está lá, logo chega…!!!

  • O ANALISTA diz: 19 de dezembro de 2011

    Digamos que o Figueirense mantivesse mesmo elenco, mesmo técnico, não garanto que seria time para ser o Campeão Estadual. Sequer foi às finais de 2011. É um time que demostrou fragilidade em jogos no próprio território. Mesmo assim, nem vencer um Clássico contra um rival sem atacante conseguiu. Ou seja, se permanecesse como está, quem sabe até ir à final do Catarinense e novamente disputar o Brasileirão pra não cair… Quanto ao desmanche, pode-se considerar como tal, pois, além do grupo de jogadores, existe o fator entrosamento, herdado por Márcio Goiano. Desses jogadores que saíram, assino embaixo da declaração de Mazinho Alvinegro; a maior preocupação seria repor a posíção de Bruno e Edson. Ainda acrescentaria Roger Carvalho. E, pra finalizar, os técnicos brasileiros deveriam copiar a “mágica” de um Barcelona. Parecia futebol, de salão, toques RÁPIDOS e PRECISOS. E por que Maicon, por exemplo, não jogaria em meu time? Trabalha a bola, corre de um lado para o outro, custando a soltar a bola. Seria tempo suficiente para o time treinado por Guardiola atravessar o campo e chegar à meta adversária.

  • DaLagoa diz: 19 de dezembro de 2011

    Alguém aí falou em cavalo-paraguaio?
    Se vai ficar?
    Claro que vai ficar na B com tendências a cair pra C.
    Adivinhem que é?
    É o pangaré-lanterna …. shuashuashuas!!!!!

  • FURACÃO ALVINEGRO! diz: 19 de dezembro de 2011

    O nosso Figueirense fez uma boa campanha nesse ano. Ficamos o campeonato inteiro entre os 10 melhores times do Brasil, conquistamos a vaga na Sulamericana e quase entramos na Libertadores. Fomos o time sensação do campeonato. Os times do RJ e SP estão contratando os nossos jogadores. Fazer o que, o futebol hoje é dinheiro. O Figueirense tem um projeto e quando tiver dinheiro em caixa a coisa será diferente.

    Enquanto isso o time azul tem um jogador que tá louco prá que algum time o leve, mas parece que vai ficar no bvai mesmo. kkkkkkk

    O ano que vem vamos lutar prá sermos mais uma vez CAMPEÃO CATARINENSE e quem sabe campeão da Sulamericana. E vamos conseguir a tão almejada vaga na Libertadores.

    O time vai se formar aos poucos. Vamos dar crédito ao Branco e esperar que a Diretoria contrate bons jogadores. Jogadores que tenham compromisso com o time, que valorizem os seus salários e orgulhem a grande nação alvinegra.

    Avante Figueirense!

  • Renato diz: 19 de dezembro de 2011

    Quando vamos ganhar um título?

    Faz tempo… passa ano e nada! Nem estadual!!!

    Encheu o saco já!!!

  • Teylor Alvinegro diz: 20 de dezembro de 2011

    Olha que legal Castija, falei agora a pouco com o Fernandes no Beira Mar Shopping e segundo ele ja foi procurado pelo Figueira e podera renovar por um ano (preferia 2)..e nada desta balela de Ir para o Hawai é fato..até ficou surpreso que ainda rolava este Boato ridículo)…era isto..abraço!!!

Envie seu Comentário